Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

A Coca-Cola vendeu apenas 25 garrafas em seu primeiro ano?

Falso

A Coca-Cola vendeu apenas 25 garrafas em seu primeiro ano?

A Coca-Cola vendeu apenas 25 garrafas em seu primeiro ano?

Circula há alguns anos nas redes sociais, que a Coca-Cola teria vendido apenas 25 garrafas no primeiro ano da empresa! E, por isso, as pessoas jamais deveriam desistir de seus negócios!

Essa é uma história que já foi disseminada por inúmeras páginas e perfis de usuários brasileiros (1,2,3,4,5) ao longo do tempo, assim como no exterior, mas que voltou a ganhar força desde setembro de 2020 no Facebook.

Confira abaixo três exemplos de publicações:

Publicação da página “Fatos Desconhecidos” de junho de 2018.

Publicação da página “Projeto Inovador” de 15 de outubro de 2020.

Publicação da página “ABM Marcas e Patentes” de outubro de 2019.

Somente uma publicação datada de 29 de setembro de 2020 já obteve mais de 12 mil compartilhamentos!

Publicação que viralizou recentemente no Facebook.

Entretanto, será que isso é verdade? A Coca-Cola vendeu apenas 25 garrafas no primeiro ano da empresa ou de lançamento do produto? Descubra agora, aqui, no E-Farsas!

Verdadeiro ou Falso?

Falso! De acordo com o site oficial da empresa, em 8 de maio de 1886, o bioquímico, farmacêutico e inventor norte-americano Dr. John Pemberton vendeu o primeiro copo de Coca-Cola na Jacobs ‘Pharmacy, no centro de Atlanta, nos Estados Unidos. E qual a quantidade que era servida por dia no primeiro ano? Em média 9 copos no valor de cinco centavos de dólar cada!

Isso resulta em mais de 3.000 copos somente no primeiro ano! Considerando que cada copo tinha ~6.5 oz (~200 ml) isso resultaria em mais de 650 litros num único ano! Ainda que considerássemos uma versão de 2 litros (uma versão inimaginável na época), ainda assim teríamos mais de 300 garrafas vendidas em vez de apenas 25.

Obviamente, quanto menor o volume da garrafa, maior seria esse número de garrafas vendidas.

Captura de tela mostrando o início de uma das bebidas mais consumidas do mundo.

E isso nos leva a um segundo e crucial ponto! Inicialmente, a bebida sequer era vendida em garrafas! O engarrafamento da bebida em larga escala só foi possível alguns anos depois, quando a empresa não pertencia mais ao Dr. Pemberton.

Outro detalhe igualmente importante é que a bebida pronta era a combinação de um xarope com água carbonada, que eram servidos em copos de vidro, e misturados na hora de servir. Basicamente, colocavam o xarope num copo e acrescentavam água com gás.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

E de Onde Saiu Essa História de 25 Garrafas de Coca-Cola?

Repararam que esse é um número bem específico, e que foi repetido inúmeras vezes ao longo tempo, né? Então, alguns sites em inglês (1,2) alegam, sem explicar de onde tiraram o valor, que foram vendidos cerca de 25 galões (3,78 litros cada) de xarope, ou seja, cerca de 95 litros. Partindo do pressuposto de que isso seja verdadeiro, a desinformação poderia ter se originado das seguintes formas:

  1. A incorreta tradução de 25 galões do xarope como se fossem 25 garrafas da bebida pronta para consumo;
  2. O fracionamento de 95 litros do xarope em garrafas de 2 litros, que resultaria em aproximadamente 25 garrafas.

Há sites, no  entanto, que alegam que o Dr. Pemberton teria vendido 990 galões de xarope! Já outros indicam que teriam sido 50 galões!

Fazendo as contas a partir de 9 copos de ~200 ml teríamos 173 galões da bebida pronta para consumo. Restaria saber apenas qual era a proporção de xarope e água carbonada, para calcular a quantidade de xarope vendido mais próxima da realidade. Contudo, não encontramos essa informação (caso alguém saiba deixe nos comentários)!

Houve Prejuízo no Primeiro Ano?

Acredito que tenha ficado claro que não foram vendidas 25 garrafas de Coca-Cola no primeiro ano, mas a história não para por aí.

Há quem tenha calculado, também sem explicar de onde tiraram os valores, que o Dr. John Pemberton recebido US$ 50 pelas vendas da bebida no primeiro ano. Parece pouco, mas era uma quantia bem razoável para a época. No entanto, o gasto com publicidade talvez tenha superado levemente isso, beirando a casa dos US$ 70.  Assim sendo, teria havido prejuízo no primeiro ano. O problema é que não encontramos nenhuma fonte mais credível, que pudesse confirmar tais valores.

De qualquer forma, o Dr. Pemberton nunca percebeu o potencial da bebida que criou. Ele gradualmente vendeu parte de seu negócio para vários sócios e, pouco antes de sua morte em 1888, vendeu sua participação remanescente na Coca-Cola para um empresário chamado Asa G. Candler.

Com grande perspicácia para os negócios, o Sr. Candler foi adquirindo as demais partes até obter o controle total sobre a empresa do Dr. Pemberton.

A Checagem da Agência “Africa Check” em Agosto de 2019

Em agosto de 2019, a agência de checagem “Africa Check” também concluiu que essa informação sobre a venda de apenas 25 garrafas no primeiro ano era falsa! Eles entraram em contato com Ann Moore, diretora de Comunicação da Coca-Cola, que deu a seguinte resposta:

A afirmação não está correta. Na verdade, nem vendíamos Coca-Cola em garrafas no primeiro ano. A Coca-Cola estava disponível apenas como uma bebida a partir de fonte em 1886, e começamos a vender em uma farmácia, a Jacob’s Pharmacy, em Atlanta. Naquela época, as vendas eram em média de cerca de 9 bebidas por dia.

Acho que o sentimento de que até a Coca-Cola começou pequena está correto, mas as informações não são precisas e as imagens são enganosas. Não tínhamos garrafas ou latas naquela época

Atualização 04/12/2020

Em novembro de 2020, fizemos um vídeo curtinho com o resumo dessa história para o programa “Olá, Curiosos!”:

Conclusão

Falso! De acordo com o site oficial da empresa, em 8 de maio de 1886, o bioquímico, farmacêutico e inventor norte-americano Dr. John Pemberton vendeu o primeiro copo de Coca-Cola na Jacobs ‘Pharmacy, no centro de Atlanta, nos Estados Unidos. E qual a quantidade que era servida por dia no primeiro ano? Em média 9 copos!

Isso resulta em mais de 3.000 copos somente no primeiro ano! Considerando que cada copo tinha ~6.5 oz (~200 ml) isso resultaria em mais de 650 litros num único ano! Ainda que considerássemos uma versão de 2 litros (uma versão inimaginável na época), ainda assim teríamos mais de 300 garrafas vendidas em vez de apenas 25.

E isso nos leva a um segundo e crucial ponto! Inicialmente, a bebida sequer era vendida em garrafas! O engarrafamento da bebida em larga escala só foi possível alguns anos depois, quando a empresa não pertencia mais ao Dr. Pemberton.

Continue lendo

Jornalista, redator, e pesquisador de comunicação social com foco no combate a disseminação de notícias falsas. Colaborador do site de verificação de fatos E-farsas.com desde janeiro de 2019. Entre junho de 2015 e abril de 2018, trabalhei como redator do blog AssombradO.com.br, além de roteirista do canal AssombradO, no YouTube, onde desmistificava todos os tipos de engodos pseudocientíficos, além de casos supostamente sobrenaturais.

1 Comentário

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo