Ministra Maria do Rosário se confunde e fala em controle remoto!

24
25188
Recorte de jornal mostra gafe cometida pela ministra dos Direitos Humanos! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)

Recorte de jornal mostra gafes cometidas pela Ministra dos Direitos Humanos durante entrevista, que usou um controle remoto de ar-condicionado para simular uma conversa no celular!

No começo da segunda semana de março de 2014, uma notícia apareceu nas redes sociais em diversos sites e blogs. De acordo com o texto, a Ministra da Secretaria dos Direitos Humanos Maria do Rosário teria afirmado, quando indagada por um repórter sobre o homicídio de um produtor de TV homossexual, que quem comete crimes contra gays merece a pena de morte. A notícia também diz que quando o repórter lembrou a ministra que os assassinos eram menores de idade, Maria do Rosário teria ficado envergonhada com a gafe cometida e, para disfarçar, teria fingido estar falando ao celular. Só que o celular era, na verdade, o controle remoto de um ar-condicionado.

O trecho do jornal com a falha da ministra teve inúmeros compartilhamentos no Facebook. Principalmente, depois que o deputado Jair Bolsonaro publicou a matéria em seu perfil da rede social (sua postagem foi compartilhada mais de 104mil vezes e teve mais de 14mil curtidas)!

Será que essa notícia é real?

Leia ao recorte do jornal e descubra se isso é verdadeiro ou falso?

Recorte de jornal mostra gafe cometida pela ministra dos Direitos Humanos! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)
Recorte de jornal mostra gafe cometida pela ministra dos Direitos Humanos! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)

Verdadeiro ou falso?

Em primeiro lugar, vale sempre dar aquela checada básica em alguns requisitos para ver se algo que foi publicado na web é ou não um boato eletrônico. Como já falamos inúmeras vezes aqui no E-farsas, a maioria dos hoaxes não é datada. Dessa forma, quem lê o texto pode achar que seu conteúdo é recente.

No caso, o artigo não é datado (diz apenas que o fato teria ocorrido “há dias”), mas trata de um crime ocorrido em março de 2014 contra um jornalista, de 45 anos. O corpo da vítima foi encontrado em um canavial na cidade de Porto Feliz, interior de São Paulo. Entenda mais sobre esse assassinato nessa matéria do Portal R7.

Como o recorte do jornal não cita o nome da vítima do crime, daqui a alguns anos (quando ocorrer um crime semelhante), é bem capaz que essa mesma historia envolvendo esse incidente com a ministra volte a circular.

Outro detalhe que a manchete não explica é onde a ministra teria cometido as tais gafes. Será que é por falta de espaço no jornal?

Aliás, que jornal é esse de onde foi recortada a matéria? Não se sabe…

Quem é o jornalista que estava entrevistando a ministra? Não se sabe…

Saiu em algum telejornal? Não se sabe…

É claro que não se sabe. E é porque a notícia foi inventada!

Procuramos na web alguma publicação que validasse essa informação, mas só encontramos sites e blogs que apenas republicaram a matéria. Ninguém foi além e publicou  o nome do jornalista ou o do jornal que teria escrito a matéria.

Origens

Nas buscas sobre mais informações sobre a notícia, acabamos por descobrir que quem bolou essa brincadeira com a ministra foi o humorista Joselito Muller. No dia 7 de março de 2014, esse “boateiro profissional” publicou a notícia falsa envolvendo a deputada federal e professora Maria do Rosário na piada.

Imediatamente, alguém pegou esse texto do humorista e o transformou em um recorte de jornal, dando um ar de credibilidade ao assunto.

A ministra não gostou da brincadeira e publicou em seu perfil do Facebook algumas mensagens de repúdio ao trabalho de Joselito Muller e dá um “puxão de orelhas” em alguns jornais e blogs de notícia (que não apuram os fatos antes de divulgar). Em um de seus textos, a professora Maria do Rosário diz:

“Recebi a notícia Do blog que faz piadas de mau gosto misturando humor e fatos inverídicos mais uma vez postou matéria com meu nome. Jornais e blogs de política repercutiram sem apurar ou checar fonte. Reafirmo: a internet é um espaço democrático, mas deve ser utilizado com respeito a todos e todas! Este fato nunca existiu!”

Conclusão

Notícia falsa! A Ministra dos Direitos Humanos não afirmou que assassinos de homossexuais devem morrer e não fingiu falar ao celular em um controle remoto. Tudo foi inventado por um humorista em um blog de humor.

24 COMMENTS

  1. Bastou envolver alguma pessoa ligada ao governo petista pra que a página se apresse a desmentir. faz um ano que mandei uma imagem onde o Alckmin teria dito uma certa frase, e o dono da página jamais se interessou. Mas basta envolver o PT pra ele ser rápido no gatilho. Pena que de imparcial a página não tenha nada !! É parcial até demais

  2. Já que a ministra se manifestou desmentindo a notícia, porque não aproveitou e deu sua “verdadeira” opinião ?!?! Está parecendo que os fatos da notícia realmente aconteceram e agora estão fazendo de tudo para acobertar !!!

  3. Bacana, hem? O E-farsas entrou nas campanhas do PT?? É uma boa, hem? Dinheirinho público fácil depositado na conta offshore que vcs quiserem…

  4. Sabe Gilmar,eu não gosto do PT,na verdade tenho muita aversão,mas nego fica bravo com voce porque ele QUER que a noticia seja verdade,não admite que em meios a tantos problemas verdadeiros do PT muita mentira rola,até hoje nego acredita que o PT que inventou o auxilio-reclusão e que realmente paga 2000 para cada preso do país,que o Bolsa-Familia paga valores astronomicos sendo que a quantia verdadeira é baixa,baixissima.
    Não gosto do PT mas gosto menos das mentiras e é fato que Joselito Muller pegou alguma birra com Maria do Rosário e inventa uma pior que a outra,e não sei como o povo toma como verdade.
    Eu prefiro atacar este governo mas baseado na verdade e em fantasias.

  5. Essa é uma preocupação besta!
    Se é mentira, não faz sentido tanta discussão. Vamos nos preocuparmos com coisas mais importantes. Todos já sabem que quem fica correndo atras do PT, são aqueles que possuem tempo para limpar bosta dos sapatos.

  6. Na matéria do blogo do Joselito Muller esta escrito no final:

    “Enviado por SideShow Bob, ligeiramente modificando por mim, JM.”

    ou seja, será que esse SideShow Bob não tinha enviado o recorte de jornal?

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here