Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Arqueólogos descobriram restos da travessia do Mar Vermelho?

Falso

Arqueólogos descobriram restos da travessia do Mar Vermelho?

É verdade que a equipe do Professor Abdel Muhammad Gader encontrou restos de um grande exército que teria morrido durante a travessia do Mar Vermelho relatada na Bíblia?

A notícia apareceu com força na primeira quinzena de maio de 2016 na web, mas já circula há um certo tempo em diversas publicações feitas em sites e blogs. De acordo com a manchete, arqueólogos teriam confirmado um polêmico fato bíblico com esta espantosa descoberta.
A equipe de arqueólogos subaquáticos teria encontrado o que resta de um grande exército egípcio do do século 14 a.c, na parte inferior do Golfo de Suez, a 1,5 km do litoral da cidade moderna de Ras Gharib. Já teria sido recuperado um total de mais de 400 esqueletos diferentes, além de centenas de armas e peças de armadura e essa bela lâmina de uma khopesh egípcia mostrada abaixo, que teria sido a arma de um personagem importante.

O estudo conduzido pelo professor Abdel Muhammad Gader da Faculdade de Arqueologia da Universidade do Cairo teria concluído que essa descoberta confirmaria que o famoso relato bíblico da travessia do Mar Vermelho pelo povo hebreu ocorreu de verdade!

Será que essa notícia é verdadeira ou falsa?

Uma das espadas que teriam sido encontradas confirmaria que a travessia do Mar Vermelho ocorreu de verdade! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)

Uma das espadas que teriam sido encontradas confirmaria que a travessia do Mar Vermelho ocorreu de verdade! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)

Verdade ou farsa?

Logo de cara já podemos notar que a notícia não é datada. Ela diz apenas que a descoberta foi divulgada “ontem à tarde”, mas como podemos verificar em uma busca no Google, essa história ronda a internet desde o final de 2014. Ou seja, quem a inventou, usou o artifício de não datar o boato para que ele possa ser reutilizado diversas vezes e quem a ler irá achar que se trata de algo recente!

O nome do professor Abdel Muhammad Gader não aparece no site da Faculdade de Arqueologia da Universidade do Cairo ou no corpo de professores da Universidade Americana do Cairo e tampouco no site da Universidade do Cairo. Também não há registros desse professor no banco de dados das Universidades do Egito!

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

As únicas ocorrências desse nome aparecem somente em sites e blogs que copiaram essa mesma matéria.

Imagens usadas no boato

Alguns blogs que publicaram essa farsa usaram a imagem de uma lâmina chamada khopesh que foi, na verdade, retirada de uma página chamada Deadliest Wiki Fiction que nada tem a ver com essa alegada descoberta no Mar Vermelho! Segundo o Wikipédia, essa espada teria sido encontrada na Cisjordânia no século 18.

Outros blogs usaram outra imagem, retirada de uma exposição feita no Museu do Louvre em 2007. Abaixo podemos ver a mesma khopesh – que teria pertencido a Ramsés II – de outro ângulo:

Espada encontrada junto à tumba de Ramsés II! (foto: Reprodução/Louvre)

Espada encontrada junto à tumba de Ramsés II! (foto: Reprodução/Louvre)

Origem

Esse boato surgiu numa publicação feita no site humorístico World News Daily Report em outubro de 2014. Mesmo se tratando de um site bastante conhecido por criar notícias fictícias e engraçadas, o World News Daily é muito copiado por outros sites e blogs e, em algum momento, o texto que era apenas uma brincadeira acabou sendo repassado como se fosse real.

Conclusão

A notícia afirmando que arqueólogos teriam encontrado provas da travessia do Mar Vermelho citada na Bíblia é falsa! Tudo começou em uma postagem feita em um site humorístico de língua inglesa que já foi, inclusive, desmentido várias vezes aqui no E-farsas!      

Continue lendo
9 Comentários

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Publicidade

Parceiros:

Voltando a Circular

Publicidade

Topo