Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Um homem algemado foi solto após policiais descobrirem que ele é um agente do FBI?

Crimes

Um homem algemado foi solto após policiais descobrirem que ele é um agente do FBI?

Um homem algemado foi solto após policiais descobrirem que ele é um agente do FBI?

É verdade que um homem negro havia sido preso durante protestos contra a morte de George Floyd em 2020 e liberado depois que os policiais verificaram que ele era um agente do FBI?

As imagens se espalharam no primeiro dia de junho de 2020, logo após onda de protestos pela morte do afro-americano George Floyd, morto por policiais brancos da cidade de Minneapolis, capital de Minnesota (EUA). No vídeo bastante compartilhado nas redes sociais, podemos ver um homem vestindo uma camiseta vermelha e algemado sendo solto por policiais após ter seus seus documentos consultados.

De acordo com textos que acompanham as imagens, o homem teria sido preso durante os protestos em Minneapolis, em maio de 2020, e que os policiais haviam ficado sem sem graça após constatarem que o preso era um agente do FBI!

Será que isso é verdade ou mentira?

Agente negro do FBI preso por policiais brancos, veja o que acontece no final.

Posted by Lutando pelo povo on Monday, June 1, 2020

Verdade ou mentira?

Apesar dessas imagens terem se espalhado em junho de 2020, o fato não ocorreu junto com os protestos daquele ano. Na publicação feita no dia 30 de maio de 2020, no que parece ter sido a primeira feita com esse vídeo no Instagram, o usuário Thisisnike1 afirma que o vídeo foi filmado um ano antes. Ou seja, em 2019:

Reprodução da explicação da postagem feita pelo perfil no Instagram!

O sujeito havia sido preso por policiais do departamento de polícia de Minnesota e, segundo ele, estava apenas fumando um cigarro quando foi abordado pelo policiais.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Não há em nenhum lugar prova de que o homem abordado (e algemado) pelos policiais seja um agente do FBI. Ao que tudo indica, essa afirmação surgiu de uma piada iniciada no Twitter, em inglês, e daí se espalhou para as demais redes.

Em nota enviada à agência de notícias Reuters, o Departamento de Polícia de Rochester disse que:

“Ao contrário dos rumores nas mídias sociais, o indivíduo não era um agente do FBI. Durante a breve detenção, a identificação foi localizada mostrando que ele não era o indivíduo que os policiais tinham um mandado. [Após averiguação] o sujeito foi imediatamente libertado!”

Como podemos ler nessa nota publicada pela Polícia de Rochester, o incidente aconteceu mesmo no dia 1º de junho de 2019.

Atualização 04/06/2020

No dia 03 de junho de 2020, a agência internacional de notícias AFP publicou uma reportagem confirmando o que já havíamos afirmado aqui: O homem do vídeo não é um agente do FBI!

De acordo com a apuração da agência, o homem que aparece nas imagens se chama Atter Monydel. Ele compartilhou em seu perfil do Facebook no dia 30 de maio a publicação original e escreveu: “Lembro disso. Essa merda está errada”.

Monydel está ativo no Facebook desde 2013, onde afirma ser do Sudão do Sul e atualmente trabalha como paramédico, Minnesota!

Conclusão

O vídeo mostrando um homem negro sendo solto após ter sido algemado por policiais brancos foi filmado em junho de 2019. O sujeito não é agente do FBI e foi solto após os policiais constatarem que ele não era o homem que eles estavam procurando com um mandado de prisão!

Continue lendo
98 Comentários

98 Comments

  1. Fabio

    1 de junho de 2020 em 21:46

    Mentira de vcs… Se fosse isso mesmo, a polícia iria levá-lo pro distrito pra averiguar se o documento era verdadeiro e não solta-lo tão rápido como foi. A verdadeira história não é essa que vcs contam aqui.

    • Antonio

      2 de junho de 2020 em 9:38

      Qual é a verdadeira história então?

      • rivair

        3 de junho de 2020 em 7:24

        Na verdade foi uma conusão da policia EUA em 2019, o video é verdadeiro so que não tem nada haver com os episodios recentes sobre a morte do homen negro por policiais emericanso… Não é farsa…

        • Carlos

          3 de junho de 2020 em 12:24

          Realmente ele é um agente do FBI, um cidadao em qualquer lugar do mundo não pode chamar um policial de imbecil, e bem fácil notar ao ele chama -los de imbecil, acha que se fosse um cidadão comum nos EUA iria dizer que os policiais são imbecis? Alguns Policiais querem ser acima da lei

          • Antonio

            4 de junho de 2020 em 14:57

            Tem VÁRIOS vídeos de pessoas xingando policiais nos EUA após abordagens irregulares sem nenhum tipo de punição sobre estas pessoas…

      • IVA DE OLIVEIRA DA MATTA

        3 de junho de 2020 em 12:58

        Eu estou achando que esse e-farsas está contando uma história que pode ser mentira pois um policial dos EUA ou qualquer outro do mundo jamais seriam tratados como foram por esse rapaz, se ele não fosse uma autoridade os policiais no mínimo teriam socado ele na viatura e o levado à uma delegacia, até as identificações de cada policial envolvido ele pegou…

        Ele pode não ser do FBI mais pode ser da P2 (serviço de inteligência ou outro departamento) que investiga abusos de autoridade.

        Digam a verdade é não apenas que é mentira… ou acabam virando mais um sistema de verificação de farsas que contam mentiras.

        • Maria

          3 de junho de 2020 em 17:03

          @IVA DE OLIVEIRA DA MATTA , o ÔNUS DA PROVA é todo de VOCÊS! Estejam à vontade para trazerem PROVAS ROBUSTAS IRREFUTÁVEIS de suas alegações e POSTEM AQUI, no prazo máximo de DUAS SEMANAS (vibe digital). Caso contrário, AUTOMATICAMENTE e por CONTA PRÓPRIA, os internautas mais críticos e/ou sensatos da rede considerarão tal “notícia” duvidosa como FAKE NEWS! 😉 KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK! 😀

          • Paulo cesar

            24 de junho de 2020 em 17:41

            Olha, sou policial, e ja trabalhei disfarcado ou seja de forma velada , oculta ,secreta ja fui abordao e preso por outros policiais pois estava em local nao apropriado pois estava em i investigação, a conduta certa de um policial disfarçado e ficar quieto, deixar que te o levem dali para nao desmanchar seu disfarce, e depois no caminho, vc explica a situação, risco vc ja esta corrwndo por estar trbalhando dessa forma , quem ta na chuva ta para se molhar. Esse cidadão nao me parece nem um agente do FBI nao mostra preparo para isso, nao e assim que um policial de verdade age.

        • Antonio

          4 de junho de 2020 em 15:04

          O E-Farsas não contou nenhuma mentira…

          Primeiro: eles não iriam verificar se é real ou não, porque fariam isso? Você acha que eles verificam TODA identidade que não bate com a da pessoa procurada? Ou que simplesmente levam pra verificar TODA identidade que lêem?

          Segundo: nenhum documento foi entregue ao rapaz, apenas um cartão de identificação dos policiais, algo que os policiais lá sempre carregam em grandes quantidades e qualquer cidadão pode exigir em caso de necessidade.

        • Wilson Silva

          22 de junho de 2020 em 15:47

          Concordo plenamente com vc se fosse um cidadão comum jogava ele na viatura ele é sim uma autoridade, não sei qual sua patente,pegou identidade de todos e some todos da minha frente,saíram todos com o rabo entre as pernas kkkkkk

          • Willian

            8 de julho de 2020 em 8:02

            E como é possível que ele pede os documentos dos policias pra fazer uma ocorrência contra eles no final do video? O.supervisor dos policias entrega o documento. Como seria possível se ele não fosse do FBI,a conclusão de vcs não é 100% eficaz não.

          • Gilmar Lopes

            8 de julho de 2020 em 8:18

            fique à vontade para pesquisar em outras fontes e para acreditar no que achar melhor pra você!

      • Victor

        12 de junho de 2020 em 8:34

        É só entrar no perfil do cara no , no facebook e e tirar as dúvidas.

    • Edu Faim

      2 de junho de 2020 em 10:39

      HAHAHA galera viaja! Acha que está em NARNIA… o cara é cidadão comum que tira sarro dos policiais quando percebe a merda que eles fizeram .. APENAS ISSO!

      • R7

        2 de junho de 2020 em 21:13

        você que é brasileiro médio e não entende lhufas de ingles, logo apos o policial se recusar a dar o cartão de identificação, o negro fala o seguinte “yes but im a bureau”, o que significa que ele é ou do FBI ou CIA.

        • MC

          13 de junho de 2020 em 11:50

          Revi o video, e ele quando ele mandou chamou o supervisor deles e o mesmo se negava a entregar a identificacao, o Homem se identificou como sendo um *Bureau*(FBI-The Federal Bureau of Investigation ) tao logo ele se identificou dessa forma o policial Supervisor imediatamente decidiu ceder a sua identidade.

        • Maria

          16 de junho de 2020 em 14:55

          @R7 , @MC , ai meu Zeus do céu. A palavra “Bureau” não significa necessariamente FBI (Federal Bureau of Investigation) ou CIA (Central Intelligence Agency), heim!? 😐 Pode significar que ele trabalha em alguma repartição/agência pública dos Estados Unidos ou empresa e, de acordo com o Gilmar Lopes, já foi descoberto que o sujeito aparentemente trabalha de paramédico. É bom vocês se informarem direito (links abaixo). 😐

          https://www.significados.com.br/bureau/

          https://www.state.gov/bureaus-offices/under-secretary-for-management/bureau-of-medical-services/

          https://www.usa.gov/federal-agencies/u-s-census-bureau

          https://www.commerce.gov/

          https://www.bts.gov/

          https://www.bea.gov/

          https://www.usa.gov/federal-agencies/u-s-census-bureau

          • MC

            18 de junho de 2020 em 5:21

            Maria, algo que precisa-se ter em conta é o contexto en função da reacção do Supervisor da Policia. é muito estranho a reacção do mesmo, primeiro e que quando fala para ele ceder a identificação dele, ele se nega, mas tão logo ele diz:*I am Bureau*, imediamente e com um rosto triste e em choque ele entrega logo o seu ID bem como os demais policiais que ele estava supervisionando. é algo que precisa-se analisar a fundo, não esta em questão os termos/significados ou etimologia, mas o impacto que o mesmo gerou sobre esses policiais tão logo ele se identifcou dessa forma bem como a forma humilhante como os tratou.

            Todavia, o teu argumento é válido, mas não o suficiente para desvendar o cenario que houve ali.

          • Maria

            18 de junho de 2020 em 11:20

            @MC , não, NÃO PRECISA. O Departamento de polícia que abordou o sujeito declarou em nota que ele NÃO É agente do FBI (leia a matéria e, principalmente, a ATUALIZAÇÃO), pesquisas do Gilmar Lopes indicam que ele é PARAMÉDICO e o vídeo é de 2019. Fake News TOTAL. Parem de procurar “pelo em ovo” e aprendam de uma vez por todas a MÁXIMA da Internet: “PENSE ANTES DE POSTAR e, na dúvida, NÃO POSTE/COMPARTILHE!” 😉

      • Vilson

        2 de junho de 2020 em 21:53

        Alguma patente ele tem nunca que um cara ia fala assim com os policiais pode ter certeza

      • Higor.beatriz@gmail.com

        2 de junho de 2020 em 22:12

        Se o cara fosse um cidadão comum iria xingar os policias? Não seria desacato?

        • Anônimo

          3 de junho de 2020 em 8:49

          Sem falar nos papéis que ele recolhe um de cada policial…kkkkkk..povo quer passar a mão na cabeça isso sim esconder a verdade…slc

      • IVA DE OLIVEIRA DA MATTA

        3 de junho de 2020 em 13:01

        Tira sarro de um policial… e vai ver se sai de boa desse jeito, aproveita e pede a identificação dos PM isso ajuda.

    • José Cristiano Gomes da Silva

      2 de junho de 2020 em 10:56

      O QUE NÃO É CONFIÁVEL AQUI É ESSE SITE!!!

      • Pablo

        3 de junho de 2020 em 9:21

        Esse site e que é fake,sem duvida.

      • gerson do nascimento vieira

        21 de junho de 2020 em 15:20

        pois é sempre mente, mentiram sobre uma noticia aqui na bahia

        • Gilmar Lopes

          21 de junho de 2020 em 20:14

          Qual notícia?

    • Maria

      2 de junho de 2020 em 15:23

      @Fabio , @José Cristiano Gomes da Silva , em NENHUM MOMENTO do trecho do vídeo alguém diz que o sujeito é um “agente do FBI” e a resolução da câmera não é suficiente para visualizar o documento. Mas SE, mesmo assim, vocês acham que a declaração/nota oficial do Departamento de Polícia de Rochester é falsa e não acredita no e-Farsas, ENTÃO estejam à vontade para vocês trazerem PROVAS ROBUSTAS IRREFUTÁVEIS de suas alegações e POSTEM AQUI! Be my guest! 😉 KKKKKKKKKKKKKKKK! 😀

      • Carlos

        3 de junho de 2020 em 12:26

        Ele pode não ser um agente mas coisa pequena ele não é, por chamar os políciais de imbecis ele não é pouca coisa, os policias ficam atônitos ao abir a carteira dele.

        • cristiano silva

          3 de junho de 2020 em 16:04

          correto é isso mesmo,mesmo se ele fosse um cidadão comum,so de ele ter xingado os policiais de estúpidos e inbecis ele seria novamente algemado elevado em custódia,e vcs repararm que em determinado trecho do video ele fala que agora qualquer um pode ser policial naquele momento.então falar que esse cara não tem costa larga seria hipocresia

        • Maria

          3 de junho de 2020 em 16:23

          @Carlos , “Ele pode não ser um agente mas…” blablablá, bzzbzzbzz, tititi… 😛 😛 😛 KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK! 😀 Para alguns de nós, VERDADEIROS LEITORES do e-Farsas, essa é a melhor parte. Sempre aparece algum comentarista desavisado aqui com a mesma DESCULPA ESFARRAPADA (Falácia), que tem mais ou menos a seguinte ESTRUTURA: “Olha, não é verdade, é Fake, é mentira etc, MAS…, blablablá, bzzbzzbzz, tititi… 😛 😛 😛 ” KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK! 😀

          • gerson do nascimento vieira

            21 de junho de 2020 em 15:22

            mas não é a primeira vez que esse site comete esse erro.

          • Gilmar Lopes

            21 de junho de 2020 em 20:14

            Que erro?

    • Henrique Lucena

      2 de junho de 2020 em 22:06

      Concordo plenamente!!! Acredito que o rapaz de cor escura seja alguém de patente, pois o comportamento dis policiais foi como de um grande equivoco e decepção. No fim o rapaz ainda recolheu a identificaçao dos policiais que ficaram mansos.

      • Matheus

        14 de junho de 2020 em 22:30

        O cara realmente é do FBI NÃO VIU OS POLICIAIS COM CARA DE CHEQUE DEVOLVIDO EM CHOQUE SE ELE NÃO FOSSE OS POliciais T O CARA AINDA PEGOU A indentidade de cada um dos policiais e mandou os caras sairem andando e eles nem falaram nada

    • Carlos

      17 de junho de 2020 em 8:13

      Entra no Facebook do cara e vê.
      Acabei de fazer isso.

    • Leonardo Costa

      25 de junho de 2020 em 4:49

      Você sabe ler, Fabio? A própria polícia constatou que ele não era a pessoa que os policiais procuravam. Você é daqueles que acreditam em fake news.

  2. Renata

    1 de junho de 2020 em 22:27

    Agente do FBI realmente não era.. Mas com certeza não era um zé ninguém não. Fica nítido a cara de “fiz merda” dos policiais. Dificilmente deixariam barato alguem gritar daquele jeito com eles e exigindo falar com o superior, já teria tomado pelo menos uns pescotapas. Provavelmente é alguém importante.

    • DIEGO GONCALVES NEVES

      2 de junho de 2020 em 15:04

      Também acho que não é um Zé ninguém …pq os policiais entregaram seus documentos para ele?

      • Antonio

        4 de junho de 2020 em 14:59

        Não eram documentos, era um cartão com a identificação do policial. Lá eles carregam cartões padrão cartão de visita com o nome, número de identificação e tal e qualquer cidadão pode exigir caso necessário.

    • Maria

      2 de junho de 2020 em 15:25

      @Renata , “Olha, não é verdade, é Fake, é mentira etc, MAS…, blablablá, bzzbzzbzz, tititi… 😛 😛 😛 ” KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK! 😀

    • Leonardo Costa

      25 de junho de 2020 em 4:51

      O povo adora uma fake news. Ele não é agente do FBI, mas sim um paramédico. Ele mesmo assumiu isso em suas redes sociais. E pessoas xingando policiais é o que mais tem nos EUA, ainda mais que o racismo no país é forte.

  3. Manoel

    2 de junho de 2020 em 3:25

    Tá, mas e o fato de ele ter tomado o que parecia ser as “credenciais” dos policiais. Duvido muito que um cidadão negro, comum, naquela condição, teria conseguido colocar essa “banca” em cima dos policiais. Eles ficam mansinhos na hora. Tem caroço nesse angu, ou o trabalho do e-farsas nesse caso deixou bem a desejar, ou tem gente na equipe passando pano pra o acontecido.

    • Antonio

      2 de junho de 2020 em 9:28

      Do que já vi de outros vídeos de abordagens nos Estados Unidos, os policiais lá tem uma espécie de cartão de visita com as informações do policial (nome, número – o “badge number” e tal). Nunca vi imagem exata pra saber o que tem, mas todos carregam em altas quantidades e qualquer um pode pedir uma cópia.

    • aldo costa

      2 de junho de 2020 em 9:44

      Ele nao tomou as credenciais do policial, no EUA os policiais tem varios cartoes com seus dados e qualquer civil pode requisitar o cartao do policial

      • Rico Mourão

        2 de junho de 2020 em 18:39

        A história de vcs não bate, porque ele pega o documento deles?

    • Ze

      2 de junho de 2020 em 10:52

      Mds, qualquer um pode pedir as informações dos policiais la!

    • Nathan Alupes dias

      2 de junho de 2020 em 15:24

      Ele pede “Your card” (seu cartão) não necessariamente o distintivo. Minha namorada que morou nos EUA traduziu o vídeo para mim, ela disse que o cara pede o cartão dos policiais, e esse cartão eles dão para quem solicitar. Ele fala no vídeo que quer o cartão para formalizar uma espécie de denúncia contra os policiais e lá consta todas as informações do agente.

  4. Leonardo Maia

    2 de junho de 2020 em 3:51

    Não acredito na nota que a polícia emitiu. Se fosse um simples cidadão após a abordagem e averiguação, pq eles entregam suas identidades pro rapaz??? Em qual momento da história alguém já viu um civil agir assim com policiais???

    • Antonio

      2 de junho de 2020 em 9:37

      Não é a identidade, é uma espécie de “cartão de visita” que cada policial lá carrega em grandes quantidades com as informações deles e qualquer cidadão pode pedir caso seja necessário, como foi no caso do vídeo.

  5. Edinilson rodrigues

    2 de junho de 2020 em 7:37

    Então porque é que no final do vídeo, o homem toma as credenciais dos 3 agentes w sai com elas? Um civil comum Janis teria tal autoridade se não fosse um conhecedor das leis americana, e ou uma autoridade.
    Efarsa eu os curto muito, mas nessa reportagem em si, deixaram a dejesar, pois vcs terminam a mesma sem explicar quem era de fato o homem, e porque de tal atitude dele tomar as credenciais do agentes.

    • Antonio

      2 de junho de 2020 em 9:36

      Não é a credencial, lá os policiais carregam algo similar a um cartão de visita (com várias cópias) com a intenção deles caso necessário, qualquer cidadão pode pedir para a identificação posterior do policial, como nesse caso onde ele pede uma de cada um dos envolvidos para fazer a reclamação.

      Já vi isso em outros vídeos do tipo, é um cartãozinho branco com o nome do policial, o “badge number” e com certeza outras informações, como a corporação onde atua etc.

    • Marcia

      2 de junho de 2020 em 13:11

    • Renato

      2 de junho de 2020 em 14:15

      Essa cobertura não condiz com o vídeo!
      De fato não fica claro se ele é ou não agente do FBI, mas aonde que após uma abordagem errada os policiais além de pedirem desculpas iriam aceitar de boa entregar os documentos e serem xingados diversas vezes como “os caras mais estúpidos que já vi”.
      Isso nunca ocorreria nem nos USA.

      • Antonio

        2 de junho de 2020 em 15:42

        Te recomendo ver mais vídeos do tipo. Eles dão sim a identificação quando solicitado, o que mais se vê é a pessoa pedindo o nome e o “badge number”, informações presentes nesse cartão que eles carregam (possuindo cópias).

        Tem caso de policial negar a informação, mas aí já é abuso de poder assim como os que cobrem a câmera do uniforme ou desligam durante a ação por medo de gravarem erros próprios.

    • Maria

      2 de junho de 2020 em 16:20

      @Edinilson rodrigues , quem era de fato o homem é IRRELEVANTE! A manchete ou “notícia” principal foi DESMASCARADA: o sujeito NÃO É “Agente do FBI” e o que foi dado, conforme esclarecimentos dos leitores do e-Farsas é só um “cartão de visitas”. É aquela VELHA ESTÓRIA, DESCULPA ESFARRAPADA ou MIMIMIs clássica de vocês e muito comum aqui no e-Farsas: “Olha, não é verdade, é Fake, é mentira etc, MAS…, blablablá, bzzbzzbzz, tititi… 😛 😛 😛 ” KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK! 😀

      • gerson do nascimento vieira

        21 de junho de 2020 em 15:24

        esse e-farsa é uma porcaria e você me parece puxar o saco dele

  6. Joao Paulo

    2 de junho de 2020 em 8:04

    Porque ele pegou a identificação dos policiais?

    • Antonio

      2 de junho de 2020 em 9:30

      Eles carregam algo similar a um cartão de visita com a identificação deles. Já vi isso em vários vídeos do tipo, as pessoas podem pedir um para a identificação do policial quando necessário.

      • Hey jow

        2 de junho de 2020 em 10:41

        São 50 comentários com a mesma pergunta e 50 comentários com a mesma resposta.

        • asdf

          2 de junho de 2020 em 10:52

          Sim, galera preguiçosa, nao da google, nao le nada.. pqp

  7. Rosyane

    2 de junho de 2020 em 9:54

    Quase desisti de fazer meu comentário, pois é quase que o mesmo dos demais, unanimidade. Seria melhor que vcs não tivessem feito nenhuma publicação a respeito pq ao afirmarem que o cara não é um agente do FBI, aguçam nossa curiosidade para saber “QUEM É ESSE CARA, ENTÃO???” De onde vem tanto poder para fazer o que fez e a forma como fez? Um cidadão comum??? Não creio.

    • Maria

      2 de junho de 2020 em 15:37

      @Rosyane , e deixar que vocês, Internautas LEIGOS e/ou IRRESPONSÁVEIS fiquem criando, espalhando, disseminando, compartilhando etc FAKE NEWS, Conspirações, “notícias” DUVIDOSAS, Boatos, hoaxes etc livremente na rede e fazendo os outros de IDIOTAS? Nem pensar! As agências de Fact-Checking vieram para ficar e prestam um grande SERVIÇO PÚBLICO. “QUEM É ESSE CARA, ENTÃO???”?, bom, de acordo com a declaração/nota oficial do Departamento de Polícia de Rochester, agente do FBI não é e o que ele é de fato é IRRELEVANTE! Agora, passem por MENTIROSOS na frente de todos ou admitam que espalharam e/ou caíram numa Fake News e se retratem! 😉 KKKKKKKKKKKKKKK! 😀

      • R. Santiago

        2 de junho de 2020 em 19:51

        Não ficou bem claro, senhora
        Pr visamos saber quem é o cidadão que foi algemado …
        Seria pedir muito que fizessem a tradução do diálogo?
        Antecipo o meu agradecimento.

        • Maria

          2 de junho de 2020 em 22:09

          @R. Santiago , de acordo com o e-Farsas, um leitor, e segundo o que eu entendi (vi o vídeo inteiro), trata-se “apenas” de uma DISCUSSÃO/BATE BOCA entre policias brancos que se enganaram e fizeram uma abordagem a um sujeito negro que estava fumando e depois “TIROU UM SARRO” deles ao descobrirem que ele não é quem eles procuravam ou pensavam (2019). De forma indireta, implícita, velada etc, trata-se de um suposto caso de racismo, infelizmente muito comum nos EUA, porém uma REALIDADE, quer você queira ou não. Essa Fake News apareceu “magicamente” no contexto ATUAL ou DO MOMENTO (Junho 2020) dos eventos envolvendo PROTESTOS, cujo “estopim” foi a morte por asfixia um homem negro (George Floyd) executado por policiais brancos (links fornecido pelo e-Farsas e portal R7) 😐

          https://noticias.r7.com/internacional/eua-vivem-6-dia-de-manifestacoes-contra-a-morte-de-george-floyd-01062020

          https://noticias.r7.com/internacional/caso-george-floyd-quem-e-o-policial-preso-pela-morte-de-homem-negro-que-causa-revolta-nos-eua-01062020

          • R. Santiago

            9 de junho de 2020 em 7:54

            Maria,
            Obrigado pela resposta. Está convincente. Entretanto, não fica bem claro pra mim e pra outros seguidores a verdadeira função da vítima quando ele se identifica e profere palavras agressivas e inaceitáveis para os policiais, caso fosse um simples cidadão. Assim como a expressão da palavra bureau pode ser designada para outras funções que não ao FBI, mas, ao meu ver, não teria tanto respeito e aceitação das autoridades como o que nós vimos. Houve um acatamento estranho e diferente dos policiais, como se tivessem diante de alguém superior a eles e , provavelmente, dentro da esfera do judiciário …
            Resumindo, ele não é um qualquer e isso tá bem claro. Ofensas iguais as que ele proferiu não são aceitas naturalmente em lugar nenhum do planeta. Ainda mais ditas por um negro a autoridades brancas.
            Um forte abraço.

          • Maria

            16 de junho de 2020 em 8:56

            @R. Santiago , tinha alguém com um SMARTPHONE filmando as ações dos policiais. Pode não parecer um detalhe importante, mas o simples fato de você filmar pode INTIMIDAR e MUITO, inibindo ações violentas e arbitrárias. Além do mais, a história da escravidão, racismo, segregação etc nos EUA é bem DIFERENTE e mais DRAMÁTICO do que a nossa e tem o seu próprio CONTEXTO HISTÓRICO e “CULTURA” que se reflete até nos dias de hoje. Existem reportagens e relatos de YouTubers brasileiros explicando isso como, por exemplo, lá existem bairros EXCLUSIVAMENTE para negros, brancos, latinos, imigrantes etc coisa que não existe no Brasil atualmente (pelo menos de modo explícito). 😉

            https://www.bbc.com/portuguese/noticias/2016/01/160110_eua_segregacao_fn

            https://www.youtube.com/watch?v=GxIYQfykwXM

    • Leo

      4 de junho de 2020 em 5:56

      Esses são os EUA. Onde o policial não é um semi-deus e pode ser questionado pelo cidadão comum sem represália. O país mais livre e justo do planeta.

  8. bob.calazans@gmail.com

    2 de junho de 2020 em 10:29

    ‘vocês acham que sou alguém, que não sou, pela minha cor”

    frase repetida a exaustão pela pessoa antes de ser algemada

  9. Bob CALAZANs

    2 de junho de 2020 em 10:30

    ‘vocês acham que sou alguém, que não sou, pela minha cor”

    frase repetida a exaustão pela pessoa antes de ser algemada

  10. Danilo

    2 de junho de 2020 em 11:48

    História totalmente equivocada a de vcs. Vou contar a verdadeira História. Este homem aí é muito respeitado nos EUA. Só que os policiais não sabiam quem ele era. Aí olharam na credencial dele e leram: “Artilheiro do Mundial do Palmeiras, 1951”. Pesquisem!

  11. Silva

    2 de junho de 2020 em 12:04

    Se fosse só isso mesmo preso errado,então a pergunta que fica por que ele confiscou as credenciais dos 3 policias ou vcs acham ele sendo negro e não sendo coisa grande eles iriam entregar assim?
    Eles querem é esconder a história verdadeira por homem ser negro e ter feito isso com esses policias. Tá de parabéns o rapaz de camiseta vermelha botou esses policias despreparados no lugar deles

    • charles

      2 de junho de 2020 em 13:07

      Vc ta certa o video é sim verdadeiro. se o cara foss epouca coisa os policiais teriam ido embora sem nem mostrar as identidades

    • Antonio

      2 de junho de 2020 em 15:46

      Ele não pediu credencial, ele pediu a identificação dos policiais. Sendo mais específico ele pediu um cartão (similar a um cartão de visita) que contém as informações de identificação do policial e qualquer cidadão pode pedir.

      Como o texto diz, a situação ocorreu mas depois jogaram essa de FBI. Sim, o abuso policial lá e alto contra negros, mas nesse caso isso não os impediu de se identificar quando requisitados.

  12. LUIS ALBERTO DA SILVA PEREIRA

    2 de junho de 2020 em 12:11

    E mesmo assim ele pega o documento dos 3 policiais? Farsa são as informações de vcs.

    • Antonio

      2 de junho de 2020 em 15:49

      Ele não pegou documento algum, pegou a identificação que eles tem e oferecem pra qualquer um quando solicitado.

      Lá a polícia tem um cartão similar a um cartão de visitas que os policiais carregam em grandes quantidades e que qualquer um pode exigir quando necessário.

  13. Renan

    2 de junho de 2020 em 12:20

    Qual parte da fala dele para o supervisor de polícia vc não entendeu, investigador de “feique”? Ele diz claramente “I’m the bureau”, clara alusão à federal bureau investigation, mais conhecida como FBI.

    • Maria

      2 de junho de 2020 em 16:25

      @Renan , NÃO É só Agente do FBI não, heim!? “bureau” pode significar que ele é um funcionário público (existem vários tipos) de algum departamento/repartição pública nos EUA. 😉

      • Gilmar Lopes

        2 de junho de 2020 em 16:27

        Pelo que vi em postagens de amigos dele, o homem é paramédico (ou algo do tipo).

