18.4 C
São Paulo
quinta-feira, dezembro 1, 2022

Menor elefante do mundo luta pela vida! Ajude-o repassando!

- Publicidade -

Foto mostra que o menor elefante do mundo está lutando pela sua vida e pede para ser repassado para ajudar no seu tratamento. Será verdade?

No final de outubro de 2011, uma foto mostrando pequenino bebê elefante começou a se espalhar pela web. O texto que a acompanha pede para que o leitor perca apenas 5 minutos de seu tempo para repassar a corrente para ajudar no tratamento do bichinho indefeso.

Será que essa história é verdadeira ou farsa?

Veja a foto e leia o que descobrimos:

O menor elefante do mundo pede a sua ajuda! Será verdade!
O menor elefante do mundo pede a sua ajuda! Será verdade!

 

A foto é real, mas a história é falsa!

Em primeiro lugar, o texto não explica como a ajuda seria feita. O simples ato de repassar uma corrente não ajuda em nada no tratamento do paquiderme. Como já falamos várias vezes aqui no E-farsas, não há como saber para quantas pessoas um e-mail foi repassado.

O pobre animalzinho, que na foto cabe nas mãos de uma pessoa não é o menor elefante do mundo. Na verdade, o que vemos na imagem é um feto do animal que foi tirado da barriga de uma elefanta já morta.

No Facebook, um grupo foi criado para o tal bebê elefante. Lá podemos ver outras fotos do bicho e, inclusive, uma foto da fêmea – já morta no chão.

- Publicidade -

Mamãe elefante morta na África do sul - Imagem retirada do Facebook
Mamãe elefante morta na África do sul - Imagem retirada do Facebook

A imagem do feto foi tirada de um álbum particular da família Prendergast, que estava em viagem na África do Sul em 2007.

Conclusão

Foto real, mas a história é falsa! Nada mais pode ser feito pelo filhote, pois ele já havia morrido dentro da barriga da mamãe, que morreu antes mesmo dele nascer.

Sites citados

Grupo do elefantinho no Facebook

Família Prendergast

- Publicidade -
Gilmar Lopes
Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas. Trabalha com PHP e banco de dados Oracle e é especializado em criação de ferramentas para Intranet. Em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar também tem um espaço semanal dentro do programa “Olá, Curiosos!” no YouTube e co-apresenta o Fake em Nóis ao lado do biólogo Pirulla!

Últimas Atualizações

- Publicidade -

Ajude a Manter o E-farsas

- Publicidade -

Checagens Relacionadas

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui