Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Vacina anticâncer rins e pele! Noticia boa (se for real)!

seringa

Correntes

Vacina anticâncer rins e pele! Noticia boa (se for real)!

Mensagem que circula pela rede há anos comemora a descoberta de uma vacina para o câncer de pele e rins. Mas parece que a verdade não é bem essa!

A notícia não é nova. Surgiu em 2008 e desde então sempre volta a aparecer nas nossas caixas de entrada ou na timeline de nossas redes sociais: Cientistas brasileiros teriam criado uma vacina para o tratamento de câncer de rins e também de pele!

A mensagem ainda cita o nome do responsável pelo desenvolvimento do remédio revolucionário, o Dr. José Alexandre Barbuto. Também é citado na notícia o Hospital Sírio-Libanês como o centro de estudos do medicamento, e um Grupo chamado Genoma.

seringa

Mensagem afirma que existe uma vacina contra o câncer! Será verdade?

 

Verdadeiro ou farsa?

Como sempre mostramos aqui no E-farsas, a maioria dos boatos digitais possuem as mesmas características:

  • Não é datado
  • Cita nomes de profissionais e entidades sérias para dar mais credibilidade
  • Possui um tom conspiratório (Somente quem recebeu a mensagem sabe da novidade. Não saiu em nenhum jornal ou revista?)
  • Trata de um assunto que chama a atenção do leitor (no caso, a cura para uma doença que aflige a humanidade há séculos)
  • Usa vários trechos EM LETRAS MAIÚSCULAS para chamar a atenção
  •  Pede para ser repassado

Não é datado

O que chama a atenção logo de cara na notícia é o fato de que uma notícia tão fenomenal como essa tenha aparecido somente agora! Na verdade, como a mensagem não é datada, quem a lê tem a impressão de que se trata de algo recente, mas – como dissemos no começo desse post – essa história circula pela web desde 2008 (ou até antes disso).

Nomes citados

Relamente, há um médico registrado no Conselho Federal de Medicina com o nome de Jose Alexandre Marzagao Barbuto, sob o CRM n° 41567. Mas só o fato do médico existir não prova nada! Encontramos o nome do doutor apenas em sites que publicaram o mesmo texto.

Não saiu nada na mídia?

Cadê os jornais impressos e os programas de TV que não noticiaram a grande descoberta?

E, ao que tudo indica, todos os textos se basearam em uma reportagem publicada em abril de 2005, na revista Época. Na matéria, a repórter explicava os avanços no combate ao câncer, mas avisava logo nos primeiros parágrafos que:

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

O método desenvolvido pelo pesquisador José Alexandre Barbuto, do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, não cura o câncer nem substitui a quimioterapia e a radioterapia nos casos em que essas ferramentas são indicadas. Mas mostrou-se capaz de interromper o crescimento dos tumores em 80% dos pacientes que já apresentavam metástases pelo corpo.

Oba! 80% é um numero bom! Se fosse verdade, seria a solução para um dos maiores males da humanidade! Se fosse verdade…

De acordo com uma publicação de 2012 do Jornal do Campus da USP, a vacina existe, mas não é tão eficaz como foi informado na notícia. Segundo o artigo, o Dr. Barbuto estava a frente dos estudos para o desenvolvimento da vacina anticâncer, mas [de acordo com o próprio médico] o método se mostrou incapaz de curar essas modalidades de câncer.

Nota do hospital citado

Para acabar com a enorme quantidade de boatos envolvendo o nome do Hospital Sírio-Libanês, a própria instituição emitiu uma nota, explicando que:

[…]Nunca houve qualquer relacionamento comercial entre o HSL, ou qualquer médico do Centro de Oncologia, e a empresa que está comercializando esta vacina. […] Os resultados da pesquisa mostram um grau de atividade limitado, beneficiando temporariamente apenas um pequeno número de pacientes. Até o presente momento não há qualquer evidência de cura que possa ser atribuída a estas vacinas. Baseados nos resultados, o grupo de oncologia do HSL considera que estudos adicionais são de interesse, mas que não há, ainda, dados suficientes para se prescrever esta modalidade de tratamento de forma geral. Portanto, ele não está sendo prescrito ou aplicado no Centro de Oncologia do HSL. Para evitar descontinuidade, pacientes em tratamento com a vacina deverão discutir suas opções com seu oncologista[…]

A cura para o câncer

Infelizmente, a cura para o câncer ainda está longe de ser alcançada, pois não há um único tipo de câncer. Na verdade, não existe “o câncer”. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA),

Câncer é o nome dado a um conjunto de mais de 100 doenças que têm em comum o crescimento desordenado (maligno) de células que invadem os tecidos e órgãos, podendo espalhar-se (metástase) para outras regiões do corpo.

O INCA ainda explica que os diferentes tipos de câncer correspondem aos vários tipos de células do corpo.

Portanto, não haverá um único medicamento que cure o câncer, que cure todos os cânceres. Oncologistas e demais cientistas se empenham em descobrir o crescimento das células cancerígenas de um tecido específico ao invés de buscar um remédio universal (que é impossível atualmente).

O site http://www.vacinacontraocancer.com.br/ não possui nenhuma matéria a respeito da vacina contra o câncer. O endereço está registrado em nome de BET GAME DES DE SOFT PARA LOTERIAS LTDA, empresa que nada tem a ver com desenvolvimento de vacinas.

Conclusão

História falsa! A vacina existe, a sua eficácia não foi comprovada, mas os estudos continuam.

Sites citados

 

Continue lendo
7 Comentários

7 Comments

  1. Lis D Amore

    22 de abril de 2013 em 21:40

    Alguem sabe algo sobre essa noticia?????

    EXCELENTE NOTICIA – VIVA A MEDICINA VENEZUELANA – DEUS ABENÇOA O MÉDICO JACINTO CONVIT

    Esta noticia faz tremer as grandes companhias farmacêuticas!

    A luz depois do fim túnel!

    … Boa notícia para o mundo! A vacina esta disponível para o câncer de mama, cólon e estômago, descoberto pelo Dr. venezuelano Jacinto Convit, está disponível no Hospital Vargas na cidade de Caracas Venezuela.

    E a aplicação é gratis informação por telefone +58 0212 8626807.

  2. VANIA SOUZA

    26 de abril de 2013 em 19:43

    Queridos infelizmente essa noticia parece não ter fundamento pois acabei de fazer uma mastectomia com um dos médicos do Hospital do INca/RJ, e não temos nenhumconhecimento sobre isso .
    o médico JACINTO CONVIT, se ainda for vivo está hoje com 100 anos e a ultima noticia que tenho sobre ele é que em 2010 recebeu uma condecoração.

    Estudar Imunoterapia do Câncer, realizado no Instituto de Biomedicina e pesquisa pelo Dr. Jacinto Convit, recebeu segunda-feira com a excelência científica Award 2010.
    Esta é a categoria mais alta concedida pelo Prêmio Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação, Dr. Humberto Fernandez Moran, realizado pelo Conselho do município de Libertador.

    A pesquisa é real , mas a cura infelizmente não.

  3. Rafael

    21 de agosto de 2015 em 10:46

    Nota de Esclarecimento Sobre Vacina Contra o Câncer

    ​​​​​​Em razão da notícia que está circulando na Internet, a respeito de uma vacina para tratamento de pacientes com câncer, o Hospital Sírio-Libanês apresenta os seguintes esclarecimentos:

    Nunca houve qualquer relacionamento comercial entre o HSL, ou qualquer médico do Centro de Oncologia, e a empresa que está comercializando esta vacina.

    O HSL, seguindo sua vocação para o desenvolvimento de novas terapias, participou da pesquisa da vacina, contando inclusive com patrocínio oficial da FAPESP (Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de São Paulo). Os estudos foram acompanhados pelo Comitê de Ética e conduzidos de acordo com o código de boas práticas médicas. Os resultados da pesquisa mostram um grau de atividade limitado, beneficiando temporariamente apenas um pequeno número de pacientes. Até o presente momento não há qualquer evidência de cura que possa ser atribuída a estas vacinas.

    Baseados nos resultados, o grupo de oncologia do HSL considera que estudos adicionais são de interesse, mas que não há, ainda, dados suficientes para se prescrever esta modalidade de tratamento de forma geral. Portanto, ele não está sendo prescrito ou aplicado no Centro de Oncologia do HSL. Para evitar descontinuidade, pacientes em tratamento com a vacina deverão discutir suas opções com seu oncologista.
    ​​

  4. mako

    1 de setembro de 2015 em 11:38

    https://www.youtube.com/watch?v=llodJ089kh8

    Olha aí, ele existe, e fala que não é cura.

  5. Maria elisa Minozzi

    6 de janeiro de 2017 em 8:11

    Muito bom ficar sabendo à verdade

  6. Confuso

    18 de junho de 2018 em 12:42

    Interessante a conclusão:

    A noticia nas redes sociais é falsa! a vacina existe! sua eficiência não esta comprovada!

    “O método desenvolvido pelo pesquisador José Alexandre Barbuto, do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, não cura o câncer nem substitui a quimioterapia e a radioterapia nos casos em que essas ferramentas são indicadas. Mas mostrou-se capaz de interromper o crescimento dos tumores em 80% dos pacientes que já apresentavam metástases pelo corpo.”

    Diz o texto: “…não cura o câncer nem substitui a quimioterapia…”.

    A noticia nas redes sociais fala de uma “vacina” e vacina não cura e nem trata doenças, a vacina previne.

    Acho que esta matéria me confundi ainda mais.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Topo