Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Padre pedófilo com HIV foi perdoado pela Igreja por violar 30 crianças?

Conspirações

Padre pedófilo com HIV foi perdoado pela Igreja por violar 30 crianças?

Padre pedófilo com HIV foi perdoado pela Igreja por violar 30 crianças?

É verdade que um padre chamado José Garcia Ataulfo foi absolvido pelo papa após admitir ter estuprado e contaminado com HIV 30 crianças?

A notícia surgiu nas redes sociais na segunda quinzena de julho de 2018 e se espalhou também através de publicações em vários sites e blogs. De acordo com o texto, um padre soropositivo chamado José Garcia Ataulfo teria confessado que estuprou 30 crianças – entre 5 e 10 anos de idade – mas teria sido perdoado pelo Vaticano.   

A notícia afirma também que a mãe de uma das vítimas do sacerdote teria escrito uma carta ao papa Francisco pedindo para se encontrar com ele em Roma e discutir o assunto, mas foi evitado pelo Vaticano que teria declarado que “o assunto está fechado“…

As vítimas do padre seriam na maioria crianças indígenas mexicanas e apenas duas das trinta vítimas de estupro se apresentaram para denunciar a absolvição.

Será que isso é verdade ou mais uma farsa da web?

Padre mexicano teria sido absolvido pela Igreja após confessar estupro de 30 crianças! Será verdade? (foto: Reprodução/WhatsApp)

Verdade ou mentira?

Em dezembro de 2017, o site Sempre Questione (já conhecido aqui no E-farsas por disseminar inúmeras notícias falsas) publicou a notícia do suposto padre José Garcia Ataulfo que teria sido perdoado pela Igreja após confessar ter estuprado 30 crianças. Dessa vez (diferente de outras fake news publicadas lá), o site citou nomes e links para referência. Dentre eles, o site Daily Mail.

Acontece que um ano antes, em setembro de 2016, o site Blasting News e tantos outros (que não prezam muito pela checagem das informações) publicaram um texto semelhante, com os mesmos links de referência.

Uma dúvida que surge ao ler a notícia é: Mesmo que o padre tenha sido realmente absolvido pela Igreja, por que ele não respondeu criminalmente?

Entre em contato com o E-farsas via WhatsApp: (11) 96075-5663

Origens

Uma busca pelas origens do fato, caímos no site de língua inglesa Daily Mail que publicou a respeito do padre pedófilo em setembro de 2016. Na reportagem, o Daily Mail cita o site argentino Urgente24, que por sua vez cita o site Anonymous.mx, um site “hacker” que não tem a menor credibilidade!

Aliás, a matéria publicada pelo Anonymous.mx já foi apagada, mas ainda podemos resgatar o texto graças ao WebArchive.

A Igreja desmentiu

No dia seguinte à disseminação dessa “notícia” (21 de setembro de 2016) o escritório de comunicações da Arquidiocese do México, afirmou que o suposto sacerdote José Ataulfo não está listado nos registros de sua jurisdição, nem nos da Arquidiocese de Antequera, Oaxaca.

“Este suposto sacerdote não pertence à Arquidiocese do México – como afirma o Anonymous México – e muito menos foi liberado, como afirma o post de forma irresponsável e maliciosa”, afirmou o padre Hugo Valdemar Romero, porta-voz da Arquidiocese do México.

A foto do padre

Se o sacerdote não existe (ou não faz parte da Igreja), de onde tiraram essa foto?

A resposta é que a imagem usada para ilustrar o padre José Garcia Ataulfo é uma montagem feita com duas fotos distintas: A primeira é do padre John Hollowell e a segunda é de um sujeito com uma cara meio estranha que já circula pela web há anos (desde 2012, pelo menos). Confira abaixo:

Falsa morte do padre inexistente

Em dezembro de 2017, sites de língua inglesa aumentaram a fake news, acrescentando que o suposto padre teria sido encontrado e morto por crucificação. Claro… outra notícia falsa!

Conclusão

A notícia afirmando que um padre foi absolvido pela Igreja Católica após confessar ter estuprado e contaminado 30 crianças é falsa!

Continue lendo
1 Comentário

Comente

1 Comentário

  1. Lucho

    4 de agosto de 2018 em 14:12

    Não. É sério que alguém levou a notícia a sério (desculpa) com essa foto aí?

    “Aliás, a matéria publicada pelo Anonymous.mx já foi apagada, mas ainda podemos resgatar o texto graças ao WebArchive”

    Ai ai ai… esse hacker russo que apaga tweets e contas aleatórias está passando dos limites.

    E asnonymous é asnonymous em qualquer lugar no mundo.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Voltando a Circular

Publicidade

Topo