21.7 C
São Paulo
quinta-feira, maio 26, 2022

O Ministro Ricardo Salles foi envenenado por ecoterroristas e teve um infarto?

- Publicidade -

É verdade que o ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles foi envenenado com ricina por ecoterroristas e teve um infarto?

A notícia surgiu nas redes sociais no final de agosto de 2019 e se espalhou rapidamente através de sites e blogs. De acordo com o texto, o ministro Ricardo Salles, do Meio Ambiente, teria sido envenenado após uma reunião com os governadores da Amazônia. O texto amplamente compartilhado ainda afirma que há evidências de que o ministro teria sido envenenado com um extrato da mamona e que Salles estaria lutando pela sua vida.

A publicação do texto sobre o crime usa uma publicação feita pela deputada federal Carla Zambelli em seu perfil no Instagram, mas será que isso é verdade ou mentira?

Texto de uma das versões que foram compartilhadas nas redes sociais (sem correção): “URGENTE: Nosso Valente Ministro Ricardo Salles, foi vítima do ‘Ecoterrorismo’, provavelmente envenenado ontem durante a Reunião com os  governadores da Amazônia. As evidências são de mamona, um conhecido agente utilizado por ataques ecoterrorista. O Ministro passou a noite no HFA- Hospital das forças Armadas, lutando por sua Vida. O procedimento foi de protocolo de guerra Biológica… Desintoxicação  por hemodiálise.O GSI em Alerta Máximo, fazendo varredura no Palácio do Planalto. É guerra minha gente é guerra, a CAMBADA só larga o OSSO na base das Baionetas.” (Reprodução/Instagram/WhatsApp)

Analisando cada parágrafo

Logo na primeira linha, temos um clássico usado em mensagens alarmistas como essa:

“URGENTE: Nosso Valente Ministro Ricardo Salles, foi vítima do ‘Ecoterrorismo’” 

Como já mostramos diversas vezes aqui no E-farsas, mensagens alarmistas, que usam e abusam de textos em caixa alta para chamar a atenção do leitor, tem fortes chances de serem apenas boato. Como podemos ver no próximo parágrafo, a certeza de envenenamento é substituída por uma suspeita apenas:

“[…] provavelmente envenenado ontem durante a Reunião com os governadores da Amazônia.”

No caso, a palavra “provavelmente” deixa uma certa dúvida no ar! Afinal, “provavelmente” indica que há uma grande chance de certo fato se realizar, mas que não é algo certo ainda. Indica suspeita que, se for comprovada (com provas), se tornará realidade.

A seguir, o texto afirma:

“As evidências são de mamona, um conhecido agente utilizado por ataques ecoterrorista.”

Cadê as provas? Cadê as evidências? Não há…

A Ricina é uma proteína presente nas sementes da mamona e é altamente tóxica e mortal. A ricina extraída de apenas uma semente da mamona já é o suficiente para matar uma criança. Apesar da Medicina ainda estar testando medicamentos para o tratamento de envenenamento por ricina, ainda não há uma cura para isso.  

- Publicidade -

No próximo parágrafo, temos:

“O Ministro passou a noite no HFA- Hospital das forças Armadas, lutando por sua Vida. O procedimento foi de protocolo de guerra Biológica… Desintoxicação  por hemodiálise.”

Aqui, o único trecho que contém um pouquinho de verdade! De fato, no dia 27 de agosto de 2019, o ministro Ricardo Salles deu entrada no Hospital das forças Armadas, com um mal estar. 

De acordo com o boletim médico, o ministro deu entrada na Unidade de Emergência com quadro de mal estar, mas sem sintomas, e mesmo assim, a equipe médica da unidade preferiu a internação para que exames de rotina fossem realizados. 

Como podemos ver no boletim abaixo, o ministro passou a noite sem qualquer intercorrência clínica:

Boletim médico. Nada de desintoxicação, nada de hemodiálise… (foto: divulgação)

No dia seguinte ao da internação, o próprio ministro gravou um vídeo e publicou em seu perfil do Instagram, avisando que está tudo bem:

https://www.instagram.com/p/B1uBJ1PAt_g/

No penúltimo parágrafo, o texto afirma que: 

“O GSI em Alerta Máximo, fazendo varredura no Palácio do Planalto.”

Não encontramos nenhuma notícia que confirme que o GSI (Gabinete de Segurança Institucional) tenha feito varreduras no Palácio do Planalto. Nem no site do gabinete há informações a respeito.

Aqui, no deparamos com mais uma das característica das fake news: O apelo ao conspiracionismo! Somente quem recebeu esse “alerta” sabe disso. Provas – que é bom – nada…

Aliás, pra gente deixar bem claro que não há nenhum alerta por parte do Governo em relação ao assunto, o ministro da Defesa Fernando Azevedo e Silva disse em entrevista que Ricardo Salles teve apenas um mal estar devido ao estresse.

“Todos os exames deram normais […] Foi estresse… vamos dizer.. ambiental”, disse o ministro da Defesa.  

No último parágrafo, o autor do texto ainda tenta apelar para a emoção do leitor com uma frase desconexa, incitando ódio e gerando desinformação:

“É guerra minha gente é guerra, a CAMBADA só  larga o OSSO na base das Baionetas.”

A deputada Carla Zambelli disse ao jornalista Polibio Braga, no dia 29 de agosto de 2019, que não partiu dela a publicação que levantava suspeitas de envenenamento do ministro do Meio Ambiente. Segundo o jornalista, Zambelli chegou a tratar do problema de saúde de Salles, mas sem promover denúncia nenhuma.

Conclusão

O ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles deu entrada no hospital com um mal estar causado pelo estresse. O boletim médico confirma que Salles não apresentava sintomas (algo diferente do que acontece com quem está infartando), mas que foi internado mesmo assim para exames. A notícia afirmando que Ricardo Salles foi internado com infarto por envenenamento é falsa!

Esse texto foi alterado às 11:04 do dia da sua publicação para acrescentar a explicação da deputada Carla Zambelli!

- Publicidade -
Gilmar Lopes
Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas. Trabalha com PHP e banco de dados Oracle e é especializado em criação de ferramentas para Intranet. Em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar também tem um espaço semanal dentro do programa “Olá, Curiosos!” no YouTube e co-apresenta o Fake em Nóis ao lado do biólogo Pirulla!

Últimas Atualizações

- Publicidade -

Ajude a Manter o E-farsas

Checagens Relacionadas

4 COMENTÁRIOS

  1. Mas é uma IRRESPONSÁVEL mesmo essa deputada Carla Zambelli (PSL), heim!? 😐 Ela acreditou em manchetes SENSACIONALISTAS, apagou o post e quis “tirar o dela da reta”. Essa sim é uma verdadeira leitora daqueles JORNAIS POPULARES ridículos! “Ricina”? “Ecoterrorismo”? É NÍTIDA a má-fé deles com o objetivo de prejudicar Ambientalistas. 😐 KKKKKKKKKKKKK! 😀

    • A especializada da Carla Zambelli é boatos e FAKE NEWS, e a deste governo do Capitão é conspirações e traições para derruba-lo, como se precisasse. Não precisamos fazer nada, o próprio Capitão cava a sua sepultura para se enterra !!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui