Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

A quinina da água tônica ajuda no combate ao coronavírus?

Conspirações

A quinina da água tônica ajuda no combate ao coronavírus?

A quinina da água tônica ajuda no combate ao coronavírus?

É verdade que o componente quinino, presente na água tônica, é eficaz no combate ao coronavírus?

O vídeo tem apenas 19 segundos de duração, começou a ser compartilhado nas redes sociais na segunda semana de abril de 2020 e mostra uma moça sendo chamada pelo nome de Victória mostrando o que parece ser uma grande descoberta científica: Aparentemente, um dos componentes da água tônica – o quinino ou a quinina – seria eficaz no combate ao coronavírus!

A substância, segundo o que é afirmado no vídeo, seria a mesma da cloroquina, remédio em testes com pacientes com a COVID-19.

Será que a água tônica cura o coronavírus e a grande mídia está escondendo isso de você?

Verdade ou mentira?

Em primeiro lugar, não há nenhuma contraindicação no consumo de água tônica (exceto àqueles que tem alguma alergia a algum dos ingredientes do produto). De acordo com o site da fabricante da água tônica mostrada no vídeo, o produto contém água gaseificada, açúcar, quinino, aromatizante, ácido cítrico e ácido tartárico, além dos conservantes benzoato de sódio e sorbato de potássio.

Dito isso, vamos à questão principal dessa nossa checagem: O quinino (ou a quinina) contida na água tônica não tem nada a ver com a cloroquina (apesar da cloroquina ser derivada da quinina). 

Explicando melhor: A cloroquina foi desenvolvida a partir da quinina, mas não se trata da mesma molécula. Abaixo, podemos ver as diferenças entre o quinino e a cloroquina:

Apenas por curiosidade, convém lembrar que a cloroquina, além de ser diferente da quinina, também é diferente da hidroxicloroquina (apesar de vários “especialistas” chamarem uma substância pelo nome da outra e vice-versa):

Também é preciso deixar claro aqui que ainda não há estudos que comprovem que a cloroquina ou a hidroxicloroquina seja eficaz no combate ao coronavírus. Nesse artigo do Estadão foi apurado que existem 65 estudos a respeito do uso desses medicamentos em pacientes com a COVID-19, mas destes apenas 3 foram concluídos e os resultados não foram muito promissores.

Portanto, quem afirma que a cloroquina cura doentes do coronavírus está (pelo menos por enquanto) falando algo que não sabe!

Em relação ao quinino (ou quinina), a situação ainda fica mais longe da verdade, pois mesmo que o componente tivesse alguma ação contra o coronavírus (o que, definitivamente, não tem), seria necessário se consumir centenas de latinhas de água tônica por dia.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Como explicado nesse artigo de 2010, um litro de água tônica continha 85 mg (no máximo, pois algumas marcas possuíam menor quantidade dessa substância em sua composição) de quinina, mas atualmente – o que inicialmente foi adicionado no refrigerante como um composto que poderia trazer benéficos contra a malária – é usado apenas 50 miligramas por litro para dar um gostinho amargo para a bebida.

Já no quinino usado no remédio contra a malária, a posologia é de 1,5 grama em média por dia. Ou seja, se o quinino do refrigerante fosse o mesmo do remédio (o que não é e já explicaremos a diferença no próximo parágrafo), o paciente com malária teria que beber cerca de 30 litros de água tônica por dia!

A quantidade máxima permitida de quinino na água tônica é fixada (entre 3 e 8 mg por 100g do produto) em lei pelo decreto nº 6871/2019.

Outro detalhe que precisamos explicar aqui é que o quinino do remédio é apresentado como sulfato ou cloridrato, enquanto na tônica o quinino é um hidrocloreto.

Pra quem faltou nas aulas de química (ou não se lembra mais do tema), convém assistir a essa apresentação feita pelo professor Tiago Tamanini:

Para que não restem dúvidas, encontramos estudos – como esse de 1997 – sobre a avaliação clínica do quinino no tratamento da malária onde os autores, já naquela época, explicavam que o uso do componente já havia sido substituído pela cloroquina.   

Atualização – 19/04/2020

No dia 16 de abril de 2020, a moça que aparece no vídeo gravou outra mensagem, onde pede desculpas pelo mal-entendido e explica que tudo não passou de uma brincadeira, de uma ironia:

Direito de Resposta – Água Tônica

Você viu meu vídeo sobre a água tônica?Segue minha resposta àqueles que tentam me calar. Mais detalhes no link https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=150444726450009&id=103250331169449

Posted by Victória Peixoto on Thursday, April 16, 2020

Conclusão

O quinino encontrado na composição da água tônica não tem nenhum efeito no combate ao coronavírus!   

obs.: esse artigo foi alterado no dia 16/04/2020 para corrigir a informação sobre a quantidade de litros que uma pessoa supostamente deveria tomar para consumir a quantidade de quinino. No texto original, a quantidade era de 300 litros e na versão corrigida passou a ser “apenas” 30 litros!

O artigo foi atualizado novamente no dia 19/0/2020 para incluir um vídeo com o direito de resposta da moça!

Continue lendo
31 Comentários

31 Comments

  1. Maria

    15 de abril de 2020 em 19:23

    Pessoas descobriram que a IMBECIL que produziu o vídeo é a VICTÓRIA PEIXOTO. Ela se apresenta como Ambientalista e Ativista Política, com formação em Ciência Política e Antropologia (link abaixo). Bom, eu sei que o argumento de autoridade pode ser uma falácia, entrentanto, não dá para deixar de observar que essa garota tem formação em CIÊNCIAS HUMANAS e não em Ciências Biológicas e Ciências Exatas que são as áreas de especialização que seriam necessárias para ela ter um mínimo de crédito. Esse é um dos problemas da Internet: qualquer um vira “especialista” em qualquer coisa na Internet. 😐 KKKKKKKKKKKKKKKK! 😀

    https://twitter.com/VPeixotoms

    • Joaquim Ico

      16 de abril de 2020 em 9:35

      Além dos médicos “formados” pelo Zapzap, agora temos QUÍMICOS com a mesma “formação”. Está cada dia pior.

      • Maria

        16 de abril de 2020 em 19:08

        @Joaquim Ico , Victória Peixoto se manifestou nas Redes Sociais (Facebook) e deu uma espécie de “desculpa” (link abaixo). Hummmmmm… 😐 Não foi muito convincente não. 😐 KKKKKKKKKKKKKKK! 😀

        https://www.facebook.com/photo?fbid=150444686450013&set=pcb.150444726450009

      • Maria

        17 de abril de 2020 em 18:19

        @Joaquim Ico , agora a pouco ela soltou um outro pedido de “desculpas” na forma de vídeo (link abaixo). Em suma, nitidamente ela quer “TIRAR O DELA DA RETA”. Ela alega ter sido uma “brincadeira”, uma “curiosidade”, que as mídias “distorceram” o vídeo original dela. Alega que em nenhum momento do vídeo disse ser “médica”, ter dito algo sobre “Coronavirus, receita, tratamento”. Só tem um “PROBLEMINHA”: às 0:08/0:19 do vídeo original, ela tocou na palavra “CLOROQUINA” e, daí, tudo que ela fala vai por àgua abaixo devido ao CONTEXTO ATUAL em que esta palavra/substância está inserida. 😐 KKKKKKKKKKKKKKKK! 😀

        https://www.facebook.com/VictoriaPeixotoMS/videos/2858651824169855

        • Alexandre Ribeiro da Silva

          21 de abril de 2020 em 0:57

          Isso tem a ver com o sal de quinino que enriqueceu muita gente durante a gripe espanhola e não servia para o nenhuma?

          • Maria

            22 de abril de 2020 em 1:07

            @Alexandre Ribeiro da Silva , hummmm… 😐 Teria a ver se a Victória Peixoto não tivesse mencionado a palavra “CLOROQUINA” no vídeo dela e, daí, ela teria o BENEFÍCIO DA DÚVIDA e a presunção de BOA-FÉ intacta, mas não foi o caso. Realmente há registros de que o quinino foi utilizado, na forma de CURANDEIRISMO, para o tratamento da Gripe Espanhola. Link abaixo com um artigo de 1986.

            http://www.historica.arquivoestado.sp.gov.br/materias/anteriores/edicao22/materia03/texto03.pdf

  2. Erad Vinho

    15 de abril de 2020 em 20:32

    Daqui a pouco aparecem os bozobots bovinos pastadores e passadores de pano defensores do “minto” te chamar de petralha, comunista, mancomunado com a Globo e uma vasta gama de impropérios com evidências retiradas das próprias cavidades anais…

  3. Maria

    15 de abril de 2020 em 22:17

    Fiquei curiosa e pesquisei algumas coisas sobre o assunto no YouTube. Parece que, com o advento da Cloroquina/Hidroxicloroquina, estão surgindo LEIGOS indicando, sem base científica NENHUMA, substâncias, ervas, chazinhos ou produtos naturais relacionados, praticando CURANDENRISMO. Não estou impressionada, conhecendo a IGNORÂNCIA HUMANA de alguns, era de se esperar. 😉 KKKKKKKKKKKKKKK! 😀

    https://www.youtube.com/watch?v=voLUBSryw0o

    https://www.youtube.com/watch?v=DBBDVKBUKx8

  4. Adriel Rodrigues da cruz

    15 de abril de 2020 em 23:31

    O que está acontecendo as pessoas a cada dia mas ignorantes faltando com respeito as profissionais da área de saúde e ciência em geral

    • Maria

      16 de abril de 2020 em 19:29

      @Corongão , eu vi essa notícia através de um vídeo da Band. Na minha opinião, tem DOIS “PROBLEMINHAS” aí na forma como foi apresentada. Primeiro, segundo eles, os medicamentos conhecidos que eles estão testando tem 94% de eficiência IN VITRO. Segundo, eu NÃO SEI se o Ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, está sendo OTIMISTA DEMAIS pois ele fala de testes clínicos e resultados na escala de DIAS ou SEMANAS, sendo que para o caso de Câncer (Oncologia) pode durar MESES e até ANOS (links abaixo). 😐

      https://www.youtube.com/watch?v=sgtvO2AMzFE

      https://www.inca.gov.br/pesquisa/ensaios-clinicos/fases-desenvolvimento-um-novo-medicamento

      • Corongão

        17 de abril de 2020 em 9:00

        É que os jornalistas divulgam a primeira coisa que aparece, mesmo que ainda não tenham sido feitos os testes em humanos, eles sempre correm atrás dos “furos” de reportagem.
        O Ministro da Ciência e Tecnologia criou uma expectativa que pode ser um desserviço à ciência e por pressioná-la a produzir resultados. Daí depois que descobrem a cura, com muito sacrifício, os “Zé Povinhos” dizem “Graças a Deus”…
        Em ciência não se pode chutar embora no caos de saúde que vivemos, toda esperança deve ser acolhida.

        • Maria

          17 de abril de 2020 em 10:38

          @Corongão , eu discordo no quesito “esperança”. Nem toda a esperança deve ser acolhida. Devemos ter esperança sim, mas devemos evitar a “ESPERANÇA DOS TOLOS” e manter os pés no chão. Caso contrário, tal tipo de “esperança” pode fazê-lo tomar decisões erradas, desperdiçar preciosos recursos e, eventualmente, levá-lo em direção à MORTE. 😐

  5. Alexandre Mendes

    17 de abril de 2020 em 2:34

    O pior não é isso, é que essa criminosa, sim CRIMINOSA está usando seu canal para praticamente RECEITAR a quinina como remédio para suas rede de seguidores. Na otica dela, qualquer produto que contenha um ativo de um remedio pode ser consumido isso significa, que um cardiaco que tem nitroglicerina como receita pode normalmente comer sabonete a base de glicerina que vai ter um coração novinho em folha.

    O que mais assusta é que além de ter um viés Bolsonarista, ela aprece acreditar realmente no que fala e ainda diz que, tomar a agua tonica vai curar a covid. Agora eu pergunto, o que ela faz no video é ou não um crime?

    • Corongão

      17 de abril de 2020 em 9:02

      Na óticadela acho que não.

      • Ed Vogado

        17 de abril de 2020 em 10:34

        Alegar não saber que comete ilícito é irrelevante para configuração do crime.

        • Ilicito

          17 de abril de 2020 em 13:14

          Cacofonia é crime?

          • Ed Vogado

            20 de abril de 2020 em 13:08

            Não. Mas falácia deveria ser.

  6. Maria

    17 de abril de 2020 em 10:17

    30 LITROS de água tônica em um dia para obter 1,5 gramas de quinino no tratamento de Malária? Deve ser “Homeopático” e é óbvio que vai fazer mal se alguém se dispuser a fazer isso, pois a média recomendada para a hidratação de um adulto é somente 2 Litros de água. 😉 KKKKKKKKKKKKK! 😀

  7. Pedro Lucio Ribeiro

    17 de abril de 2020 em 13:58

    Certeza, que é tiro e queda: NICOTINA!!! Acaba com o Coronavírus: vai tudo para o cemitério: coronavírus e paciente fumante!

  8. Ary

    18 de abril de 2020 em 21:29

    Ela esqueceu de pedir para colocar álcool e vitamina C na água tônica (gin e limão) aí não ia ter corona que resista kkkkk

  9. Italo

    19 de abril de 2020 em 13:57

    Parabéns pelo artigo.
    Acompanho teu site desde a noticia sobre o prêmio pulitzer do Glenn Greenwald, em Julho de 2019.
    Percebi que desde o inicio de Março, o número de comentários tem aumentado. Entendo o que você quer passar publicando as noticias, e desmentindo essas inverdades. Pude notar em que alguns comentários, você tem dado alguma tipo de resposta. Acredito que não deva fazer, pois quem lê o que você escreve e mesmo assim continua com o mesmo pensamento, vem com a cabeça fechada, não é a sua publicação muito menos o seu comentário que vai mudar o que algumas pessoas querem que seja verdade e o que de fato é. Não perca seu tempo com essas pessoas, que infelizmente escolhem o embate ao dialogo.

    • Maria

      19 de abril de 2020 em 19:54

      @Italo , cada Agência de Fact-Checking tem a sua própria metodologia/técnica. Talvez seja uma estratégia do Gilmar Lopes. O e-Farsas é um dos poucos, senão a única Agẽncia de Fact-Checking que tem “cara”, personalidade, que dá para sentir que tem um SER HUMANO por trás do site (é uma equipe exuta) e dá a possibilidade de interagir com seu público. Mas quem sabe se, com o tempo, o site e-Farsas fique mais evoluído, moderno, profissional, com mais colaboradores etc e adquira status de GRANDE EMPRESA de Fact-Checking, com personalidade e vida própria. 😉

  10. Wilson

    19 de abril de 2020 em 16:20

    Desde a primeira vez que vi esse vídeo entendi como ironia…..

  11. Corongão

    22 de abril de 2020 em 12:50

    “Cloroquina é o caralho. Meu nome agora é ‘Remédio do Bolsonaro'” (Zé Pequeno)

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo