Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Mesários foram flagrados preenchendo votos ilegalmente para Joe Biden?

Falso

Mesários foram flagrados preenchendo votos ilegalmente para Joe Biden?

Mesários foram flagrados preenchendo votos ilegalmente para Joe Biden?

Circula nas redes sociais, principalmente no Twitter, YouTube, e Facebook, um vídeo que mostraria mesários preenchendo votos para o então candidato democrata Joe Biden. Isso porque alguns veículos de imprensa já o apontam como o presidente eleito dos Estados Unidos!

Inicialmente ventilado entre usuários norte-americanos, o vídeo se popularizou aqui no Brasil entre os apoiadores ou simpatizantes do presidente Jair Bolsonaro (1,2,3,4).

Confira abaixo algumas publicações:

Captura de tela mostrando um dos tuítes que viralizou.

Outra captura de tela mostrando mais um dos tuítes que viralizou.

Captura de tela mostrando a disseminação do vídeo no Facebook.

Assim como o vídeo propriamente dito:

 

Entretanto, será que estamos realmente diante de uma fraude? Mesários estariam computando votos para Joe Biden? Descubra agora, aqui, no E-farsas!

Verdadeiro ou Falso?

Falso! Os mesários não estão preenchendo ilegalmente votos pra Joe Biden! Esse trecho de vídeo foi propositalmente manipulado para excluir observadores bipartidários, que acompanhavam todo o procedimento de transcrição de votos oriundos de cédulas com problemas de leitura para cédulas novas.

É justamente sobre esse procedimento, considerado absolutamente normal, que vamos falar a seguir!

A Nota do Condado de Delaware, na Pensilvânia

Embora tenha sido manipulado (ampliado e cortado), esse trecho de vídeo foi originalmente retirado de uma transmissão ao vivo realizada pelo Condado de Delaware, na Pensilvânia, justamente para mostrar a transparência no processo de apuração dos votos no condado.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Foram disponibilizadas cerca de 10 câmeras, onde qualquer pessoa, de qualquer lugar do mundo podia acompanhar o trabalho dos mesários e de todos os envolvidos desde o dia 3 de novembro de 2020! E, para explicar o procedimento visto no vídeo, o Departamento Eleitoral do Condado de Delaware emitiu uma nota ontem (6).

Confira abaixo os principais trechos dessa nota:

O vídeo manipulado tem circulado na internet com o objetivo de mostrar a equipe eleitoral do Condado de Delaware preenchendo cédulas de votação em branco de forma fraudulenta. O vídeo foi retirado da transmissão ao vivo oficial fornecida pelo Condado de Delaware. No entanto, o vídeo foi ampliado para excluir a área circundante, incluindo os observadores bipartidários, que não estavam a mais de dois metros de distância e, portanto, sem fornecer uma imagem completa do processo (…)

(…) Durante o processamento uma máquina extratora abre as cédulas. Algumas cédulas foram danificadas pelo extrator durante este processo de tal forma que não puderam ser lidas com sucesso. De acordo com a Hart, fabricante do scanner, a melhor prática para lidar com cédulas danificadas, que não conseguem ser digitalizadas, é transcrever os votos de cada uma delas para uma cédula limpa, e digitalizá-la.

De acordo com essa orientação, o secretário-chefe do Departamento de Eleições do Condado de Delaware instruiu a equipe eleitoral a transcrever manualmente as cédulas danificadas. Enquanto as cédulas eram transcritas, as cédulas danificadas originais ficavam diretamente ao lado das novas cédulas, e observadores bipartidários testemunhavam o processo de perto. As cédulas danificadas foram preservadas (…)

(…) Infelizmente, alguns moradores alteraram o vídeo e estão fazendo falsas acusações, o que ataca de forma infundada e errônea a integridade da equipe eleitoral e o processo completamente transparente pelo qual os votos estão sendo contados no Condado de Delaware

Nota emitida pelo Condado de Delaware, na Pensilvânia.

Portanto, não estamos diante de nenhuma fraude!

Apenas Um Vídeo Entre Tantos Outros que Circularam com a Mesma Alegação

Esse vídeo foi apenas um entre tantos outros que circularam com essa mesma alegação.

Confira abaixo algumas outras versões:

Em nenhum desses casos há qualquer evidência de fraude!

Conclusão

Falso! Os mesários não estão preenchendo ilegalmente votos pra Joe Biden! Esse trecho de vídeo foi propositalmente manipulado para excluir observadores bipartidários, que acompanhavam todo o procedimento de transcrição de votos oriundos de cédulas com problemas de leitura para cédulas novas.

Continue lendo

Jornalista e colaborador do site de verificação de fatos E-farsas entre janeiro de 2019 e dezembro de 2020. Entre junho de 2015 e abril de 2018, trabalhei como redator do blog AssombradO.com.br, além de roteirista do canal AssombradO, no YouTube, onde desmistificava todos os tipos de engodos pseudocientíficos e casos supostamente sobrenaturais.

4 Comentários

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Publicidade

Parceiros:

Voltando a Circular

Publicidade

Topo