    • R. Santiago

      2 de junho de 2020 em 19:53

      Beleza.
      Já tem serventia essa sua conclusão.
      Que tal a tradução na íntegra?
      Obrigado

  14. Andre

    2 de junho de 2020 em 12:59

    A tá e o preto xingando a rodo os PM gringo? E ele mandando chamar o supervisor?

    • Antonio

      2 de junho de 2020 em 15:47

      Nada de anormal, ele estava revoltado com a situação.

  15. Luciano Maia

    2 de junho de 2020 em 14:31

    Isso ocorreu em 2019. Atter o nome dele, e é um paramédico!

  16. CAIO

    2 de junho de 2020 em 17:13

    Pode não ser do FBI, mas também não foi uma simples averiguação. Ao final do vídeo, os 3 policiais entregam suas identidades ao homem, deixando claro que ele tem algum cargo/posição superior.

  17. Luiz Antonio Filiagi

    2 de junho de 2020 em 19:18

    Babaca gosta mesmo é de ser algemado. Se tivesse mostrado a identidade quando os policiais pediram, nem precisaria algema-lo pra ver sua identidade. Imagina se essa moda pega. Um bando de procurados pela polícia iriam sair ilesos das abordagens.

    • Maria

      2 de junho de 2020 em 22:44

      @Luiz Antonio Filiagi , infelizmente, o racismo (negros e estrangeiros) nos EUA é bem mais agressivo do que o Brasil, até nos dias atuais. Tem contexto históricos diferentes do nosso, foi uma luta sangrenta, envolvendo escravidão nas fazendas do Sul, Ku Klux Klan, Martin Luther King etc. É “compreensível”, embora não justificável, a desobediência e/ou resistência à polícia. Isso é retratado até nos filmes de hoje em dia (link abaixo).

      https://www.youtube.com/watch?v=7oNR2pE6sc8

    • IVA DE OLIVEIRA DA MATTA

      3 de junho de 2020 em 13:02

      Eu estou achando que esse e-farsas está contando uma história que pode ser mentira pois um policial dos EUA ou qualquer outro do mundo jamais seriam tratados como foram por esse rapaz, se ele não fosse uma autoridade os policiais no mínimo teriam socado ele na viatura e o levado à uma delegacia, até as identificações de cada policial envolvido ele pegou…

      Ele pode não ser do FBI mais pode ser da P2 (serviço de inteligência ou outro departamento) que investiga abusos de autoridade.

      Digam a verdade é não apenas que é mentira… ou acabam virando mais um sistema de verificação de farsas que contam mentiras.

  18. Kleber Wilson Bezerra

    2 de junho de 2020 em 20:38

    Ah, tá. E o fato de ele comprovar que não era o sujeito que eles procuravam dá a ele o poder de tomar documentos dos policiais e apontar o dedo para eles chamando-os de incompetentes e os policiais pianinho? AH CLARO kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk me engana que eu gosto.

  19. S Cabral

    2 de junho de 2020 em 21:40

    Antes de deixarem uma pergunta aqui sobre as “credenciais” dos policiais, requisitadas pelo homem de camisa vermelha, dêem uma lida nos comentáriosEssa pergunta já foi respondida.

  20. Daniel

    3 de junho de 2020 em 11:47

    A polícia pode dar a versão que ela quiser, mas as imagens falam por si mesmas!!!

  21. Marco Senna Rodrigues

    3 de junho de 2020 em 12:31

    E qual a explicação por ele ter pedido as credenciais dos três policiais e levando junto com ele??

    • Maria

      3 de junho de 2020 em 19:04

      @Marco Senna Rodrigues , leia os comentários anteriores, não tenha preguiça. 😉

  22. Sergio Garcia

    3 de junho de 2020 em 18:06

    Alguém pode confirmar se aproximadamente ao 3:08 ele fala “I’m the bureau”, porque o supervisor tinha se negado a dar o cartão e depois dessa fala ele foi bem mais “compreensivo”.

  23. Marcio

    19 de junho de 2020 em 17:37

    Fim da historia, vamos para proxima.

  24. gerson vieira

    21 de junho de 2020 em 15:14

    eu ja pecebi que esse site do e-farse sempre mente

  25. Rose

    21 de junho de 2020 em 21:08

    Nunca mais acredito em conclusões do e-farsas, pois acompanhei esse vídeo e eles soltaram o homem, porque ele é um agente do FBI, escutem o vídeo, a não ser que vocês não saibam inglês, não justifica a mentira que vocês colocaram.

    • Gilmar Lopes

      22 de junho de 2020 em 8:20

      Não! Ele não é do FBI.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo