Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

“Bebê monstro” nasce em Feira de Santana! Será verdade?

Saúde

“Bebê monstro” nasce em Feira de Santana! Será verdade?

Vídeo mostra um bebê com “cara de monstro” que teria nascido em dezembro de 2015 em uma cidade da Bahia! Será que isso é verdade ou farsa?

A filmagem tem apenas 40 segundos de duração e mostra um bebê recém-nascido, ainda na cama do hospital, chorando! O que chama a atenção nas imagens é a aparência da criança, chamada em várias publicações de “bebê-monstro”.

A triste história que acompanha esse vídeo afirma que o bebê teria nascido no dia 11 de dezembro de 2015, em Feira de Santana, na Bahia. A criança, de acordo com as diversas postagens feitas no Facebook, como essa por exemplo (que já foi compartilhada mais de 7.000 vezes), diz que o recém-nascido teria sobrevivido por apenas uma hora e que sua mãe estaria em estado grave.

Será que essa notícia é real?

Será que isso é verdadeiro ou falso?

Bebê teria nascido em Feira de Santana com problemas na pele! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)

Bebê teria nascido em Feira de Santana com problemas na pele! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)

Verdadeiro ou falso?

O vídeo é real, mas o fato não ocorreu em Feira de Santana e tampouco em dezembro de 2015! Uma busca no YouTube mostra que há muito tempo esse mesmo filme já circula por aí e, inclusive, em outras línguas! Essa publicação, por exemplo, é de novembro de 2015, em espanhol, e o Brasil não é nem citado!

Igualmente, essa postagem feita em um site de língua japonesa também não cita o Brasil e diz que, na verdade, o bebê (que lá circulou com o apelido de “bebê-alien”) teria nascido no Zimbábue. O site Live Leak confirma que a criança teria nascido no Zimbábue em novembro de 2015 e que ela teria sido abandonada no hospital (não conseguimos confirmar essas informações).

Outras postagens pedem um “Amém” e/ou uma ajuda financeira (através de curtidas e compartilhamentos) para o tratamento desse pequena criança!

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

As imagens são extremamente apelativas e, é claro, muita gente se aproveita disso para conseguir mais curtidas e compartilhamentos em suas fanpages e perfis de redes sociais:

Quantos likes esse guerreiro merece? (reprodução)

Quantos likes esse guerreiro merece? (reprodução)

Doença rara

Esse bebezinho sofre de uma doença rara e genética chamada Ictiose Arlequim. A sua característica principal é o engrossamento da camada de queratina na pele fetal e o recém-nascido fica coberto por placas de uma pele grossa que racha e se parte, deixando as feridas expostas à infecções. 

A ocorrência desta patologia é muito pequena, na base de 1 a cada 10.000.000 de nascimentos e, apesar de não se saber exatamente quais são as causas desse distúrbio, há fortes indícios de que pais consanguíneos possuem maiores chances de terem um filho com a doença.

Os bebês com Ictiose Arlequim possuem poucas chances de passar dos 3 anos de idade e ainda não há cura para isso, mas há algumas exeções de pessoas que venceram a doença, como a norte-americana Hunter Steinitz, que convive há 19 anos com esse problema na pele:

 

Conclusão

O bebê chamado de monstro não nasceu em dezembro na cidade baiana de Feira de Santana. Ele nasceu com uma doença chamada ictiose arlequim e não há muita informação sobre ele, mas sabe-se que a sua história e seu vídeo circulam pela web desde antes de novembro de 2015 e algumas postagens sugerem que ele tenha nascido no Zimbábue! Na dúvida, não repasse esse tipo de vídeo, pois isso não ajuda em nada!

Continue lendo
11 Comentários

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo