Connect with us

E-farsas

Pastor ressuscita um fiel dentro do caixão! Será verdade?

Crimes

Pastor ressuscita um fiel dentro do caixão! Será verdade?

Pastor ressuscita um fiel dentro do caixão! Será verdade?

Será que o vídeo mostrando um pastor revivendo um morto, dentro de um caixão e na frente dos fieis, é verdadeiro ou falso?

O vídeo tem poucos minutos de duração e surgiu no final de fevereiro de 2019, alcançando milhões de visualizações em apenas dois dias. Nele podemos ver um pastor em meio a multidão orando sobre o um defunto quando de repente, para o espanto de todos, o líder religioso faz com que o morto volte à vida!

O defunto se levanta do caixão e começa a respirar, comprovando ali, ao vivo, o grande milagre operado pelo pastor!

Será que o vídeo é real? O pastor conseguiu mesmo ressuscitar um morto?

O ritual de ressuscitamento começa aos 1:55 do vídeo abaixo:

Verdade ou mentira?        

O vídeo é real, mas não houve nenhum milagre nessa história!

Esse picareta de terno se chama Alph Lukau e é pastor da igreja Alleluia Ministries International. O vídeo da suposta “ressuscitação” do fiel foi gravado no dia 24 de fevereiro de 2019, em Joanesburgo, na África do Sul, durante o culto dominical. Lukau é considerado o pastor mais rico do mundo, cuja fortuna já foi estimada em 100 bilhões de xelins quenianos (algo em torno de U$ 1 bilhão)!

Depois de tanta polêmica (pois estava muito claro que se tratava de uma fraude), a igreja onde Alph Lukau fez o seu “showzinho” enviou uma nota com uma nova versão para o caso ao site Sowtan Live, explicando que o morto já estava “de volta do mundo dos mortos” ao entrar em contato com o pastor e que Lukau teria apenas a missão de “completar o milagre feito por Deus”.

O Charlatãozinho ganhou processinhos

Em entrevista a uma rede de TV estatal sul-africana, um porta-voz da Comissão para a Promoção e Proteção de Comunidades Culturais, Religiosas e Linguísticas disse:

“Não existem milagres! [essas exibições] São tentativas de ganhar dinheiro com o desespero do nosso povo.”

Segundo reportagem da BBC, até agora três empresas funerárias já estão tomando medidas legais por danos à sua reputação, após terem sido usadas pelo pastor nessa fraude.

Atualização 28/02/2019

No dia 27 de fevereiro de 2019, o pastor Alph Lukau deu uma entrevista à rádio local Power 987 para tentar se livrar da fama de enganador que lhe caiu sobre os ombros após essa encenação de “reviver o morto”. Lukau disse que dois representantes da sua igreja lhe disseram que o morto (chamado apenas de “Elliot”) teria dado sinais de que estava vivo a caminho do funeral e que o motorista do carro fúnebre chegou a fugir apavorado quando começou a ouvir estranhos barulhos saindo de dentro do caixão:

“Não há nada impossível. Ele foi trazido para a nossa igreja. As pessoas o trouxeram aqui acreditando que algo vai acontecer. Quer ele estivesse vivo ou não, isso não nos impede de orar – posso dizer com segurança que não orei para ressuscitar a pessoa. Eu não quero levar esse crédito. A Bíblia diz que Deus tem o poder de ressuscitar os mortos. Eu posso dizer que não tenho habilidade a menos que Deus me use como instrumento. Mas nós tivemos uma ambulância ou um carro funerário trazendo um corpo para nós ressuscitarmos? Eu posso te dizer que não fiz isso.”

A transcrição do trecho acima foi feita pelo site The South America e traduzida pelo Google Translate.

Mesmo o charlatão “agente da fé” tentando se eximir da culpa de ter enganado seus fiéis, seu erro (um dos seus erros) foi usar um “ator” que já era conhecido na sua produção. O tal morto-vivo “Elliot” é, na verdade, um homem chamado Brighton que presta serviços como cinegrafista para o pastor Alph Lukau. As supostas “curas milagrosas” de Lukau…

O morto-vivo era, na verdade, um membro da produção do pastor enganador! (foto: Reprodução/Facebook)

O pastor fazendo o que sabe fazer de melhor: Enganar seu povo e ficar milionário com isso! Ao lado, o cinegrafista que (não) morreu! (foto: Reprodução/Facebook)

Conforme apurado pelo site de notícias The Citizen, o funcionário já foi comparsa do pastor em outras oportunidades, como em uma vez em que se fingiu de cadeirante para “ser curado” por Lukau.

Abaixo, algumas fotos de Brighton como cinegrafista, morto-vivo e cadeirante:

Elliot (ou Brighton) nos papeis de cinegrafista, morto-vivo e cadeirante que volta a andar “por milagre”! (fotos: Reprodução/The Citizen/Facebook)

Conclusão

Um pastor sul-africano se aproveitou da fé e da ingenuidade de muita gente fingindo ter ressuscitado um morto na frente de centenas de fieis e agora está sendo processado pelas empresas que forneceram os adereços e preparativos para o velório.  

Obs: Alteramos o artigo para corrigir o valor da fortuna estimada do pastor, que estava como U$ 100 bilhões, mas é de “apenas” U$ 1 bilhão! Nosso erro se deu por conta da conversão de xelim queniano para dólar!

Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas e, em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar é o autor do livro "Caçador de Mentiras" pela Editora Matrix e da aventura de ficção infantojuvenil "Marvin e a Impressora Mágica"!

Comentários

Mais Checagens em Crimes

To Top