Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Um “espírito” foi gravado no salão de festas de um condomínio em Curitiba/PR?

Fantasmas

Um “espírito” foi gravado no salão de festas de um condomínio em Curitiba/PR?

Um “espírito” foi gravado no salão de festas de um condomínio em Curitiba/PR?

No fim do mês de maio de 2019, o vídeo de um suposto “espírito” viralizou nas redes sociais. Inicialmente publicado no Twitter, rapidamente o vídeo repercutiu em canais e páginas de terror, no YouTube e no Facebook.

Segundo uma usuária chamada J., que foi a primeira pessoa a publicar o material, no Twitter, uma senhora viúva havia dado uma festa no salão do prédio, onde ambas moravam, no dia 25 de maio, um sábado. Posteriormente, ela trancou tudo e deu a chave para o porteiro. Durante a madrugada o porteiro viu um homem surgir “do nada”, na frente da geladeira, enquanto observava as câmeras de segurança. Assim sendo, ele correu até o local. Ao acender a luz, no entanto, o “espírito” desapareceu! J. ainda disse que o porteiro exibiu a filmagem para senhora, que começou a chorar devido a semelhança com o seu marido.

Tuíte de uma usuária chamada J.

Outros tuítes complementando sua história.

O vídeo acabou viralizando muito mais do que J. estava esperando. Ela alegou morar no andar térreo, ao lado do salão de festas. Algumas fontes apontaram que o vídeo obteve cerca de 300 mil visualizações em menos de 24 horas. Confira uma cópia do vídeo abaixo, uma vez que J. deletou seu tuíte algum tempo depois (comentaremos sobre isso daqui a pouco):

 

Entretanto, será que esse vídeo é verdadeiro? Estamos realmente diante de uma prova cabal da existência de fantasmas? Descubra agora, aqui, no E-Farsas!

Alguns Detalhes que Causavam uma Certa Estranheza no Vídeo e Sua Respectiva História

Desde o primeiro momento que a usuária publicou esse vídeo, no Twitter, havia uma série de problemas com sua narrativa. Em primeiro lugar, o vídeo consistia na gravação de um monitor a partir de um celular, ou seja, um material de baixa qualidade, sujeito a inúmeros artefatos. O ideal seria que tivéssemos o arquivo original de gravação diretamente da câmera.

Em segundo lugar, durante boa parte do vídeo não é mostrado o horário e nem o dia da gravação (somente no final que aparece muito rapidamente o dia 26). Isso indicava uma forte possibilidade de alguém tentando esconder a verdade. Provavelmente, se tratava de uma edição ou um corte. Poderia ser da própria câmera (dependendo da câmera, pode ser gravado apenas quando algum movimento for detectado) ou por parte de terceiros (manipulação digital, fraude).

A Viralização do Vídeo!

Embora o vídeo tivesse um forte indício de que não refletisse aquilo que estava sendo propagado, este viralizou no Facebook. Somente em uma das publicações, o vídeo foi visualizado quase 30 mil vezes. O vídeo também se tornou tema de um curto artigo no site da rádio “Metropolitana FM” e apareceu, inclusive, em um tuíte da conta “Twitter Moments Brasil“.

Verdadeiro ou Falso?

Falso! Não se trata de fantasma, mas de uma pessoa de carne e osso! Uma equipe de reportagem do blog “Plantão 190“, pertencente ao site “Massa News”, entrou em contato com a usuária, que por sua vez não forneceu maiores detalhes sobre o vídeo.

Entretanto, após toda a repercussão, um leitor do blog e morador do mesmo condomínio desvendou o “mistério” propagado por ela. Ele foi até a portaria e gravou aquele mesmo trecho, novamente a partir de um celular. Contudo, dessa vez a qualidade está muito melhor e temos o chamado “timestamp” (hora, minuto e segundo do dia que estava gravando). Eis o resultado:

Entre em contato com o E-farsas via WhatsApp: (11) 96075-5663

Nesse vídeo é possível notar que existem diversos cortes na gravação. E, no caso específico do tal “fantasma” é possível notar claramente que o horário avança. No momento da aparição do “fantasma” o relógio estava marcando 20h39. Contudo, no momento que o porteiro acende a luz era por volta 21h52. Assim sendo, a pessoa não desapareceu assim que a luz foi ligada. Além disso, a gravação ocorreu na noite de 26 de maio, um domingo, não durante a madrugada de sábado (25) para domingo (26).

A Explicação Técnica

Na verdade, para economizar espaço em disco rígido, a câmera só começa a filmar quando detecta atividade (ex: movimento). Por conter um sensor de luz de baixa capacidade, ela começa a filmar quando as luzes se acendem, por exemplo. O “fantasma” é simplesmente um morador do condomínio que usou o salão um pouco antes e foi buscar algo na geladeira. A entrada do porteiro no salão de festas não tem relação alguma com o evento anterior. Ele teria entrado apenas para pegar algo que havia esquecido.

Portanto, a narrativa da usuária que disseminou o vídeo, no Twitter, é completamente falsa. Diante das circunstâncias apresentadas foi inventada por alguém (não estamos dizendo que ela inventou) e, então, utilizado um vídeo, que se fosse gravado corretamente, jamais teria toda essa repercussão.

Logo no início da viralização, alguns usuários no Twitter já tinham cogitado a possibilidade dessa explicação técnica para o ocorrido:

Alguns usuários no Twitter já tinham citado exatamente isso, mas ainda não havia provas suficientes.

A Usuária Deletou o Vídeo e Mudou o Nome de Sua Conta

Uma vez que a narrativa fantasiosa caiu por terra, a usuária deletou o vídeo e mudou o nome de sua conta. Sem dar maiores detalhes, ela “justificou”:

A usuária deletou o vídeo e mudou o nome de sua conta no Twitter.

Pois é, J.! Tem muita gente mentirosa também!

Conclusão

Falso! Não se trata de fantasma, mas de uma pessoa de carne e osso! Para economizar espaço em disco rígido, a câmera de segurança só começa a filmar quando detecta atividade. Sendo uma câmera com um sensor de luz de baixa capacidade, ela começa a filmar quando as luzes se acendem. O “fantasma” é simplesmente um morador do condomínio, que usou o salão um pouco antes e foi buscar algo na geladeira. A entrada do porteiro no salão de festas não tem relação alguma com o evento anterior.

O vídeo que viralizou na redes sociais aparenta ter sido filmado com a clara intenção de fingir se tratar de uma gravação contínua, ou seja, sem cortes. Se a filmagem do monitor, a partir do celular, tivesse sido feita de maneira correta, esse vídeo não teria tido tanta repercussão assim nas redes sociais.

Continue lendo
7 Comentários

7 Comments

  1. Pingback: Um "espírito" foi gravado no salão de festas de um condomínio em Curitiba/PR? | Notícias Legais

  2. Pingback: Um “espírito” foi gravado no salão de festas de um condomínio em Curitiba/PR? | ^v

  3. Pingback: Um “espírito” foi gravado no salão de festas de um condomínio em Curitiba/PR? – Zip Viral

  4. Adyr Sebastião Ferreira

    2 de junho de 2019 em 7:27

    Parabéns, Marco, pela análise isenta e competente!
    Matou a pau! Fantasmas não existem, e “espíritos” não “aparecem”! Não

    • Marco Faustino

      2 de junho de 2019 em 10:04

      Fico feliz que tenha gostado, Adyr! É sempre bom poder esclarecer a realidade sobre o que circula na internet para as pessoas! 🙂

  5. ALEXANDRE DO NASCIMENTO MENDES

    3 de junho de 2019 em 5:17

    Curioso como os fantasmas sempre aparecem quando as cemaras estão sujas e desfocadas

    • Bilu

      3 de junho de 2019 em 10:25

      Pois é, assim como os ETs e discos voadores…
      Busque conhecimento!

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Topo