21.7 C
São Paulo
quinta-feira, maio 26, 2022

A Coca-Cola vai deixar o Brasil por causa do presidente Temer?

- Publicidade -

É verdade que a multinacional Coca-Cola ameaçou deixar o país caso o presidente Temer não volte atrás no aumento dos impostos na Zona Franca de Manaus?

A notícia surgiu no dia 21 de agosto de 2018, após uma reportagem publicada no site da Folha de São Paulo. De acordo com o texto que se espalhou através das redes sociais, a Coca-Cola teria “colocado o governo contra a parede”, ameaçando deixar o Brasil caso o presidente não volte atrás no aumento do IPI e que sejam reduzidos os subsídios para a Zona Franca de Manaus!

A reportagem ainda diz que se Michel Temer não atender ao pedido da multinacional, a Coca-Cola irá se mudar para a Colômbia, onde os incentivos fiscais são melhores.

Será que isso é verdade?

A Coca-Cola vai deixar o Brasil? (foto: Reprodução/Facebook)

Verdade ou mentira?

O assunto foi um dos mais comentados nas redes sociais naquele dia, mas foi desmentido pela própria fabricante de refrigerantes. Em nota, a Coca Cola Brasil disse que o compromisso com o Brasil é “sólido e de longo prazo, em uma trajetória que já soma 76 anos“. Além disso, a empresa explicou que não “trabalha com ameaças”.

Leia a nota, na íntegra, onde a Coca-Cola explica também que suas fábricas e redes de distribuição empregam 54 mil pessoas diretas e outras 600 mil indiretamente, tanto na produção quanto na distribuição de 213 produtos e 20 marcas e que investiu R$ 3 bilhões somente esse ano no Brasil:

“Reiteramos que a Coca-Cola Brasil não tem planos de deixar a Zona Franca de Manaus, de onde, há 28 anos, sai o concentrado utilizado na produção de várias de nossas bebidas pelas 36 fábricas instaladas no país. O nosso compromisso com o Brasil é sólido e de longo prazo, numa trajetória que já soma 76 anos.
Nossos valores e práticas incluem diálogo e transparência com governos e com a sociedade brasileira. Não trabalhamos com ameaças.
Em todo o Brasil, o Sistema Coca-Cola emprega 54 mil pessoas direta e outras 600 mil indiretamente na produção e distribuição de 213 produtos de 20 marcas. Só este ano nosso investimento no Brasil foi de R$ 3 bilhões, seguindo o mesmo patamar de 2017.”

Conclusão

De acordo com a própria empresa, não há planos da Coca-Cola deixar o país!

- Publicidade -
Gilmar Lopes
Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas. Trabalha com PHP e banco de dados Oracle e é especializado em criação de ferramentas para Intranet. Em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar também tem um espaço semanal dentro do programa “Olá, Curiosos!” no YouTube e co-apresenta o Fake em Nóis ao lado do biólogo Pirulla!

Últimas Atualizações

- Publicidade -

Ajude a Manter o E-farsas

Checagens Relacionadas

16 COMENTÁRIOS

  1. Vindo da folha de São Paulo não precisa averiguar se é notícia verdadeira ou falsa ..
    A Folha de São Paulo é a maior dissiminadora de fake News desse país !!

  2. Hahahahaha!!!!

    “Magina” se essa empresa vai deixar de lado a sua galinha dos ovos de ouro.

    O Brasil é o país que mais lhe dá lucros abusivos.

    Eles mesmo soltaram o balão para ver “se colava” e se o governo ficava com dó e reduzia os impostos.

    • Ué! Entrei em contato com a empresa e ela negou! Vai de cada um acreditar no que quiser, mas achei melhor acreditar na própria Coca-Cola do que no que disseram a respeito dela!

      • Gilmar, seu trabalho é extraordinário e sui generis, sua página é referência e partilho do mesmo ceticismo que você em relação a tudo. Só senti que nesse caso, esse ceticismo falhou, como pode ocorrer com qualquer pessoa. Entenda como uma crítica Construtiva. Eu não teria a palavra da empresa, certamente com interesses paralelos diversos como prioritária, mas buscaria documentos em fontes primárias; de onde teria saído esse comunicado, foi um telefonema, uma carta, um e-mail, uma conversa atravessada? Quem no planalto, na câmara ou no senado o recebeu ou teria recebido? Há testemunhas? O que exatamente foi dito? Quem o teria emitido, a cúpula da Coca Cola? Houve autorização ou aval da The Coca Cola Company para tal? A empresa precisa ser ouvida, mas não Somente ela, entendeu meu ponto? Abraços.

        • Bom! Como sempre digo aqui, cabe ao acusador o ônus da prova! Não há provas de que a Coca-Cola tenha ameaçado sair do país. No entanto, entrando em contato com a própria, fomos informados que essa notícia não passa de um boato!
          Pra mim, isso já basta!

  3. Gilmar, a negociação tá em sigilo porque as coisas estão delicadas na empresa. Questões diretas com o congresso pela possível aprovação de um imposto sobre bebidas com açúcar, como acontece em alguns países da Europa. Só que o presidente da câmara não quer isso antes das eleições para não queimar uma possível eleição do Meirelles ou do alckmin, e isso ficará para 2019. Na pauta, está sim a redução das subvenções à Coca, que pensa levar a produção pra Costa Rica, onde os custos são até mais baratos que o Brasil. Só que aqui eles fazem um trabalho de emprego e desenvolvimento em Manaus de larga escala. Escolas, trabalhos indiretos… eles não querem sair do Brasil, mas se o imposto entrar, eles vão ter que aumentar preços, e se as subvenções forem reduzidas, eles pensam sim em sair.
    Informação interna confidencial. Somos meros fantoches no nosso papel de povo. Mas publique o que achar mais adequado. Também adoro seu site, porém neste caso a empresa precisou te dar outra informação devido à gravidade dos possíveis resultados. Acredite ou não, vamos apenas torcer para que nada disso ocorra e eles não saiam do Brasil.

  4. O mercado brasileiro é grande demais para a Coca Cola ter um arroubo juvenil e deixar o país por causa de um presidente que só vai ficar na cadeira por dois anos. Claro que a notícia ia ser prontamente desmentida pela empresa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui