Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Boatos que se espalharam pela web envolvendo Aécio Neves!

Política

Boatos que se espalharam pela web envolvendo Aécio Neves!

Em época de pré-eleições, surgem muitos boatos envolvendo os candidatos. Dessa vez, separamos algumas notícias falsas sobre o Senador Aécio Neves!

Todo ano com eleições é a mesma coisa. Um monte de notícia surge para confundir a cabeça dos eleitores e atrapalhar na hora da decisão do voto. Agora com a internet, a boataria achou um meio barato e rápido de disseminar suas desinformações.

Já mostramos poucos dias atrás uma seleção de 6 farsas publicadas por uma fanpage famosa do Facebook (algumas delas envolvendo o PT) e explicamos como é fácil se utilizar dessas ferramentas para espalhar hoaxes pela web. Agora, para mostrar que não somos partidários do governo e tampouco da oposição, separamos algumas notícias falsas envolvendo o nome do ex-governador de Minas Gerais e candidato à Presidência da República, Senador Aécio Neves.

farsas_aecio_neves

Leia também: 6 Boatos envolvendo o nome da Dilma Rousseff!

Aécio Neves Cheirador após noite de esbórnia!

O vídeo abaixo foi publicado no YouTube em dezembro de 2013 e mostra um homem de terno, caído no chão. O rosto do homem foi borrado, mas o texto afirma que ele seria o Senador:

[iframe: width=”590″ height=”332″ src=”//www.youtube.com/embed/-JLubEXGX4I” frameborder=”0″ allowfullscreen]

Não há nenhuma identificação de quem teria postado o tal vídeo, mas o a foto original usada na montagem é essa, retirada do portfólio da fotógrafa Andy Pixel:

Foto usada em montagem em nome do Senador Aécio Neves! (foto: Reprodução/)

Foto usada em montagem em nome do Senador Aécio Neves! (foto: Flickr/Andy Pixel)

 

Aécio Neves diz que não precisa do voto dos professores!

Essa “notícia” surgiu em outubro de 2013 no Facebook e se espalhou rapidamente pela web. Conforme é afirmado na imagem abaixo, o candidato teria dito que não precisa dos votos dos professores:

Imagem compartilhada no Facebook!

Imagem compartilhada no Facebook!

No entanto, não há nenhum registro de que ele tenha dito essa frase realmente.

Quando e onde ele teria dito isso? Não se sabe! Apenas temos que confiar numa imagem apócrifa.

Para mostrar como é fácil se atribuir uma citação a alguém na internet, veja essa brincadeira que foi amplamente compartilhada no Facebook:

machado-de-assis

Imagem humorística compartilhada no Facebook mostra como é fácil atribuir uma citação a alguém!

Ao buscarmos por “Aécio Neves professores” no Google, o primeiro resultado que temos é uma publicação feita pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação onde os professores criticam a gestão mineira de Aécio com relação à condição dos professores no estado de Minas Gerais, mas não há nenhuma menção a essa frase que teria sido dita pelo candidato à Presidência.

 

Aécio Neves é viciado em cocaína!

Apesar de surgir em 2006, essa história ganhou força em 2013, depois de vários sites noticiarem um possível envolvimento de Aécio Neves com a apreensão de um helicóptero com 450 kg de cocaína, no Espírito Santo. No entanto, algumas semanas após o ocorrido, a Polícia Federal afirmou não ter encontrado provas ligando o helicóptero à Administração de Aécio Neves.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Agora, em 2014, por causa da proximidade com a época das eleições, o boato voltou à tona. No entanto, não há nenhum fato (até agora) que comprove que Aécio Neves tenha problemas com drogas.

Uma busca por “Aécio Neves overdose” no Google só nos retorna sites e blogs que apenas copiaram uma mesma notícia publicada inicialmente Blog do Paulinho. De acordo com o artigo,

Corre nos bastidores da imprensa mineira que Aécio Neves teria sido levado diversas vezes em segredo ao hospital Mater Dei, em Belo Horizonte (MG), com suspeita de overdose de cocaína”.

Como o ônus da prova cabe ao acusador, ficaram faltando as provas de tais afirmações!

O Blog do Paulinho acrescentou ainda em seu artigo outra matéria (de 2009), publicada por Juca Kfouri sobre o então governador de Minas Gerais ter batido na sua acompanhante durante um jantar no Rio de Janeiro. Em uma atualização desse mesmo artigo, Juca Kfouri avisa que foi notificado pela assessoria de imprensa da do Governo de Minas Gerais avisando que a tal notícia era falsa, mas que não ia alterar nada em sua matéria.

 

Aécio Neves será julgado por desvio de verbas em Minas Gerais

aecio_4bilhoes

Imagem: Reprodução/Facebook

De acordo com a notícia amplamente espalhada pela web, o candidato será julgado por ter desviado 4,3 bilhões da área da saúde enquanto ainda era governador em Minas Gerais. O texto afirma que o Tribunal de Justiça de Minas Gerais estaria investigando Aécio Neves por não cumprir o piso constitucional do financiamento do sistema público de saúde. Em outras palavras, não teria feito o investimento mínimo que está previsto em lei.

O processo até chegou a existir, de fato, mas já foi anulado em 2013. De acordo com matéria veiculada em agosto de 2013, o Tribunal de Justiça de Minas Gerais anulou o processo contra Neves.

Na revista Veja, o jornalista Ricardo Setti explica que:

“A ação judicial questionava se os 4,3 bilhões investidos em saneamento por empresa pública do estado poderiam ser considerados gasto em saúde, mas adversários do presidenciável tucano e blogs alugados espalhados por toda parte acusavam-no de “desvio de dinheiro público” — como se o ex-governador tivesse desviado, para si, dos cofres públicos. Acusavam-no, portanto, de ladrão.”

Na decisão,os desembargadores questionaram as motivações da promotora, que, segundo a decisão, não tinha competência legal para mover a ação. Registraram também que, na mesma época, diversos outros Estados seguiram o mesmo procedimento sem infringir qualquer lei.

Em nota enviada ao jornal O Estado de Minas, a assessoria de imprensa de Aécio Neves comentou o caso:

“[…]com relação à matéria publicada, informamos que a ação citada refere-se a procedimento adotado pelo governo de Minas, na gestão Aécio Neves, em período anterior à regulamentação da Emenda 29. A ação é composta apenas de questões contábeis, não tendo havido qualquer dúvida sobre a aplicação dos recursos ou qualquer questionamento sobre a correção dos investimentos executados’(…)’A ação foi extinta pela Justiça por razões técnicas, sendo que a mesma sequer chegou a ser aberta nos estados que tiveram procedimento idêntico ao adotado por Minas.”

Atualização: 26/07/2014

De acordo com matéria publicada no dia 25 de julho de 2014 no Portal R7, a Justiça de Minas Gerais manteve em aberto o processo que questiona o não repasse de 3,3 bilhões de reais à área da saúde. Como podemos ler na reportagem, o valor declarado na ação é inferior aos 4,3 bilhões, que circula pela web!

Como explicamos nos parágrafos acima, o processo não é sobre um possível desvio de verbas para o bolso de algum político, mas sobre o Governo não ter utilizado os recursos previstos para a área da Saúde da forma como foi determinada por Lei!

O processo procura determinar a razão do governador de Minas Gerais ter usado em Saneamento Básico a quantia de 3,3 bilhões de reais que estava destinada à Saúde, entre 2003 e 2008! 

Tentativa de acabar com os boatos negada

Em março de 2014, a justiça de São Paulo negou o pedido do candidato de remoção de todos os resultados dos sites de buscas sobre calúnias envolvendo seu nome! De acordo com o jornal O Correio do Brasil,

“ No processo, os advogados do Google, no entanto, disseram que Aécio ‘parece sensível demais às críticas sobre sua atuação’. A empresa norte-americana afirmou, ainda, ser impossível retirar o conteúdo do ar sem prejudicar outras buscas relacionadas ao nome do senador.”.

 

Conclusão

Independente da sua posição política, procure analisar cada notícia que circula pela web com relação à política para não sair compartilhando hoaxes como se fossem notícias reais!

Leia também: 6 Boatos envolvendo o nome da Dilma Rousseff!

Continue lendo
46 Comentários

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo