Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

O vídeo de um novo drone assassino com inteligência artificial e munição é real?

Falso

O vídeo de um novo drone assassino com inteligência artificial e munição é real?

O vídeo de um novo drone assassino com inteligência artificial e munição é real?

Será que o vídeo de apresentação de um novo drone assassino militar, equipado com munição e inteligência artificial, é verdadeiro ou falso?

As imagens foram retiradas de uma palestra onde um apresentador mostra drones militares mini-assassinos, equipados com munição e dotados de inteligência artificial. Compartilhado através de grupos do WhatsApp no final de julho de 2018, o vídeo apareceu nas redes sociais no final de 2017 e deixou muita gente assustada com a tecnologia devastadora que o diminuto aparelho oferece!

Na apresentação, o homem no palco mostra que o pequeno drone parece ter uma autonomia, tanto para se esquivar de possíveis ataques quanto para atacar um possível (ou possíveis) inimigo(s). Dotado de inteligência artificial e de pequenas e motíferas cargas de munição, o dispositivo aéreo pode reconhecer facialmente seu alvo e elimina-lo em apenas um único tiro!

Um avião carregado com milhares deles, diz o apresentador, é capaz de eliminar a “metade ruim” de uma cidade!

O exército norte-americano está desenvolvendo mesmo esse drone? Será que isso é verdade?

 

Verdade ou mentira?

A primeira coisa que devemos explicar aqui é que se o exército tivesse mesmo desenvolvendo essa máquina de guerra (pode ser esteja, pode ser que não) , dificilmente ficaríamos sabendo dessa forma! Os planos do maior exército do mundo (e de todos os outros) são bem guardados e ficamos sabendo apenas aquilo que nos deixam saber. Isso pode soar como uma teoria da conspiração, mas se divulgarem tudo, outros exércitos podem copiar ou até bolar estratégias para neutralizar o aparelho.

Outra coisa importante é que o vídeo, apesar de ser assustador, é falso!

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Ele foi criado pelo grupo Ban Lethal Autonomous Weapons com o intuito de mostrar um problema que pode ocorrer no futuro.

Desenvolvido pelo professor da universidade da Califórnia em Berkeley, Stuart Russell, o viral dos “Slaughterbots“ (como ele chama os drones) tem a ideia de que forçemos os governos a criar normas que limitam as armas autômatas e o vídeo teve milhões de visualizações e, de fato, gerando o tipo de questionamento esperado!

Não tão longe da realidade

Apesar do vídeo ser falso, já existe tecnologia para se criar equipamentos como esse mostrado no vídeo. Na apresentação abaixo, de 2016, podemos ver uma demonstração das Forças Aéreas Americanas de dois caças F18 libertando 103 pequenos drones durante um vôo:

O “enxame” de drones executou tarefas de reconhecimento e o que difere essa demonstração da do vídeo criado pela Ban Lethal Autonomous Weapons é que os drones da Força Aérea eram pilotados. O que chama a atenção é que apenas um piloto comandou todos os drones, sem a necessidade de 103 pilotos. Apenas um deles era pilotado enquanto que todos os outros o seguiram.

Outros países também já caminham para o uso de drones semi-autômatos para diversas tarefas, como a de busca e resgate. A Argentina, por exemplo, anunciou em 2015 que ia começar a fabricar drones para serem usados na defesa do país.

Contra-ataque

Pra quem ficou preocupado com uma possível dominação das máquinas voadoras aniquiladoras de humanos, saiba que o problema já é visto como desafio em diversos países, como podemos ver aqui, várias armas e equipamentos já estão sendo fabricados para contra-atacar drones malintencionados!

Conclusão

O vídeo é falso! Foi criado por um grupo que tem o objetivo de conscientizar os governos da necessidade de se criar leis que regulamentem o uso de tecnologias letais em equipamentos autônomos.

Continue lendo
18 Comentários

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo