O algoritmo do Facebook caiu em uma notícia falsa!

Share Button

O novo sistema de checagem de fatos do Facebook falhou logo no início de suas atividades aprovando uma notícia falsa como se fosse verdadeira!

Após sofrer ferrenhas críticas a respeito da enorme quantidade de notícias falsas publicadas no Facebook, o dono dessa rede social (juntamente com a sua equipe) resolveu tomar algumas medidas para verificar o teor do que é postado lá.  

No meio desse pacote, um algoritmo estreou no dia 27 de dezembro de 2016 no Facebook para automatizar parte do processo de verificação das notícias.

Acontece que logo no dia de estreia, o Facebook “comeu bola” ao marcar como verdadeira a notícia de uma explosão que teria acontecido em Bangkok, na Tailândia!

Falso alerta de explosão foi marcada como verdadeira pelo Facebook!

No dia 27 de dezembro de 2016, o Facebook foi enganado por seu próprio algoritmo, sugerindo que teria ocorrido uma explosão na capital da Tailândia!!!

Envie suas dúvidas e sugestões de pauta através do nosso WhatsApp pelo número (11) 96075-5663!

Acontece que os usuários daquele país viram o alerta e, antes que o pânico geral fosse instaurado, já avisaram que a tal explosão ocorreu, sim, mas em 2015!!!

Uma hora após essa confusão, o Facebook desativou esse alerta e enviou uma nota para a imprensa:

Para esclarecer, o sistema de Verificação de Segurança do Facebook emprega dois algoritmos: o primeiro monitora uma linha de notícias de emergência de relatórios diretamente dos departamentos policiais e de outras fontes oficiais, e o segundo examina o site de redes sociais de pessoas falando sobre qualquer incidente relatado. Se houver bastante pessoas falando sobre isso, a Verificação de Segurança será ativada. Neste caso, os algoritmos do Facebook estavam respondendo a relatórios locais de um homem jogando pequenos explosivos de cima de um edifício do governo, e os usuários estavam relatando o incidente. Embora o alerta da verificação da segurança afirmou que houve uma explosão, nenhuma bomba foi detonada em Banguecoque hoje.

Já mostramos aqui no E-farsas o quão complexo é o trabalho de checagem de fatos. Algoritmos ainda não conseguem discernir com exatidão a verdade da farsa por diversos fatores como, por exemplo, o sarcasmo, a ironia… Além do fato de que, em muitos casos, não há uma única verdade ou o que é verdade para um pode ser mentira para outros (e vice-versa).

De qualquer forma, é bom que sejam relatados erros para que esse novo sistema ganhe correções e fique cada vez melhor!

Conclusão

Apesar de não concordarmos com o Facebook “se meter” em tentar descobrir se as notícias postadas nessa rede social é verdadeira ou falsa, acreditamos que a iniciativa servirá para inibir um pouco a quantidade irritantemente grande de mentiras propagadas na web. Erros acontecem e servem para melhorar!

Share Button
Noticias, Tecnologia, Verdadeiro
, , , , , , , , ,
  • IVO WENCLASKI

    Só em saber que algo está sendo feito para acabar com as mentiras na Internet, eu já fico feliz.
    Eu gostaria de ter o conhecimento e a inteligência destas pessoas que estão trabalhando para acabar com os boatos, as mentiras e as falsas notícias que, mais do que as verdades, dominam a Internet. Parabéns a todos eles, que Deus e os bons espíritos os iluminem para esta brilhante tarefa.

  • VovóDesigner

    Somado a isso estão os anúncios com personalidades que tentam persuadir o público. O problema nunca é a tecnologia e sim como a utilizamos.

  • Prazer&Saúde

    Ainda bem que temos vocês para nos ajudar, porque olha, tá difícil esse facebook. E pra piorar as notícias reais tão parecendo mentira nesse mundo louco! hahaha

  • Snorlax Deitao

    O único problema que eu vejo é o que o Facebook pretende definir como “notícia falsa”. Porque ele tem lá os termos de uso, uma série de coisas que ele considera impróprio, daí você denuncia uma parada séria e eles dizem que não viola. Já denunciei imagem de um cadáver de criança e eles disseram que não violava. Se ocorrer o mesmo com as “notícias falsas”, então será prejudicial.

  • Renato

    1° O que é “algoritmo””??? eu conheço ALGARISMO.
    2° Ainda existe FACEBOOK???

    • Alan Souza

      Procura no Google “algoritmo”, aí você descobre o que é, e ainda aprende que o mundo não gira em torno dos seus conhecimentos. Por desconhecer “algoritmo”, presumo que a quantidade de coisas que você desconhece deve encher vários supercomputadores…

  • Kleber

    Facebook precisa evoluir muito ainda…

  • Alan Souza

    Só lembrando que o Facebook é aquela rede social onde postar um vídeo de decapitação pode, mas a foto de uma mulher amamentando um bebê não pode, pois isso “viola as regras” deles…

  • Carlos

    Boa parte das noticias falsas os algorítimos podem até conseguir identificar, mas todos não tem condições de fazer. Não da para exigir a perfeição.