Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

A Mattel lançou a Barbie Aborto para incentivar as meninas a matar bebês?

Falso

A Mattel lançou a Barbie Aborto para incentivar as meninas a matar bebês?

A Mattel lançou a Barbie Aborto para incentivar as meninas a matar bebês?

Fotos mostram um novo lançamento da linha de bonecas Barbie com a temática “abortista” com o objetivo de incentivar as meninas a abortar desde cedo?

As imagens surgiram nas redes sociais na segunda quinzena de fevereiro de 2021 e mostram versões da boneca Barbie grávida ao lado de bebês com tesouras em suas cabeças.

O texto que acompanha as fotos afirma que trata-se do lançamento de uma nova linha de bonecas, chamada Barbie Aborto, e que a intenção da empresa seria a de incentivar as crianças desde cedo a matar seus bebês!

Será que essa história é verdadeira ou falsa?

Texto de uma das versões que se espalharam também em grupos do WhatsApp na segunda quinzena de fevereiro de 2021: “Lançamento da Barbie Aborto!! No Novo normal, meninas serão incentivadas a matar bebês!! Percebem o tamanho do abismo??

Verdade ou mentira?

Apesar das imagens ficarem famosas na web brasileira em fevereiro de 2021, trata-se de um assunto de 2013, quando a Mattel – fabricante da boneca Barbie – teve que vir a público para esclarecer que nunca criou uma linha de bonecas chamada “Barbie Aborto”.

Variações dessa história se espalharam no Facebook em fevereiro de 2021

Quanto às bonecas, elas surgiram alguns meses depois…

Origem das imagens

Na verdade, essas bonecas que aparecem na colagem de fotos compartilhadas em fevereiro de 2021 foram criadas por um artista de rua norte-americano conhecido como Sabo, em 2014. Em seu site, Sabo explicou que criou a peça para “satirizar com a senhora Wendy Davis”.

A advogada Wendy Davis é uma política que ficou conhecida, dentre outras coisas, por ser a favor de leis que apoiem abortos em qualquer fase da gestação. Ela foi candidata a governadora do Texas em 2014 e, por ser loira, ganhou o apelido de “Barbie do Aborto”.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Aqui, um vídeo da obra:

Esse assunto já foi desmentido em outros idiomas, como no espanhol Maldita.es (em setembro de 2020) e no Africa Check (em maio de 2019), em inglês.

Outras versões falsas da Barbie

Essa não foi a única vez que alguém usa as bonecas Barbie para se expressar artisticamente. Em abril de 2017, fotos de uma suposta Barbie Iemanjá se espalhou nas redes. Esclarecemos na ocasião que essas bonecas faziam parte de uma exposição chamada Pool&Marianela (A Religião Plástica), criada em 2014 pelos artistas argentinos Emiliano Pool Paolini e Marianela Pirelli.

Barbie Iemanjá já estaria à vendas nas lojas, diz falso alerta!  (Foto: Reprodução/Facebook)

Ano antes, em 2013, desmentimos aqui no E-farsas uma história amplamente compartilhada que afirmava que a Mattel estaria lançando versões transexuais da Barbie. As fotos que se espalharam na época eram, na verdade, parte de uma exposição de arte que ocorreu em maio de 2010, na Espanha:

Imagem que circula pelas redes sociais afirma que a Mattel estaria lançando boneca transexual! (foto: Reprodução/Facebook)

Conclusão

A história afirmando que a Mattel lançou (ou irá lançar) a “Barbie Aborto” é falsa! As imagens são de uma obra feita por um artista de rua norte-americano em 2014, como uma sátira à uma candidata ao governo do Texas.

Continue lendo

Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas. Trabalha com PHP e banco de dados Oracle e é especializado em criação de ferramentas para Intranet. Em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar também tem um espaço semanal dentro do programa “Olá, Curiosos!” no YouTube e co-apresenta o Fake em Nóis ao lado do biólogo Pirulla!

5 Comentários

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Publicidade

Parceiros:

Apoio Técnico!

Voltando a Circular

Publicidade

Topo