Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Menino de 3 anos reconhece seu assassino na vida passada!

Falso

Menino de 3 anos reconhece seu assassino na vida passada!

Será verdadeira a história de uma criança drusa que, aos 3 anos de idade, relembrou de sua vida passada, identificando seu próprio assassino?

A notícia foi bastante compartilhada na segunda semana de 2015, depois de ter sido publicada na versão brasileira do site de língua inglesa The Epoch Times. Segundo o texto, um menino de 3 anos de idade teria afirmado que havia sido assassinado com um machado em sua vida anterior e teria mostrado onde o assassino enterrou o corpo!

O fato teria ocorrido na região do Golan Heights, perto da fronteira da Síria e Israel e, tanto o esqueleto quanto o assassino e a arma do crime foram localizados pela criança, que parece ter se lembrado de sua vida anterior.

Seria essa uma prova definitiva da reencarnação? Será que essa história é verdadeira?

Menino de 3 anos diz se lembrar do assassino da sua vida anterior! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)

Menino de 3 anos diz se lembrar do assassino da sua vida anterior! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)

 

Verdadeira ou falsa?

A notícia foi publicada pelo Epoch Times no dia 06 de janeiro de 2015, mas ela é apenas uma versão traduzida e requentada de outra publicação do mesmo site (em inglês) de maio de 2014.

Não sabemos a razão do site ter revivido essa notícia, mas o fato dela não ser datada já levanta sérias dúvidas quanto à sua veracidade. Além disso, o artigo foi publicado na seção “Além da Ciência“, onde são feitas postagens de reportagens sem (quase) nenhuma confirmação. Fica a cargo do leitor acreditar ou não, conforme fica claro no trecho “Elas são reais? Você decide.” escrito no início do artigo.

Em maio, o Epoch citou como única referência do ocorrido o livro “Children Who Have Lived Before: Reincarnation Today” (em inglês, As crianças que viveram Antes: Reencarnação Hoje), do alemão Trutz Hardoterapeuta esotérico descrito no Wikipédia como “um anti-semita de extrema-direita que acredita que os judeus foram assassinados no Holocausto porque eram pecadores em uma vida passada”.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

livro_trudz_hardo

“Children Who Have Lived Before: Reincarnation Today”, de 2012.

O livro foi publicado em 2012 e narra mais de 30 casos de “provas” de reencarnação compilados pelo esotérico. É bom frisar que a maioria dos casos foram retirados de outros livros de diversos autores (essa postagem do Skeptic Report refuta vários “testemunhos” de um dos livros usados na compilação de Trutz Hardo) e coletados de testemunhos de alguém que conheceu alguém que ouviu falar. Ou seja, Trutz soube das histórias por terceiros, na base do “um amigo de um amigo me disse”, ou as leu em outros livros. Ele mesmo nunca esteve em contato direto com os personagens de seu livro!

Os comentários a respeito do livro na Amazon são, em sua maioria, críticas ao conteúdo do livro por ele ser apenas uma compilação de outras histórias já publicadas.

Em certo trecho de seu livro, Trutz ainda afirma, com toda certeza, que todos que haviam chegado até aquele ponto na leitura certamente já deveram acreditar em reencarnação! Em outras palavras, o esotérico força o leitor a acreditar em algo em que ele defende, mesmo tendo apenas ouvido falar…

Origem duvidosa da história

A história do menino que supostamente reconheceu seu assassino teria sido testemunhada pelo Dr. Eli Lasch, médico que faleceu em 2009! Dessa forma, fica bem difícil verificar a autenticidade do acontecimento que teria sido contado para Trutz Hardo há mais de 10 anos

Além disso, o menino (que não tem nome) seria da etnia drusa (o garotinho de pele clara que aparece na matéria é meramente ilustrativo), um povo cuja a cultura da existência da reencarnação é aceita como um fato. Essa crença pode ter fortalecido ainda mais o boato!

Conclusão

Cada um acredita no que quer, mas não há nenhuma prova científica de que a reencarnação exista de fato. A história publicada no Epoch Times é uma tradução de um artigo de 2014 sobre um livro de 2012 que narra um fato contado por um médico que morreu em 2009 e não pode ser comprovado!

Continue lendo
89 Comentários

89 Comments

  1. Obrigado.

    8 de janeiro de 2015 em 16:14

    O que seria uma prova científica de que a reencarnação exista de fato ? Poderia dar um exemplo (ainda que fictício)?

    • Gilmar Lopes

      8 de janeiro de 2015 em 16:20

      Não sei, mas com certeza uma prova científica de reencarnação não é um relato feito há mais de 10 anos sem nenhuma foto ou testemunho que tenha ocorrido! concorda?

      • Full

        8 de janeiro de 2015 em 22:58

        Ora bolas, quem tem que apresentar a prova é quem está afirmando que é verdade, e não quem afirma que é mentira. Isso é inversão do ônus da prova.

        • Gilmar Lopes

          9 de janeiro de 2015 em 7:40

          Pois é! Quem publicou a notícia deveria ter tido o cuidado de apurar a notícia!

      • Rogério

        15 de abril de 2016 em 15:16

        Tem um livro muito interessante chamado A CIÊNCIA PICARETA, só buscar na internet. Além de picareta, a ciência é vendida, taí pra provar as mutações propositais feitas em vírus, em troca de grandes fortunas, tem até um cientista japonês que admitiu ter feito mutações no Zika vírus, em troca de muita grana e para enriquecer os que lucram com venda de vacinas e remédios…Cientista e médico não tem nada de bonzinhos, vão onde dá mais grana e prestígio ! Outra coisa, vocês exigem provas da existência do espírito? DEIXEM DE SER RETARDADOS, o espírito não se submetem às leis físicas mas sim às espirituais, sugiro também a leitura dos livros do psicanalista Ernesto Bono onde ele defende a tese de que a ciencia é uma nova religião, mas céticos no fundo só querem mesmo é aparecer como durões, porque na hora do apuro a primeira coisa que gritam é MEU DEUS ME AJUDE !

      • Rogério

        15 de abril de 2016 em 15:19

        Tem um livro muito interessante chamado A CIÊNCIA PICARETA, só buscar na internet. Além de picareta, a ciência é vendida, taí pra provar as mutações propositais feitas em vírus, em troca de grandes fortunas, tem até um cientista japonês que admitiu ter feito mutações no Zika vírus, em troca de muita grana e para enriquecer os que lucram com venda de vacinas e remédios…Cientista e médico não tem nada de bonzinhos, vão onde dá mais grana e prestígio ! Outra coisa, vocês exigem provas da existência do espírito? DEIXEM DE SER RETARDADOS, o espírito não se submetem às leis físicas mas sim às espirituais, sugiro também a leitura dos livros do psicanalista Ernesto Bono onde ele defende a tese de que a ciencia é uma nova religião, mas céticos no fundo só querem mesmo é aparecer como durões, porque na hora do apuro a primeira coisa que gritam é MEU DEUS ME AJUDE !…

        • Luiz Bento Pereira

          9 de abril de 2018 em 23:54

          Eu acho que você precisa de ajuda. Lá em Barbacena existe um hospício para loucos varridos. Você é um deles.

      • Briza

        8 de agosto de 2017 em 9:43

        A Bíblia tbm foi escrita anos depois da morte de Cristo e todos acreditam rsrs

    • Tiago

      8 de janeiro de 2015 em 22:00

      Se alguém nascer com lembranças de uma vida que não é sua e não lhe foi contada por ninguém, e ficar comprovado que essa vida era de uma pessoa real, é uma prova.

      Se ficar comprovada a existência do espírito além do corpo físico, e que este não morre junto com o corpo, é outra prova.

      Só fico triste com a ciência porque ela não quer nem assumir a possibilidade de o corpo e o espírito consciente serem separados, e por isso fica presa a teorias sobre a matéria física, que não explica tudo.

      • Gilmar Lopes

        9 de janeiro de 2015 em 7:41

        A Ciência tenta! Muitos dos estudos a respeito resultaram em nada!

        • nelson

          22 de janeiro de 2015 em 10:19

          é pq a ciencia usa os meios errados,vc olha para uma arvore,se vc é materialista,vc só verá um tronco,folhas,e frutos,mas esquece de todas as interações,com o meio,raiz, fotossintese,simbiose com outros organismos,energia,etc,é a mesma coisa a ciencia,na maioria enxerga o ser humano como animal racional,esquecendo que somos muito mais que animais!

          • William Tael

            30 de janeiro de 2015 em 7:49

            Nada a ver. A ciência sabe da importância das árvores para com o meio ambiente. E nós somos animais até que se prove o contrário.
            Qual o problema em ser um animal?
            Será que é porque a religião cristã não dá muita bola para os animais não humanos? Temos toneladas de informação genética que provam que somos animais e temos genes que existem em outros animais também. Por exemplo, se você pesquisar sobre o gene PAX6, você verá que ele é responsável pelo desenvolvimento dos olhos de todos, repito, TODOS os olhos do mundo animal.
            Só para você ter uma ideia, cientistas fizeram uns testes onde inibiram o PAX6 em moscas de fruta que acabaram nascendo sem os olhos. Chupa essa!

        • Filipe

          29 de junho de 2019 em 18:24

          Acontecem que existem dezenas de casos semelhantes documentado e comprovados. Ian Stevenson é um exemplo disso. Tem muitos cientistas além de Ian Stevenson que tem pesquisas amplas e colecionando evidencias sobre a reencarnação.

      • Desiderata

        5 de abril de 2016 em 10:01

        “Se alguém nascer com lembranças de uma vida que não é sua e não lhe foi contada por ninguém, e ficar comprovado que essa vida era de uma pessoa real, é uma prova”.
        Tiago, se apenas isto for suficiente para provar que reencarnação existe, então você já pode passar a afirmar que a reencarnação é um fenômeno real, pois casos de supostas lembranças que são investigados e comprovados como reais existem aos quilos por aí.
        A obra Vinte Casos Sugestivos de Reencarnação traz relatos assim. Um deles inclusive feito pelo pesquisador em primeira mão e na presença de testemunhas, onde o mesmo anotou as supostas lembranças da criança e após isso a levou ao local onde ela nunca tinha ido para reconhecimento pela primeira vez, e as “lembranças” se confirmaram, assim como a criança reconheceu pessoas na hora em que as viu no local, acertando seus nomes ou parentesco que tinham com o morto. Leia o livro. O que ocorre é que um cético nunca reconhecerá esses casos, ao passo que um crente sempre os supervalorizará e alguém que mantém sua mente aberta considerará a possibilidade da existência ou não.
        “Se ficar comprovada a existência do espírito além do corpo físico, e que este não morre junto com o corpo, é outra prova”.
        Não precisa estar além em um corpo físico; a existência de espírito é algo não comprovado até hoje em qualquer situação. E mesmo que ficasse provada a ocorrência de casos de acordo com a situação que você propôs, ainda assim não teríamos prova que esses espíritos retornam, mas apenas que eles existem e sobrevivem.
        Por outro lado, a não evidência da existência não é evidência da não existência. Os casos de lembranças estão aí e eles PROVAM uma coisa: pouco sabemos sobre esse assunto e EVIDENCIAM outra: no mínimo há alguma forma ainda desconhecida de transmissão apenas de algumas lembranças de uma pessoa já morta pra outra viva em casos raros. É algo a se pesquisar e não fechar a mente como se já tivéssemos a verdade em mãos, seja do lado do extremo ceticismo ou da extrema crença.

    • Dora

      10 de janeiro de 2015 em 9:07

      Toda prova, seja científica ou não, será acreditada por algumas pessoas e desacreditada por outras…hoje existe muitos meios de fazer existir provas que acabam sendo duvidosas para os mais espertos…Vai a Dica; só passando pela situação para saber em que acreditar…Díficil é: fazer todos acreditarem o fato vivido.

      • Marcos A.

        12 de janeiro de 2015 em 8:28

        Nem sempre uma situação vivida pode ser real. Por experiência própria te digo que o cérebro prega muitas peças.

    • Hikari

      20 de fevereiro de 2015 em 17:49

      Seria preciso vincular uma pessoa a outra q já morreu, de alguma forma. A única forma q eu consigo imaginar seria mesmo lembrar da vida passada, oq obviamente naum é a regra.

      O problema é q qqr pessoa pode dizer lembrar do q bem entender. Seria preciso ela contar algum segredo do falecido, q pudesse ser comprovado por alguém q o conheceu. Ou então, idealmente, o citado nesse caso, ele elucidar um desaparecimento ou assasinato.

      E depois isso precisaria ser reproduzido. Ou seja, outras pessoas em outras partes do mundo terem as mesmas lembranças.

      Considerando reencarnação como real, se pelo menos 1% da população conseguisse recuperar memórias de vidas passadas, já seria revelador. Mas 1 ou outro fica complicado.

      Mas como é tudo na base de alguém dizer e outro confirmar, fica muito na base de acreditar no q as pessoas dizem, sem possibilidade de confirmar as alegações. Muito fácil pessoas mentirem.

      No caso do garoto aí, antes de tudo o tal médico teria q ter documentado tudo, o nome dele, a delegacia q elucidou o crime baseado nas alegações dele, etc. Mas mesmo se o menino fosse conhecido, eu ainda ficaria na dúvida de alguém ter contado pra ele e convencido ele a dizer q lembrou.

      • Desiderata

        5 de abril de 2016 em 10:34

        Casos assim há bastante. Pesquise os casos estudados por Ian Stervenson. Relatos impressionantes de revelações de segredos, elucidações de assassinatos e comprovações de lembranças. Não provam que existem reencarnação, mas são uma forte evidência, admito. Há casos, inclusive, em que a hipótese da reencarnação parece ser a única plausível, excluídas as de falsas lembranças, autosugestão, fraude, inconsciente coletivo etc. como os casos de lembranças acompanhadas por marcas de nascença pertencentes a ferimentos da pessoa morta e supostamente renascida.

        “Considerando reencarnação como real, se pelo menos 1% da população conseguisse recuperar memórias de vidas passadas, já seria revelador. Mas 1 ou outro fica complicado”.

        Quantos cisnes negros é necessário se observar na natureza para se refutar a hipótese que todos os cisnes são brancos, apenas um caso ou pelos menos 1% do total de cisnes?

    • NANCY

      8 de agosto de 2017 em 22:58

      https://www.youtube.com/watch?v=_lx8KEnygsU
      TEM VÁRIOS OUTROS VÍDEOS QUE PROVAM

      • Desalmado

        9 de agosto de 2017 em 10:06

        Vídeo não prova nada. Estudos científicos publicados em periódicos indexados revisados por pares provam.

        Cadê o link para um estudo desses?

        Valendo!

  2. demetrius

    8 de janeiro de 2015 em 16:52

    existe um caso de reencarnação muito falado na internet que ocorreu na India.
    chama Shanti Devi agora não sei se aconteceu mas é de pesquisar

    • Gilmar Lopes

      8 de janeiro de 2015 em 16:57

      Seria o mesmo caso? Acho que não, né?
      O fato é que a reencarnação é uma crença bastante forte em diversas culturas!

  3. Cientista Maluco

    8 de janeiro de 2015 em 16:58

    Uma prova científica seria a evidência física da alma, como uma forma de energia.

    E a comprovação aconteceria ficasse evidenciado que essa energia saísse de algum corpo e retornasse em outro.

    • Gilmar Lopes

      8 de janeiro de 2015 em 17:16

      O problema é que muito espertão fica tentando impor falsas evidências, ganhando dinheiro com a inocência dos outros, né?
      O primeiro problema seria identificar o que é e onde fica a alma. O segundo problema (ao meu ver) seria como identificar que essa alma saiu de um corpo. e o terceiro problema seria tentar localizar o paradeiro dessa alma (em qual novo corpo ela teria ido parar).

      • NANCY

        8 de agosto de 2017 em 23:00

        TANTO TEM, QUE TEM ATÉ PESO 21GR.
        https://www.youtube.com/watch?v=_lx8KEnygsU
        TEM MAIS AINDA NO YOUTUBE

        • Desalmado

          9 de agosto de 2017 em 10:05

          Claro, afinal se está no Youtube, só pode ser verdade…

          https://www.livescience.com/32327-how-much-does-the-soul-weigh.html

          “MacDougall used a very small sample size (only four of the original six bodies) and his results were inconsistent. Furthermore, the precise moment of death is not always clear even today, and in 1907 medical measurement methods were even cruder. The weight of the soul turned out to be simply the result of sloppy science, but many still believe it a century later.”

          Ou seja, bullshit.

    • Borba

      8 de janeiro de 2015 em 23:13

      Procurar uma “evidência científica” para a existência da alma seria sim uma boa pesquisa para um cientista maluco.

      Na verdade, aquilo que chamamos de alma se resume em uma única sigla: ATP (trifosfato de adenosina), o “combústivel” para nossos organismos animais funcionarem.

      • Vitor Moura Visoni

        6 de fevereiro de 2015 em 17:57

        Há dezenas de evidências científicas da existência da alma, vindas tanto de casos de reencarnação, como mediúnicos e de eqm em especial. Dizer que tal pesquisa seria coisa de cientista maluco só revela o extremo preconceito daqueles incapazes de aceitar outra visão de mundo além da sua.

        • Gilmar Lopes

          7 de fevereiro de 2015 em 7:16

          Evidências científicas? Cite pelo menos duas, por favor!

        • Borba

          17 de fevereiro de 2015 em 11:58

          1 – Artigo publicado, de fato, em uma revista com “peer review” (revisão por pares) intitulada, muito adequadamente, “The Journal of Nervous and Mental Disease” (Revista das Doenças Mentais e Nervosas).

          1.1 – O artigo está em uma publicação da “Society for Scientific Exploration”, fundada pelo próprio autor do artigo (Ian Stevenson) para difundir suas idéias a respeito de reencarnação e espiritualismo. Essa publicação não possui “peer review”.

          1.2 e 2 – Links para sites que dão suporte a uma determinada crença ou opinião (sites apologéticos), no caso o espiritualismo, não têm valor científico. Deve-se postar links para sites de publicações com “peer review” e consideradas confiáveis pela comunidade científica.

          Sobre o autor das pesquisas, que é o mesmo das duas que foram publicadas nas revistas em inglês: Ian Pretyman Stevenson, era um psiquiatra Americano de origem Canadense. Ele viveu de 1918 até 2007, trabalhou na Universidade da Escola de Medicina da Virgínia por cinquenta anos e defendia ardorosamente seu ponto de vista sobre reencarnação e espiritualismo. Era considerado um profissional competente, mas que foi seduzido por uma pseudo-ciência e enganado pelas pessoas que entrevistou em diversas partes do mundo, principalmente naquelas em que a crença em reencarnação é muito forte, como a Índia.

          fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Ian_Stevenson

          • Vitor Moura Visoni

            23 de fevereiro de 2015 em 10:10

            Borba

            1 – Apesar de a revista se chamar “Revista das Doenças Mentais e Nervosas”, os casos NÃO são tratados como fruto de quaisquer doenças. No artigo os autores dizem explicitamente que os casos são provas de fenômenos paranormais. Doenças sequer são mencionadas. Uma simples leitura do artigo (de uma página apenas) tê-lo-ia feito perceber isso.

            1.1 – AO CONTRÁRIO DO QUE VOCÊ DISSE, a publicação POSSUI “peer-review”. Não é passando informações falsas que sua credibilidade aumentará.

            “The JSE is the quarterly, peer-reviewed journal of the SSE. ”

            Que a publicação possui “peer-review” pode ser conferido aqui: http://www.scientificexploration.org/journal/

            1.2 e 2 – Os links possuem traduções dos artigos publicados nas revistas científicas para facilitar a leitura. As referências são dadas ao final de cada artigo.

            Sobre o que você disse de Stevenson, baseado na ultra-ortodoxa wikipédia americana, é simplesmente falso. Stevenson é admirado inclusive por céticos como Sam Harris (http://www.samharris.org/site/full_text/response-to-controversy2) e foi matéria recente no blog da Scientific American (http://blogs.scientificamerican.com/bering-in-mind/2013/11/02/ian-stevensons-case-for-the-afterlife-are-we-skeptics-really-just-cynics/) e possui várias revisões positivas (http://en.wikipedia.org/wiki/European_Cases_of_the_Reincarnation_Type#Reviews), inclusive na revista médica JAMA (King, L. S. (1975). Reincarnation. JAMA, 234, 978.

          • elton

            8 de abril de 2015 em 22:00

            Robert Lanza afirma que a morte não existe. Os próximos cientistas vão afirmar que Papai Noel existe. Vai demorar muito pros cientistas afirmarem que Papai Noel existe? Quero escrever minha cartinha!

          • Erika

            22 de outubro de 2018 em 13:27

            Não acredito que você falou Wikipédia kkkkkkk

  4. vagner didone

    8 de janeiro de 2015 em 21:52

    Gilmar voce acredita em deus?

    • Gilmar Lopes

      9 de janeiro de 2015 em 7:42

      Sou da ciência e não da fé! Acho que isso te dá uma ideia sobre o que penso, né?

  5. Liko

    8 de janeiro de 2015 em 22:08

    Reencarnação : Não sei quem fui , não sei o que sou e não sei o que serei kkkkkkk eita gentinha de imaginação fértil .

  6. Jim

    9 de janeiro de 2015 em 6:24

  7. Mircon

    9 de janeiro de 2015 em 7:50

    Outro problema…
    – Quais os seres vivos que possuem ALMA?
    Somente humanos? Humanos descendem de macacos, então pela lógica, macacos também tem alma? Qual o limite?
    Todos os seres vivos possuem “alma”? Quantos trilhões e trilhões de insetos existem?
    Quantos milhares (ou milhões) de anos um ser poderia demorar para reencarnar humano novamente?
    Outra pergunta, encontraram mesmo a arma onde o garoto disse? Essa arma existe? O corpo foi encontrado e identificado?
    Isso poderia ser comprovado, aí teríamos de imediato algo surpreendente a ser investigado.

    • Mario

      11 de janeiro de 2015 em 19:16

      O homem não descende do macaco, descende de um ancestral comum ao macaco.

    • nelson

      23 de janeiro de 2015 em 9:25

      cara me desculpe mas estude antes de escrever as coisas,nós seres humanos não somos descendentes de macacos como vc disse,segundo evolucionistas o homem e o macaco tiveram um descendente em comum,mas cada um segue a sua evolução,mas é teoria,tanto que primatas são o que são desde o inicio,o homem ja não,e alma é a junção do corpo fluidico(espirito)com o corpo material,qndo estão separados são chamados de espiritos,é tudo muito complexo,não tem formula,por isso existe estudo,e temos nossa capacidade de pensar,faça um estudo sobre reencarnação,e verá que é tão simples,mas tmbm muito complexo esse tema.Abraço

  8. Fábio

    9 de janeiro de 2015 em 8:25

    Eu tenho fé, mas admito que ela é cega e improvável.
    Mas voltando às “pasqualices” , fiquei em dúvido no que quer dizer :

    ” havia sido foi assassinado ”

    ?

    • Gilmar Lopes

      9 de janeiro de 2015 em 8:26

      ops! corrigido. Valeu

  9. Vitor Moura Visoni

    9 de janeiro de 2015 em 10:16

    Existem muitas evidências científicas da reencarnação. Abaixo seguem 2 links com evidências publicadas em revistas científicas, havendo, inclusive, replicação independente:

    a) http://obraspsicografadas.org/2012/trs-novos-casos-do-tipo-reencarnao-no-sri-lanka-com-registros-escritos-feitos-antes-das-verificaes-1988/

    b)http://obraspsicografadas.org/2012/replicao-de-estudos-de-casos-sugestivos-de-reencarnao-por-trs-investigadores-independentes-1994/

    Sobre a postagem do Skeptic Report, ela foi refutada aqui:

    http://obraspsicografadas.org/2013/refutao-da-crtica-de-richard-rockley-pesquisa-de-ian-stevenson-2013/

  10. ANTONIO PAIVA RODRIGUES

    9 de janeiro de 2015 em 10:43

    Sugiro que o amigo leia o cientista americano Yan Stevenson, o inglês William Crookes e o russo Alexander Akssakof. A reencarnação é uma crença antiga e vem dos primeiros povos do Oriente e da crença Egípcia. O amigo dá uma resposta muito vaga e sem respaldos. Assuntos dessa natureza deve merecer um destaque maior e não um simples comentário. Sobre reencarnação creio que o amigo é neófito. Se nós formos tirar conclusões pelo simples comentário de quem não tem cacife para tal, nem Deus existe, bem como o Messias esperado, Jesus Cristo. Deus em sua magnitude já deixou tudo nesse orbe para ser explorado pelo homem. Em questão de fé amigo não se discute e muito menos opinar. Veja o caso dos jovens muçulmanos na França em que deu. Feliz 2015.

    • Gilmar Lopes

      9 de janeiro de 2015 em 10:47

      Se for assim devemos acreditar nos relatos do Trutz Hardo, mesmo sabendo que ele ouviu falar nessas histórias?

  11. ANTONIO PAIVA RODRIGUES

    9 de janeiro de 2015 em 10:47

    A reencarnação é Lei da Vida.

    Impositivo estabelecido, irrefragavelmente, constitui processo de evolução, sem o qual a felicidade seria impossível.

    Programada pelo Criador, faculta os mecanismos naturais de desenvolvimento dos valores que jazem latentes, no ser espiritual, que assim frui, em igualdade de condições, dos direitos que a todos são concedidos.

    A reencarnação favorece com dignidade os códigos da Justiça Divina, demonstrando as suas qualidades de elevação e de amor.

    Sem a reencarnação – que proporciona a liberdade de opção, com as consequências decorrentes da escolha – a vida não teria sentido para os párias sociais, os homens primitivos, os limitados mentais, os amargurados e infelizes…

    Sem a reencarnação, o ódio inato e o amor espontâneo constituiriam aberração perturbadora em a natureza humana.

    Da mesma forma, as tendências e propensões que comandam a maioria dos destinos, seriam fenômenos cruéis de um determinismo absurdo, violentador das consciências e dos sentimentos.

    Sem a reencarnação, permaneceriam como incógnitas geradoras de revolta, as razões dos infortúnios morais, das enfermidades de alto porte, mutiladoras e degradantes, da miséria social e econômica que vergastam expressivas massas e grupos da sociedade terrestre.

    Sem a reencarnação, os laços de família se diluiriam aos primeiros impactos defluentes dos acontecimentos danosos…

    A reencarnação enseja reequilíbrio, resgate, reparação.

    Faculta o prosseguimento das atividades que a morte pareceria interromper.

    Proporciona restabelecimento da esperança, entrelaçando as existências corporais que funcionam como classes para o aprendizado evolutivo no formoso Educandário da vida terrestre.

    Oferece bênçãos, liberando de qualquer fatalidade má, que candidataria o Espírito a um estado permanente de desgraça.

    A reencarnação enobrece o calceta, santifica o vilão, eleva o caído, altera a paisagem moral do revoltado, dulcificando-o ao largo do tempo, sem pressa, nem violência.

    A reencarnação é convite ao aproveitamento da oportunidade e do tempo, que sempre devem ser colocados a serviço do progresso espiritual e da perfeição, etapa final da contínua busca do ser.

    Joana de Ângelis

    Psicografioa de Divaldo P. Franco

  12. Marcelo

    9 de janeiro de 2015 em 19:32

    A questão não é se existe reencarnação ou não, e sim da história do garoto, que é furada. Não tem dados, fotos, nomes, nada. Acreditar nessa história, requentada e trazida como se fosse agora, aí sim é bobagem. Mas estamos na internet, e o que mais tem são pessoas tontas que acreditam em tudo e clicam em qualquer coisa. Se receber um email dizendo que ganhou um carro, acredita…rs.. sério, tem gente assim..rs..

  13. ANTONIO PAIVA RODRIGUES

    9 de janeiro de 2015 em 23:27

    SOLICITO QUE O AMIGO PUBLIQUE MINHA RESPOSTA PESSOAL EM QUE CITO O NOME DE TRÊS CIENTISTAS QUE COLOQUEI A SUA DISPOSIÇÃO PARA ESTUDOS, JÁ QUE AFIRMAS QUE NÃO EXISTE COMPROVAÇÃO CIENTÍFICA. PORQUE VOCÊ CAMUFLOU A MINHA RESPOSTA, POIS COLOQUEI UMA PSICOGRAFIA DE UM GRANDE MÉDIUM BAIANO DIVALDO FRANCO E TAMBÉM MINHA OPINIÃO. PUBLIQUE POR FAVOR.

    • Gilmar Lopes

      10 de janeiro de 2015 em 9:31

      Acho que publiquei sua resposta!

    • valeria

      30 de janeiro de 2015 em 18:44

      Sr Antonio, concordo com o que dizes, porem me permita uma critica, pareces pela maneira de escrever ser uma pessoa instruida porem pouco humilde. pra quem conhece a doutrina…

  14. Samuel

    11 de janeiro de 2015 em 20:04

    Será que o gato está sendo maltratado com uma coleira de choque?
    https://www.facebook.com/video.php?v=824610754229924

  15. Leina Ueno

    11 de janeiro de 2015 em 23:34

    Mas qual o intuito de postar essa matéria no E-farsas se o intuito é desvendar farsas na web desde 2002?

    • Gilmar Lopes

      12 de janeiro de 2015 em 8:43

      Não entendi sua pergunta!

      • Leina Ueno

        12 de janeiro de 2015 em 11:35

        Veja o logotipo do site. E-farsas descobrindo farsas desde 2002. Então qual o intuito de postar um assunto que não conseguiram desvendar?

        • Gilmar Lopes

          12 de janeiro de 2015 em 11:46

          E quem disse que não desvendamos? Nossas pesquisas provaram que o fato foi narrado por uma pessoa que ouviu a história de outra (que já morreu há mais de 10 anos).
          Quem está fazendo a afirmação é que tem que provar. Como o autor não dá nenhuma prova (não cita datas, locais, nomes e mais detalhes do ocorrido), fica impossível provar que essa história seja real. Se ele tivesse citado alguma fonte (lembrando que o ônus da prova é de quem afirma), poderíamos investigar em algum jornal ou revista da época. No entanto, pelo que foi narrado, trata-se apenas de uma lenda que um amigo de um amigo contou a outro amigo!
          Qual é o nome da criança? Qual a data do ocorrido? Mais alguém que presenciou o fato pode ser consultada? Como provar que a família (caso isso tenha ocorrido mesmo) não disse nada à criança?
          Infelizmente, amigo, temos que tratar com seriedade esses assuntos, pois há muitos espertões que ganham muito dinheiro em cima dos ingênuos apenas contando essas historinhas sem nenhuma comprovação.
          Caso você encontre alguma prova de que essa história seja verdadeira, manda pra nós que teremos o maior prazer em publica-la.
          Abração e obrigado pelo comentário!

          • patricia

            16 de janeiro de 2015 em 8:59

            Aqui no interior da PB tem um garoto que afirma que viveu em GO, que era assaltante de carros e que foi morto no presidio CEPAIGO em 1996, ele começou a falar isso não tinha nem 3 anos.

  16. Gyovanni Robson

    14 de janeiro de 2015 em 16:50

    Sigo você no Facebook. Agora a pouco essa notícia passou no programa da Sônia Abrão, pegaram me parece do jornal Extra. Tinha dois espiritualistas comentando e refletindo sobre. Eu creio no sobrenatural, mas realmente, pra acreditar numa dessas notícias que aparecem “viralmente” na internet é muito difícil. Corre-se o risco de sermos enganados. Faltam detalhes.

  17. nelson

    22 de janeiro de 2015 em 10:14

    galera só para vcs pensarem.
    como a ciencia explica que uns seres humanos nascem na fartura,e outros na miseria,uns nascem inteligentes,outros não,uns nascem autodidatas e outros não sabem fazer um barco de papel,se os materialistas estiverem certos,então somos a merda de uma simples maquina biologica,que nasce,morre,e some,se os “crentes”que acreditam em deus,mas não na reencarnação,estiverem corretos,deus é um ser mal e vingativo,então juntem os fatos,a reencarnação é uma verdade,que é a unica plausivel para explicar todas as mazelas do mundo,nem a religião,nem a ciencia consegue explicar pq uns sofrem e outros não,e sem essa de seleção natural,lei do mais forte,pq isso ja é ignorancia pura!

    • llort

      18 de fevereiro de 2015 em 16:50

      “Ninguém consegue explicar (na verdade consegue sim), então reencarnação é real”
      RIP lógica

  18. Hélio Pequeno

    22 de janeiro de 2015 em 21:51

    Muito se fala sobre reencarnação, contudo, evidência que é aceitável não há. Fala-se de relatos e cartas psicografadas, mas nada que seja verificável. Algumas pessoas apegam-se a esta crença por terem dificuldade de aceitar sua finitude.

  19. Hellen

    23 de janeiro de 2015 em 19:28

    É a segunda matéria em pouco tempo que o Gilmar ironiza ou deixa clara sua opinião pessoal sobre espiritismo. Acho que você deveria ser mais imparcial e respeitar a crença alheia, caro.

  20. Ricardo

    26 de janeiro de 2015 em 23:45

    Para quem não acredita em reencarnação, vai uma história bem documentada, e em um país que a crença na reencarnação é quase nula, a Inglaterra:

    http://www.mundogump.com.br/reencarnacao-conheca-o-bizarro-caso-das-irmas-pollock/

  21. Lugar Certo Imóveis

    1 de fevereiro de 2015 em 11:23

    Não acredito ! O Maior médium Brasileiro, Chico Xavier, antes de morrer, combinou um código com seu Filho, caso reencarnasse em outra pessoa ou fizesse algum tipo de contato. Até hoje, Nada !

    http://www.lugarcertoimoveis.com.br

    • Renato

      23 de março de 2015 em 1:55

      Hary Houdini, um dos maiores críticos do espiritimo, tb fez o mesmo. Infelizmente nem um lado nem outro conseguiu provar tal fato. Isso sim é fato: INFELIZMENTE NÃO HÁ NENHUMA PROVA CIENTÍFICA DE QUE REENCARNAÇÃO, EXTRATERRESTRES, etc existam.

      Como diria padre Quevedo: “no dia em que um médium curar a minha cárie eu viro espírita”.

  22. Marcos

    7 de fevereiro de 2015 em 19:15

    Vai ser engraçado quando surgirem mais casos como esses e infelizmente pessoas inocentes serem “linchadas” nas ruas por pessoas que acreditam em tudo que leem ou ouvem, só porque viu que estava na internet!

  23. LeLê Falsi

    12 de fevereiro de 2015 em 0:50

    Incrivel!! Um debate sem xingamentos:)
    Hoje se eu fosse escolher uma religião escolheria o Hinduísmo de Yogonanda mesmo nascida em berço de ouro, visitado mais de 40 países nos meus 30 anos de vida ser apaixonada e praticante de hipismo e snowboard essa é uma religião que me encanta pelo respeito e pelo valor que dá a todas outras.
    Foi através do espiritismo que aprendi as teorias sobre reencarnação mas foi com o fervor da minha mae evangélica que aprendi o que é ter Fé independende de qq outra coisa
    Com um ex namorado muito bem sucedido no mercado financeiro que aprendi a matemática e física em que se baseiam a Kabala
    Foi num casal de amigos Hare Krishna que vi e aprendi o quão mais importante é nossa atitude e não nossa reação impensada em situações de desconforto.
    Depois de anos de inquietude, do sentimento de vazio, da busca frenética pela felicidade hj estou em paz e gosto muito deste sentimento
    gosto de como consigo passar um dia inteiro, uma semana, um mês e espero que minha vida inteira no meio deste mundo louco com tantas pessoas que não estão na mesma busca que eu de paz e mesmo assim conseguir conviver com elas sem absorver o stress, a raiva, o egocentrismo, a tristeza e tantos outros sentimentos que as vezes as pessoas tem na correria do dia a dia e me sinto bem feliz qdo posso colaborar para ajudar estas sentir um pouquinho de amor no meio do dia delas, juro, eu ganho o dia qdo as vezes alguém esbarra em mim na correria no mercado, no banco, ou em qq lugar e as vezes aqui em sp a pessoa já te olha esperando uma cara feia e vc sorri de volta olha no olho dela e diz que está tudo bem, fazer pequenos favores a uma pessoa idosa ou alguém que tem dificuldade em coisas que são bem simples pra vc… atitudes que duram menos de 1 minuto mas mudam meu dia todo 🙂

    Ah o menino do vídeo… eu ainda não sei se acredito ou não
    Acredito que a felicidade tem vários caminhos diferentes espero muito que cada um de vocês encontrem o caminho mais prazeroso para cada um e que não percam tanto tempo (eu não perderia nenhum) julgando o caminho que o outro acha mais legal
    E obrigada pelo debate, aprendi muito com o ponto de vista de vários de vocês, escolher ler tudo isso fez meu caminho bem divertido hoje
    bjs

  24. antonio gomes

    6 de março de 2015 em 17:13

    Essa história pode ser ou não verdadeira, mas, isso não muda a verdade…. Há os ateus, há os agnósticos, os que não negam um Criador, mas querem ver para crer… Há os que creem num Criador e numa vida além desta, mas, creem que vivemos apenas uma vida e temos apenas UMA chance, indo para um “céu” eterno ou um “inferno” eterno… E há os que já sabem que sendo o Criador justo, todo poderoso, perfeito, Ele não poderia fazer uns nascerem com graves deficiências físicas ou neurológicas, pois seria imperfeito, injusto e não seria todo poderoso ou onipotente….. Também não poderia, sendo a vida uma só, como alguns creem, dar a uns uma vida maravilhosa, como vemos por aí, enquanto a outros daria uma vida horrenda, só de sofrimentos, como também podemos ver vários exemplos… Só na reencarnação se encontra sentido em todas essas coisas, que aparentemente fazem do Criador uma pessoa muito injusta, argumento ou exemplo muito utilizado pelos ateus…. O Criador (ou Deus, como queiram) é mais justo, piedoso, misericordioso, amoroso, dando-nos apenas uma chance, uma vida, ou nos dando quantas vidas forem necessárias ???? É só pensar, raciocinar bem, refletir… buscar um sentido em tudo que vemos neste mundo…. É claro que há provas Bíblicas da existência da reencarnação, mas é claro, também, que os que não creem vão sempre negar e encontrar mil desculpas ou argumentos ou “provas” para negar…. Vejam que o apóstolo João disse em
    Apocalipse 13: “se alguém leva em cativeiro, em cativeiro irá; se alguém matar à espada, necessário é que à espada seja morto. Aqui está a paciência e a fé dos santos.” Não está mais do que claro ????? O mal que fizermos a outro, passaremos pelo mesmo! E não há outra forma disso acontecer que não seja em outra vida, em outra encarnação. Mas quem nega, quem não aceita, vai encontrar sempre uma desculpa, um argumento, uma “prova” para negar…. E por isso a paciência e a fé! Sabendo essa verdade, não precisamos nunca pensar em vingança, em “justiça” com as próprias mãos…. Enfim, é como disse o grande Mestre: “conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”! Mas tudo tem seu tempo…. Aqueles que ainda não conseguem VER a verdade, é porque ainda não estão “preparados” para vê-la… Mas a esses serão dadas quantas encarnações sejam necessárias até que entendam, até que VEJAM a verdade…. E essa é justamente a prova do quanto o Criador nos ama, é misericordioso… e paciente!

  25. Jorge L. Marques

    17 de março de 2015 em 0:14

    Acreditamos que o vento existe, porém não podemos enxergar. Colocaremos assim, então a existência do vento?
    Hoje, reencarnação não se decute mais. Os padres, pastores, missionários que arrebanham tantos fiés, só não dizem o que sabem, a respeito do assunto, p´rá não perderem a boquinha…
    Existe um livro interessante sobre o assunto que é: MUITA VIDAS, MUITOS MESTRES.
    O autor, é uma pessoa renomada, que após certas situações, teve que des-dizer muitas coisas. Vale a pena da uma olhada!

    • Gilmar Lopes

      17 de março de 2015 em 8:57

      Não vemos o vento, mas podemos demonstrar através de experiências que ele existe!
      Igualmente, não vemos a alma, mas não podemos demonstrar a sua existência através de experiências. O que dizer então da reencarnação? É possível provar que ela existe? De que forma?

      • Renato

        23 de março de 2015 em 6:47

        E demonstrar a existência cientificamente significa desenvolver um método que possa ser repetido em qq lugar por qq pessoa, e não só pela pessoa que inventou o método.

      • Vitor Moura Visoni

        25 de março de 2015 em 16:20

        Há várias formas de provar a reencarnação.

        a) Testando-se o conhecimento das crianças que lembram suas vidas passadas por meio do reconhecimento de pessoas e objetos.

        b) Comparando-se marcas e defeitos de nascença com os ferimentos fatais ocorridos na vida anterior por meio de documentos médicos, podendo-se mesmo em alguns casos prever-se a existência das marcas na criança por meio dos relatórios médicos.

        c) Em alguns casos, a criança pôde identificar o local preciso em que sua vida passada escondeu determinada quantia de dinheiro.

  26. Rogério Cardozo

    8 de abril de 2015 em 20:34

    Acredito em reencarnação, sou espírita. Mas, por isso mesmo, não pretendo fazer proselitismo, somente informar. Seguem links para biografia e obra do pesquisador Canadense Dr. Ian Stevenson sobre o tema:

    Biografia: http://pt.m.wikipedia.org/wiki/Ian_Stevenson

    Livro:
    http://pt.m.wikipedia.org/wiki/Vinte_Casos_Sugestivos_de_Reencarna%C3%A7%C3%A3o_%28livro%29

    Boa leitura a todos!

  27. Junior Omni

    18 de novembro de 2015 em 19:15

    .
    NÃO EXISTE RRENCARNAÇÃO. Existem DOUTRTINAS DE DEMÔNIOS enganando as pessoas que deixam de lado a Palavra de Deus, para dar ouvidos a SATANÁS E SEUS FALSOS PROFETAS.

    ___________________________

    O apóstolo Paulo escreveu:

    “NO FIM DOS TEMPOS (nos últimos dias) O ESPÍRITO DE DEUS DIZ ABERTAMENTE QUE
    MUITAS PESSOAS DARÃO OUVIDOS A ESPÍRITOS ENGANADORES E A DOUTRINAS DE DEMÔNIOS, PELA HIPOCRISIA DE HOMENS QUE FALAM MENTIRAS, TENDO A CONSCIÊNCIA CAUTERIZADA…”

    1 TIMÓTEO 4:1-2
    .
    .
    ESSA É A VERDADE DA PALAVRA DE DEUS !!!

    *** ALLAN KARDEC E CHICO XAVIER FORAM FALSOS PROFETAS ENGANADORES !!!
    .
    .
    **O PRÓPRIO NETO DE BEZERRA DE MENEZES SE CONVERTEU AO EVANGELHO DE JESUS CRISTO E ABANDONOU A MENTIRA DO ESPIRITISMO QUE SÓ ESCRAVIZA E ENGANA OS IGNORANTES !!!
    .
    .
    .

  28. luiz isidoro

    20 de dezembro de 2015 em 21:43

    se nao houvesse reencanaçao nao estariamos aqui !

    • Gilmar Lopes

      21 de dezembro de 2015 em 8:28

      Por que não? Não entendi a correlação!

  29. luiz isidoro

    20 de dezembro de 2015 em 21:46

    sou logico ;nao moderado!

  30. Rogério

    15 de abril de 2016 em 14:54

    ============================================================================
    A CIÊNCIA É A MAIOR PICARETA DESTE MUNDO, PICARETA E VENDIDA, TAÍ OS VIRUS MODIFICADOS EM LABORATÓRIO A MANDO DOS ROCKFELLER DA VIDA PARA ENRIQUECEREM AINDA MAIS COM VACINAS E MEDICAMENTOS QUE ESTÃO MATANDO MILHARES DE INOCENTES, INCLUSIVE TEM UM LIVRO MUITO BOM CHAMADO “A CIêNCIA PICARETA”. DEIXEM DE SER RETARDADOS, CÉTICOS, VOCES VÃO QUERER BOTAR O ESPÍRITO DEBAIXO DE UM MICROSCÓPIO PARA ANALISAR É, PODEM ESPERAR SENTADINHOS PORQUE O ESPÍRITO NÃO SE SUBMETE AS LEIS FISICAS MAS SIM AS ESPIRITUAIS. QUEM TEM QUE PROVAR QUE O ESPIRITO NÃO EXISTE SÃO VOCES, NÓS JÁ TEMOS A CERTEZA QUE ELE EXISTE.
    ============================================================================

  31. Gatti

    22 de junho de 2016 em 11:34

    Espantoso como há séculos, em todos os cantos do mundo tem crianças malucas dizendo que se lembram de outras vidas. Seriam coicidencias e farsas todos esses casos?

    • Gilmar Lopes

      22 de junho de 2016 em 11:39

      O ruim é que temos que confiar apenas em relatos! Aí fica difícil de se comprovar!

    • Eu™

      22 de junho de 2016 em 12:25

      Eu sei voar. E não vou te provar, então você vai ter que acreditar em mim.

  32. ANA ROZELI GLEDEN GAUDENCIO GAUDENCIO

    2 de agosto de 2016 em 17:25

    e mais fácil acreditar em Adão e eva ,paraíso ,cobra hitórias que não tem pé nem cabeça que caim matou Abel e fugiu para terras estrangeiras onde conheceu uma mulher e se casou teve um filho e deu o nome Enók mais tarde fundou uma cidade que deu o nome do filho se foi pra terras estrangeiras então não havia só Adão e eva tinha mais gente nesse planeta acorda humanidade a reencarnação não só existe como tem provas sobre ela se não existisse reencarnação Deus não seria bom nem justo, como explicar que uma criança nasça deficiente ,cega muda como explicar que Deus me fez perfeito e meu filho deficiente se eu que sou imperfeito daria minha vida por um filho a reencarnação e uma oportunidade que Deus da de corrigirmos nossos erros e não cairmos em tentação de praticar o mal aos nossos irmãos precisamos ter fé mas fé raciocinada pensem nisso.

    • Eu™

      2 de agosto de 2016 em 19:17

      Humm… não. Para de fumar cogumelo estragado.

  33. cleusa

    4 de janeiro de 2017 em 14:45

    Minha mae faleceu tem um mes. Antes de receber do hospital a noticia que ela partiu. Em meia hora antes eu senti uma bola branca enorme e uma pomba carregando essa bola. Dentro do circulo era minha mae, enrolada com um manto branco em estado de sonolência.

    Um pouco mais tarde depois de 3 horas. Vejo ela passar correndo perto de mim com uma aparencia de 15 a 20 anos mais jovem, e atras o meu irmao e outro senhor que nao consegui reconhecer ao lado direito e esquerdo respectivamente.

    Com essas imagens e experiencia. Posso afirmar que seria minha mãe mesmo? Qual o significado dessa pomba branca e o circulo em que ela estava deitada no manto branco?

    Pode ocorrer apos o desencarne o espirito assuma aparência mais jovem?

    A paz e luz fraternas

    Irmã Cleusa

  34. Vinícius

    7 de agosto de 2017 em 14:26

    A ciência, ainda nao possui recursos tecnológicos suficientementes competentes para a comprovação física do espírito e consequentemente da reencarnação, o que a ciência nao prova, pra ela nao existe. O espiritismo anda lado a lado da ciência, só estudar um pouquinho q a sua própria razão lhe dará a resposta.

    • Sé Tico

      7 de agosto de 2017 em 15:47

      Arrã. Ô.

  35. Rodrigo

    13 de dezembro de 2018 em 21:21

    Fico imaginando como mesmo com tantas provas da existencia de vidas passadas ainda tenha quem duvide.

    • Gilmar Lopes

      14 de dezembro de 2018 em 7:08

      Quais provas?

  36. Eder Ambrósio

    22 de março de 2019 em 8:52

    Olá, eu gostaria de pedir ao e-farsas analisar a história evidenciada e contada no livro “A Volta” (versão em português) que conta a história da provável reencarnação do menino James Houston Jr.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo