19.4 C
São Paulo
terça-feira, setembro 28, 2021

Uma enfermeira foi flagrada transando com um paciente infectado com o coronavírus?

- Publicidade -

Publicação feita em diversos sites afirma que o flagrante em vídeo teria ocorrido em um hospital no Amazonas! Será que isso é verdade ou mentira?

O vídeo de poucos segundos mostra uma mulher, despida da cintura para baixo, em cima de um homem em uma cama de hospital. O texto que acompanha as imagens afirma que a ela seria uma enfermeira e que teria sido pega fazendo sexo com um paciente infectado por coronavírus!

A reportagem que se espalhou na segunda quinzena de maio de 2020 também afirma que o fato teria ocorrido em uma unidade Hospitalar de um Município do Amazonas e que a cena teria sido filmada por colegas da enfermeira.

Será que isso é verdade ou mentira?

Enfermeira teria sido flagrada fazendo sexo com um paciente infectado com o coronavírus! Será verdade? (foto: Reprodução/WhatsApp)

Apesar do vídeo ser real, ele não foi gravado em 2020, durante a epidemia do novo coronavírus. Além disso, é muito pouco provável que ele tenha sido gravado no Amazonas ou no sequer no Brasil.

Uma busca reversa pela imagem e nos deparamos com publicações feitas em fevereiro de 2019, em sites da Indonésia (algo em torno de 10 meses antes do registro dos primeiros casos da COVID-19 pelo mundo).

Em sites de vídeos porno grátis, podemos ver que o vídeo havia sido publicado no primeiro semestre de 2019, sob o título de “Viral st Lukes scandal pinay doctor sex 2019”:

Reprodução/Hub-ES

Nessa publicação feita no site indonésio Pojok Satu em fevereiro de 2019, podemos ver que as imagens estavam se espalhando por lá na ocasião, e que não havia nenhuma prova sequer de que a mulher fosse mesmo uma enfermeira.

Conclusão

- Publicidade -

O vídeo mostrando uma enfermeira transando com um paciente surgiu em fevereiro de 2019 na web – muito antes do coronavírus – e não há provas de que ele tenha sido gravado no Brasil e tampouco de que a mulher que aparece nas imagens seja uma enfermeira!

- Publicidade -
Gilmar Lopes
Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas. Trabalha com PHP e banco de dados Oracle e é especializado em criação de ferramentas para Intranet. Em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar também tem um espaço semanal dentro do programa “Olá, Curiosos!” no YouTube e co-apresenta o Fake em Nóis ao lado do biólogo Pirulla!

Últimas Atualizações

- Publicidade -

Ajude a Manter o E-farsas

Checagens Relacionadas

25 COMENTÁRIOS

  1. Hummmmm… 😐 Esse portal aí, “MATO GROSSO MAIS”, flertou com Fake News, heim!? Ainda bem que, para minimizar, o site disse “suposta enfermeira” e citou as supostas “fontes”: Redes Sociais e ZapZaps da vida. Se o site NÃO É uma Agência de Fact-Checking, não vejo sentido um portal que se autointitula como “Jornalismo Sério” publicar tais PORCARIAS. Só perdem tempo e credibilidade. 😐 KKKKKKKKKKKKKKKK! 😀

  2. Hummmmm… 😐 Esse portal aí, “MATO GROSSO MAIS”, flertou com Fake News, heim!? Ainda bem que, para minimizar, o site disse “suposta enfermeira” e citou as supostas “fontes”: Redes Sociais e ZapZaps da vida. Se o site NÃO É uma Agência de Fact-Checking, não vejo sentido um portal que se autointitula como “Jornalismo Sério” publicar tais PORCARIAS. Só perdem tempo e credibilidade. 😐 KKKKKKKKKKKKKKKK! 😀

  3. Será verdade que um homem foi enterrado vivo em cidade no interior da Bahia e aos gritos de SOCORRO os coveiros chamaram a POLÍCIA que quebrou o túmulo e tirou o homem gemendo de dor nas pernas

  4. Será verdade que um homem foi enterrado vivo em cidade no interior da Bahia e aos gritos de SOCORRO os coveiros chamaram a POLÍCIA que quebrou o túmulo e tirou o homem gemendo de dor nas pernas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui