Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Vídeo mostra uma criança chinesa tomando uma “sopa” de girinos vivos?

Animais

Vídeo mostra uma criança chinesa tomando uma “sopa” de girinos vivos?

Vídeo mostra uma criança chinesa tomando uma “sopa” de girinos vivos?

No início deste mês recebemos um questionamento em nossa página no Facebook sobre um vídeo muito estranho. Nele, é possível ver uma mulher alimentando uma criança, aparentemente de origem chinesa, com uma “sopa” repleta de pequenos animais vivos! É possível notar claramente, inclusive, que os tais animais se movimentam em meio a “sopa” aquosa!

O vídeo disseminado possui cerca de 30 segundos, mas, na verdade, a ação em si dura cerca de 10 segundos. Isso porque quem o disseminou, o editou para fazer parecer uma ação contínua. Basicamente, repetiu um único vídeo por cerca de três vezes. Portanto, não sabemos a quantidade exata de animais vivos ingeridos pela criança. De qualquer forma, é possível ver a mulher servindo ao menos duas colheradas dessa “sopa” para a criança, que por sua vez não esboça nenhuma reação de nojo ou irritação.

Confira abaixo o vídeo:

 

No Twitter, por exemplo, esse vídeo vem viralizando de forma muito expressiva, pelo menos desde o dia 24 de janeiro de 2020! Numa publicação de uma usuária francesa apelidada de “nxthl” , esse vídeo já foi assistido mais de 2,2 milhões de vezes e obteve mais de 1,7 mil retuítes.

No Twitter, esse vídeo vem viralizando de maneira bem expressiva!

No tuíte, a usuária disse:

Entendo o porquê na China há um vírus com tamanha gravidade

Entretanto, será que esse vídeo é realmente verdadeiro? Estaríamos diante de uma manipulação digital? Será que o vídeo possui alguma relação com a transmissão do novo coronavírus? Descubra agora, aqui, no E-Farsas!

Verdadeiro ou Falso!

Embora o vídeo seja verdadeiro, ou seja, não se trate manipulação digital, ele não possui nenhuma relação direta, tampouco a ação tem qualquer correlação comprovada com o novo coronavírus. Na verdade, esse vídeo é relativamente antigo, uma vez que viralizou nas redes sociais chinesas em abril de 2018! Até hoje não ficou claro quando e onde exatamente a ação aconteceu, mas, na época, o vídeo despertou a fúria de muitos chineses que repudiaram o ato da mulher.

Segundo o site de notícias “The Strait Times”, essa “sopa” aquosa conteria girinos vivos, sendo esta uma prática secular relatada num livro chamado “The Compendium of Materia Medica! A primeira edição desse livro data de 1578 e foi escrita pelo herbalista chinês Li Shizhen. O material é considerado parte da chamada “Medicina Tradicional Chinesa”, e lista todas as plantas, animais, minerais e outros itens, que se acredita terem propriedades medicinais!

Aliás, vale ressaltar nesse ponto, que a Organização Mundial de Saúde (OMS) emitiu o primeiro alerta para a chamada “Doença Respiratória de 2019-nCoV” em 31 de dezembro de 2019, depois que autoridades chinesas notificaram casos de uma misteriosa pneumonia na cidade de Wuhan, uma metrópole chinesa com 11 milhões de habitantes!

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Na verdade, esse vídeo é relativamente antigo, uma vez que viralizou nas redes sociais chinesas em abril de 2018!

E Para que Serviria Essa Sopa de Girinos Vivos? Ela é Realmente Benéfica?

De acordo com um pediatra chamado “Dr. Pei”, que foi citado pelo “The Strait Times”, é alegado que a ingestão de girinos vivos seria capaz de “desintoxicar” feridas ou úlceras. Contudo, a ingestão de girinos é extremamente perigosa, porque pode gerar uma efeito justamente oposto. Crianças ou adultos podem contrair sérias infecções a partir da ingestão desses girinos.

Em versões do livro, disponibilizadas na Internet, por outro lado, o uso de girinos para “curar” feridas ou vergões exigiria que as criaturas fossem esmagadas em uma polpa, adicionadas a um purê de amoras, e aplicada sobre as feridas. De qualquer forma, essa receita “caseira” não é nada recomendada para o tratamento de feridas na pele.

Os Chineses Têm Alguma Razão em Utilizar a Sopa de Girinos Vivos?

Não! Aliás, um artigo científico chamado “A Neglected Risk For Sparganosis: Eating Live Tadpoles in central China“, realizado por cientistas chineses, aprovado pelo Comitê de Ética em Ciências da Vida da Universidade de Zhengzhou, e publicado no periódico “Infectious Diseases Of Poverty“, em 2017, abordou o quão problemática é essa prática na região central da China.

Trecho inicial do artigo científico chamado “A Neglected Risk For Sparganosis: Eating Live Tadpoles in central China”.

Eis um trecho do estudo:

A esparganose é uma zoonose parasitária negligenciada, mas importante, associada a pobreza. As infecções humanas são adquiridas principalmente pela ingestão de carne crua ou não cozida de sapos e cobras infectadas com plerocercoides, usando carne de sapo ou cobra como cataplasmas ou bebendo água contaminada com copépodes infectados. No entanto, a esparganose causada pela ingestão de girinos vivos está surgindo no centro da China. Nossas pesquisas mostraram que 11,93% dos girinos na província de Henan estão infectados com plerocercoides. Comer girinos vivos representa um alto risco de infecção por espargano. Uma educação abrangente em termos de saúde pública deve ser realizada para pessoas em áreas endêmicas e o mau hábito de comer girinos vivos deve ser desencorajado

Segundo o artigo, a ingestão de girinos vivos pode causar febre alta persistente, dor abdominal, erupção cutânea, eosinofilia, peritonite, adesão ou obstrução intestinal, e derrame abdominal ou pleural. Curiosamente, a ingestão de girinos vivos costuma levar a infecções mais graves do que a ingestão de carne crua!

Conclusão

Embora o vídeo seja verdadeiro, ou seja, não se trate manipulação digital, ele não possui nenhuma relação direta, tampouco a ação tem qualquer correlação comprovada com o novo coronavírus.

Na verdade, esse vídeo é relativamente antigo, uma vez que viralizou nas redes sociais chinesas em abril de 2018!

Continue lendo
1 Comentário

1 Comentário

  1. Marco Faustino

    20 de março de 2020 em 11:23

    Olá Marcos,

    Essa prática é extremamente comum, pelo menos desde 1578, em algumas regiões na China.
    Quanto ao vídeo, assim como os demais sites que divulgaram esse vídeo ao redor do mundo, não encontramos quaisquer indícios de manipulação digital.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo