Ginecologista se recusou a atender travesti e foi preso?

Share Button

Será verdade que um médico ginecologista se recusou a atender a um travesti em seu consultório e foi preso em flagrante por homofobia?

A notícia ganhou força em abril de 2017 em diversos sites e blogs, sendo compartilhada também nos grupos de WhatsApp e demais redes sociais. De acordo com o artigo, uma consulta rotineira ao ginecologista acabou em uma prisão em flagrante de um médico no Hospital Municipal Doutor Helder.

O o ginecologista, segundo o que diz na reportagem, teria se recusado a atender a um travesti, alegando que o paciente era homem. O paciente teria ficado revoltado com a situação e afirma ter filmado o ocorrido, alegando que estava sendo vítima de preconceito.

O doutor teria sido preso em flagrante sob a acusação de crime de homofobia, mas irá responder em liberdade!

Será que essa notícia é verdadeira ou falsa?

Ginecologista teria sido preso por ter se recusado a atender a um travesti! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)

Verdade ou farsa?

Como a notícia não é datada, fica muito mais fácil de ser repassada novamente, ano após ano. É o que aconteceu com essa história, que surgiu em junho de 2016 e “ressuscitou” em abril de 2017, graças à publicações feitas em sites que não checam a veracidade das informações postadas!

Envie suas dúvidas e sugestões de pauta através do nosso WhatsApp pelo número (11) 96075-5663!

Uma busca pelo “Hospital Municipal Doutor Helder” mostra que ele não existe. É que na versão original, o hospital onde o fato teria acontecido se chamava “ Hospital Municipal Doutor Exu Caveira”…

Na verdade, a origem dessa e-farsa é uma publicação feita no site humorístico Joselito Muller e que, rapidamente, foi parar em um montão de sites e blogs (como se o caso fosse verdadeira).

Falamos sobre o site do humorista Joselito Miller (e de outros sites humorísticos) no vídeo abaixo:

A imagem usada na “notícia”

A imagem usada para ilustrar essa notícia falsa é de um caso ocorrido em 2014, quando o médico Bruno Gomes da Silva foi preso sob a acusação de realizar abortos clandestinos em clínicas no Rio de Janeiro.

Homofobia é crime?

A homofobia não é tipificada pelas leis brasileiras, mas crimes de ódio e preconceito podem E DEVEM ser denunciados. Esse artigo do Huffington Post Brasil mostra uma lista de locais para se denunciar, tudo separado por estado

Conclusão

A notícia do ginecologista que não quis atender um travesti por ele ser homem é falsa! Surgiu em um site humor em 2016 e voltou a circular em 2017.

Share Button
Crimes, Falso
, , , , , , , ,
  • Pallatus Heinrich

    “A notícia ganhou força (…) sendo compartilhada também nos grupos de WhatsApp e demais redes sociais. ”

    >>Cortem a conexão desses favelados!

  • “Hospital Municipal Doutor Exu Caveira”… 😱😱😱 TENSOOOO!!