Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Homem leva tiro no rosto após a bala ricochetear em um tatu?

Acidentes

Homem leva tiro no rosto após a bala ricochetear em um tatu?

Será verdade que um texano atirou em um tatu, mas a bala ricocheteou no bicho e atingiu o atirador no rosto?

A notícia apareceu em diversos sites e blogs no começo de agosto de 2017, poucas horas após uma publicação no portal de notícias G1. De acordo com o texto da reportagem, um morador do Texas, nos Estados Unidos, teria ficado ferido após disparar uma um tiro contra um tatu que estava em seu jardim. O curioso é que a bala teria ricocheteado no animal e teria atingido o atirador no rosto!

Será que essa notícia é verdadeira ou falsa?

Verdade ou farsa?

Apesar dessa notícia se espalhar no segundo semestre de 2017, o fato aconteceu em 2015, de acordo com a agência de notícias Reuters, que ouviu o testemunho do xerife do condado de Cass, Larry Rowe, na ocasião!

Infelizmente, o caso é difícil de ser verificado, uma vez que o incidente ocorreu há mais de 2 anos e, além disso, o nome do homem não foi divulgado, o que torna muito mais difícil a apuração da notícia.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Segundo a Reuters, o xerife afirmou que o homem havia ido para fora de sua casa em Marietta, sudoeste de Texarkana, por volta das 3 da manhã e, quando viu o tatu em sua propriedade e abriu fogo. A carapaça do bicho o protegeu de pelo menos 3 tiros de um revólver calibre 38 e uma das balas atingiu o maxilar do homem, que foi transportado por avião para um hospital próximo, onde sua a mandíbula foi “arrumada”.

Caso semelhante

Essa não foi a primeira vez que a carapaça de um tatu causou um acidente quase fatal para um humano. Também em 2015, outro americano acabou acertando a sogra ao atirar em um tatu com um pistola 9 mm!

O caso aconteceu no Condado de Lee, na Geórgia, nos Estados Unidos e o animal (o tatu) morreu… Acontece que a bala disparada por Larry McElroy ricocheteou no casco do bicho e acabou acertando a sogra do homem, Carol Johnson, nas costas! Ela foi levada ao hospital e rapidamente teve alta!

Infelizmente, o tatu da Geórgia não teve a mesma sorte do tatu texano: morreu no local!

Conclusão

O caso do homem que atirou em um tatu e acabou se ferindo com a sua própria bala que recocheteou no casco do animal foi confirmado pelo xerife local à agência de notícias Reuters. O incidente aconteceu em 2015 e houve casos semelhantes registrados em outros locais.  

Continue lendo
4 Comentários

4 Comments

  1. Jaqueline R. Silva

    4 de agosto de 2017 em 3:52

    Kkkkk esse aí deu azar!!

  2. Breno

    5 de agosto de 2017 em 0:37

    Olá, sou policial e já vi caso de projéteis voltarem no atirador após se chocarem com uma barra de ferro maçico diretamente (sem dispersar a energia cinética em nada). Muitos fatores precisam se combinar para esse fenômeno acontecer: tipo de munição, quantidade e tipo de pólvora utilizada, ângulo de colisão, etc. O curioso é que esses casos não são raros e geralmente ocorrem em stands ilegais ou com profissionais negligentes, pois é proibido utilizar ferro maciço (material exemplo) em alvos muito próximos do atirador.

    • Renato

      6 de agosto de 2017 em 23:33

      Pilico? Então é do MAL!!!

  3. Renato

    6 de agosto de 2017 em 23:38

    Ben feito! Quem mandou fazer essa maldade com um animal?

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo