O achocolatado Toddynho está matando crianças?

Share Button

Será verdadeira a notícia afirmando que o achocolatado Toddynho está envenenando crianças em várias cidades brasileiras? Descubra aqui no E-farsas!

A notícia apareceu nas redes sociais no dia 27 de agosto de 2016 e, inclusive, se espalhou também através do WhatsApp em forma de áudio. De acordo com o alerta, o achocolatado da marca Toddynho estaria matando crianças em todo o Brasil!

No áudio amplamente compartilhado desde o dia 28 de agosto, um homem avisa com uma voz preocupada que além do Toddynho, outras marcas também estariam contaminadas, e que as crianças devem evitar de consumir esse achocolatado.

Em uma das versões, o homem diz o seguinte:

“Gente é urgente, repassem o Máximo que conseguir! Recebi um áudio no whatsapp falando que Duas crianças ‘morreu’ no pronto socorro, e um adulto também morreu. A polícia está desconfiada que é um lote contaminado de ‘Toddynho’,  mas não sabe se é o próprio ‘Toddynho’. Pode ser qualquer produto desses de caixinha: ‘Nescau’, ‘Toddynho’, ‘achocolatado’…NÃO TOMEM!!! Avisa pro todo mundo, espalha o máximo possível”.

Será que isso é verdade?

Achocolatado Toddynho estaria matando crianças no Brasil! Será verdade? (foto: Divulgação)

Achocolatado Toddynho estaria matando crianças no Brasil! Será verdade? (foto: Divulgação)


Verdade ou farsa?

Em primeiro lugar, sempre desconfie de áudios anônimos espalhados através do WhatsApp. No caso, o sujeito nem se apresenta e começa a criar alarde sem propósito em um aplicativo que rapidamente consegue viralizar qualquer assunto, criando um pânico desnecessário entre seus usuários!

A primeira frase do áudio já pede para ser repassado para o maior número de pessoas possível. Essa é uma técnica usada desde as primeiras correntes que já foram pesquisadas pelo E-farsas desde 2002.

Envie suas dúvidas e sugestões de pauta através do nosso WhatsApp pelo número (11) 96075-5663!

Além disso, quem criou esse alerta falso sequer apresenta nenhuma prova do que está falando, misturando fatos com mentiras para tentar dar mais credibilidade para seu boato.

Uma morte e não muitas mortes

De fato, no dia 26 de agosto de 2016, houve uma morte de uma criança de 02 anos de idade em Cuiabá (MT) e, como a mãe da vítima disse à polícia que seu filho havia consumido uma caixinha do achocolatado Itambezinho antes de morrer, a Coordenadoria de Vigilância Sanitária do Estado de Mato Grosso solicitou interdição cautelar de todos os produtos Itambezinho sabor Chocolate, com data de fabricação em 25/05/2016, validade 21/11/2016 e lote MA 21:18. A interdição ocorreu mesmo antes do resultado toxicológico do menino, que sairá em breve. A mãe do garoto disse que ganhou as caixinhas do achocolatado de um vizinho.

A equipe do site de notícias 24 Horas News afirmou ter ido ao bairro onde ocorreu a morte da criança e apurou que o produto poderia estar com veneno e que a empresa não teve culpa pelo ocorrido. Isso, é claro, só será confirmado ou desmentido após os resultados da perícia.

Esse foi o único caso de morte que pode estar relacionado ao consumo de um achocolatado no Brasil!

E o Toddynho?

Agora, quanto ao Toddynho (ou as demais marcas citadas no boato), não há nada a respeito de contaminações relacionadas a esses produtos. Acontece que muitas pessoas começaram a misturar a notícia de 2016 da morte da criança em Cuiabá com uma notícia de 2014 envolvendo o achocolatado Toddynho.

Em agosto de 2014, a Pepsico – fabricante do produto – alertou seus revendedores e distribuidores que 8.800 unidades do Toddynho que foram fabricadas em Guarulhos estavam contaminadas com uma bactéria chamada Bacillus Cereus, que poderia causar vômitos e diarreia.

Para evitar contaminações nos consumidores, a fábrica notificou rapidamente a Anvisa e os produtos foram retirados das prateleiras, em Porto Alegre.

Em uma das versões dessa E-farsa, os boateiros inventaram a notícia afirmando que uma criança envenenada pelo achocolatado Itambezinho teria morrido no Hospital Estadual de Sumaré (SP), mas a direção do hospital já desmentiu mais esse rumor por meio de uma nota à imprensa no dia 29 de agosto de 2016.

Conclusão

Não houve “muitas mortes” por causa do consumo do achocolatado Toddynho e nenhum outra marca! Uma criança morreu após consumir uma caixinha de achocolatado Itambezinho, mas a polícia ainda está investigando se essa foi mesmo a causa da morte desse garoto, em Cuiabá!

Share Button
Falso, Morte, Saúde
, , , , , , ,
  • Pingback: O achocolatado Toddynho está matando jovens? - Cidadão Repórter()

  • Sedgewick Sexton

    Eu lembro do lote de Toddynho recolhido, começaram a rolar memes dizendo que era “Toddynho sabor Diabo Verde (produto utilizado para desentupir ralos)”.
    Apenas para constar, no link que fala da criança que faleceu em Cuiabá, a idade consta como “02 ano”, faltou um “s”. E no link que fala sobre o lote recolhido diz “bactéria chamada, que poderia”, faltou o nome da bactéria.
    Abraço Gilmar.

  • Gisele

    Minha irmã é auditora de segurança alimentar de certificação de qualidade da SGS do Brasil e já procedeu auditorias na fabrica da Itambé. A noticia causou grande espanto a ela, que tem pleno conhecimento que todos os itens de inspeção determinados pela auditoria (com padrões internacionalmente especificados) foram verificados e a fabrica procedeu (como estabelecido nos itens de conformidade) o completo controle de todas as variáveis de vulnerabilidade no processo, e nenhum risco foi detectado. Em uma fabrica com certificação internacional, esses fatores são muito bem controlados. Um processo de certificação de segurança alimentar internacional demanda investimentos absurdos de recursos financeiros e humanos além de periódica fiscalização pelos órgãos certificadores, que não brincam em serviço, e os procedimentos adotados são estabelecidos como padrão invariável na prática de fabricação. Uma sabotagem dolosa (de algum funcionário) parece improvável, pois todo o processo é monitorado por câmeras e acompanhado na íntegra por muitos funcionários, o que inviabiliza algo dessa natureza. A hipótese é de que que, se houve sabotagem com o produto, esta ter ocorrido pós-distribuição. Ainda assim, a Itambé suspendeu por 90 dias a produção e distribuição da linha, além de ter procedido o recall de todos os lotes envolvidos, para procedimento de análise e até que o relatório final seja apresentado. Segurança alimentar é algo de natureza muito séria e a empresa adotou a postura que me parece coerente nessas contingências. Se os mais rigorosos procedimentos são adotados no sentido de anular qualquer desconforto mínimo e estabelecer o máximo de qualidade, não dá pra imaginar outra atitude quando a gravidade da situação envolve o risco de vida de nossos filhos.

  • Beatriz

    E o lote de 25/04/16 tem alguma coisa a ver ? Estou na dúvida se tomo ou não

  • AfterBurner

    Só um detalhe aí que pode ser adicionado à matéria. O vizinho que deu o achocolatado está foragido, o que é muito estranho. Será que ele precisa disso, considerando que seja inocente?
    Outro fato interessante é que os produtos desse lote devem ter sido consumidos por outras pessoas, até porque ele foi fabricado em Maio, de lá pra cá foram uns três meses. Caso o lote inteiro estivesse contaminado, outras pessoas também passariam mal.
    É claro que existem outras hipóteses. Vamos aguardar as investigações.

  • Rosiane

    O maior problema são os ‘ignorantes’ compartilhar algo tão grotesco!

  • Vai ver o Toddynho é mais uma arma dos Bilderberg e Illuminattis (sei lá como escreve essa bosta) para diminuir a população mundial (que não para de crescer).

  • Thiago

    Sera mentira?

  • jhunior

    eu prefiro acreditar em pessoas que tem conhecimentos como a irmã da Gisele não em pessoas que falam e pronunciam coisas serias e graves como essas ainda tem a coragem de usar as redes sociais para divulgar coisa assim um bando de idiotas.

  • Pelo sim e pelo não, tem como mandar uns 5 lotes pra casa da Dilma?

    • Sou Um Policial

      Seu endereço IP foi registrado e um inquérito será aberto para apurar o crime de ameaça (Art. 147 do Código Penal) contra outra pessoa. Por gentileza não saia de sua cidade ou país até que as apurações sejam finalizadas e a investigação seja concluída.

      Art. 147 – Ameaçar alguém, por palavra, escrito ou gesto, ou qualquer outro meio simbólico, de causar-lhe mal injusto e grave:

      Pena – detenção, de um a seis meses, ou multa.

      Parágrafo único – Somente se procede mediante representação.

      • Liberar Internet na APAE NUNCA dá certo

  • Esse caso é igual da coca cola e vocês tentando acobertar

  • Renato

    Sendo como foi descrito pelo Gilmar, parece q pode ter havido envenenamento mesmo por parte desse vizinho. Mas nunca se pode descuidar.

  • Wailler
  • REu™voltado

    OLHA AQUI PROS IDIOTAS QUE DUVIDAM DA NOTÍCIA e do GRANDE TRABALHO DO GILMAR!

    http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2016/09/01/policia-prende-dois-suspeitos-apos-morte-de-crianca-que-bebeu-achocolatado.htm

    CHOLEM MAIS, seus frequentadores do FACEBUNDA que acreditam em TUDO QUE LEEM POR AÍ!

    AHHAHAHAHAHAHAHAHHAHAHAHA

  • REu™voltado

    Aí Gilmar, a causa da morte:

    http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2016/09/01/policia-prende-dois-suspeitos-apos-morte-de-crianca-que-bebeu-achocolatado.htm

    Atualiza o post pros analfabetos poderem entender de uma vez por toda o que aconteceu.

  • João Santos

    Saiu na Veja de hoje. Homem confessa ter envenenado achocolatado:
    http://veja.abril.com.br/saude/homem-confessa-ter-envenenado-achocolatado-consumido-por-crianca/

  • A mesma coisa que está acontecendo com Renato Aragão o Didi como muitos a conhece.
    Desde o ano passado que Didi morreu.
    Uma publicação falsa!
    Didi está super bem com um problema Alegre Familiar na TV Rede Viva junto com seu passeio de trapalhada Dedé Santana.
    Eu ficou chateado com pessoas que não procuram saber das coisas e ficam publicando desculpe pelo o palavrão.
    Uma Merda! Sou contra pessoas mal informado que usam rede Sociais para queimar os outros.bjs!

  • Jean Carlos

    Foi um maluco que contaminou os achocolatados com veneno de rato para matar um ladrão que tava roubando alimentos da casa dele e o ladrão roubou e vendeu para um outro idiota que deu para o filho beber

  • Elton

    Eu não acredito que tenha sido o Toddynho a causa da morte, minha opinião.

  • Recebi também uma mensagem relacionado ao achocolatado de petropolis RJ dizendo que no hospital álcides carneiro morreram duas crianças e um adulto por causa deste tal produto. Estou com medo pois sou comerciante da marca

    • Douglas

      Deixa eu tentar adivinhar… Pelo WhatsApp, não foi?