30.4 C
São Paulo
terça-feira, janeiro 18, 2022

Rússia desiste da Copa de 2018 e Brasil é favorito para sediar!

- Publicidade -

É verdade que a Rússia desistiu de sediar a Copa do Mundo em 2018 e o Brasil virou o favorito para receber o evento novamente?

A notícia apareceu nas redes sociais no final de julho de 2014. Uma imagem que parece ser um recorte de jornal mostrando a seguinte manchete:

“Rússia desiste de realizar a Copa do Mundo de 2018 e Brasil é favorito para sediar”

O pedaço do jornal foi compartilhado milhares de vezes pelas redes sociais e muita gente ficou na dúvida se aquilo era verdade mesmo!

Somente na fanpage Desimpedidos, por exemplo, a postagem com a reprodução da manchete teve mais de 16mil compartilhamentos e foi curtida mais de 50mil vezes!

Será que essa manchete é real?

Recorte de jornal afirma que a Rússia desistiu da Copa e Brasil é o favorito! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)
Recorte de jornal afirma que a Rússia desistiu da Copa e Brasil é o favorito! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)

 

Verdadeiro ou falso?

O recorte de jornal é real, mas a notícia é falsa!

Em primeiro lugar, a Rússia teria mesmo sugerido negar o convite para sediar a Copa do Mundo no país, mas – de acordo com essa matéria do Lancenet isso foi em 2010 e a Rússia teria desistido da Copa de 2022.

Em várias matérias publicadas em diversos jornais, podemos ver que os amigos russos já estão adiantados com relação às obras de infra-estrutura que servirão para a Copa de 2018.

Confusão

- Publicidade -

De acordo com a edição do dia 27 de julho de 2014 do Jornal o Globo, o presidente da Federação Alemã de Futebol (DFB, na sigla em alemão), Wolfgang Niersbach, sugeriu à FIFA que a Copa do Mundo de 2018 fosse realizada na Alemanha. Niersbach alegou que a tensão política entre Rússia e Ucrânia e os conflitos no Leste europeu poderiam colocar o evento em risco se for feito na Rússia. No entanto, no dia seguinte ao pedido dos alemães, a FIFA se pronunciou, afirmando que a Copa de 2018 será realizada entre os russos, mesmo!

O recorte do Jornal Cinform

Após toda a confusão causada pelo recorte de jornal que se espalhou pela web, o Jornal Cinform se pronunciou sobre a manchete atribuída a ele. No dia 04 de agosto de 2014, o jornal explicou em seu perfil do Twitter que a manchete era falsa e fazia parte de um anuncio publicitário:

 

 

Conclusão

A notícia era apenas uma campanha publicitária, que foi retirada do contexto e se espalhou pela web. Tudo indica que a Copa de 2018 será mesmo realizada na Rússia. De qualquer maneira, a probabilidade do Brasil receber duas copas seguidas é nula!

- Publicidade -
Gilmar Lopes
Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas. Trabalha com PHP e banco de dados Oracle e é especializado em criação de ferramentas para Intranet. Em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar também tem um espaço semanal dentro do programa “Olá, Curiosos!” no YouTube e co-apresenta o Fake em Nóis ao lado do biólogo Pirulla!

Últimas Atualizações

- Publicidade -

Ajude a Manter o E-farsas

Checagens Relacionadas

2 COMENTÁRIOS

  1. se era uma campanha publicitára qual era então? era apenas o papo cheio a falar? a copa nem foi tão boa assim para acharem que merecem ter outra!!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui