Beber água de 15 em 15 minutos previne contra a COVID-19?

5
4597
Texto de uma das versões que se espalharam nas redes socias em fevereiro de 2021: "Medico infectologista disse que a midia so fala sobre lavar bem as maos, usar alcool em gel, e nao levar as maos aos olhos, a boca, etc.  Mas, um fator importante para nao contrair o virus e beber agua de 15 em 15 min. Nao precisa ser um copo cheio, mas apenas alguns goles para manter a garganta umida. Levar uma garrafa de agua pra onde for.  Por que? Porque ao molhar a garganta se o virus estiver ali, vai direto para o estomago, e nao ha bacteria ou virus que resista ao suco gastrico.  Se a garganta estiver seca, o virus vai para o esofago e dali vai para os pulmoes, onde ocorre a dificultade em respirar, e e o que tem levado varias pessoas a obito. Por favor, repasse essa informacao."

Texto compartilhado afirma que beber água de 15 em 15 minutos ajuda a previnir contra a contaminação do novo coronavírus! Será verdade?

A mensagem surgiu em diversos grupos de WhatsApp na primeira semana de maio de 2020 e voltou com força em fevereiro do ano seguinte. De acordo com o texto, o vírus causador da COVID-19 fica parado na garganta do paciente e, por esse motivo, é aconselhavel se beber água de 15 em 15 minutos para que o coronavirus desça para o estômago.

Como o vírus não resiste ao suco gástrico, diz o alerta, quem se mantém hidratado não pega a doença!

Será que isso é verdade ou mentira?

Texto de uma das versões que se espalharam nas redes socias em fevereiro de 2021: “Médico infectologista disse que a mídia só fala sobre lavar bem as mãos, usar álcool em gel, e não levar as mãos aos olhos, a boca, etc.  Mas, um fator importante para não contrair o vírus e beber agua de 15 em 15 min. Não precisa ser um copo cheio, mas apenas alguns goles para manter a garganta úmida. Levar uma garrafa de agua pra onde for. Por que? Porque ao molhar a garganta se o vírus estiver ali, vai direto para o estomago, e não há bactéria ou vírus que resista ao suco gástrico. Se a garganta estiver seca, o vírus vai para o esôfago e dali vai para os pulmões, onde ocorre a dificuldade em respirar, e e o que tem levado varias pessoas a óbito. Por favor, repasse essa informação.

Verdade ou mentira?

A primeira coisa que chama a atenção nesse texto é que ele não possui nenhuma identificação ou pista de onde foram tiradas essas informações. Ele não é assinado e pede para ser repassado, algumas das características de um boato digital.

Outro detalhe é que o SARS-CoV-2 é um vírus que, conforme apurado pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), o suco gástrico é uma barreira contra germes, mas a transmissão da Covid-19 se dá pelas vias aéreas. 

Ou seja, não existe proteção do estômago contra a doença!

Além disso, tudo indica que o vírus pode resistir ao suco gástrico presente no estômago. Pesquisadores identificaram a presença do RNA do vírus da COVID-19 em fezes 54% dos pacientes infectados que foram submetidos a exames, na China.

Como alguns pacientes (cerca de 45%) com a doença apresentaram quadro diarreia e vômitos, estudos indicam que o vírus pode, sim, agir em alguns casos no sistema digestivo.

Buscando um pouco mais na web, encontramos referências à essa corrente datadas de abril de 2020, quando diversos órgãos de Saúde ajudaram a desmentir essa história. Dentre eles, o Instituto Gonçalo Moniz – Fiocrus Bahia, que explicou que as únicas formas de se prevenir da contaminação do novo coronavírus são:

  • Lavar as mãos com frequência, com água e sabão. Ou então higienizá-las com álcool em gel 70%.
  • Cobrir o nariz e boca com lenço ou COM O BRAÇO (e não com as mãos!) quando tossir ou espirrar.
  • Evitar contato próximo com pessoas resfriadas ou que estejam com sintomas parecidos com os da gripe.
  • Quando estiver doente, ficar em casa.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal (como talheres, toalhas, pratos e copos).
  • Evitar aglomerações e manter os ambientes ventilados.

O mesmo conteúdo falso circulou em outros idiomas e já foi desmentido por agências de checagens espanholas, inglesas, filipinas, árabes, dentre outras, além de também ter sido desmentido pelo Ministério da Saúde.

Beba água

Apesar da afirmação de que a ingestão de água previne contra o coronavírus, especialistas recomendam o consumo de líquidos regularmente.

Conclusão

A informação de que beber água a cada 15 minutos irá te proteger do coronavírus é falsa! Não há nenhum remédio ou simpatia que te ajude a não ser contaminado pelo coronavírus. As únicas medidas de prevenção ainda são a higienização das mãos e a evitação de aglomerações! Continue bebendo água para evitar outros problemas de saúde.     

5 COMMENTS

  1. Não sei onde foi que eu li, mas faz todo o sentido:
    “Enquanto temos cientistas, governos e laboratórios em todo o mundo tentando encontrar uma vacina contra o Corona, temos brasileiro que acha que vai achar a solução na cagada.”

    Espero ao menos no fim poder ler: “O Coronavirus está regredindo pelo mundo devido aos esforços de governos e laboratórios no mundo. No Brasil ao menos a malária, as lombrigas e os piolhos foram erradicados.”

    • Podia deixar de seguir o seu próprio conselho e fazer isso, né? Seria um alívio não precisar mais ler o festival de chorume que você vomita pela ponta dos dedos…

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here