Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Bolsonaro disse ao SBT que “mísseis soviéticos” alcançam um alvo em qualquer lugar do mundo?

Falso

Bolsonaro disse ao SBT que “mísseis soviéticos” alcançam um alvo em qualquer lugar do mundo?

Bolsonaro disse ao SBT que “mísseis soviéticos” alcançam um alvo em qualquer lugar do mundo?

Desde o dia 5 de janeiro de 2019, uma suposta fala do presidente Jair Bolsonaro vem viralizando no Twitter. Segundo o tuíte, que já foi compartilhado mais de 10 mil vezes, durante a primeira entrevista após tomar posse no cargo, para o SBT, no dia 3 de janeiro, Bolsonaro teria dito “que os mísseis soviéticos alcançam um alvo em qualquer lugar do mundo.” Ainda foi mencionado, que a União Soviética parecia ter acabado em 1991, mas que isso poderia ser “fake news.”

Será que Bolsonaro realmente disse isso? Descubra agora, aqui, no E-Farsas!

Segundo o tuíte escrito pelo usuário @pedroleite82, que já foi compartilhado mais de 10 mil vezes, durante a primeira entrevista após tomar posse no cargo, para o SBT, no dia 3 de janeiro, Bolsonaro teria dito “que os mísseis soviéticos alcançam um alvo em qualquer lugar do mundo.”

Verdade ou Mentira?

É mentira. Em entrevista ao SBT, Bolsonaro não disse que os “mísseis soviéticos” alcançam um alvo em qualquer lugar do mundo. Sua fala foi transcrita de forma distorcida, e podemos conferir o que ele exatamente falou na terceira parte de sua entrevista, que foi publicada pelo canal “SBT Jornalismo”, no YouTube, no dia 3 de janeiro de 2019. Basta assistir ao vídeo a partir de 6 min 20s:

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Eis o que Bolsonaro realmente disse:

Hoje em dia, o poderio das Forças Armadas americana, chinesa, soviética, alcança o mundo todo independente de base

Conforme vocês podem notar, Bolsonaro não disse “mísseis soviéticos”, mas ele usou o termo “soviética”, provavelmente para se referir as Forças Armadas da Rússia. Nesse ponto é importante destacar, que a União das Repúblicas Socialistas Soviéticas existiu entre 30 de dezembro de 1922 e 26 de dezembro de 1991, ou seja, oficialmente não existe mais.

Como curiosidade, a União Soviética desenvolveu um míssil intercontinental chamado “R-36M”,  que acabou sendo apelidado pela OTAN de SS-18 “Satan”. Seu desenvolvimento começou na década de 1970, durante a existência da União Soviética, e continuou sendo desenvolvido pela Rússia até 2009, quando o projeto foi descomissionado. Estimava-se que sua terceira e quarta versões (“SS-18 Mod 3” e “SS-18 Mod 4”), que foram produzidos até 1988, pudessem alcançar um alvo a 16.000 km de distância. Com esse alcance, o SS-18 “Satan” poderia realmente atingir praticamente qualquer país do planeta, com rarrísimas exceções dependendo do seu posicionamento, a partir do território russo.

Conclusão

Apesar do presidente Jair Bolsonaro ter falado o termo “soviética” para provavelmente se referir as Forças Armadas da Rússia, ele não disse que os “mísseis soviéticos” alcançam um alvo em qualquer lugar do mundo.

Continue lendo
8 Comentários

8 Comments

  1. Franklin F. Khrushchev

    11 de janeiro de 2019 em 20:38

    É que no ano que esse senhor se encontra atualmente, 1964, a União Soviética ainda existe e está na Guerra Fria contra os EUA.

    • vaporizador de lombos

      12 de janeiro de 2019 em 12:24

      Perfeito, Monstro Franklins Stain. Precisamos da unificação anti polarizada e partidária da ideologia baitola. Sem isso, não viveremos muito para contar estórias. Inclousive o e.farsas é capas de sumir do mapa por isso.

      • Professor Vete

        12 de janeiro de 2019 em 19:50

        Inclousive o e.farsas é capas de sumir do mapa por isso.
        “Inclousive” pode mesmo! Seja lá o que for um “e.farsas”!

  2. Yanluowang

    12 de janeiro de 2019 em 9:46

    Disse tudo Franklin bolsominios vivem na guerra fria ainda e acreditam em “salvador da patria” o Brasil vai atrazar e muito nos proximos anos no mandato do Bolsonaro ,a unica coisa que vai crescer é a economia para as empresas com o enfraquecimento das leis trabalhistas e aumento da economia ultralibéral, por outro lado o ódio,racismo, miséria social e a violência serão o ponto forte desse governo ,mas foi escolha democratica então que seja feita a vontade do povo.

    • vaporizador de lombos

      12 de janeiro de 2019 em 12:22

      O salvador da pátria está preso, encarcerado de uma forma cruel, animalesca e indecente. Nossa porta voz e nosso porta som, Glaysie e Halddad estão trabalhando em prol da libertação dele nesse eckzato momento! Nosso pai amado, Lula, em breve se tornará o novo, de novo, presidente do Brasil e fará junção ao Bloco Rússia, Venezuela e China, pondo em prática, contra os opressores capitalistas trabalhadores os mísseis Minut Man. Somos unificados em prol da unificação ariana comunista niilista e contra a intolerância fascista bizantina cruel, ortodoxa e organizacional do Bozo Memória. E que Zeus salve o Comunismo que ninguém conhece. Amem doin! Lula Livre Já!

      • Joseph Mussolini Marx Guevara

        12 de janeiro de 2019 em 19:52

        Vish, mais um Petralha Equerdotonto comedor de mortandela que vive no passado, como o Bolsolini Encantador de Burros e seus Burricos Amestrados! Tudo farinha do mesmo saco!

  3. Alexandre Mendes

    15 de janeiro de 2019 em 3:12

    So lembrando que em 2017 a russia lançou o Satan – 2 que é duas vezxes mais potente que o satan

    • Padre Quemedo

      15 de janeiro de 2019 em 11:36

      Vade retro!

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo