Conecte com a gente

E-farsas.com – Desvendando farsas da web desde 2002!

E-farsas.com – Desvendando farsas da web desde 2002!

O papa Francisco deu um terço de presente para o Lula?

Falso

O papa Francisco deu um terço de presente para o Lula?

O papa Francisco deu um terço de presente para o Lula?

É verdade que o papa Francisco presenteou um rosário com contas pretas para o ex-presidente Lula, preso desde abril de 2018?

A notícia surgiu no dia 11 de junho de 2018 e se tornou um dos assuntos mais comentados nas redes sociais naquele dia. De acordo com a manchete, Juan Grabois, assessor do papa Francisco para assuntos de Justiça e Paz, teria entregue ao ex-presidente preso um rosário enviado pelo papa Francisco.

Será que essa história é verdadeira ou falsa?

O papa Francisco deu um rosário de presente ao ex-presidente Lula, na cadeia? (foto: Reprodução /Facebook)

Verdade ou mentira?

No dia 11 de junho de 2018, vários meios de comunicação online publicaram a notícia afirmando que o papa Francisco teria dado um rosário de presente ao ex-presidente Lula, preso desde abril de 2018 na sede da Polícia Federal em Curitiba.

O fato foi noticiado até mesmo pelo perfil oficial do ex-presidente no Twitter:        

No entanto, apesar de muita polêmica em cima do suposto presente, o próprio Vaticano desmentiu o acontecido em seu perfil português no Twitter:

O Vaticano também emitiu uma nota para tentar esclarecer o mal entendido:

“Em mérito às notícias circuladas sobre o suposto envio de um Terço pelo Papa Francisco ao ex-presidente Lula, esclarecemos que o advogado argentino Juan Gabrois, fundador do Movimento dos trabalhadores excluídos e ex-consultor do Pontifício Conselho Justiça e Paz, tentou fazer uma visita – a título PESSOAL – ao ex-presidente, tendo após a tentativa infrutífera, concedido uma entrevista diante do prédio da Polícia Federal em Curitiba. Na entrevista – e nos ativemos a ela – EM NENHUM MOMENTO Grabois afirmou que o Terço foi enviado pelo Santo Padre, mas apenas “ABENÇOADO” pelo Papa.”

“Confusão” depois de entrevista

Envie suas dúvidas e sugestões para o nosso WhatsApp no (11)96075-5663

No dia 11 de junho, o argentino Juan Grabois deu uma entrevista coletiva, em espanhol, afirmando que havia sido proibido de visitar o Lula na PF, e que o terço havia sido abençoado pelo papa. Ele não disse que o rosário era um presente enviado diretamente pelo papa ao preso, mas algumas agências traduziram como se fosse, dando origem ao “mal-entendido”!

Atualização 13/06/2018

No dia seguinte à publicação da nota afirmando que Grabois não visitou o ex-presidente em nome do papa, o Vaticano fez uma correção por meio de outra nota, explicando que “se enganou” e que o advogado argentino Juan Gabrois é consultor de uma área que agora faz parte do Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral.

“[…]O advogado argentino Juan Gabrois é Consultor do ex-Pontifício Conselho Justiça e Paz, que passou a fazer parte do Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral, e é o coordenador do encontro mundial dos movimentos sociais em diálogo com o Papa Francisco.[…]”

A correção feita pelo Vaticano não valida o fato alardeado em vários veículos de comunicação que afirmava que o papa teria enviado um rosário diretamente para o ex-presidente Lula. O próprio Juan Gabrois disse que havia trazido um rosário benzido pelo sumo pontífice e não que o terço foi enviado diretamente por ele.

Até o Partido dos Trabalhadores fez uma publicação no Twitter explicando que, diferente do que eles haviam informado, o rosário não foi um presente do papa:

Atualização 13/06/2018 – parte 2

Na tarde de 13 de junho de 2018, o Juan Gabrois publicou uma nota endereçada ao ex-presidente Lula no seu perfil do Facebook, afirmando que foi impedido de visitar o preso na sede da Polícia Federal, mas que entregou um presente aos colaboradores do preso para que lhe fosse entregue. Gabrois também afirmou que o site Vatican News não pode ser considerada oficial, culpando o redator do site pelo “erro” na divulgação de sua visita frustrada à PF em Curitiba.

Em sua carta, Gabrois se contradiz ao explicar que o rosário – que tanto causou polêmica na web – foi um presente dado pelo próprio papa em maio, ocasião em que ele fez diz ter feito uma visita ao sumo pontífice e avisar que iria visitar o ex-presidente Lula.  

Conclusão

O papa não enviou um rosário de presente ao ex-presidente Lula, preso na sede da Polícia Federal, em Curitiba! Um representante tentou visitar o preso com alguns presentes (dentre eles, um terço benzido pelo papa), mas foi impedido pela Polícia Federal de entrar.

Atualização da conclusão: Juan Gabrois publicou uma carta endereçada ao ex-presidente Lula acrescentando à sua versão anterior que se encontrou pessoalmente com o papa que lhe pediu que entregasse um rosário ao preso. 

 

Continue lendo
31 Comentários

31 Comments

  1. Aurélio Paiva

    12 de junho de 2018 em 15:18

    Por favor corrijam: conforme declarado pelo próprio Vaticano, ele não é um “representante” do Papa e nem do Vaticano.

  2. Pingback: VERGOOOOOOOOOOOONHA!!!! | Maryworks

  3. Jacobina

    12 de junho de 2018 em 20:34

    Precisam atualizar a matéria; As postagens do Vaticano foram apagadas e inclusive a notícia; De fato, foi um problema de comunicação e o Terço foi sim enviado pelo Papa pelo seu braço direito. Espero que levem o e-farsas a sério seguindo trabalho de verificar a fonte. https://www.brasil247.com/pt/247/mundo/358170/Vaticano-agora-diz-que-Grabois-é-consultor-do-papa-e-apaga-postagens.htm

  4. Marcio

    12 de junho de 2018 em 21:39

    Talvez, como investigador neutro e imparcial, deveria pesquisar mais estas informações, haja visto que estas notas não são exatamente “do vaticano”, mas de um portal de notícias católico. Principalmente depois que o desmentido foi desmentido pelo próprio site:

    https://www.vaticannews.va/pt/vaticano/news/2018-06/precisacao-sobre-caso-grabois-lula.html

  5. Fabio Silva

    12 de junho de 2018 em 22:08

    Então, entendo que está confuso, mas tem coisa que é melhor esperar um pouco para afinar a apuração. O fato é que o Papa enviou, sim, o terço para o ex-Presidente Lula. Sites que divulgaram esse fato – e chegaram a ser ameaçados pelo Facebook por conta de uma apuração mal feita da agência Lupa – estão exigindo agora um pedido de desculpas tanto da Agência quanto do Facebook.
    Um abraço
    https://www.revistaforum.com.br/vatican-news-desmonta-tese-de-fakenews-da-lupa-e-confirma-informacao-da-forum/
    https://www.viomundo.com.br/politica/site-oficial-do-vaticano-corrige-a-correcao-e-agora-admite-que-juan-grabois-levaria-a-lula-as-palavras-do-santo-padre.html

  6. Fabio Silva

    12 de junho de 2018 em 22:17

    Aqui, o site Vatican News confirmando que o Papa enviou, sim, o rosário e as palavras do Papa ao ex-Presidente Lula.

    https://www.vaticannews.va/pt/vaticano/news/2018-06/precisacao-sobre-caso-grabois-lula.html

    É preciso também cuidado com “conselhos” de comentaristas de notícias. Há muitos perfis fakes (não apenas fake news), rondando a internet.

    “O advogado argentino Juan Gabrois é Consultor do ex-Pontifício Conselho Justiça e Paz, que passou a fazer parte do Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral, e é o coordenador do encontro mundial dos movimentos sociais em diálogo com o Papa Francisco.” (do site Vatican News)

    Abraços

    • Lily

      18 de junho de 2018 em 10:28

      Seu link não diz nada do que você infere.

    • Lily

      18 de junho de 2018 em 11:15

      Desculpe. “Nada” foi exagero. Me refiro a esta parte: “confirmando que o Papa enviou, sim, o rosário”

  7. Hak

    12 de junho de 2018 em 22:19

    Por favor corrijam: conforme declarado pelo próprio Vaticano, ele é sim um “representante” do Papa.

    https://www.vaticannews.va/pt/vaticano/news/2018-06/precisacao-sobre-caso-grabois-lula.html

    • Lily

      18 de junho de 2018 em 10:26

      Trabalhar para o Vaticano e ser um “representante” do Papa são tão a mesma coisa quanto ser funcionário público torna alguém um representante do Presidente da República.

      • Mauricio Martins da Rocha

        19 de junho de 2018 em 9:19

        O povo está discutindo a semântica de “mensagem” e “enviado”…

        Um cara pediu ao papa um terço, se o papa sabia que era para levar para o Lula só tem confirmação por parte do próprio interessado.

        Eu pedi uma esfirra para levar para o Lula na cadeia, não quer dizer que o Habbib´s endossa qualquer baboseira que o Lula falar.

        Gente, para de endeusar esse sujeito, se o Toninho do diabo mandar uma cruz de abeça para baixo para o Lula, vocês vão fazer o que?

  8. Katalin

    13 de junho de 2018 em 6:38

    O Vatican News teve que refazer sua notícia. Ele veio sim trazer uma msg do Papa ao Lula, bem como o tercinho Bento.

  9. Rogério. Rodas de Carvalho

    13 de junho de 2018 em 6:57

    Em nova nota o Vaticano confirma que o representante do Papa tentou visitar Lula e traga um rosário para presentear o preso político

  10. KATALIN CARRARA GEOCZE

    13 de junho de 2018 em 9:41

    Continuo discordando da conclusão. A nova nota do Vatican News não desmente o envio do terço pelo Papa, inclusive afirma que ele iria trazer msg do Papa para Lula.

    “Grabois definiu inexplicável a rejeição de não ter podido se encontrar com Lula a quem queria levar um Terço abençoado pelo Papa, as palavras do Santo Padre e as suas reflexões com os movimentos sociais e discutir assuntos espirituais com o ex-chefe de Estado.”

  11. Cleber

    13 de junho de 2018 em 12:01

    E-Farsas, vocês erraram. Admitam! Que vergonha. Coisa ridícula!!!

  12. Rogerio D Maestri

    13 de junho de 2018 em 13:58

    A própria nota do Vaticano é clara para quem não é ANALFABETO ou tem um certo analfabetismo funcional.
    Quando um comunicado diz que alguém da Santa Sé leva “um terço abençoado pelo Papa” significa que O TERÇO FOI ABENÇOADO PELO PAPA, e não comprado numa lojinha de produtos religiosos que existem em qualquer local de culto de qualquer religião.
    Por outro lado a nota afirma que Grabois não conseguiu levar “as palavras do Santo Papa” quer dizer para qualquer um com um grau de alfabetização razoável, que “as palavras” poderia ser substituído por “as mensagens” ou coisa semelhante, ou seja, PALAVRAS (MENSAGENS) específicas mandadas pelo próprio PAPA.
    Se vocês reconhecerem isto e disserem que a nota anterior, que foi apagada, causou confusão, tudo bem, ou seja, se houve Fake News elas foram geradas pela primeira nota do Vaticano, que aparentemente alguém tentou falar em nome do Papa e levou um verdadeiro puxão de orelhas.
    Vocês poderia simplesmente dizer que as Fake News foram geradas pela primeira nota equivocada do Vaticano, mas tentar negar que o Brasil 247 estavam CERTOS é criar uma situação de descrédito para vocês mesmo.

  13. Mateus Fernandes

    13 de junho de 2018 em 16:40

    Mas se ele enviou um terço?
    Um terço do que tem na conta do Vaticano pra ajudar a pagar advogados?
    Vces não pensaram nisso?

  14. Naruto

    13 de junho de 2018 em 17:10

    Para esse tanto de pessoa que estava exigindo a mudança da matéria, vocês sabem que quem induziu o errou foi justamente um assessor do PT, certo?

  15. Hugo

    13 de junho de 2018 em 18:54

    A agência Lupa já mudou a classificação da notícia de “Falso” para “estamos de olho”. Também soltou nota explicando a posição e as circunstâncias que levaram à mudança da classificação.

  16. Hideiuke Takemura

    13 de junho de 2018 em 18:56

    bem feito gilmar o site até tinha credibilidade, continue na onda da mídia antipetismo. Estude mais política. Antes eu sempre indicava esse site e gostava do projeto, decepção (e não é de hoje), o site tinha tudo pra ser alguma coisa. Agora virou ” Sereira Anticomunista aparece descendo de um disco voador dizendo coisas de identidade de gênero dizendo que a terra é plana.. será que é verdade”

  17. Cardoso

    13 de junho de 2018 em 18:57

    Mensagem de Juan Grabois publicada no Facebook

    https://www.facebook.com/juan.grabois/posts/10215432194493385

  18. FR Albuquerque

    14 de junho de 2018 em 1:14

    Um malabarismo, sem dúvida, o E=farsa finalizar o texto com uma “conclusão” em contradição com a “atualização da conclusão”. Assim já é demais!!!

  19. Alessandro

    14 de junho de 2018 em 17:53

    Reveja essa informação. Fatos novos ainda estão sendo esclarecidos. O site Vatican News não é o site oficial do Vaticano e notícias verídicas estão chegando ainda. Tudo indica que o Papa tenha realmente enviado o rosário a Lula.

    • Lily

      18 de junho de 2018 em 10:58

      Não de acordo com o próprio Grabois, que diz ter visitado o Vaticano um pouco antes da vinda ao Brasil e PEDIDO um terço bento ao Papa com a finalidade de entregá-lo a Lula (https://www.facebook.com/juan.grabois/posts/10215432194493385). Até o momento, esta é a versão mais confiável dos fatos.

      Pedir algo e ser concedido é diferente de ser mensageiro. O terço não veio do Papa através de Grabois, mas de Grabois com o consentimento do Papa. Apesar de sutil, a diferença é fundamental.

  20. Charles Leonel Bakalarczyk

    18 de junho de 2018 em 11:23

    Sempre confiei no e-farsas. Agora vejo que aqui também se manipula a verdade, que triste…

  21. Nathalia

    18 de junho de 2018 em 12:33

    Vai continuar sustentando essa mentora até quando e-farsas?

    • Gilmar Lopes

      18 de junho de 2018 em 16:53

      Que mentora?

  22. Leonardo

    19 de junho de 2018 em 22:38

    Olá, não entendi a conclusão, poderia me explicar??

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Doe Bitcoin

15c5g4Y4vk84WuTNgVQ3ttqN9fv4JUbqNP

Categorias

Voltando a Circular

Links patrocinados

Publicidade

Topo