Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Casal de bandidos numa Kombi vem se passando por funcionários da Sabesp para assaltar casas?

Crimes

Casal de bandidos numa Kombi vem se passando por funcionários da Sabesp para assaltar casas?

Casal de bandidos numa Kombi vem se passando por funcionários da Sabesp para assaltar casas?

Na última semana de janeiro deste ano começou a circular uma história muito estranha nas redes sociais. O texto que vem sendo amplamente compartilhado menciona, que as pessoas devem ficar atentas caso uma Kombi se aproxime de suas residências, e dela saia um homem e uma mulher segurando uma pasta. Se eles alegarem que precisam retirar uma amostra da água para testes, as pessoas não devem atendê-los ou deixá-los entrar em suas casas, porque eles seriam bandidos! Aliás, ambos estariam usando um uniforme da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp).

Em algumas publicações há somente um texto (1 | 2), mas a absoluta maioria está acompanhada de imagens de um dos supostos bandidos! Em princípio, extraídas de uma câmera de segurança, que retrataria o homem suspeito de assaltar as tais residências.

Um exemplo de publicação, na qual há somente um texto narrando essa história.

Mais um exemplo de usuário que compartilhou essa história.

Somente a partir de uma publicação datada de 27 de janeiro de 2020, no Facebook, de uma usuária de iniciais R.P.B, alegadamente moradora de São Paulo/SP, essa história, assim como as imagens, já foram compartilhada mais de 15 mil vezes (arquivo)!

Para vocês terem uma ideia da popularidade dessa história, entre o último sábado (1) e o momento do fechamento deste artigo (3), a publicação de R.P.B foi compartilhada mais de 8 mil vezes!

Publicação de uma usuária de iniciais R.P.B, alegadamente moradora de São Paulo/SP.

Entretanto, será que essa história é realmente verdadeira? Tal situação aconteceu ou está acontecendo no Estado de São Paulo? As pessoas devem compartilhar essa história com seus amigos e familiares? Descubra agora, aqui, no E-Farsas!

Verdadeiro ou Falso?

Falso! Embora bandidos possam, de fato, se passar por funcionários de concessionárias de energia, abastecimento de água (incluindo a Sabesp) ou dos Correios, por exemplo, não há registro de nenhuma ocorrência (ao menos não até o momento do fechamento deste artigo) em que um casal de bandidos esteja se passando por funcionários da Sabesp, segurando uma pasta, numa Kombi e indo a residências para solicitar amostras de água como meio de assaltá-las.

A própria Sabesp, através de seu perfil oficial no Facebook, no dia 30 de janeiro de 2020, desmentiu que isso venha ocorrendo no Estado de São Paulo.

De Onde Surgiu Essa História?

Tudo indica que essa história foi meramente inventada por alguém em algum momento da linha do tempo! A inspiração para a mentira pode ter sido a crise na qualidade da água distribuída aos moradores da cidade do Rio de Janeiro/RJ. Aliás, segundo o site Boatos.org, em algumas versões dessa falsa narrativa, o nome da CEDAE (Companhia Estadual de Águas e Esgotos) é utilizado.

De qualquer forma, naturalmente já seria possível desconfiar dessa história, visto que o texto que vem sendo disseminado possui elementos que costumam denotar falsas narrativas. O conteúdo é extremamente genérico, alarmista, pede para ser repassado/compartilhado, carece de fontes ou elementos comprobatórios, assim como uma ou mais cidades onde a ação criminosa estaria acontecendo, horário, dia, eventuais testemunhas, depoimentos, boletins de ocorrência, reportagens na imprensa etc.

Quem é o Homem que Aparece nas Imagens de uma Câmera de Segurança?

Nesse ponto muitas pessoas podem nos perguntar: “E as imagens extraídas de uma câmera de segurança?” Bem, esse é o problema mais grave de toda essa história. A pessoa que inventou (ou qualquer outra pessoa ao longo da linha do tempo) muito possivelmente acrescentou imagens aleatórias para fornecer aos demais usuários uma certa credibilidade na narrativa.

Infelizmente, nossa busca pelo homem que aparece nas imagens se mostrou infrutífera. Não sabemos quem é esse homem, para quem trabalha ou o que estava fazendo no momento que essas imagens foram obtidas. Contudo, ele não está usando um uniforme padrão ou usual de funcionários da Sabesp, tampouco está acompanhado de qualquer mulher, segurando uma pasta ou sequer próximo de uma Kombi. Não estamos dizendo que o homem não possa, eventualmente, estar ligado a alguma ação criminosa, mas jamais poderíamos afirmar isso ou expô-lo sem provas. Não é nada racional sairmos acusando pessoas que não fazemos a menor ideia de quem realmente sejam.

Infelizmente, nossa busca pelo homem que aparece nas imagens se mostrou infrutífera.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Esse caso é tão absurdo que, embora visualmente não haja nada que ligue esse homem a qualquer ação criminosa, ainda assim as pessoas compartilharam sua imagem nas redes sociais. Já pararam para pensar se esse homem for simplesmente um cidadão inocente? E se alguém que leu o texto achar que se deparou com um criminoso nas ruas e resolver fazer justiça com as próprias mãos? Conseguem entender a gravidade dessa situação?

Não Compartilhem Tais Histórias!

Caso não estejam conseguindo entender a dimensão do problema, daremos alguns exemplos.

Em agosto de 2019, um casal tocou o interfone de um prédio em Araraquara/SP para pedir ajuda após uma mulher sofrer abuso sexual na mesma rua desse prédio. No entanto, alguém disseminou uma imagem do casal, extraída de uma câmera de segurança, e foi alegado que eles eram suspeitos de assalto a residências do bairro.

Em 2016, por exemplo, uma jovem chamada Aninha Moura teve sua vida virada do avesso após ser apontada como se tivesse o vírus da AIDS, e que estava espalhando maliciosamente o vírus para todos da pequena cidade onde morava. E aí? Como fazemos para inocentar novamente tais pessoas? Será que a verdade teria o mesmo poder de propagação? A resposta é não! Por isso sempre aconselhamos a não compartilhar tais histórias!

Nesse sentido, vale muito a pena que vocês leiam um artigo que publicamos em setembro de 2019 chamado “Curta, Compartilhe: Quando a morte está apenas a um clique de distância”! Nele vocês irão encontrar uma série de orientações sobre como proceder diante de tais casos. Esperamos, é claro, que sejam úteis e que vocês possam colocar em prática!

Curta, Compartilhe: Quando a morte está apenas a um clique de distância

Orientações da Sabesp

De acordo com a Sabesp, os maiores alvos dos falsos funcionários são os idosos, mulheres e imóveis mais antigos, nos quais não é possível o acesso ao hidrômetro sem entrar na residência. Os bandidos enfatizam em seu discurso os danos que o adiamento da verificação do suposto serviço pode trazer. Os falsos funcionários costumam aplicar os golpes no horário comercial, pois segundo eles, é mais fácil convencer os empregados domésticos sobre a veracidade do serviço na ausência do proprietário do imóvel.

É importante enfatizar que a Sabesp não realiza visitas sem aviso prévio! Portanto, nada de atender supostos funcionários que, “do nada”, solicitem a entrada no seu imóvel! As visitas ocorrem somente com a solicitação dos moradores das residências. Além disso, a Sabesp não realiza serviços nas instalações hidráulicas internas, tampouco os serviços prestados devem ser pagos aos funcionários que realizam a visita domiciliar. Todos os funcionários da Sabesp são orientados a não aceitar qualquer quantia que lhes seja oferecida.

Primeira parte da cartilha de orientações fornecida pela Sabesp.

Segunda parte da cartilha de orientações fornecida pela Sabesp.

Assim sendo, caso você desconfie de alguma atitude, da identificação de algum funcionário ou procedimento adotado, deve entrar em contato com a Sabesp! Como? Através da Central de Atendimento e Denúncias. Para isso basta ligar para o número “195”!

Conclusão

Falso! Embora bandidos possam, de fato, se passar por funcionários de concessionárias de energia, abastecimento de água (incluindo a Sabesp) ou dos Correios, por exemplo, não há registro de nenhuma ocorrência (ao menos não até o momento do fechamento deste artigo) em que um casal de bandidos esteja se passando por funcionários da Sabesp, segurando uma pasta, numa Kombi e indo a residências para solicitar amostras de água.

A própria Sabesp, através de seu perfil oficial no Facebook, no dia 30 de janeiro de 2020, desmentiu que isso venha ocorrendo no Estado de São Paulo.

 

Continue lendo

Colaborador do E-farsas desde janeiro de 2019. Entre junho de 2015 e abril de 2018, trabalhei como redator do blog AssombradO.com.br, além de roteirista do canal AssombradO, no YouTube, onde desmistificava todos os tipos de engodos pseudocientíficos, além de casos supostamente sobrenaturais. Na dúvida, não compartilhe. Reflita, faça uma busca reversa por imagens e pesquise por outras fontes.

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo