Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Grupo Anonymous destruiu a estrela da fama de Donald Trump durante protestos de 2020?

Crimes

Grupo Anonymous destruiu a estrela da fama de Donald Trump durante protestos de 2020?

Grupo Anonymous destruiu a estrela da fama de Donald Trump durante protestos de 2020?

É verdade que um grupo de manifestantes destruiu a estrela do presidente Donald Trump na Calçada da Fama nos protestos pela morte de George Floyd, em junho de 2020? 

A imagem se espalhou através de grupos de WhatsApp e também nas redes sociais na primeira semana de junho de 2020 e mostra uma das estrelas da Calçada da Fama, em Hollywood, totalmente destruída!

De acordo com texto que acompanha essa foto, a estrela seria do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e grupos de manifestantes a teriam vandalizado durante onda de protestos contra a morte de George Floyd no final de maio de 2020.

Em algumas versões, o texto afirma que o movimento Antifas estaria por trás desse ataque à imagem do presidente dos EUA. Já em outras, os autores seriam membros do movimento Anonymous, mas será que isso é verdade ou mentira?

Será que a estrela da fama de Donald Trump foi destruída por membros do Anonymous, em junho de 2020? (Foto: Reprodução/Twitter)

Verdade ou mentira?

A foto é real e a estrela destruída é mesmo a do Donald Trump, mas a imagem em questão é de 2018!

Em janeiro de 2007, Donald Trump ainda era “apenas” um empresário milionário do ramo imobiliário quando ganhou sua estrela na Calçada da Fama de Hollywood. A homenagem foi conquistada por ele graças à fama conseguida pelas suas participações no programa O Aprendiz e no concurso de Miss Universo.

Uma busca pela imagem que se espalhou na web em junho de 2020 e chegamos a uma publicação feita no site Repretel em julho de 2018, sobre um ataque feito com uma picareta por um costa-riquenho à estrela que continha o nome do agora presidente dos Estados Unidos.

Segundo o jornal El País, o vândalo identificado como Austin Clay se apresentou à delegacia de Beverly Hills uma hora depois, confessando o que havia feito e foi preso. Após o pagamento de uma fiança de US $ 20mil, ele foi solto.

O site de fofocas TMZ publicou em seu canal no YouTube o momento da destruição da estrela:

Esse não foi o primeiro ato contra a estrela de Trump

Essa não foi a primeira vez que a estrela da fama de Donald Trump havia sido danificada. Em outubro de 2016, o nome do então candidato à Presidência dos EUA foi arrancado na base da marreta por um homem com uniforme de operário.

Em entrevista aos jornais, o autor do vandalismo disse na ocasião que a pedra [da calçada] era muito dura, mas que ele conseguiu destruir com muito esforço! Ele disse também que sua intenção era a de arrecadar dinheiro para defender as mulheres que acusam Trump de as ter molestado sexualmente.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Curiosamente ou não, segundo o site TMZ (que não é uma fonte muito confiável), esse sujeito que danificou a estrela em 2016 foi quem pagou a fiança do vândalo de 2018. 

No mesmo ano de 2016, meses antes – em julho – um artista chamado Plastic Jesus fez um mini-muro em volta da estrela de Trump como uma alusão ao muro que o candidato prometeu fazer na fronteira com o México, caso fosse eleito:

Nesse caso, a obra do artista plástico era removível e não danificou a estrela.

Pedido de remoção da estrela de Trump da Calçada da Fama

Devido à enorme quantidade de atos de vandalismo contra a o ícone, em agosto de 2018, a Câmara Municipal de West Hollywood decidiu pela retirada da estrela de Trump da Calçada da Fama, mas a decisão foi apenas simbólica, pois a Calçada da Fama não pertence à cidade de West Hollywood. Além disso, um porta-voz da Câmara de Comércio de Hollywood disse que não há planos de retirar nenhuma das estrelas da Calçada da Fama, visto que o local é considerado histórico.

Outros protestos

No dia 21 de dezembro de 2018, a estrela amanheceu manchada com uma tinta vermelha de difícil remoção e, apesar de não haver provas, a autoria do ato foi creditada a um protesto organizado pelo grupo Pessoas para o Tratamento Ético dos Animais (PETA). A Câmara do Comércio de Hollywood conseguiu remover a tinta dias depois:

Tinta vermelha jogada sobre a estrela de Trump teve ato creditado ao PETA! (foto: Reprodução/Google Images)

Dias depois, em 26 de dezembro, um pichador foi preso (e liberado após pagamento de fiança de 20 mil dólares) após desenhar o símbolo nazista da suástica em cima do nome do presidente Donald Trump:

Suástica foi pichada sobre o nome de Donald Trump. O vândalo foi preso e solto logo após o pagamento de fiança! (foto: Reprodução/Google Images)

Nesse artigo do Catch News podemos ver “demonstrações de carinho” que alguns turistas demonstram pela estrela de Donald Trump na Calçada da Fama!

Conclusão

A foto mostrando a estrela de Donald Trump destruída na Calçada da Fama é real, mas foi tirada em 2018 depois que um vândalo a destruiu com o auxílio de uma picareta!

Continue lendo
2 Comentários

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Apoio técnico!

Topo