Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Consumidor encontrou larvas em lanche do Burger King! Será verdade?

Conspirações

Consumidor encontrou larvas em lanche do Burger King! Será verdade?

Vídeo mostra um lanche comprado em uma lanchonete da rede Burger King com várias larvas saindo dele! Será que isso aconteceu mesmo?

O vídeo tem apenas 14 segundos de duração e já foi visto mais de 12 milhões de vezes em apenas uma das postagens, desde quando foi publicado no Facebook, no dia 30 de janeiro de 2017. O que chama a atenção no vídeo é que nele podemos ver várias larvas saindo de um lanche que teria sido comprado em uma lanchonete da rede Burger King!

O cliente aparentemente já teria dado uma mordida no seu hambúrguer quando verificou que o produto estava cheio de vermes, como se o lanche estivesse podre há tempos!!!

Será que essa história é verdadeira ou falsa?

Posted by Deymerson Walesy on Monday, January 29, 2018

 

Verdade ou farsa?

O vídeo em questão foi publicado inicialmente no perfil do usuário Edmagno Silva Maguinho no Facebook, mas essa conta parece não existir mais na rede social. Só encontramos esse nome nos sites que publicaram a mesma notícia.

No entanto, apesar da conta desse usuário não estar mais ativa no Facebook e dos envolvidos nessa situação sequer terem dado queixa às autoridades, a própria rede de lanchonetes Burger King confirmou que o fato ocorreu em uma de suas lojas franqueadas, em Brasíla (DF). Através de uma nota, o Burger King afirmou que o caso está sendo investigando, mas já adiantou que a Vigilância Sanitária esteve na unidade no mesmo dia da publicação do vídeo e atestou total regularidade e liberação de funcionamento.

A direção da empresa afirma também que, o processo de cozimento da carne não permite a sobrevivência de larvas.

No dia seguinte ao da divulgação do vídeo, o Burger King se manifestou em sua página oficial no Facebook:

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Comunicado Burger King

Posted by Burger King Brasil on Wednesday, January 31, 2018

 

Larvas de mosca

Existem mais de 9 mil espécies de insetos que passam pelo estágio de larva durante a sua vida. Não há como saber com exatidão qual seria essa que aparece no vídeo.

Como é explicado no excelente site Diário de Biologia, as moscas colocam seus ovos em um local onde haja água e resíduos de comida (geralmente, em restos de carne estragada e/ou apodrecida) e em pouco tempo (de 6 a 8 horas) eles são transformados em larva.

Esses bichinhos se desenvolvem bem em locais com temperatura ideal e comida a vontade. Geralmente, essas larvas não resistem a altas temperaturas – algumas espécies chegam a resistir por alguns minutos temperaturas de até 60 graus – mas durante o processo de preparo dos hambúrgueres essa temperatura é ultrapassada várias vezes (o centro da carne chega a temperaturas entre 78 e 85 graus) e por um tempo grande.

Voltando ao caso do hambúrguer com larvas, algumas hipóteses foram levantadas:

  • A) O hambúrguer foi comprado com alguns dias de antecedência e atacado por moscas nesse meio tempo;
  • B) A carne do hambúrguer estava estragada e os atendentes não perceberam, servindo o cliente inadvertidamente;
  • C) O Hambúrguer estava cru (ou muito mal passado)
  • D) O cliente (ou algum funcionário) colocou as larvas no lanche com a intenção de difamar a multinacional;

Infelizmente, não encontramos a pessoa que primeiro postou o vídeo. Inclusive, outras agências de notícias tentaram contato com o cliente e não obtiveram resposta.

A Vigilância Sanitária não encontrou nenhuma irregularidade no restaurante, o que inviabiliza a hipótese “B”, visto que o problema ocorreria também em outros hambúrgueres e, além disso, essa quantidade enorme de larvas seria percebida pelos funcionários do estabelecimento.  

Quanto à hipótese “C”, o hambúrguer que é mostrado no vídeo não parece estar cru, mas mesmo assim, não é possível afirmar nada sem nenhum teste no lanche em questão.

Conclusão

Não estamos aqui defendendo nenhum lado, mas a julgar pela recusa do autor do vídeo em dar entrevistas, aliado ao fato dele ter “sumido” do Facebook, juntamente com a sua aparente calma ao gravar o vídeo, com o laudo da Vigilância Sanitária que atestou o local “dentro das normas de qualidade” e com a enorme quantidade de larvas (que teriam resistido ao enorme calor do cozimento da carne), podemos deduzir que se trata de uma sabotagem contra a rede de lanchonetes. Quem sabotou e por que sabotou, não sabemos!

Continue lendo
9 Comentários

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Publicidade

Parceiros:

Voltando a Circular

Publicidade

Topo