Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Militantes do PT cuspiram em veterano da 2ª Guerra?

Crimes

Militantes do PT cuspiram em veterano da 2ª Guerra?

Imagem que circula pelas redes sociais afirma que militantes do PT cuspiram em veteranos da segunda guerra mundial! Será que isso é verdade mesmo?

Na foto que foi amplamente espalhada na web na segunda quinzena de abril de 2016, podemos ver um grupo de jovens aparentemente agredindo idosos a socos e cusparadas!

O texto que acompanha a imagem afirma que os rapazes seriam militantes de PT e que eles estariam agredindo veteranos brasileiros que lutaram na 2ª Guerra Mundial.

Será que essa história é real ou trata-se de mais uma farsa da web?

Militantes do PT cuspiram em veteranos da Segunda Guerra Mundial! Será? (Foto: Reprodução/Facebook)

Militantes do PT cuspiram em veteranos da Segunda Guerra Mundial! Será? (Foto: Reprodução/Facebook)

Verdadeiro ou falso?

A história é real, mas o fato aconteceu em 2012 e foi um pouco distorcido quando reapareceu em 2016.

Essa notícia, apesar de fazer sucesso na segunda quinzena de abril de 2016, já circulou no Facebook em fevereiro do mesmo ano e na ocasião já havia feito enorme barulho na rede. Em apenas uma das postagens, o texto e a imagem foram compartilhados mais de 8 mil vezes!!!

Depois que o deputado federal Jean Wyllys foi acusado de cuspir no colega parlamentar Jair Bolsonaro e depois que o ator José de Abreu cuspiu em um cliente num restaurante em São Paulo, notícias de agressões envolvendo cusparadas viraram o assunto do momento.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Por isso, no dia 25 de abril de 2016, a notícia voltou a circular pela web, graças a uma publicação feita no site Pensa Brasil – que já desmentimos diversas vezes aqui no E-farsas. O site – que é declaradamente contra o Governo atual – vive de inventar (ou de espalhar) inúmeras notícias falsas envolvendo o PT e políticos aliados do Governo.

No caso, a primeira coisa que chama a atenção é que não há como identificar que os agressores são mesmo do PT, mas não é só isso…

Como o texto não é datado, quem recebe a “notícia” tem a impressão de que se trata de algo recente. No entanto, essa foto é de março de 2012 e, portanto, não se refere a um fato ocorrido agora.

Como foi muito bem apurado pelo membro do nosso grupo no Facebook, Fausto Albuquerque, os idosos que sofreram as agressões são militares da reserva, que estavam comemorando o aniversário do Golpe Militar de 1964.

De acordo com o jornal O Estado de São Paulo, dezenas de militares da reserva que assistiram ao debate “1964 – A Verdade” ficaram presos no prédio do Clube Militar, na Cinelândia, no centro do Rio de Janeiro. No dia 29 de março de 2012, o prédio foi cercado por manifestantes do PC do B, do PT, do PDT e de outros movimentos que protestavam contra o evento, impedindo o acesso às entradas do imóvel.

Segundo o blog Comitê da Verdade Carlos Ré, o rapaz que deu a cusparada no militar é o produtor cultural e militante do PT Felipe Garcez, que cuspiu no coronel-aviador Juarez Gomes (presidente do Grupo Terrorismo Nunca Mais, no Rio de Janeiro). Na ocasião, Felipe disse que não se arrepende do que fez porque os militares não se arrependem das torturas que fizeram durante a ditadura aqui no Brasil.

Conclusão

A notícia é real, mas quem ressuscitou esse assunto se aproveitou do sucesso que agressões seguidas de cusparadas teve na web nas últimas semanas de abril de 2016 e misturou com um fato ocorrido em 2012, dando a entender que se trata de um fato recente.  De fato, um militante do PT estava envolvido nas agressões e o agredido é um coronel que estava comemorando o aniversário da ditadura militar no Brasil!

Continue lendo
50 Comentários

50 Comments

  1. E farsas

    26 de abril de 2016 em 21:47

    Boa noite! Você costuma postar boatos que inventam contra a oposição também? Se sim, tem um que está muito popular e não apareceu ainda:

    http://www.boatos.org/politica-2/michel-temer-disse-que-o-pt-errou.html

    Obrigado pela atenção.

    • Gilmar Lopes

      26 de abril de 2016 em 22:10

      Publicamos boatos a respeito do “dois” lados (como se houvesse apenas dois lados, né?)
      Obrigado pela dica!

      • cristina

        28 de agosto de 2018 em 17:40

        Não consegui a opção de comentar e estou pegando uma carona aqui. Nada, absolutamente nada justifica que se cuspa na cara de um militar. Esses frangotes que mal saíram das fraldas nada sabem DA VERDADE dos governos militares. Fala-se muito em ditadura, coisa que nunca aconteceu no Brasil, mas governo de exceção ( vide vídeo do jurista Ives Gandra e tantos outros). Quanto à torturas também há muita mentira e alguns desmentidos ( vide vídeo de Geraldo Vandré e Amado Batista)…a maioria das mortes naquele período eram dos guerrilheiros que punham na conta dos militares e as 112 mortes que constam que foram os militares num período de 21 anos , há de se entender que mais do que isso se mata POR DIA NO BRASIL dos governos civis. No mais, eu sou testemunha ocular da história , eu estava lá !

        • rita

          18 de julho de 2019 em 0:20

          Parabéns, é exatamente isso. Tínhamos que beijar os pés dos militares que nos livraram do destino idêntico ao de Cuba e Venezuela.

          • Uilson Americo

            19 de julho de 2019 em 1:02

            A PURA VERDADE. QUEM VIVEU NAQUELA ÉPOCA SABE DE TUDO EXATAMENTE COMO OCORREU.

          • Maria Luzia Villela

            29 de julho de 2019 em 13:45

            Também vivi esse período de tranquilidade para as pessoas de bem. Havia liberdade e segurança! Poucos eram detidos e, entre eles, muitos soltos por não serem perigosos, mas podiam pensar e falar livremente. Só não podiam organizar ações violentas, Agora: ladrões, bandidos estes eram presos…

        • Valéria F G

          19 de julho de 2019 em 13:46

          Concordo com vc! E tem mais: de todas as mortes que aconteceram naquela época, gde parte delas foram cometidas pelos militantes que faziam parte das guerrilhas. Matavam soldados, e até mesmo seus próprios companheiros qdo suspeitavam que o colega era um x9. Acusam os militares, e acham que os guerrilheiros eram bonzinhos!

        • Marcos

          21 de julho de 2019 em 8:18

          Parabéns pelo comentário meu amigo, de fato só conhece a verdade quem viveu aquele período e com certeza a verdade e totalmente diferente do que foi ensinado nas escolas nesses governos civis, e quanto a notícia a única coisa falsa na notícia é a data,porque o resto é tudo verdade, esquerda intolerante e burra.

        • Paulo Roberto Franco

          21 de julho de 2019 em 21:33

          Também vivi esse momento no Brasil, uma ditadura é geralmente ou, é sempre um único ditador, já no regime militar, que foi um governo de exceção, o presidente muda de 4 em 4 anos… sobre tortura, o saudoso ator Mário Lago, comunista declarado, numa entrevista, disse que todos que era presos ou chamados a depor pela polícia ou militares, eram orientados a dizer que foram torturados, mesmo que não tivessem sidos e muito que estavam na luta armadas, foram justiçados, istoé ,foram mortos pelos próprios companheiros da luta armada, por serem x9 ou querer sair do grupo, e colocavam na conta dos militares.

      • cristina

        28 de agosto de 2018 em 17:43

        escrevi aqui e simplesmente apagaram meu comentário,.,,bela droga de site que só aceita opinião idêntica.

      • Silvia

        22 de fevereiro de 2019 em 20:34

        Xcomo é ridiculo o posicionamento de vcs,..pir outro lado serve para entendermos que vxs a folha, uol..e outros reporteres nao tem credibilidade nenhuma. So olho pra ver ate onde vai a esquerda..lado 666

      • Julio Sousa

        26 de fevereiro de 2019 em 11:12

        Não adianta se declarar isento se no próprio texto vocês demonstram claramente um lado, justificando a ação do “militante” contra o defensor da “ditadura”.

        • Gilmar Lopes

          26 de fevereiro de 2019 em 14:15

          Nossa, cara! Que nada a ver com nada isso que você falou!

          • Pedro Cunha

            3 de abril de 2019 em 17:16

            TUDO a ver o que ele falou! Este site é conhecido por defender ferozmente a esquerda, justificando-a das formas mais ridículas! Está na cara que você é um esquerdinha! Sempre que um suposto “boato” contra a esquerda é real, você procura formas de atenuar o problema, como fez aqui. Quando é contra a direita, mesmo sendo falso, você procura sempre colocar um “mas” pra sujar a barra da direita. Cria vergonha na tua cara, aposto que essa merda desse site é financiado pela esquerda.

          • Gilmar Lopes

            3 de abril de 2019 em 17:32

            O artigo é de 2016. Tá querendo fazer briguinha de “direita X esquerda” agora?
            As eleições já acabaram, seu candidato ganhou, o Lula tá na cadeia (espero que lá continue) e você ainda está com esse discursinho de ofender quem pensa diferente de você?
            Vai se tratar, amigo!

        • Teofilo neto

          27 de julho de 2019 em 13:22

          Isso so prova que hoje ou em 2012 petista e sempre a mesma merda!

      • Carlos

        22 de julho de 2019 em 2:28

        É descarada a forma como vcs tentam aliviar os erros cometidos pelo PT e seus partidos satelites.
        E-Farsas é uma farsa. Tendencioso, puxam a sardinha descaradamente para defender uma ideologia, tentam defender o indefensável!

    • Lucas

      9 de novembro de 2018 em 10:06

      Um bando de ignorantes, que não sabem poha nenhuma sobre o regime militar e a real conjuntura de contra o que os militares lutaram, agredindo idosos. Esquerdista nem é gente.

      • Valdo

        11 de julho de 2019 em 17:47

        O E-Farsas é uma farsa
        A sutileza para chamar de farsa uma notícia verdadeira!!!
        Vou fazer assim então, vou postar “Em 2012 os esquerdopatas cuspiram nos ex-combatentes do EB, tentando intimidar nossos heróis”

  2. Pingback: Militantes do PT cuspiram em veterano da 2ª Guerra? - Cidadão Repórter

  3. RABUGENTO

    27 de abril de 2016 em 8:52

    Comentando sobre o boato do comentário:

    Dito ou não dito ele era capaz de ter dito.

    É bem do feitio do partido que só fica em cima do muro pulando para o lado vencedor.

  4. Bia

    27 de abril de 2016 em 11:14

    Não importa o que os velhinhos estavam comemorando, o país é livre, todos têm o direito de se manifestar livremente sem ser agredido. Agressão é crime previsto em lei e especialmente contra idosos, crianças e incapazes. Se alguém se incomoda com a comemoração de qualquer grupo deve procurar as autoridades a fim de tentar proibir o evento. Não vale sair batendo ou cuspindo em quem quer que seja. Vivemos numa democracia, manifestações são legítimas e todo ser humano merece respeito. É por essas e outras que o Brasil está do jeito que está. Ninguém merece!!!!

  5. ELVIS ANTONIO DA SILVA

    27 de abril de 2016 em 11:39

    Hum! Essa matéria ao meu ver não está muito boa e passa até uma impressão (acredito eu que falsa) de uma certa simpatia ao governo da ocasião! Veja a contradição: “No caso, a primeira coisa que chama a atenção é que não há como identificar que os agressores são mesmo do PT, mas não é só isso…” depois, “Segundo o blog Comitê da Verdade Carlos Ré, o rapaz que deu a cusparada no militar é o produtor cultural e militante do PT Felipe Garcez” e na conclusão ” De fato, um militante do PT estava envolvido nas agressões”. Acho que mandou mal nessa matéria. Ao meu ver, mesmo fora de contexto o fato é que esses militantes de extrema esquerda são intolerantes, irritantes e idiotas e só prova que esses atos agressivos são hábitos da esquerda de longa data.

    • Gilmar Lopes

      27 de abril de 2016 em 19:25

      Ué! Para quem não conhece o Felipe Garcez, como afirmar que todos ali envolvidos são do PT?

      • Pedro Cunha

        3 de abril de 2019 em 17:18

        E continua defendendo o PT! Depois não quer que falem…

      • Silvio Rodolfo Mahler

        22 de julho de 2019 em 9:56

        No dicionário está bem explicado o que é ditadura ,basta ler e entender, após isso, muitas discussões sobre assuntos mal interpretados seriam amenizados. Quanto a cuspir nas pessoas, na minha opinião é falta de educação e nojento.

  6. Renato

    29 de abril de 2016 em 16:44

    Bater nos vermelhos e nos verdes é mole, quero ver bater nos NEGROS!!!

    Justicialismo Igualitarismo
    ***\\\///***

  7. Antonio Placido

    4 de maio de 2016 em 10:53

    “Depois que o deputado federal Jean Wyllys foi acusado de cuspir no colega parlamentar Jair Bolsonaro”

    acusado? acho que esta claro que ele cuspiu sim, no Bolsonaro
    G_G

  8. Renato

    9 de maio de 2016 em 17:44

    Existe um boato dentro da explicação.
    O evento realizado na sede do Clube Militar era um debate sobre 1964, inclusive com mediação do Joelmir Beting, que em cima da hora desistiu e foi substituído por Ricardo Salles. (http://veja.abril.com.br/multimidia/galeria-fotos/protestos-na-cinelandia-no-rio-de-janeiro-2012)
    Os militares nunca comemoraram o 31 de março, nem durante a ditadura.
    Para criar tumulto divulgaram para a garotada raivosa que seria uma comemoração feita com dinheiro público.
    Eu passei na porta e vi o tumulto e perguntei aos que pareciam ser organizadores.
    Aí deu no que deu.

    Quanto a arrependimento a verdade é que os militares não se arrependem do que fizeram, mesmo com os “aumentos” nas histórias de suas ações e a esquerda também não se arrepende nem lamenta a morte de 120 pessoas, incluindo muitos civis inocentes, torturas, sequestros, assaltos, homicídios e atos terroristas como bombas.
    Ninguém que lutou em quaisquer lados daquela guerra se arrepende.
    Mas só um lado deve ser o malvado da história, certo?

    • Pedro Luiz de Azevedo Marinho

      9 de novembro de 2018 em 14:30

      Renato , eu vivi naquela época (21 anos em 64) saia às 22:00 hs para uma festinha ou baile de formatura voltava às 02:00 (ou mais) da manhã e NUNCA fui parado pela Policia . Tínhamos Segurança . O Brasil passou da 53a para 8a economia mundial. Estradas ,Metrôs, Ponte Rio-Niteroi , EMBRATEL, 20 das 22 hidroeléctricas, 2o Construtor Naval mundial em 1972 .Pres. Médici ia ao Maracanã com radinho de pilha e era ovacionado pelo povo . Há pouco tempo DilmANTA foi vaiada , mandaram-na tomar ” no cui–do” e o pinguço tomou uma chuva de ovos no Sul ( Caravanas do fracasso – NE, SE e SU ) É isto aí PLAM (dr. Marinho – Pericias médicas acidentárias e Seg Trab. )

  9. Rorr

    21 de março de 2018 em 16:41

    A contradição e parcialidade do autor já foi apontada no comentário acima do Elvis Antônio da Silva.

    Só não entendo como não apareceu ninguém pra defender os Heróis de 64 na hora dessa covardia promovida pelo PETRALHA covarde Felipe Garcez.

  10. Henrique Perry

    20 de setembro de 2018 em 22:31

    Seria interessante o site criar um artigo em cima da seguinte pergunta: Houve ou não uma ditadura militar no Brasil?? O que os fatos mostram?? O que a história mostra?? Como foi tal “chamada” ditadura?? Ditadura ou regime?? Quantas mortes teve em tal ditadura?? Enfim… perguntas e mais perguntas…

  11. Leonil

    12 de novembro de 2018 em 0:07

    Tentaram passar o pano nos agressores kkkkkkk

  12. Cláudio

    12 de novembro de 2018 em 21:33

    “acusado de cuspir no colega parlamentar Jair Bolsonaro” ACUSADO DE CUSPIR? VOCÊS SÃO CEGOS?

    • Pedro Cunha

      3 de abril de 2019 em 17:21

      Pois é! Esse Gilmar Lopes é um esquerdopata defensor do PT! Isso fica claríssimo em todas as páginas desse site, que tem algum tema ligado a política.

  13. Rafael Gama

    13 de novembro de 2018 em 16:16

    Nada justifica isso!!!
    Nem daqui a Dez anos.
    Bando de safados.

    • Aldair José Pereira Marques

      19 de julho de 2019 em 6:15

      Site de farcas? Está sendo parcial ao dizer: “contra o Governo atual – vive de inventar (ou de espalhar) inúmeras notícias falsas envolvendo o PT e políticos aliados do Governo” Tendenciosos.

  14. Eosane

    21 de fevereiro de 2019 em 14:18

    “comemorando a ditadura”? O E-farsas fazendo apologia à violência com fake News?

    • Gilmar Lopes

      21 de fevereiro de 2019 em 14:34

      Está errado se referir ao período como “ditadura”?

      • Pedro

        7 de março de 2019 em 20:14

        A pessoa que levou o cuspe é o coronel amerino Raposo, coronel, veterano da FEB e historiador. Se quiser te mando a lista veteranos da FEB pra corrigir sua análise.

        • Pedro Cunha

          3 de abril de 2019 em 17:23

          Não adianta discutir com esse borra-botas desqualificado desse Gilmerda. Este site tem uma única função e não é desmentir boatos. É usar esse pretexto para fazer propaganda esquerdista e do PT.

          • Gilmar Lopes

            3 de abril de 2019 em 17:30

            Sério que você tá dando chilique em um artigo de 2016?

      • Rogerio

        15 de julho de 2019 em 11:04

        Está erradissimo colega, pois toda ditadura tem um ditador,aponte, nomeie um desse período! O q teve foi uma intervenção militar exigida nas ruas por mais d 800 mil pessoas q não queriam o comunismo financiado por rússia, china, cuba no Brasil, e tudo em troca do q, d saquearem o país.

  15. Pedro

    7 de março de 2019 em 22:51

    A pessoa que levou o cuspe é o coronel amerino Raposo, veterano da FEB e historiador. Se quiser te mando a lista veteranos da FEB pra corrigir sua análise. Um verdadeiro guerreiro contra o nazifascismo levando um cuspe de um pseudo combatedor dessa ideologia nefasta.

  16. Uilque Philadelpho da Costa

    12 de julho de 2019 em 23:26

    Mesmo que esse retrata uma outra história foi uma coisa desnecessária que fizeram com os idosos que tem o mesmo direito de se manifestar. E vcs cometeram um pequeno erro o certo é governo militar e não ditadura militar também não houve golpe militar.

  17. Aluisio

    13 de julho de 2019 em 20:27

    Então fala logo que é verdade e deixa de enrolar.

    • Lucivaldo

      16 de julho de 2019 em 18:58

      Esse site é de esquerda só falta eles assumirem

  18. Maria

    21 de julho de 2019 em 17:24

    Pelo jeito a notícia é verdadeira, só a data que é diferente. Não importa se em 2012 ou 2016, ou 2019, foi ato de intolerância não justificável, mostra a verdadeira face do PT.

  19. RODRIGO PORTILLO

    22 de julho de 2019 em 11:31

    Não. A notícia não é real. A notícia é parcialmente real, pois não se tratam de ex-combatentes da Segunda Guerra.

  20. Marx Pedro

    22 de julho de 2019 em 16:04

    Acho odiosa esta pratica de cuspir nas pessoas…mas cuspiu foi pouco neste velho de merda

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo