15.2 C
São Paulo
quinta-feira, maio 13, 2021

Foto da floresta de duas cores é manipulada ou não?

- Publicidade -

Será que imagem de uma floresta de duas cores é real ou mais uma manipulação de Photoshop? Veja o que descobrimos:

A foto aí embaixo deixou muita gente curiosa. Algumas árvores, galhos e folhas… Até aí, normal! Mas o que chama a atenção mesmo são as cores da imagem. Na metade de baixo, a fotografia é avermelhada! Estranho… Parece montagem, né?

Dá só uma olhada e nos diga o que acha: Verdadeiro ou farsa?

Floresta bicolor! Verdadeiro ou farsa?
Floresta bicolor! Verdadeiro ou farsa?

 

Por incrível que possa parecer, a foto é real e foi tirada em 2011 pelo fotógrafo espanhol Palíndromo Mészáros. E, acredite, não houve manipulação digital na imagem!

Acidente ambiental

No dia 14 de outubro de 2010, um reservatório de uma fábrica de óxido de alumínio explodiu na Hungria, liberando cerca de 1 milhão de metros cúbicos de lama vermelha com resíduos tóxicos. O produto venenoso se espalhou rapidamente por Devecser e Kolontár, aldeias próximas dali. 10 pessoas morreram e mais de 120 pessoas ficaram feridas!

Vista aérea do estrago feito pela lama tóxica!
Vista aérea do estrago feito pela lama tóxica passando pelas vilas de Kolontar e Devecser. (foto: NASA Earth Observatory)

Quase um ano depois, o fotógrafo Palíndromo Mészáros conheceu pessoalmente o local onde ocorreu o desastre e acabou fazendo uma série de fotos do lugar.

Em entrevista à Fraction Magazine, Mészáros conta que:

“[…]É um efeito que eu definitivamente estava procurando – algo que poderia parecer bonita e sugestiva de alguma forma, mas ao mesmo tempo, fazer as pessoas entenderem o quão terrível era.”

- Publicidade -

No site da Fraction Magazine podemos ver outras fotos da região feitas pelo fotógrafo.

Conclusão

Foto real! Não houve manipulação digital!

Sites citados

- Publicidade -
Gilmar Lopes
Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas. Trabalha com PHP e banco de dados Oracle e é especializado em criação de ferramentas para Intranet. Em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar também tem um espaço semanal dentro do programa “Olá, Curiosos!” no YouTube e co-apresenta o Fake em Nóis ao lado do biólogo Pirulla!

Últimas Atualizações

- Publicidade -

Ajude a Manter o E-farsas

- Publicidade -

Checagens Relacionadas

15 COMENTÁRIOS

  1. Achei que fossem falsas pela simetria das manchas em todas as árvores. Fiquei espantado como a natureza é forte, pois pelo volume do vazamento tóxico todas as árvores poderiam ter morrido. abraço e parabéns pelo belo trabalho de investigação.

    • acho que elas morreram depois, haja visto que estavam com poucas folhas e ja amareladas, mas a foto seria bonita se tivesse sido feita por um artista, infelizmente foi tragica!

      • ou talvez tenham morridas e depois entre o tempo da catastrofe e da foto tirada depois de um ano, as arvores terem se reconstituido, pois acho que uma coisa tao toxica deve mexer com toda a estrutura da natureza.

        • so retocando: morrido nao, pois o que morre nao tem mais jeito, mas as arvores apesar de terem sido bastante danificadas, a natureza muitas vezes ainda pode se mostrar bem mais forte do que as tantas mazelas que sofre.

          • Provavelmente não morreram. Como o acidente ocorreu em outubro e o fotógrafo apareceu quase um ano depois, era outono no local e esse pode ser o motivo das árvores com pouca folhagem. E, como já foi observado nos comentários, existem folhas novas no pé de uma delas.

  2. Eu pensei que fosse falsa porque ao pé da arvore que está quase no centro tem um ramo com folhas que estão verdes, que pelo o que parece não foram atingidas pela lama mesmo estando abaixo do nível onde a lama atingiu.

  3. Eu só não entendi é como a marca que diferencia a cor verde do vermelho estão na mesma altura, da a impressão que foi riscado e depois pintado. O certo era está manchado de vermelho em varias regiões de varias arvores, não foi explosão? Essa tá difícil de engolir.

  4. A foto da floresta bicolor não pode ser verdadeira como consta na avaliação. Todas as árvores, não importando seu tamanho e sua distância entre elas e o fotógrafo( inclusive um pequeno arbusto ao fundo), formam um eixo de separação bem ao meio da foto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui