Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Uma jovem de 16 anos deu à luz em seu próprio enterro?

Falso

Uma jovem de 16 anos deu à luz em seu próprio enterro?

Será verdade a notícia de uma menina que morreu em um acidente teria dado à luz um bebê 17 horas depois de ter sido enterrada?

A manchete apareceu em diversos sites e blogs no final da primeira quinzena de janeiro de 2017 e conta a comovente história de um bebê que teria lutado brutalmente pela vida!

De acordo com o texto, a moça de 16 anos estava nas últimas semanas de gravidez quando sofreu um acidente de carro, não resistindo aos ferimentos.

Depois de 17 horas na geladeira do necrotério, o corpo da adolescente foi liberado para o velório e enterro e, para o espanto de todos os presentes, quando os funcionários do cemitério começaram a descer o caixão para a cova, começaram a escutar um choro de bebê que claramente provinham de dentro do próprio caixão!!!

A reportagem continua, afirmando que os trabalhadores abriram o caixão e ali estava a criança chorando. A jovem havia dado à luz mesmo horas depois de morta.

O artigo se encerra explicando que o bebê era uma menina e que essa história surpreendente seria mais uma prova da existência de Deus.

Será que essa notícia é verdadeira ou falsa?

Bebê teria nascido horas depois que a mãe já estava morta! Milagre? (foto: Reprodução/Facebook)

Verdade ou farsa?

A comovente história da jovem que teria dado à luz uma criança horas depois de morta apareceu em vários blogs em janeiro de 2017, como no Portal Beleza, que foi um dos primeiros a postar e que serviu de fonte para todos os outros sites de língua portuguesa. No entanto, algumas dúvidas pairam no ar ao lermos essa notícia:

  • Qual é o nome da moça?
  • Em qual cidade/estado/país o fato teria ocorrido?
  • Em qual hospital o bebê foi atendido?
  • Quando o surpreendente nascimento teria ocorrido?

O texto que foi amplamente copiado não dá nenhuma dessas informações.

Rumor antigo

Só para que você tenha uma ideia de quão antiga é essa história, há publicações desse relato em inglês de postagens feitas em 2009. Mas, calma! Não vamos estragar a surpresa ainda…

Nenhuma das fotos usadas para ilustrar essa “notícia” se refere ao caso da adolescente que teria dado à luz depois de morta. Confira:

A foto de um caixão descendo na cova faz parte da propaganda de um empresa chamada Natural Burial Company, que comercializa caixões de papelão reciclado com preços acessíveis à população de baixa renda.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

A fotografia de um recém-nascido em uma mesa de hospital é de publicações anteriores a 2014 e nada tem a ver com o caso do bebê nascido depois da mãe enterrada.

Essa imagem nada tem a ver com a farsa!

Já a imagem de um bebê dentro de uma encubadora foi tirada em Israel, em julho de 2014, da menina palestina Shayma Shiekh al-Eid, que foi retirada pelos médicos do ventre de sua mãe, que foi morta em um ataque aéreo israelita em Gaza.
Note que, diferente do boato, os médicos salvaram o bebê ainda na sala de cirurgia. Não deixaram o corpo da mãe em uma geladeira por 17 horas!

A menina palestina Shayma Shiekh al-Eid! (foto: Reprodução)

Origem

Para que não reste nenhuma dúvida de que esse suposto milagre é falso, encontramos a versão original dessa e-farsa. Tudo começou no jornal humorístico Weekly World News, em uma postagem feita em agosto de 2009.

Na publicação original, o caso teria acontecido em Toronto, no Canadá, e a criança teria ficado sem oxigênio dentro da barriga da mãe já morta por 23 horas!

O Weekly World News é famoso por inventar notícias falsas!

Já mostramos aqui no E-farsas a verdade sobre notícias falsas criadas pelos redatores do Weekly World News como, por exemplo, a que afirmava que o Facebook iria acabar no dia 15 de março.

O próprio Weekly World News explica em sua página “sobre” que nada do que é publicado por eles deve ser levado à sério!

Conclusão

A história da adolescente que teria dado à luz uma criança quando estava no caixão para ser enterrada é falsa! Tudo começou em uma publicação feita em um site de humor em 2009!

Agradecimentos ao pessoal da loja Camiseta Divertida! Visite o camisetadivertida.com e conheças as camisetas mais divertidas da web!

Continue lendo
9 Comentários

9 Comments

  1. Alvaro Reis

    20 de janeiro de 2017 em 21:28

    Sei que não tem nada a ver com o tema, mas caro Gilmar, convida Kentaro Mori pra vir escrever um texto aqui falando sobre os arquivos da CIA que são favoráveis a confirmação dos poderes paranormais de Uri Geller. Lá no finado Ceticismo Aberto, Kentaro adorava chamar o cara de charlatão e etc…

    Sei que não é o foco deste site, mas um monte de ceticão de porta de escola no mínimo vai rever os conceitos depois da abertura dos arquivos, ou vai posar de inteligentão forçado apenas para não ter que se desdizer.

  2. Marcelo Rois

    23 de janeiro de 2017 em 10:50

    UHEAUHEA é cada uma, essa foi macabra e.e

  3. Júlio Arantes

    23 de janeiro de 2017 em 13:36

    Diálogo no grupo de família no whatsapp (uma tia mandou essa notícia lá) no dia de hoje:

    Tia (espalha boato): Olha que história comovente… Deus é tudo! (ai vem essa historinha)
    Tia2: Que coisa triste (carinha chorando) Deus salvou a criança (mão rezando)
    Tia3: (mão rezando 4 vezes)
    Prima1: Louvado seja o Senhor (mão rezando 2 vezes)
    EU: Quero mais informações. Quando ocorreu? onde? Não achei nada em sites de notícias sobre isso.
    Tia (espalha boato): Não sei onde nem quando. Uma amiga da igreja me mandou e só repassei.
    EU: E você acreditou na informação simplesmente?
    Tia (espalha boato): Sim. Deve ser verdade pois com Deus tudo é possível.
    EU: (Colo o link do e-farsas desmentindo esse boato)
    …. depois de uns minutos
    Tia (espalha boato): É mentira? Não é possível que seja mentira. A minha amiga da igreja que mandou. Ela não diz mentiras. Eu mandei essa notícia para várias pessoas.
    EU: Ela só repassou uma informação errada que tb deve ter acreditado como verdadeira.
    Tia2: Não tem problema. Orar a Deus e a Jesus que importa.
    Prima1: (mão rezando 5 vezes)
    Tia3: Glória a Deus!

    Resumo da história: Preferiram ignorar o fato que estavam espalhando um boato e ficaram glorificando deus e coisas do gênero. Eu tomei um xingo da minha mãe pois tinha “acabado” com a alegria da minha tia e que mesmo mostrando a verdade, a verdade não importava. O importante era a fê em deus.

    • Alan Souza

      31 de janeiro de 2017 em 13:46

      Excelente texto! Vou usar sua estória, com o devido anonimato, quando for ilustrar para meus alunos o conceito de “pós-verdade”.

  4. Renato

    23 de janeiro de 2017 em 21:57

    Fazendo merchandising agora Gilmar? ?

  5. tete

    24 de janeiro de 2017 em 15:49

    gente… quando a gente morre a gente fica gelado rapidinho e tudo fica duro.. como o bebe ia passar pelo lugar onde tem que sair se este não ia se abrir??? ainda mais que para enterrar tem que embalsamar.. ai fica mais duro ainda o corpo…

    • Julio Costa

      2 de fevereiro de 2017 em 15:51

      A questão nem é a rigidez do corpo, depois de morta a mãe deixa de passar os nutrientes e oxigênio para o bebê e esse consequentemente com o tempo morre também.

  6. Anderson

    26 de janeiro de 2017 em 20:56

    kkkkk povo caindo em pegadinha gringa antiga… O melhor mesmo é sempre investigar os fatos antes de sair compartilhando. O ruim é que tem gente com o dedo grudado no botão compartilhar que não liga o cérebro antes de apertar.

  7. adriana

    3 de fevereiro de 2017 em 13:46

    não tem como um bebe sobreviver dentro do útero da mãe já falecida, ainda mais depois de tanto tempo! Povo acredita em cada uma….mas existe um fenômeno em que o corpo de uma mulher grávida já morta depois de algum tempo, acaba expelindo o feto (morto, obviamente)…não lembro o nome desse fenômeno, mas é real! se alguém souber, por favor, comenta aqui!

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo