Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Espírito move um balão até sua mãe no velório! Será?

E-farsas TV

Espírito move um balão até sua mãe no velório! Será?

Nesse vídeo, o E-farsas explica a verdade sobre o “fenômeno paranormal” que teria acontecido durante um velório de uma criança nas Filipinas!

O flagrante foi publicado no Facebook em novembro de 2015 e mostra um trecho do velório do pequeno Trebby que morreu aos 7 anos de idade e que, de acordo com muitas publicações por aí, resolveu confortar a mãe mesmo depois de morto!

Em certo momento, um balão branco sai de perto do caixão e vai na direção da mãe do garoto, fazendo carinho da mulher, que chora com a ultima homenagem do filho falecido!

Será que esse vídeo é real? Estaríamos diante de um evento genuinamente paranormal?

Para resolver mais esse mistério, Gilmar Lopes conta com a ajuda da ciência!

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Nesse episódio:

  • Veja como um vídeo publicado de trás pra frente pode enganar você;
  • Como um balão de festa pode grudar na sua roupa;
  • A eletricidade estática existe e é muito divertida;

E muito mais!

Assista ao nosso vídeo dessa semana clicando no Player abaixo aproveite para se inscrever no nosso canal:

 

Gilmar Lopes veste: Studio Geek

Links citados:

Continue lendo
24 Comentários

24 Comments

  1. Diogo

    28 de fevereiro de 2016 em 17:47

    “O flagrante foi publicado no Facebook em novembro de 2016 ”
    Eita! Novembro deste ano?? O velório que ainda vai acontecer? Oo
    Zueira.

    • Gilmar Lopes

      29 de fevereiro de 2016 em 8:32

      Informação corrigida! Valeu!

  2. Augusto Cesar

    1 de março de 2016 em 0:40

    Na explicação foi dado várias hipóteses, no qual a chances de acontecer todas de uma vez são mínimas. Ou seja , não foi muito convincente a teoria, existem muitas coisas na vida no qual não há explicações cientificas.

    • Gilmar Lopes

      1 de março de 2016 em 10:29

      Estou aguardando outras explicações que também sejam plausíveis! Inclusive, peço isso no vídeo!

      Até agora, não houve outra explicação.

  3. saulo

    1 de março de 2016 em 11:19

    Vocês removeram faixas de audio de vídeo, como a parte onde chamam pra ver o balão se movendo.

    • Gilmar Lopes

      1 de março de 2016 em 11:30

      Removi o áudio par não ter problemas com direitos autorais (já estou abusando em usar as imagens, né?)

  4. Eu™

    1 de março de 2016 em 13:41

    Gilmar, admito que não olhei o vídeo do post, mas peguei o vídeo “original” e converti pra rodar de trás pra frente, algumas ações dos presentes fazem mais sentido desta forma do que no vídeo original, mas ainda tem mais coisas aí pra explicar que não fazem sentido (ainda assim fazem mais sentido do que fantasmas, como sempre). Estou procurando e se tiver novidades, posto aqui.

    • Gilmar Lopes

      1 de março de 2016 em 14:51

      Valeu! O vídeo é muito curioso mesmo. Por isso pedi pros leitores sugerirem outras explicações. O ruim é que tem muita gente que prefere me xingar do que sugerir algo… é vida!

      • Eu™

        1 de março de 2016 em 15:03

        Claro, é muito mais fácil ofender do que pensar.

  5. Viuva de Naim

    2 de março de 2016 em 13:15

    Cada coisa que a gente vê nesse mundo

  6. Eliana Silveira

    3 de março de 2016 em 11:00

    Será que uma explicação, fora essas (furadas, não? Principalmente a do vídeo ao contrário fazer mais sentido!) como vcs tanto requisitam, não poderiam incluir efeitos como que se propõe, do espírito da criança estar tentando consolar a mãe? Só porque a Ciência não comprova? Será que a Ciência já alcançou todas as possibilidades?
    Bem, não estou defendendo a proposição desse vídeo, porém também não acho que dá para concluir-se que não seja verdadeira essa sugestão de ser um consolo à mãe!
    Que tal, com vídeos assim, vcs se absterem de levantar teorias que não são comprovadas? Creio que, da mesma forma, vcs refutariam qquer teoria que tentasse comprovar que é realmente o espírito da criança consolando a mãe, ou seja, neste caso não dá para provar nem uma coisa e nem a outra, mas tem que serem levadas em conta todas essas possibilidades, uma vez que nenhuma possa ser refutada!

  7. Eu™

    3 de março de 2016 em 12:09

    “não poderiam incluir efeitos como que se propõe, do espírito da criança estar tentando consolar a mãe”

    Não. Já já vc vai ver que o vídeo foi desmascarado e que no final não passou de hoax.

  8. Alvaro Junqueira

    3 de março de 2016 em 13:29

    Olha, Gilmar… pode ter sido muita coisa. Mas a hipótese de que o vídeo está ao contrário é ERRADA! Primeiro que tudo fica muito menos natural (apesar de vc dizer o contrário). Mas repare aos 2:44 (tempo deste vídeo). Vc já viu alguém enxugar as lágrimas desse jeito?? Ali fica CLARÍSSIMO que inverter o vídeo fica bizarro. O movimento das mãos da mãe ao enxugar o rosto só são naturais se o vídeo é visto da maneira como postado na internet.

    Na minha opinião, a estática influencia sim. Mas é o vento que começa o movimento do balão. Ao chegar perto da mãe, a estática aproxima o balão dela. Ai o fio se prende entre as costas dela e o banco. O ar continua forte, mas o fio fica preso. Por isso o balão fica batendo nela. Se fosse só a estática, apenas grudaria.

    Abs.

    • Gilmar Lopes

      3 de março de 2016 em 14:04

      Acho que eu apenas afirmei que muitas pessoas disseram que o vídeo poderia ter sido publicado de trás pra frente e que isso me parecia o mais natural, mas não disse que isso é uma verdade absoluta (aliás, lembro de ter dito no final do vídeo que estou esperando outras teorias que possam explicar melhor o “fenômeno”).
      Quanto ao balão ficar grudado, fiz testes com o Efarsinho e o balão não fica grudado por muito tempo (fiquei até meio desapontado com isso). Ou ele cai por causa da gravidade (no caso da bexiga que usamos no vídeo, cheia com ar dos nossos pulmões) ou ele sobe (no caso do balão de gás hélio).
      Note que em algumas vezes vários fios do cabelo da mãe levantam e ficam grudados no balão.

  9. Thom

    8 de março de 2016 em 11:27

    Usamos a ciência como base para argumentos porque o pensamento cientifico se baseia em experimentos e fatos prováveis. A ciência não afirma que o espiritual/Deus não existe. Como não consegue provar nem sua existência, nem sua não existência, é impossível, cientificamente, chegar a alguma conclusão. Pra quem acredita que pode ter sido o “espirito do menino” eu pergunto:

    Exceto pela sua crença individual, que fatos INDICAM que foi a presença de um espirito que provocou o fenômeno?

    Lembre-se. Esses fatos precisam indicar que O ESPIRITO DA CRIANÇA quem provocou o evento.

    Não consegue certo? Porque a crença individual não faz parte da ciência, assim como ciência não tenta julgar/explicar a crença pessoal. Um não precisa do outro e nem deveriam “competir”.

  10. Cacio

    17 de março de 2016 em 5:47

    Enxugar as lágrimas de baixo pra cima é a primeira vez que eu vi. E achou natural mesmo essa coordenação robótica da mãe ?

  11. Marcos

    1 de abril de 2016 em 0:30

    Essa tese do filme ao contrário, depois a explicação do ar condicionado q deveria … empurrar o balão ao contrário do q foi dito, é a coisa mais estúpida que eu já vi na minha vida. O vídeo está obviamente no sentido normal. Uma planta perceberia isso. O que aconteceu ali é um fenômeno em aberto cuja explicação mais plausível é o ae condicionado empurrando, mas dada a escassez de dados se vcs tivessem o mínimo de noção do que significa ciência vcs nunca diriam esses slogans ridículos e afirmações estapafúrdias como “o sobrenatural não existe”. Isso nem faz sentido lógico. Um cientista de vddabrem TODAS as alternativas em aberto e seleciona as mais verossímeis. Vcs na vdd me deram fortes indícios de que realmente uma alma levou esse balão pela sala,a julgar pela indigência dos argumentos apresentados. Pfv não falem em nome da ciência. Ela não merece isso. Grato.

  12. carllo

    9 de maio de 2016 em 14:46

    engraçado que tem mais baloes na sl acho mais obvio os outros baloes seguirem o mesmo fluxo de ar e da corrente estatica…

  13. Paulo

    10 de julho de 2016 em 11:05

    Algumas pessoas sentem uma enorme carência emocional e se apoiam em qualquer coisa que aparecer.
    Por que acreditar que um balão se mexendo é manifestação espiritual? Um espírito, se existisse, deveria mover um tijolo ou uma roupa em pleno ar. Aí, sim, seria um pouco mais convincente.

    Esses vídeos “sobrenaturais” nunca são aprovados por uma análise científica. Podem prestar atenção que esses vídeos são publicados por pessoas carentes e influenciáveis. Sem contar que muitas vezes os vídeos têm baixa resolução pra dificultar a análise.

  14. Sandra Isabela

    4 de agosto de 2016 em 11:11

    Oi Gilmar,

    Suas explicações no vídeo foram ótimas. É claro que não existe coisas deste tipo. E também o vídeo ficou muito mais natural quando foi colocado de trás para frente.

    Seu site é excelente!

  15. Caio César Jardim Pontes

    9 de setembro de 2016 em 18:02

    As explicações não foram convincentes… Eu acredito no paranormal, pois, algo além de nos existe. Mas isso é opinião e não se discuti, mas à muitos outros fatos que realmente é verdade oque vocês postam.
    Mas desse em específico sinceramente não estão claro

    Mas valeu pela opinião

  16. Karla

    5 de janeiro de 2017 em 4:51

    Ja vi muitos de seus videos onde são extremamentes esclarecedores, porem nao posso dizer o mesmo deste, ja q nele constam muitas hipoteses.não sou muito adepta do “achismo” ou “pode ser q….” por tanto desta vez ficarei mesmo com o sobrenatural.

    • Eu™

      5 de janeiro de 2017 em 11:39

      Claro, afinal é mais fácil do que PENSAR, né analfabeta?

  17. TATIANA

    10 de junho de 2017 em 15:06

    O vídeo ao contrário fica bizarro! Seria muito mais lógico dizer que uma corrente de ar levou o balão e a estática atraiu para a mãe. Pra mim o site perdeu toda a credibilidade. Desculpa aí. Simplesmente patética a explicação dada. Como disse uma pessoa acima, não fale em nome da ciência se não sabe de algo, ela não merece isso. Bjs de luz

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo