Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Frase sobre a dívida externa de países subdesenvolvidos foi dita por Margaret Thatcher?

Falso

Frase sobre a dívida externa de países subdesenvolvidos foi dita por Margaret Thatcher?

Frase sobre a dívida externa de países subdesenvolvidos foi dita por Margaret Thatcher?

Recentemente, um membro de nosso grupo no Facebook nos enviou uma dúvida muito interessante. Ele nos questionou se uma frase, atribuída a Margaret Thatcher, teria sido realmente dita ou escrita por ela em algum lugar. O usuário alegou que estava procurando há três meses sobre esse assunto, mas que não encontrava nada a respeito.

Um membro de nosso grupo no Facebook nos enviou uma dúvida muito interessante.

Para quem não sabe, Margaret Thatcher foi a primeira mulher que ocupou o cargo de primeira-ministra da Grã-Bretanha. Apelidada de “Dama de Ferro”, ela deixou um imenso e importante legado político. Não iremos entrar muito em detalhes sobre a vida e a carreira política da Thatcher para que este artigo não fique longo, mas vocês podem pesquisar sobre ela na internet. Há uma vasta gama de informações acessíveis publicamente.

Enfim, resolvemos ir atrás dessa história! Será que Margaret Thatcher realmente disse isso? Descubra agora, aqui, no E-Farsas!

Verdadeiro ou Falso?

Falso! Nada indica que Margaret Thatcher tenha dito ou escrito essa frase ao longo de sua vida. Essa frase já foi citada como autêntica pela revista Superinteressante, num artigo publicado em outubro de 2016, mas ao fazermos uma ampla pesquisa descobrimos detalhes que denotam fortemente para uma declaração falsamente atribuída a Margaret Thatcher.

A Origem do Problema

Em 2009, dois pesquisadores franceses publicaram um artigo intitulado “National sovereignty vs. sustainable development lessons from the narrative onthe internationalization of the Brazilian Amazon” (“Soberania nacional versus lições de desenvolvimento sustentável da narrativa sobre a internacionalização da Amazônia brasileira”, em português) no periódico “Political Geography”.

Nele, os pesquisadores analisaram um debate que estava havendo, naquela época, sobre a preocupação da sociedade brasileira com a internacionalização da Amazônia. É justamente nesse artigo que é descrita a origem dessa declaração.

É justamente nesse artigo que é descrita a origem dessa declaração

Um Trecho Muito Peculiar

Há um trecho muito interessante desse artigo, onde os pesquisadores citam uma série de frases, e alegam se tratar de uma compilação realizada por Carlos Chagas (1937 — 2017), um jornalista brasileiro. Ele teria publicado tais frases, na extinta revista Manchete, em 5 de julho de 1997.

Eis as frases:

Se os países subdesenvolvidos não conseguem pagar suas dívidas externas, que vendam suas foturnas, seus territórios, suas riquezas” (Margaret Thatcher, primeira-ministra britânica, 1983).

Ao contrário do que pensam os brasileiros, a Amazônia não está com eles, mas com todos nós” (Al Gore, senador e vice-presidente dos Estados Unidos, 1989).

O Brasil deve aceitar soberania relativa sobre a Amazônia” (François Mitterrand, Presidente da França, 1989)

A destruição da Amazônia significaria a destruição do mundo” (Parlamento Italiano, 1989)

O Brasil deve delegar parte de seus direitos sobre a Amazônia a agências internacionais qualificadas” (Mikhail Gorbachev, presidente da antiga União Soviética, 1992)

A Amazônia é a herança de toda a humanidade. A posse de suas imensas terras pelos países amazônicos é principalmente circunstancial” (Conselho Mundial de Igrejas Cristãs, Genebra, 1992)

Os pesquisadores citam uma série de frases, e alegam se tratar de uma compilação realizada por Carlos Chagas (1937 — 2017), um jornalista brasileiro.

Não há Nenhuma Prova que Tais Frases Foram Ditas por Seus Respectivos Autores

Em seguida, reparem bem no que os pesquisadores disseram sobre essas frases:

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Todas essas citações têm as mesmas características: elas provêm de políticos influentes e conhecidos, líderes das maiores nações do mundo e são mencionadas apenas por ano. Não há como descobrir a data exata ou o local em que o comentário foi feito, dificultando a inserção no contexto. O único contexto ao qual podemos nos referir para essas citações não é o contexto em que foram feitas, mas o contexto em que são usadas nas narrativas que denunciam a internacionalização.

Frase Atribuída a Al Gore Nunca Foi Dita por Ele!

No ano passado, o jornal “The Washington Post” acabou tendo que se retratar publicamente ao citar a frase atribuída a Al Gore sobre a Amazônia.

Eis o foi mencionado numa nota de rodapé:

Uma versão anterior deste artigo atribuiu incorretamente uma citação de 1989 ao então Senador Al Gore. Um porta-voz de Gore diz que ele nunca disse: ‘Ao contrário do que os brasileiros pensam, a Amazônia não é propriedade deles, pertence a todos nós’, e que ele se opôs a esse sentimento.

Ao procurar por outras referências, em inglês, não encontraram nenhuma fonte que realmente atestasse que as demais frases, assim como a de Margaret Thatcher, foram ditas ou escritas por tais figuras públicas.

O Jornalista Carlos Chagas Inventou Todas Essas Frases?

Carlos Chagas nunca forneceu nenhuma prova de que tais frases tivessem sido realmente ditas ou escritas em algum momento da linha do tempo. Tudo aponta que ele, muito provavelmente, tenha inventado tais frases, mas não podemos afirmar isso de forma categórica. Apenas que não há nenhuma prova ou referência explícita a tais citações sendo atribuídas aos autores apontados por ele.

Em 2006, Carlos Chagas se envolveu numa polêmica ao divulgar detalhes de uma sobre a suposta ONG ao apontar número de diretores, valores destinados à organização e uma ligação íntima entre o presidente da ONG (supostamente um ex-líder sindical, filiado à CUT e ao PT) e o então presidente Lula.

Cerca de um mês depois ele publicou uma retratação que “tudo não teria passado de uma metáfora que, entretanto, não estava devidamente caracterizada”.

A Tentativa de Transformar a Mentira em Verdade

Num livro chamado “Governing the Rainforest: Sustainable Development Politics in the Brazilian Amazon“, publicado no ano passado, Eve Z. Bratman, professora assistente de Estudos Ambientais na Franklin & Marshall College, nos Estados Unidos, alegou que as frases atribuídas a Al Gore, Thatcher, Gorbachev e François Mitterrand eram autênticas, mas, novamente, a autora falhou em provar a origem de tais frases. Ela simplesmente copiou e colou o que já havia sido publicado anteriormente por pesquisadores franceses.

Eve Z. Bratman professora assistente de Estudos Ambientais na Franklin & Marshall College, nos Estados Unidos, alegou que as frases atribuídas a Al Gore, Thatcher, Gorbachev e François Mitterrand eram autênticas, mas, novamente, a autora falhou em provar a origem de tais frases.

Isso mostra como uma mentira (ou algo não provado) vai tentando ganhar ares de verdade ao ser reproduzida em diversos locais por jornalistas ou autores de livros.

Conclusão

Falso! Nada indica que Margaret Thatcher tenha dito ou escrito essa frase ao longo de sua vida. Tudo aponta que essa faça parte de uma compilação bem maior de frases, muito provavelmente inventadas, por um jornalista chamado brasileiro chamado Carlos Chagas. Ele teria publicado tais frases, na extinta revista Manchete, em 5 de julho de 1997, mas nunca forneceu nenhuma prova mais específica ou enfática de quando ou onde tais frases teriam sido ditas ou escritas.

Continue lendo

Jornalista, redator, e pesquisador de comunicação social com foco no combate a disseminação de notícias falsas. Colaborador do site de verificação de fatos E-farsas.com desde janeiro de 2019. Entre junho de 2015 e abril de 2018, trabalhei como redator do blog AssombradO.com.br, além de roteirista do canal AssombradO, no YouTube, onde desmistificava todos os tipos de engodos pseudocientíficos, além de casos supostamente sobrenaturais.

2 Comentários

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo