Corrupção do PT diminuiu o poder de compra do salário mínimo em relação à cerveja?

Share Button

É verdade que o salário mínimo em 2000 era R$ 330,00 e dava para comprar 330 cervejas e, graças à corrupção do PT, o salário mínimo em 2017 compra apenas 133 cervejas?

A corrente bem-humorada ganhou força nos grupos do WhatsApp na segunda quinzena de maio de 2017 e foi o primeiro texto enviado para o nosso novo canal de interação com os nossos leitores: Nosso WhatsApp (11) 96075-5663!

De acordo com o protesto em forma de brincadeira, no ano de 2000 o salário mínimo era R$ 330,00 e a cerveja custava R$ 1,00 – o salário dava pra comprar 330 garrafas de cerveja. Atualmente, diz o texto, o salário mínimo é de R$ 937,00 e a cerveja custa R$ 7,00. Logo, o salário dá para comprar apenas 133 garrafas de cerveja!

O texto ainda culpa o PT, o Mensalão e corrupção em cima de corrupção pela perda do poder de compra de 193 garrafas de cerveja!

Será que essa conta está certa? Será que isso é verdade ou farsa?

Brincadeira espalhada no WhatsApp afirma que em 2017 o salário mínimo compra menos cerveja do que em 2000! Será verdade?

Verdadeiro ou falso?

É fácil de se encontrar o valor do salário mínimo em 2000. Basta uma busca rápida e achamos em diversos sites essa informação! De acordo com o site da Editora Buscajus, o salário mínimo no ano de 2000 (a partir de março daquele ano) era R$ 151. O salário mínimo só ultrapassou os R$ 300 em abril de 2006, quando passou para R$ 350:

Quanto ao valor da garrafa de cerveja, é difícil de se averiguar, pois o texto compartilhado no WhatsApp não especifica a marca da bebida. Apenas por curiosidade, vamos mostrar aqui o preço da garrafa da cerveja Kaiser Long Neck de 355ml estava em promoção no Extra, em novembro de 2000 por R$ 0,45:

Capa do tabloide de do Extra! (foto: Reprodução)

 

Em março de 2000, as revendas de bebidas protestaram contra o aumento da cerveja que, segundo reportagem da Folha, passaria a custar R$ 1,10 a garrafa, em média…

Envie suas dúvidas e sugestões de pauta através do nosso WhatsApp pelo número (11) 96075-5663!

Ou seja: Em 2000 com um salário mínimo era possível se comprar 137 garrafas de cerveja!

Em 2017, o salário mínimo passou para R$ 937 no primeiro dia do ano e uma garrafa de cerveja Itaipava, por exemplo, custa em torno de 6 reais:

Reprodução/Extra Hipermercados

Em resumo, com o salário mínimo de 2017 dá pra comprar 157 garrafas de cerveja! Um pouco a mais de cerveja do que em 2000…

Atualização 24/05/2017

Atendendo às solicitações de vários leitores e para sermos mais “justos” com essas contas, vamos comparar o preço do mesmo produto em 2000 com seu preço equivalente em 2017.

Usando como exemplo a Kaiser Long Neck de 330ml – que custava em 2000 R$ 0,49 no Extra e sua equivalente (de 250 ml) que custa em 2017 R$ 1,69 (a versão de 330ml foi descontinuada), temos:

  • Long Neck de 330ml (ano 2000) = R$ 0,0015 o mililitro ou R$ 1,48 o litro
  • Long Neck de 250ml (ano 2017) = R$ 0,0068 o mililitro ou R$ 6,76 o litro

Partindo desses valores, podemos concluir que:

  • O salário mínimo de R$151 comprava 102 litros de cerveja em 2000
  • O salário mínimo de R$937 compra 139 litros de cerveja em 2017

É claro que os valores usados aqui para base de cálculos são uma média e não representam todas a cervejas vendidas no Brasil, mas ainda assim servem para ilustrar bem essa mentira espalhada através do WhatsApp.

Fim da Atualização 24/05/2017

Origem

É difícil se saber onde surgiu essa brincadeira, mas podemos verificar que esse “protesto” bem-humorado é uma versão de outros texto semelhantes que circulam há anos pela web. Nessa postagem feita no Facebook em 2014 – por exemplo – a conta era parecida, mas igualmente errada:

Conclusão

Não temos como saber a marca da cerveja usada na conta, mas tendo como base a média da época e o de 2017, podemos afirmar que, mesmo que a cerveja custasse pouco mais de R$1 em 2000 e com a cerveja custando pouco mais de R$6 em 2017, é possível se comprar algumas cervejas a mais do que em 2000 com o salário mínimo atual! Além disso, 330 – 133 = 197 garrafas! 

Share Button
Correntes, Falso, Humor
, , , , , , , , , , ,
  • RABUGENTO

    Não esquecendo que os impostos sobre bebidas alcoólicas aumentaram nesse período.

    • E devia ter aumentado muito mais.

  • Devanir Nunes

    “O texto ainda culpa o PT, o Mensalão e corrupção em cima de corrupção pela perda do poder de compra de 193 garrafas de cerveja!”

    Na frase acima, o correto seria 197.

    • Gilmar Lopes

      Valeu!

  • André

    Inconclusivo, uma vez que todos sabemos que Kaiser não é cerveja.