20.1 C
São Paulo
segunda-feira, dezembro 6, 2021

Paulo Guedes gastou mesmo R$ 120 mil com Viagra?

- Publicidade -

Será verdade que o ministro da Economia Paulo Guedes gastou 120 mil reais com remédio para disfunção erétil?

A informação surgiu nas redes sociais em 02 de março de 2021 e se tornou um dos assuntos mais comentados na web durante todo o dia. As publicações mostravam uma foto de uma tela de TV, mostrando uma matéria da agência CNN de notícias cuja manchete afirmava que o ministro Paulo Guedes teria gastado R$120 mil em Viagra, remédio indicado para homens com disfunção erétil.

Será que isso é verdade ou mentira?

“Polêmica no Planalto”, diz a manchete supostamente divulgada pela CNN Brasil. Paulo Guedes gastou 120 mil reais em Viagra? (foto: Reprodução/Twitter) 

Verdade ou mentira?

Apesar do assunto ter ficado em evidência no dia 02 de março de 2021 e apresentar uma foto de uma publicação de um canal jornalístico, a notícia é falsa!

Procuramos no site da CNN Brasil algo sobre essa história e não encontramos nada. Também não há nada nos perfis da CNN no Twitter, no Facebbok e tampouco no Instagram da agência de notícias.

Acontece que essa história surgiu da brincadeira de um usuário do Twitter, que minutos antes de publicar a “notícia”, avisou a todos que inventaria algo para “subir nos trends” do Twitter (o que significa fazer um assunto ser bastante comentado a ponto de ficar entre os mais importantes do dia nessa plataforma) .

O site Diário do Litoral descobriu a origem da brincadeira:

Provável origem da brincadeira! (foto: Reprodução/Diário do Litoral/Twitter)

Após o apresentador Felipe Andreoli cair na pegadinha, acreditando que a notícia era real, os redatores do site Notícias da TV entraram em contato com a CNN Brasil, que afirmou que essa reportagem não faz parte do seu noticiário e reforçou que a imagem compartilhada no Twitter se tratava mesmo de uma montagem. 

Conclusão

- Publicidade -

A notícia afirmando que o ministro Paulo Guedes teria gastado R$ 120 mil com Viagra é falsa e teve início numa brincadeira feita por um usuário do Twitter!    

- Publicidade -
Gilmar Lopes
Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas. Trabalha com PHP e banco de dados Oracle e é especializado em criação de ferramentas para Intranet. Em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar também tem um espaço semanal dentro do programa “Olá, Curiosos!” no YouTube e co-apresenta o Fake em Nóis ao lado do biólogo Pirulla!

Últimas Atualizações

- Publicidade -

Ajude a Manter o E-farsas

Checagens Relacionadas

6 COMENTÁRIOS

  1. Nilista de merda que paga de liberal querendo hitar na internet e acaba contribuindo com toda essa seara de falsidade que estamos.

    Sim, é engraçadinho pq envolve ministro do Bolsonaro, mas quem faz ou espalha isso não tem direito de reclamar do chorume conservador que os bolsominions espalham…

    • Concordo. Fake news é fake news, independente do alinhamento planetário político, e deve ser combatido. Principalmente se for contra a direita. Agora, se for contra a esquerda – todo veneno é bem vindo! rsrs

  2. A verdade é muito simples: “fake news é péssimo, mas se for pra atingir o ‘Bozo’ é ótimo, porque nem gente o Bozo é. Vale tudo pra atingir os fascistas”. E assim funciona a mente de um extremista de esquerda, se sentindo no direito de fazer todo tipo de idiotice pra se sentir revolucionário. Qualquer tipo de fake news é bem recebida por essas pessoas, desde que sirva pra atingir o inimigo eleito delas. O Brasil atualmente é o paraíso da hipocrisia.

    • A verdade é muito simples: “fake news é péssimo, mas se for pra atingir o ‘Molusco’ é ótimo, porque nem gente o Molusco é. Vale tudo pra atingir os ladrões”. E assim funciona a mente de um extremista de direita, se sentindo no direito de fazer todo tipo de idiotice pra se sentir revolucionário. Qualquer tipo de fake news é bem recebida por essas pessoas, desde que sirva pra atingir o inimigo eleito delas. O Brasil atualmente é o paraíso da hipocrisia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui