Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Alerta vermelho! Sequestro infantil no Shopping Iguatemi!

Crimes

Alerta vermelho! Sequestro infantil no Shopping Iguatemi!

Aviso espalhado pelas redes sociais alerta aos pais sobre o perigo de uma quadrilha especializada em sequestro relâmpago infantil no Shopping Iguatemi. Será?

O assunto tomou conta do Facebook e do WhatsApp no final de novembro de 2014 e conta uma experiência vivida por uma família em um shopping center. De acordo com o texto, uma quadrilha especializada em sequestro relâmpago de crianças estaria agindo em várias capitais e, por isso, todo o cuidado nessa época do ano é pouco!

Mas será que essa história é verdadeira ou trata-se de mais uma farsa da web?

Quadrilha especializada em roubo de crianças estaria agindo no Shopping Iguatemi! Verdade ou farsa?

Quadrilha especializada em roubo de crianças estaria agindo no Shopping Iguatemi! Verdade ou farsa?

 

Verdadeiro ou falso?

Não é segredo pra ninguém que o Brasil sofre muito com a falta de segurança. Quadrilhas “ganham a vida” com sequestros relâmpagos em todo o país. São bandidos que rendem a vítima, fazendo-a “passear” em vários locais – sob ameaças de morte – e fazendo retiradas das contas bancárias em diversos caixas eletrônicos.

Na maioria das vezes, a vítima é liberada algumas horas depois, sem dinheiro e com um trauma enorme para carregar por anos.

No entanto, apesar de existir bandido que age dessa forma, esse alerta de uma gangue especializada em sequestro relâmpago infantil atuando dentro do Shopping Iguatemi tem todas as características de um boato virtual:

  • Possui um tom alarmista, com o uso de letras em CAIXA ALTA para chamar a atenção;
  • Não é datada;
  • Trata de um assunto que atraia um grande número de leitores;
  • Pede para ser repassada;
  • Usa o nome de uma instituição conhecida para conseguir mais credibilidade;
  • Cita um fato que aconteceu com um amigo de um amigo;

Analisando o boato

Logo no título, já temos:

“ASSUNTO SÉRIO …. ALERTA VERMELHO:”

Aqui já notamos que o autor do hoax queria mesmo chamar a atenção para o texto apelando para o uso de letras grandes e em caixa alta. Impossível não perceber um alerta com esse tom, ainda mais por causa da imagem que acompanha o texto (um grande circulo vermelho!).

No primeiro parágrafo:

[…]tenho um grande amigo que tem uma filha de 5 anos.

Notem que o autor não está narrando algo que teria ocorrido diretamente com sua família, mas que o fato teria ocorrido com um amigo! Boatos são assim: Acontecem sempre com o amigo de um amigo meu!

Qual é o nome do tal amigo? Qual é o nome da esposa do amigo? Será que não revelaram o nome do rapaz por proteção? Como saber?

Prosseguindo:

Domingo foram ao Shopping Iguatemi. Perceberam que estavam sendo seguidos na hora do almoço por 3 caras. Acharam que era paranóia deles e seguiram o passeio.[…]

Como sempre ressaltamos aqui no E-farsas, um bom boato que se preze nunca é datado. Nesse caso, o autor diz que o fato teria ocorrido no domingo, mas não fala de qual mês (ou de qual ano) isso aconteceu.

Entre em contato com o E-farsas

(11) 96075-5663 - t.me/efarsas

Dessa forma, o boato pode voltar nos anos seguintes com a mesma força e quem o ler pela primeira vez irá achar que se trata de uma notícia fresca.

Só para se ter uma ideia de como é eficaz esse método de não se datar um boato, encontramos publicações dessa suposta tentativa de sequestro relâmpago infantil feitas no Facebook em 2013. Claro que, já naquela época, o fato teria ocorrido “no domingo”.

Além disso, o autor desse alerta afirma também nesse mesmo parágrafo que a tentativa de sequestro teria acontecido com seu amigo no Shopping Iguatemi, mas não especifica em qual das dezenas de shoppings com esse mesmo nome isso aconteceu.

Uma busca no Google por “Shopping Iguatemi” e nos deparamos com vários shoppings com esse nome localizados em várias cidades do Brasil. Talvez esse nome tenha sido escolhido justamente por isso, quem ler o alerta em Salvador, poderá achar que o shopping referido é o Iguatemi baiano. Já os moradores de Campinas podem imaginar que a gangue estaria agindo no Shopping Iguatemi Campinas.

Busca por "Shopping Iguatemi" no Google mostra que há vários shoppings com esse nome espalhados pelo Brasil!

Busca por “Shopping Iguatemi” no Google mostra que há vários shoppings com esse nome espalhados pelo Brasil!

Prosseguindo no texto:

“[…] Foram até a Drogaria Iguatemi e saindo de lá, a esposa dele o chamou para pegar o remédio e quando ela virou viu um dos caras apontando para a filha deles e falando: “É essa”. A esposa dele começou a gritar que o cara estava apontando para a menina e então os 3 saíram correndo. Eles chamaram o segurança.”

É incrível como esses sequestradores foram despreparados… Eles avisaram qual era a garota em que eles estavam de olho, e ainda foram mais lentos que a vítima (que acabou escapando!). Na vida real não é assim. Quando você percebe, já está em poder dos bandidos!

Ao final do texto, o autor afirma que as quase vitimas foram levadas para uma salinha onde os seguranças do shopping explicaram que há uma gangue especializada em sequestro relâmpago infantil agindo dentro do estabelecimento que aproveita essa época do ano (em qual época?) para roubar criancinhas e exigir resgate.

O tipo do sequestro teria sido confessado por um dos bandidos que havia sido preso pelo seguranças do shopping. Igualmente, nenhum nome citado.

O mais estranho disso é que nenhum jornal ainda tomou ciência dessa modalidade de crime, pois não encontramos nenhuma notícia relacionada nos principais jornais do país. Isso, claro, seria um prato cheio para programas de TV sensacionalistas!

O último parágrafo do boato é a única parte que merece atenção:

“Atenção máxima gente. Ficar grudado nas crianças.”

Fique grudado com as suas crianças ao sair pra passear no shopping! Apesar dessa história ser falsa, sabemos que existe muita gente mal-intencionada por aí e, por isso, nem pense em se descuidar dos filhos em locais públicos e movimentados. Em caso de dúvida, procure a polícia mais próxima!

Conclusão

A história é falsa, mas é bom continuar seguindo os conselhos da mamãe: Não fale com estranhos e fique atento a quaisquer atitudes suspeitas!

Continue lendo
1 Comentário

1 Comentário

  1. Lucho

    29 de novembro de 2014 em 16:18

    Pelo menos dessa vez não foi usada a imagem de uma inocente.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Topo