13.1 C
São Paulo
sexta-feira, setembro 24, 2021

“Vote em Casa”? É falso que o Governo Federal permitiu a votação através do celular!

- Publicidade -

Circula em grupos no WhatsApp uma estranha história de que o Governo Federal teria criado um programa chamado “Vote em Casa”!

Eis o que é mencionado na mensagem:

Para evitar aglomerações no dia das Eleições 2020, o Governo Federal criou o programa Vote em Casa. Todos os eleitores podem se cadastrar e votar através do telefone celular. O voto online substitui o voto presencial. Você pode votar de casa, da praia ou de qualquer outro lugar, através do celular!

Mensagem que circula em grupos no WhatsApp.

Entretanto, isso é mentira! Descubra a realidade agora, aqui, no E-Farsas!

Trata-se de um Golpe!

Falso! Não existe nenhum programa do Governo Federal chamado “Vote em Casa”! Além disso, não é possível votar pela internet ou através do telefone celular!

Na verdade, estamos diante do que chamamos, em inglês, de “scam“. Geralmente tais mensagens ou publicações em redes sociais direcionam para sites destinados a coleta de dados pessoais, dados financeiros, depósito de valores em contas de terceiros (um dinheiro que talvez você não consiga reaver) ou então no envio de links maliciosos que podem, em última instância, infectar seu computador/dispositivo móvel.

Portanto, não clique nos links contidos nas mensagens ou publicações, não forneça quaisquer dados pessoais a desconhecidos, tampouco repasse adiante tais mensagens, combinado?

A Nota do Tribunal Superior Eleitoral

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) emitiu uma nota sobre o assunto:

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) esclarece que é falso o comunicado que circula em redes sociais e aplicativos de mensagens sobre a possibilidade de se cadastrar em um site para votar em casa, por meio do celular, como substituição ao voto presencial.

Todos os anos – especialmente nos anos eleitorais -, chegam aos canais de relacionamento da Justiça Eleitoral relatos de cidadãos que contam terem recebido mensagens de e-mail ou via aplicativos de smartphones com mensagens enganosas que se passam por comunicado oficial.

Essas mensagens sempre oferecem um link de origem duvidosa, que convidam o cidadão a clicar para saber mais detalhes. Contudo, elas são falsas e, ao que tudo indica, são enviadas por criminosos para, por meio delas, coletar dados do cidadão, como o número do CPF, para serem usados em golpes.

Em caso de dúvida sobre a veracidade do teor de uma mensagem, confira sempre os canais oficiais da Justiça Eleitoral – TSE e Tribunais Regionais Eleitorais (TREs).

Coalizão de Checagem para as Eleições 2020

Esta publicação faz parte da Coalizão de Checagem para as Eleições 2020, que se traduz numa parceria envolvendo nove agências de checagem: AFP, Agência Lupa, Aos Fatos, Boatos.org, Comprova, E-Farsas, Estadão Verifica, Fato ou Fake e UOL Confere!

As notícias, devidamente checadas, serão publicadas na página “Fato ou Boato“, disponível no Portal da Justiça Eleitoral. A página também traz informações sobre o funcionamento da urna eletrônica e o processo eletrônico de votação e mais dados sobre checagem.

- Publicidade -

Os alertas sobre essa peça de desinformação, em específico, foram inicialmente dados pelo TRE-RS e TRE-MG!

Conclusão

Falso! Não existe nenhum programa do Governo Federal chamado “Vote em Casa”! Além disso, não é possível votar pela internet ou através do telefone celular! Trata-se de um golpe para coletar dados pessoais, que pode levar a golpes financeiros e, em última instância, infectar seu computador/dispositivo móvel.

Portanto, não clique nos links contidos nas mensagens ou publicações, não forneça quaisquer dados pessoais a desconhecidos, tampouco repasse adiante tais mensagens, combinado?

- Publicidade -
Marco Faustinohttp://www.e-farsas.com/author/marco
Jornalista e colaborador do site de verificação de fatos E-farsas entre janeiro de 2019 e dezembro de 2020. Entre junho de 2015 e abril de 2018, trabalhei como redator do blog AssombradO.com.br, além de roteirista do canal AssombradO, no YouTube, onde desmistificava todos os tipos de engodos pseudocientíficos e casos supostamente sobrenaturais.

Últimas Atualizações

- Publicidade -

Ajude a Manter o E-farsas

Checagens Relacionadas

1 COMENTÁRIO

  1. Tirando as pessoas mais velhas que ainda tem dificuldade na compreensão das tecnologias atuais gente jovem e esclarecida mas que agem apenas pelo viés ideológico e que caem, em coisas como essa tem mais é que se ferrarem mesmo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui