27.2 C
São Paulo
sábado, novembro 27, 2021

O aplicativo Talking Angela foi hackeado por um estuprador!

- Publicidade -

Aviso que se espalhou pelas redes sociais afirma que o aplicativo Talking Angela foi hackeado por um estuprador pedófilo e os usuários estão correndo risco. Será?

A notícia apareceu na web em fevereiro de 2014 e pede para os usuários do aplicativo para smart phones e tablets Talking Angela desinstalem o software, pois estariam correndo risco de serem atacados.

De acordo com o texto, várias crianças que já brincaram com a gatinha Angela (personagem do game) acabaram desaparecendo, foram violentadas e/ou sequestradas. O aplicativo, segundo afirma-se, coleta dados sobre o usuário através de perguntas feitas pela Angela e os repassa ao hacker que teria conseguido se infiltrar no sistema do aplicativo.

Será que o Talking Angela é apenas uma fachada para um esquema para facilitar a atuação de pedófilos?

Aplicativo seria fachada para pedófilos! Verdadeiro ou falso? (imagens: Reprodução/Facebook)
Aplicativo seria fachada para pedófilos! Verdadeiro ou falso? (imagens: Reprodução/Facebook)

Verdadeiro ou falso?

Angela é uma gata engraçadinha e personagem de um aplicativo para smart phones que repete o que o usuário diz, além de fazer uma série de tarefas quando se toca na tela ou se chacoalha o aparelho. Foi desenvolvida em 2012 pela empresa OutFit7, depois de alguns anos de sucesso com aplicativos similares como o Talking Tom.

Os jogos, que funcionam nas plataformas Android e iOS, já foram baixados mais de 1,5 bilhão de vezes! Só a Angela já teve mais de 57 milhões de downloads!

[iframe: width=”590″ height=”332″ src=”//www.youtube.com/embed/x3sHGfzCpeM” frameborder=”0″ allowfullscreen]

 

O sucesso do “joguinho da gatinha falante” foi tanto que não demorou muito para que boatos a seu respeito começassem a pipocar pela internet. Em fevereiro de 2013, uma versão em inglês desse mesmo boato se espalhou com muita rapidez em sites norte-americanos. Agora, em fevereiro de 2014, a história se repete (com algumas variações).

- Publicidade -

Como podemos perceber, esse alerta já existe há tempos e parece que só quem tem internet possui essa informação privilegiada. Não encontramos nenhuma publicação em jornais sérios sobre o assunto.

Aviso que se espalhou pelo Instagram!
Aviso que se espalhou pelo Instagram!

Boato descabido

Chester Wisniewski, conselheiro sênior de segurança da Sophos, afirmou que ele e sua equipe fizeram inúmeros testes com o aplicativo e não viu nada de errado com o brinquedo. Ao contrário do que afirma o boato, a gatinha não fala nenhuma frase de teor sexual (mesmo quando não está em modo “infantil”) e apenas repete o que lhe falam (além de interagir com o usuário através de toques na tela ou balanço do aparelho).

O jornal de língua inglesa The Guardian fez alguns testes com o aplicativo Talking Angela para determinar o quão inofensiva é a gatinha e descobriu que não há nada de perigoso no software. Testes semelhantes foram feitos pela Sophos, empresa especialista em segurança digital, e nada foi encontrado de anormal no funcionamento do app.

Aplicativo adequado para crianças

Preocupada com a onda de boatos, a desenvolvedora do Talking Angela fez um comunicado em sua página para explicar que é impossível para um humano invadir o aplicativo e, mesmo que o modo infantil esteja inativado, não há como dados pessoais da criança que está usando o aparelho sejam transmitidos para alguém via web.

A versão atual de Talking Angela permite que a gatinha reconheça gestos faciais, mas a OutFit7 afirma que nenhuma imagem é enviada para a internet. Mesmo nas versões antigas – em que era possível tirar fotos – as imagens eram guardadas localmente, afirma a OutFit7, uma empresa familiar que se especializou em games infantis.

Tela do aplicativo Talking Angela (foto: Divulgação/OutFit7)
Tela do aplicativo Talking Angela (foto: Divulgação/OutFit7)

A desenvolvedora também explica que a personagem pergunta o nome e a idade da criança para aprimorar a experiência de interação entre software e usuário, mas que todos os dados são armazenados localmente.

Toda essa boataria em cima do jogo acabou impulsionando a popularidade do aplicativo. De acordo com o site Mashable, o Talking Angela chegou a ser o mais baixado na App Store na categoria entretenimento.

Uma das versões do boato que circula aqui no Brasil afirma que vários casos já estão sendo investigados, mas isso não procede. Não há nenhum caso de estupro ou sequestro relacionado ao Talking Angela. Quem afirma que isso está acontecendo de verdade deveria mostrar alguma prova!

“Falar e não provar é o mesmo que não falar;”

Conclusão

O Talking Angela não foi hackeado por nenhum pedófilo. Pelo menos, por enquanto, as crianças podem brincar tranquilamente com a gatinha. De qualquer maneira, é sempre bom os pais darem aquela verificada básica, de vez em quando, no que seus filhos estão fazendo online.

Sugestão da leitora Maria Carolina Camargo, via Twitter e de mais um monte de fãs da nossa Fanpage no Facebook!

- Publicidade -
Gilmar Lopes
Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas. Trabalha com PHP e banco de dados Oracle e é especializado em criação de ferramentas para Intranet. Em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar também tem um espaço semanal dentro do programa “Olá, Curiosos!” no YouTube e co-apresenta o Fake em Nóis ao lado do biólogo Pirulla!

Últimas Atualizações

- Publicidade -

Ajude a Manter o E-farsas

Checagens Relacionadas

56 COMENTÁRIOS

  1. A notícia até pode ser falsa, mas a verdade é que esses aplicativos ditos “infantis” (nota: é necessário ter no mínino 13 anos para usar o Google Play e ainda com auorização dos pais) coletam sim informações pessoais do usuário e do aparelho. Um amigo mostrou um teste que ele fez com um conhecido aplicativo infantil e descobriu que o mesmo envia até o IMEI do aparelho aos desenvolvedores.

    • Concordo contigo!
      Eu, particularmente, se tivesse a oportunidade de coletar informações sobre usuários de algum jogo desenvolvido por mim, certamente o faria. O Facebook, por exemplo, só conseguiu alcançar o valor de mercado que tem atualmente depois que descobriu que podia usar dados estatísticos de seus usuários para vender mídia.
      Acredito que deva ser assim que esses aplicativos “gratuitos” ganham dinheiro. Antes de instalar um app no Android (só conheço esse), o Google Play te mostra quais funções do aparelho serão utilizadas naquele aplicativo e você instala ciente disso.
      Por essa razão, encerrei o artigo dizendo que o aplicativo não foi hackeado por um pedófilo, como afirma o boato, mas é bom que os pais sempre vigiem aquilo que seus filhos estão fazendo online.
      Obrigado pelo comentário.

  2. Pois é né… O reflexo de uma pessoa real nos olhos de uma personagem fictícia é bem legitimo… Eu acho que na verdade Angela é a vilã dessa história toda…

  3. Meu Deus, qta ignorância. Melhor do que a reportagem do e-farsas são os comentários da reportagem. É surreal! Os pais, ao invés de se preocuparem em fazer coisas úteis c/ os filhos, ficam elaborando investigações, tipo novela da Globo. Surreal. Esse é o povo brasileiro, meu Deus.
    Outro dia perguntei para o meu boneco do Papati/Patatá, se ele queria fazer sexo comigo. Apertei a barriga dele e ele disse “Sim, vamos brincar”. O que ele quiz dizer com “brincar”? Acho que meu boneco está hackeado! Hahaha, qta criatividade em cima de frases feitas.
    E a “fonte” das provas? Uma página do FACEBOOK! Com um monte de postagens quase esquizofrênicas! Lamentável eu ter perdido tempo lendo essas coisas. Pelo menos deu p/ dar boas risadas.

  4. eu n queria exclui mais foi preciso pq vai q isso e vdd eu exclui todos os q eu tinha angela,ginge,bem e eu n queria excluir o tom mais fazer oq 🙁 gosta tanto desse joguinho.Mais ta falando q tem um cara vigiando agente, eu fiquei com muito medo ‘-‘

      • Bom, acho que você não tem muito o que fazer. Fica aqui olhando os comentários de todas as pessoas que estão criticando essa publicação idiota só para achar error ortográficos nos comentários. Vai procurar o que fazer! E outra no tempo em que eu era criança os pais não tentavam se livrar dos filho dando-lhes um aparelho tecnológico para entreter a criança, mas comprava brinquedos que não brincavam sozinhos para brincar e se divertir com os seus filhos! Se os pais de hoje tivessem consciência e pensassem um pouco em como foram criados, achariam uma forma melhor e mais educativa de fazer com que seus filhos se divirtam!

        • Sei que tempo é esse não, pq tenho 32 anos e na minha época, tanto meus pais quanto os pais de muitos amigos partiam pro video-game pra aguentá a gurizada, ou as crianças brincavam de pique, ou de carrinho na rua..A geração é outra hj,geração da tecnologia (não estou excluindo o fato dos pais prestarem atenção no que os filhos fazem!!!)mas dá um pião pra uma criança, que ela vai te tacá na cabeça..

          • Sim,eu sempre quis brincar com meus pais mas, eles nunca brincam comigo, só me dão um celular ;-; pelo menos isso só que eu queria muito brincar com eles pelo menos 1 vez

  5. Aí a polícia prende um pedófilo e descobrem que a vítima criança tinha o Talking Angela instalado em seu celular e vira aquele rebuliço nas redes sociais, sendo que uma parte muito grande deve ter o aplicativo, gerando a simples coincidência. O perigo está sempre bem mais perto do que se possa imaginar. Enquanto estão preocupados com joguinhos de celular o inimigo pode estar ao lado. Os país deveria se preocupar muito mais com que seus filhos fazem na rede. No próprio face tem fotos de meninas que não aparentam ter mais de 18 anos em posições sensuais e isso sim, atrai os pedófilos.

      • mais pura verdade, falando nisto, muitas vezes são ate mesmo os propios pais que postam estas fotos, na visão deles, é tudo inoscente, puro, bonitinho a filhinha estar quase nua e as vezes dançando funk, eles, estes pais, nem se tocam quantos pedofilos existem interesados neste material: prova: existe um site ruso onde pedofilos ospedam fotos de crianças, sao fotos comuns, sem crime aparente, sao fotos roubadas de albuns de familias pelo mundo afora, fotos que os propios pais tiraram e postaram em seus albuns para todos verem.
        probes pais inoscentes.

  6. Como concluir alguma coisa se, m reflo nos olhos dela, é realmente muito estranho, mas as pessoas postam cada besteira nas redes sociais, a OutFit7 não iria querer publicidade negativa, acho q alguma coisa séria assim já estaria na TV, mas ninguém seria tongo a ponto de baixar um “aplicativo” com tal publicidade, como saber a verdade, se hoje está tão fácil mentir?

  7. quanta gente tola burra neste site (desulpe)
    a materia deixa bem claro que a noticia, o boato É FALSO, mesmo assim tem um tando de gente (que parece ser menininhas que nao sabem nada de nada) insistem em acreditar no boato, alegando que vão desistalar, que “ainda bem” nao instalei, insistem em mostrar supostas provas (que podem ser manipuladas por elas memas ou terceiros).
    E mais, quem seria este suposto pedofilo? com tantos milhoes de aplicativos instalados ele teria muito trabalho para sair atraz de todos os usuarios.

    gente boba, credo.

  8. de que adiantaria ter uma organização criminosa de pedófilos (pela nossa legislação, qualquer abuso a vulnerável é estupro) por trás das câmeras em qualquer aplicativo se a criança estiver sempre bem vestida e não sair por aí desacompanhada ou sem conhecimento dos pais? se existir e eles conseguirem alguma coisa, é falta de cuidado dos pais…

  9. E vcs não prestão atenção no olho dela tem a prova!ela não fala nada do jogo ser hackeado mas ela pede o seu nome sua idade meu tablet tem esse jogo e eu tô tentando insisti a gata dizer que o jogo foi hackeado(pestem atenção no olho na próxima vez!)o Talking Ginger também pode ser hackeado no olho dele aperece alguma coisa tipo uma janela,um adolecente ou um garoto.

  10. Bem desinstalei com essa confusão, agora não encontro mais o aplicativo para baixar no android.Então se é boato e não fato, pq foi tirado?

  11. e verdade eu tenho provas eu estava jogando pela primeira vez talking Ângela ai a Ângela perguntou meu nome,minha idade e etc.e antigamente pelo o que eu saiba a Ângela tinha um sotaque frances hoje ela não tem

    • “A desenvolvedora também explica que a personagem pergunta o nome e a idade da criança para aprimorar a experiência de interação entre software e usuário, mas que todos os dados são armazenados localmente”.
      Seria bom se você soubesse ler o texto antes de falar groselha.
      E o que diabos a mudança do sotaque da Angela prova?!

  12. Eu vou instalar , na frende dos meus pais , e na frente do meu irmão , e na frente do google tradutor , ai vou ter certeza se foi hackeado ou não.
    Bjs

  13. Olá,

    Gostaria de parabeniza-lo pela reportagem,é sempre muito bom ver pessoas combatendo tão bem essas farsas que rolam por e-mails e redes sociais.
    Devo admitir que a noticia de que o Talking Angela, havia sido hackeado me causou desconfiança..Sempre fui cética para essas coisas.
    Mas, de fato algumas respostas do app me assustaram um pouco..
    Estava com minha sobrinha testando a gatinha fofa no meu celular.
    E ela cumprimentou, e eu também..
    Coisas normais, até esse determinado ponto..
    Ela disse que ia nesse café com os amigos em uma das respostas. E se eu gostava de ir lá.
    Disse que sim, para tomar “Coffee”.
    E repentinamente, ela disse que aquele tipo de bebida não tinha ali, e que pela forma que me expressava, eu falava um idioma estrangeiro.
    Não respondi, e fui checar se era “normal” esse comportamento. (Acostumada com o Talking Tom)

    Foi quando fui na Store, ver suas permissões e comentários, que descobri esse boato.
    Não, minto que esse incidente me fez considerar a possível veracidade do boato.. Até encontrar essa excelente matéria, que me tranquilizou muito!
    Mas,que foi esquisito foi.. Brr!

    E mais uma vez parabéns pelo trabalho!

    • Eu já tive esse aplicativo é já apaguei apague vc tbm pois segurei a minha câmera frontal com o dedo na frente e tirei uma foto da Angela e sim tinha uma pessoa no olho dela apague o mais rápido possível eu tive sorte pois apaguei antes dela ou dele nem sei mais me falar qualquer coisa agradeço a minha irma pois ela tinha visto na internet e me avisou a tempo. Obrigada por ler

  14. Boato besta e velho… o pior é que tem umas gurias na escola que continuam acreditando nessa história.
    Como um pedófilo poderia monitorar um app instalado em milhões de aparelhos ao mesmo tempo?? Como ele conseguiria na mesma hora em que está no app mandar alguém na sua casa?? E mais essas histórias no Facebook podem ser contadas/inventadas por qualquer pessoa e as imagens podem ser manipuladas!! Não sei se é porque ainda tem 9,10,11 ou 12 anos ou essas meninas são lesadas!! Affs…

  15. Na minha opinião, eu acho que isso é real, já vi muitas pessoas comentando sobre isso mas também tenho a impressão de que isso é mentira. Como um pedófilo pode rastrear tantos usuarios ao mesmo tempo? Ele tem pessoas que ajuda ele? Eis a questão. Mas se há provas, então deve ser real (ou não). Me disseram que quando ocultamos a câmera frontal e a de trás e o som ela fala:
    – Tira o dedo daí!
    Eu nem sei se isso é verdade mas isso está metendo medo em quem acredita!

  16. acho que na nossa opiniao policia deveria fazer alguma coisa a respeito deses pedofelos prendelos jogalos na cadeia caso da angela ginger tom ben sao bem reais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui