17.5 C
São Paulo
sexta-feira, setembro 30, 2022

O ex-deputado Marco Maia revelou esquema de fraudes nas urnas?

- Publicidade -

É verdade que o ex-deputado federal Marco Maia deixou escapar que há um esquema de fraudes nas urnas eletrônicas para beneficiar os candidatos do seu partido?

A história voltou a circular através de grupos de WhatsApp e Telegram na segunda semana de agosto de 2022, e afirma que Marco Maia – ex-deputado federal pelo Rio Grande do Sul – teria bebido demais durante uma festa de aniversário e deixado escapar que um grande esquema estaria em curso para as eleições de 2022.

Segundo o texto, o político teria dito que durante a totalização dos votos ocorrerá uma soma que dará a vitória aos candidatos do seu partido e o resultado bater com o que está sendo divulgado pelas pesquisas eleitorais!

Será que essa denúncia é real?

Texto de uma das versões que se espalharam através de grupos de WhatsApp em agosto de 2022: “Precisamos compartilhar esta mensagem sem dó….* Prestem bem atenção no que vou te relatar, isto é muito grave, porém ainda há tempo para reverter… Em um recente almoço de aniversário em Canoas/RS o  petista Marco Maia  Ex-Deputado Federal depois de beber várias doses de caipira, deixou escapar uma informação muito grave. *Observem que o Lula está com muita calma e o nervosismo só aparece qdo se fala em auditoria nas urnas…* Porém a informação que Marco Maia deixou clara é que na realidade eles estão cagando para a auditoria, pois a fraude já está toda arquitetada e será na totalização dos votos, quando do encerramento da votação…os coitados dos mesários nem mesmo terão ciência disto, pois quando na votação elas *”as urnas”* vão aceitar todos tipos de votos, no Lula, no Bolsonaro, no Ciro…etc…brancos, nulos… porém qdo da finalização ao ser dado o comando de totalizaram o resultado elas irão apresentar números iguais os das pesquisas…com exceção de alguns poucos lugares… E outra coisa, desta vez a fraude não será apenas a nível presidencial, eles querem eleger a maior bancada no senado e na câmara federal em 5 partidos… PT, PSDB, MDB, PCdoB e PSOL será uma lavagem nunca antes vista…pois a fraude nas urnas e quase *indetectável..* a não ser que ocorra uma votação em paralelo com cédulas de papel… está é a única maneira de coibir o estrago e este é o maior medo do PT. O cara encheu a cara de trago e entregou tudo. E tem mais, eles vão tentar matar o Bolsonaro novamente se houver uma auditoria que chegue próximo da fraude…. Esperamos que aqueles que estão envolvido em campanha, façam chegar isto aos ouvidos de alguém que possa fazer algo…ainda dá tempo….GENTE LEIAM ISSO COM BASTANTE ATENÇÃO E VAMOS PASSAR PARA TODOS OS CONTATOS ATÉ CHEGAR AO NOSSO PRESIDENTE JAIR MESSIAS BOLSONARO URGENTE”

Verdade ou mentira?

Analisando cada trecho dessa denúncia, encontraremos diversos indícios de que se trata de mais uma farsa da web:

  • É imprecisa
  • Não apresenta provas
  • Apela para o lado emocional do leitor
  • Possui um tom alarmista
  • Pede para ser repassado
  • Trata de um assunto em evidência no momento

Logo de cara, temos:

“Precisamos compartilhar esta mensagem sem dó…”

O texto já começa com um apelo para ser repassado! Perceba que esse método é muito usado entre os disseminadores de fake news. Prosseguindo:

“Prestem bem atenção no que vou te relatar, isto é muito grave, porém ainda há tempo para reverter…”

Aqui, o autor apela para o lado emocional do leitor. É importante notar que o texto tenta passar a impressão de que está sendo enviado para um grupo (ou grupos) e busca o senso de pertencimento do leitor para conseguir engajamento.

Mais adiante, temos:

“Em um recente almoço de aniversário em Canoas/RS o petista Marco Maia Ex-Deputado Federal depois de beber várias doses de caipira, deixou escapar uma informação muito grave.”

- Publicidade -

Quando foi esse almoço? O texto não explica de quem é o aniversário, mas com certeza não é o do ex-deputado, pois ele faz aniversário apenas no dia 27 de dezembro. Além disso, não há nenhum áudio ou vídeo do ocorrido. Numa época em que os smartphones estão ao alcance das mãos, seria impossível que uma denúncia tão grave como essa não tivesse nenhum registro.

Prosseguindo: 

“Observem que o Lula está com muita calma e o nervosismo só aparece qdo se fala em auditoria nas urnas…”

Não encontramos vídeos mostrando o candidato Lula calmo (ou nervoso) sobre auditoria de urnas. O que há é uma indignação (não só desse candidato como de outros) quando o assunto é a impressão dos votos, pois as urnas já são auditáveis, como já explicamos aqui no E-farsas.

No próximo parágrafo, temos:

“Porém a informação que Marco Maia deixou clara é que na realidade eles estão cagando para a auditoria, pois a fraude já está toda arquitetada e será na totalização dos votos, quando do encerramento da votação…”

Como já dissemos aqui no E-farsas, não há como burlar a totalização dos votos, pois as urnas imprimem o boletim de urna antes de enviar os dados para o TSE. Quando as eleições são encerradas, as urnas imprimem um documento com todos os votos e só então é que os dados são enviados para o Tribunal Superior Eleitoral. 

Para verificar se há diferença entre os dados enviados e os dados impressos, basta comparar os dois.

“[…]os coitados dos mesários nem mesmo terão ciência disto, pois quando na votação elas *”as urnas”* vão aceitar todos tipos de votos, no Lula, no Bolsonaro, no Ciro…etc…brancos, nulos… porém qdo da finalização ao ser dado o comando de totalizaram o resultado elas irão apresentar números iguais os das pesquisas…”

Todos os anos, o TSE convoca a sociedade civil, Polícia Federal, partidos políticos e demais interessados para a inspeção do código-fonte e demais componentes das urnas eletrônicas. Em julho de 2022, as Forças Armadas tiveram acesso ao código-fonte das urnas (códigos esses que estavam disponíveis desde 2021) e não acharam nada de errado.

Além disso, as urnas eletrônicas são utilizadas em eleições no Brasil há décadas e nunca houve nenhum indício de fraude.

Em outro parágrafo, o texto afirma:

“E outra coisa, desta vez a fraude não será apenas a nível presidencial, eles querem eleger a maior bancada no senado e na câmara federal em 5 partidos… PT, PSDB, MDB, PCdoB e PSOL será uma lavagem nunca antes vista…pois a fraude nas urnas e quase *indetectável..*” 

Como já dissemos antes, não há provas de que isso seja verdade.

“[…]a não ser que ocorra uma votação em paralelo com cédulas de papel…”

Como isso funcionaria? O eleitor votaria na urna e, depois, votaria em uma cédula de papel? E quem garante que ele votaria no mesmo candidato nas duas votações? 

É preciso lembrar aqui que já existe uma votação em paralelo. No dia das eleições, o TSE sorteia algumas urnas que são levadas para um ambiente controlado onde voluntários anunciam os votos e se deixam filmar durante a votação. Ao final do dia, a urna imprime o resultado e ele é comparado com os votos “cantados” pelos voluntários. Mais sobre a votação paralela no site do TRE-SP.

“[…] está é a única maneira de coibir o estrago e este é o maior medo do PT.”

Existem outras formas de se coibir as fraudes eleitorais e o TSE tem melhorado a segurança a cada novo pleito!  

“O cara encheu a cara de trago e entregou tudo.”

Cadê a prova disso? Não tem…

O texto anônimo termina com um tom alarmista, usando caixa alta e termos com o objetivo de chamar a atenção do leitor.

Conclusão

Não há nenhuma prova de que um ex-deputado teria entregado um esquema de fraude nas eleições após beber demais em um aniversário!

- Publicidade -
Gilmar Lopes
Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas. Trabalha com PHP e banco de dados Oracle e é especializado em criação de ferramentas para Intranet. Em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar também tem um espaço semanal dentro do programa “Olá, Curiosos!” no YouTube e co-apresenta o Fake em Nóis ao lado do biólogo Pirulla!

Últimas Atualizações

- Publicidade -

Ajude a Manter o E-farsas

- Publicidade -

Checagens Relacionadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui