17.2 C
São Paulo
domingo, agosto 1, 2021

Que animal estranho é esse com “cabeça de mão” e puxando uma carroça?

- Publicidade -

Vídeo mostra um tipo de ave estranha, com cabeça em forma de mão, caminhando e puxando uma pequena carroça! Que bicho esquisito é esse?

As imagens curiosas voltaram a ser compartilhadas com força através das redes sociais no final de agosto de 2018 e chamam a atenção pelo bicho estranho mostrado na cena: Um tipo de ave com penas pretas, mas com a cabeça em forma de mão humana!!!

O bicho caminha tranquilamente puxando uma pequena carroça, atraindo a atenção dos presentes, mas que animal é esse?

Será que esse vídeo é real? Essa ave existe mesmo?

Verdadeiro ou falso?

O vídeo foi feito em 2009, durante uma feira realizada todos os anos em Londres, na Inglaterra, chamada Kinetica Art Fair. Produzida pelo Kinetica Museum, a feira reúne os melhores escultores do mundo e as esculturas (como o próprio nome sugere) se mexem.

O “animal” que ficou conhecido nas redes sociais é um robô que foi criado pelo artista Tim Lewis. A escultura batizada de Pony não interage com as pessoas, pois tem uma sequência de movimentos pré-determinada e pode ser vista no vídeo abaixo:

 

Nesse vídeo podemos ver outras criações de Tm Lewis:

- Publicidade -

 

Conclusão

O estranho animal que aparece em vídeo puxando uma carroça é um robô, uma escultura criada pelo artista Tim Lewis, em 2009!

- Publicidade -
Gilmar Lopes
Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas. Trabalha com PHP e banco de dados Oracle e é especializado em criação de ferramentas para Intranet. Em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar também tem um espaço semanal dentro do programa “Olá, Curiosos!” no YouTube e co-apresenta o Fake em Nóis ao lado do biólogo Pirulla!

Últimas Atualizações

- Publicidade -

Ajude a Manter o E-farsas

Checagens Relacionadas

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui