18.2 C
São Paulo
quarta-feira, outubro 27, 2021

O PT foi o único partido que não assinou o termo contra fake news?

- Advertisement -spot_imgspot_img
- Advertisement -spot_imgspot_img

É verdade que o Partido dos Trabalhadores foi o único partido que se recusou a assinar um termo de compromisso contra a disseminação de fake news?

A notícia surgiu em diversos sites e blogs na segunda quinzena de julho de 2018 e afirma que o PT teria sido o único partido brasileiro que não assinou um termo de compromisso contra fake news, elaborado pelo Tribunal Superior Eleitoral.

De acordo com o texto amplamente compartilhado, todos os partidos se comprometeram a não espalhar notícias falsas durante o período eleitoral com o intuito de promover uma eleição limpa,  menos o PT!

Será que essa notícia é verdadeira ou falsa?

O PT foi o único que não assinou termo contra fake news?

Verdade ou mentira?      

No dia 05 de junho de 2018, 10 dos 35 partidos convidados assinaram um termo de compromisso prometendo não divulgar durante o ano eleitoral as chamadas fake news.

Segundo informado pelo Tribunal Superior Eleitoral, das 35 legendas convidadas pelo TSE apenas os partidos DEM, PCdoB, PSDB, PDT, PRB, PSC, PSD, PSL, Psol e Rede concordaram com o acordo.

O termo (que pode ser lido na íntegra aqui) reúne os partidos que:

“[…]se comprometem a manter o ambiente de higidez informacional, de sorte a reprovar qualquer prática ou expediente referente à utilização de conteúdo falso no próximo pleito, atuando como agentes colaboradores contra a disseminação de ‘fake news’ nas eleições 2018”.

Como trata-se apenas de um “acordo de cavalheiros“, o documento não fixa punições caso algum partido descumpra a cláusula.

Apesar de 25 partidos não assinarem do termo de compromisso, alguns sites enfatizaram que apenas o Partido dos Trabalhadores não quis participar disso, como o Jornal da Cidade.

Outros sites, como o Poder360 foram mais “amplos” e afirmaram que dois dos maiores partidos não assinaram:

o site O Imparcial foi otimista, afirmando que “a maioria dos partidos” assinou o documento:

Em entrevista ao Estadão, o presidente do TSE, ministro Luiz Fux, disse que “houve alguns empecilhos de ordem prática” que dificultaram a comunicação entre os partidos:

“Nós não anunciamos previamente que haveria assinatura de nenhum documento. Por isso que o documento definitivo será firmado no evento internacional que em breve o TSE irá realizar”, disse Fux ao jornal!

O PT se pronuncia

Em resposta à notícia afirmando que o PT teria sido o único partido a não assinar o acordo contra fake news, a senadora e presidente Partido dos Trabalhadores Gleisi Hoffmann disse no site do PT que não precisa de um documento para isso e que:

“O compromisso do PT é com a verdade e com a livre circulação de informações. Demonstramos isso na prática, sem necessidade de assinar compromissos vazios, que possam, no futuro, vir a validar ações arbitrárias contra quem quer que seja. Da forma como foi proposto pelo presidente do TSE em final de mandato, Luiz Fux, o compromisso contra fake news não passa de mais uma fake news. E não será endossado pelo PT.”

Conclusão

O PT não assinou, mas não foi o único partido a não assinar um termo contra as fake news nas eleições de 2018! Foram apenas 10 partidos dos 35 convidados que endossaram o documento feito pelo TSE!   

- Advertisement -spot_imgspot_img
Gilmar Lopes
Gilmar Henrique Lopes é Analista de Sistemas. Trabalha com PHP e banco de dados Oracle e é especializado em criação de ferramentas para Intranet. Em 2002, criou o E-farsas.com (o mais antigo site de fact checking do país!) que tenta desvendar os boatos que circulam pela Web. Gilmar também tem um espaço semanal dentro do programa “Olá, Curiosos!” no YouTube e co-apresenta o Fake em Nóis ao lado do biólogo Pirulla!
Latest news
- Advertisement -spot_img
Related news
- Advertisement -spot_img

15 COMENTÁRIOS

  1. a globo, veja, folhasp, uol e outros são os maiores criados de noticia fake news e ninguem censura.. agora resolveram censurar o whatsap para não posta mais nada nos grupos de fofoca da familia. só pode postar viadagem.. bolsonaro vem ai cambada

  2. O documento foi firmado pelo presidente do TSE, ministro Luiz Fux, inicialmente com dez partidos. Hoje, o acordo conta com a adesão de 29 siglas. Outras siglas que ainda não assinaram o documento são: PCO, PMB, PSTU, PTC e Podemos.
    A noticia saiu na Folha de São Paulo em 20 de julho de 2018.
    https://www1.folha.uol.com.br/poder/2018/07/pt-e-a-unica-grande-sigla-a-nao-assinar-acordo-contra-noticias-falsas.shtml?utm_source=facebook&utm_medium=social&utm_campaign=compfb

  3. “Demonstramos isso na prática, sem necessidade de assinar compromissos vazios, que possam, no futuro, vir a validar ações arbitrárias contra quem quer que seja.”

    Tradução: “Não queremos ter a chance de sermos processados, no futuro, por quem quer que seja.”

  4. 20/07/2018 às 05h00 6 PT é o único grande partido a não assinar acordo contra fake news Por Luísa Martins e Isadora Peron | De Brasília Um mês e meio depois de o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) elaborar um acordo com os partidos contra a disseminação de notícias falsas na internet – as chamadas fake news -, o PT é a única grande sigla que ainda n

    Este trecho é parte de conteúdo que pode ser compartilhado utilizando o link https://www.valor.com.br/politica/5672631/pt-e-o-unico-grande-partido-nao-assinar-acordo-contra-fake-news ou as ferramentas oferecidas na página.
    Textos, fotos, artes e vídeos do Valor estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do Valor (falecom@valor.com.br). Essas regras têm como objetivo proteger o investimento que o Valor faz na qualidade de seu jornalismo.

    https://www.valor.com.br/politica/5672631/pt-e-o-unico-grande-partido-nao-assinar-acordo-contra-fake-news

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui