Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Menino de 12 anos foi enterrado vivo atrás das paredes de uma igreja?

Fora de Contexto

Menino de 12 anos foi enterrado vivo atrás das paredes de uma igreja?

Menino de 12 anos foi enterrado vivo atrás das paredes de uma igreja?

Uma perturbadora notícia vem sendo disseminada através das redes sociais nos primeiros meses de 2019. Trata-se do caso de um menino de apenas 12 anos, que teria sido enterrado vivo atrás das paredes de uma igreja, na África!

Algumas “fontes” citaram, que ninguém sabia como o menino havia sobrevivido, sem citar quanto tempo ele teria permanecido enterrado. Já outras alegaram, que ele teria sido enterrado como parte de um sacrifício, por cerca de 12 anos!

Tuíte do usuário “Zero Chills” de 31 de março de 2019.

Publicação da página “Motho Magazine”, no Facebook, no dia 1º de abril de 2019.

Publicação da página “Prime Wave”, no Facebook, no dia 1º de abril de 2019.

Entretanto, será que essa notícia é mesmo verdadeira? Tal situação realmente aconteceu? Descubra agora, aqui, no E-Farsas!

Uma História que é Contada desde Dezembro de 2016

Antes de dizermos se esse caso é verdadeiro ou falso é importante destacar um ponto bem peculiar. Essa história vem sendo propagada na internet desde dezembro de 2016, ou seja, não é tão recente quanto as pessoas podem imaginar.

Essa história vem sendo propagada na internet desde dezembro de 2016, ou seja, não é tão recente quanto as pessoas podem imaginar.

Naquela época, uma página chamada “Paparazzi Press”, no Facebook, chegou a dizer que o menino havia desaparecido há alguns anos. Ao entrar em contato com seus pais, eles teriam dito que alguns espiritualistas mencionaram, que eles deveriam parar de procurar pelo menino, porque ele tinha sido usado como objeto de sacrifício. Porém, o menino teria sido resgatado com vida, quando populares o ouviram cantando no interior de uma parede.

Verdadeiro ou Falso?

O caso é falso! As fotos foram tiradas do contexto original! Qual contexto? É exatamente isso que vamos começar a revelar a partir de agora!

A Busca Reversa de Imagens no Google

Ao fazermos uma busca reversa de imagens, no Google, nos deparamos com notícias publicadas em dezembro de 2016 por tabloides britânicos, entre eles o “Daily Mail” (DM). Segundo o DM, um menino de 12 anos, chamado Aduragbemi Saka, estava brincando sozinho em um vão entre uma república estudantil e um muro de blocos de cimento, no Estado de Ondo, na Nigéria. Ele teria perdido o equilíbrio e caído dentro desse pequeno vão. Sem parentes por perto e com populares ignorando os sons emitidos pelo menino, ele teria permanecido três dias preso antes de ser resgatado.

Não houve qualquer menção sobre quaisquer igrejas no local, e muito menos que o menino tivesse sido enterrado vivo.

Notícia publicada pelo Daily Mail, em 19 de dezembro de 2016.

O texto citava o depoimento de um moradora local chamada Felicia Olaniyi. Ela alegou que, num determinado momento, ela questionou seus vizinhos se eles tinham notado uma estranha voz dentro da parede, e eles também estavam confusos sobre o que estava acontecendo. Então, alguém teve a ideia de pegar uma escada para ver de onde o som vinha. Teria sido nesse momento, que eles se depararam com o menino preso no vão. Um policial teve que quebrar o muro para resgatá-lo. Felicia ainda disse que o menino tinha fugido de sua avó, que estava cuidando dele na época, mas não forneceu maiores detalhes.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

A Matéria Veiculada pelo “Channels TV”

Na época, um canal de notícias nigeriano chamado “Channels TV” realizou uma matéria sobre esse caso. Em um vídeo publicado no dia 13 de dezembro de 2016, no YouTube, foram revelados maiores detalhes sobre essa história. Confira o vídeo abaixo (iremos comentar a seguir):

Inicialmente, o “Channels TV” citou que, já naquela época, conforme havíamos apontado, estavam circulando rumores sobre essa história. Na prática, isso significa que informações falsas ou desencontradas estavam sendo disseminadas nas redes sociais. Assim sendo, uma equipe da emissora foi até o local para obter maiores informações dos moradores.

O Menino Sofria de Distúrbios Mentais?

De acordo com as informações obtidas, uma das casas estava desabitada. O proprietário teria se mudado há anos para fora do país. Porém, o prédio atrás dessa casa era habitado por estudantes da Faculdade de Educação Adeyemi. Era uma espécie de república, por assim dizer. O menino teria caído na direção de onde fica uma cantina desse alojamento. Um dos estudantes, inclusive, levantou a suspeita que o menino sofresse de distúrbios mentais. Um médico chamado Michael Gbala, que morava na vizinhança, também mencionou isso.

Fotos do resgate.

Na matéria do “Channels TV”, Felicia Olaniyi aparece como responsável pela cantina. Ela disse que o menino fugiu de sua avó, enquanto ela o levava para uma sessão de cura em uma igreja local durante a noite. Teria sido nesse escapada noturna, que o menino acabou caindo no vão.

Vão entre a república estudantil e a casa desabitada.

A equipe da emissora entrou em contato com a profetisa Dorcas Adebayo, responsável pela tal igreja. A profetisa disse acreditar nessa mesma versão dos fatos. Um garotinho, cujo nome não foi mencionado, informou que o menino tinha sido levado até um hospital local, porém, posteriormente, a equipe descobriu que ele já tinha recebido alta.

A profetisa Dorcas Adebayo.

No final da reportagem, a equipe foi até o local onde o menino morava, mas a casa se encontrava trancada com um cadeado. Os moradores da rua do menino se recusaram a falar com os repórteres, dizendo apenas que o conheciam, mas não o viam há muito tempo.

No final da reportagem, a equipe foi até o local onde o menino morava, mas a casa encontrava-se trancada com um cadeado.

Estranho, não é mesmo? Será que a avó ficou com medo de alguma retaliação?

Conclusão

Embora as fotos representem um caso verdadeiro, nada indica que o menino tenha sido enterrado naquele local, e nem a casa desabitada ou o prédio, que abriga estudantes de uma faculdade, funcionem como igrejas ou locais para a prática de cultos religiosos. Portanto, as fotos foram tiradas do contexto original.

Continue lendo
1 Comentário

1 Comentário

  1. Lucho

    11 de maio de 2019 em 9:49

    Se fosse uma igreja aqui no Brasil, o muleque seri tirado do buraco e logo na sequência iam cobrar dízimo dele.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo