Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Casal homossexual espancou o filho ao saber que ele é gay?

Falso

Casal homossexual espancou o filho ao saber que ele é gay?

Notícia afirma que um casal de homossexuais teria espancado o filho adotivo ao descobrir que ele é gay! Será que isso é verdade ou mentira?

Essa história apareceu com força em diversos sites e blogs na segunda quinzena de abril de 2016 e foi bastante compartilhada nas redes sociais. De acordo com o texto, Luciano Vieira Fontes e Roberto Martins Fontes – pais do menor – teriam sido presos em flagrante pelo delegado Jefferson Bernardo após espancar o filho adotivo de 16 anos!

O casal teria tomado essa atitude quando descobriu que o rapaz também é homossexual através de um “aplicativo de encontro gay”. O fato teria ocorrido no interior de Pernambuco no fim da tarde da última segunda-feira.
O adolescente, segundo o texto, se encontra hospitalizado em estado grave.

A reportagem vem acompanhada de fotos do pobre rapaz todo machucado!

Será que essa notícia é verdadeira ou falsa?

Filho teria sido espancado pelos pais gays após se declarar homossexual! Será? (foto: Reprodução/Facebook)

Filho teria sido espancado pelos pais gays após se declarar homossexual! Será? (foto: Reprodução/Facebook)

Verdadeiro ou falso?

A notícia – que não foi publicada em nenhum jornal sério de Pernambuco ou de qualquer outro estado – possui várias características de um boato digital:

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

  • Trata de um assunto que chama a atenção do leitor;
  • Cita nomes de pessoas que não existem;
  • Não é datada;

Podemos perceber que o fato teria ocorrido “na última segunda-feira”, mas não diz de qual mês ou ano! Dessa forma, esse mesmo boato poderá ser “reutilizado” novamente em outras ocasiões e quem o ler poderá achar que se trata de algo recente.

Uma busca pelo nome dos pais do adolescente não retorna nenhum resultado (além dos sites e blogs que apenas copiaram essa mesma “notícia”. O mesmo vale para o “delegado Jefferson Bernardo”.

A fotografia do filho espancado

Quem inventou essa história usou uma foto para ilustrar a matéria que nada tem a ver com pais gays que teriam batido no filho. O rapaz da foto era Gleison Vieira da Silva, que estava preso no Centro Educacional Masculino (CEM), em Teresina (PI) por ter participado de um estupro coletivo juntamente com outros 3 menores.

O caso ocorreu em maio de 2015 e voltou aos noticiários em julho daquele ano, quando Gleison foi morto a socos e pontapés (além de ter a cabeça batida contra o chão até a morte) por outros presos do CEM.

Notícia pode ter “inspirado” o boato

Em março de 2012, um caso de agressão de uma criança de 5 anos pelos pais adotivos (e homossexuais) pode ter “inspirado” a criação desse boato. Segundo o Portal de Notícias R7, a empregada do casal estranhou que o filho adotivo do casal aparecer com ferimentos pelo corpo e não querer sair do quarto nem para ir à escola e o levou ao hospital, onde a criança deu entrada com sintomas de desidratação, desnutrição e pneumonia. O casal desapareceu após a internação do menino.

Conclusão

A notícia do casal de gays que teria espancado o filho após descobrir que ele era homossexual é falsa!

Continue lendo
6 Comentários

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Publicidade

Parceiros:

Voltando a Circular

Publicidade

Topo