Brasileiro inventa um carro movido a água! Será verdade?

Share Button

Vídeo que circula pela web mostra a reportagem de um brasileiro que afirma ter inventado o um equipamento que faz o carro funcionar com água! Será que isso é verdade?

A reportagem, produzida pela equipe de jornalismo da TV Tribuna, foi publicada no começo de março de 2015 no YouTube e quase que imediatamente se tornou viral no Facebook, alcançando centenas de milhares de compartilhamentos.

Na matéria, os jornalistas mostram a história de um inventor capixaba que, após instalar um equipamento no motor do seu automóvel, afirma que seu carro agora faz 1000 quilômetros com apenas um litro água!

Capixaba teria inventado o carro movido a água! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)

Capixaba teria inventado o carro movido a água! Será verdade? (foto: Reprodução/Facebook)

O tal invento, segundo o rapaz, transforma as moléculas de água em hidrogênio através de um processo chamado eletrólise e esse elemento químico é que serve de combustível para o veículo.

Será que isso é verdade? Assista à reportagem abaixo e veja o que descobrimos a respeito:

 

Verdadeiro ou falso?

O que podemos verificar na matéria acima é um exemplo de mau jornalismo! Uma reportagem que não fornece dados técnicos ou demais detalhes e/ou a opinião de entendidos no assunto dá margem a muita especulação e, é claro, deixa os mais céticos de orelha em pé.

  • O que tem dentro da “caixinha” mostrada na reportagem?
  • Isso é mesmo um invento desse rapaz que aparece no vídeo?
  • É possível separar o hidrogênio da água através da eletrólise?
  • Se o invento transforma água em hidrogênio, por que ainda sai água do escapamento?
  • Essa água que sai do escapamento poderia ser usada novamente pelo motor? (Dessa forma, o carro nunca mais precisaria ser reabastecido!)

Essas dúvidas não foram respondidas nessa reportagem e, igualmente, não foram respondidas nas outras matérias que foram feitas posteriormente com o mesmo inventor.

Como não tivemos acesso ao trabalho do inventor (e quem afirma é quem tem que provar), vamos tentar explicar algumas coisas:

Em primeiro lugar, o invento de um motor que “gera” hidrogênio retirado-o da água para transforma-lo em combustível já é antigo e patentes já foram registradas em 1978, em nome do norte-americano Yull Brown. Chamado de “Gás Brown”, a suposta mistura hidrogênio-oxigênio “inventada” por ele foi contestada por vários cientistas e provou ser uma fraude em um artigo de 2008 da revista especializada PopularMechanics. Na verdade, o motor de Brown funcionava com combustível normal e água e, segundo afirmava-se, servia para reduzir o consumo da gasolina. A alegada economia de combustível vinha, na realidade, de regulagens feitas nos carburadores dos veículos onde os equipamento eram instalados.

O motor a água também já foi patenteado por outros inventores ao longo da história e um dos mais famosos foi o ex-motorista de ônibus chinês Wang Hongcheng. Em 1983, aproveitando-se do crescimento e da proliferação das pseudociências e das superstições na China, Hongcheng conseguiu investimentos do Governo e de outros apoiadores o equivalente a mais de 30 milhões de dólares para o financiamento de seu invento: Um liquido capaz de transformar água em combustível! Pra encurtar um pouco a história, acabaram descobrindo que o inventor era um charlatão e ele amargou 10 anos de cadeia. A empresa milionária fundada por ele nunca chegou a produzir nenhum ml desse liquido milagroso…

Outros “inventores” também alegam ter conseguido criar o tão sonhado carro movido a água, como o norte-americano Denny Klein, que disse ter inventado um carro – em 2010 – que percorria 160 Km com 1 litro de água! Claro que seu invento, o Aquygen, nunca saiu do papel, conforme apurado aqui!

Então, voltando ao carro a água brasileiro, mesmo que o rapaz tenha inventado algo nesse sentido, é bem capaz que ele não consiga registra-lo, tendo em vista que outros inventores foram mais espertos do que o capixaba.

Por outro lado, a eletrólise da água é um processo conhecido pela humanidade há mais de dois séculos. Basta passar uma corrente elétrica através de um par de eletrodos (que estão em um recipiente com água) e “como por mágica” bolhas de oxigênio se formarão em um eletrodo e, no outro, hidrogênio. O problema de se criar um motor que aproveite esse hidrogênio gerado por eletrólise é que, infelizmente, ainda se gasta muito mais energia para se separar os átomos de hidrogênio do que a energia que ele poderá gerar.

Na edição do dia 10 de março de 2015, o jornal A Tribuna explica que Roberto Souza é um capixaba dono de uma empresa de informática e que a sua invenção (que, na verdade, é uma adaptação de outras já existentes) se baseia na eletrólise, mas não acrescenta muito à notícia! Igualmente, a matéria não explica de onde vem a energia usada na eletrólise!

Conforme é explicado nesse artigo publicado no site AutoBlog, apesar dos avanços nos estudos a respeito da “geração” de hidrogênio, o processo ainda é cerca de 70% eficaz na melhor das hipóteses. Ou seja, de toda a energia gasta para se criar o hidrogênio, quase um terço se perde no processo. Nas contas feitas pelo AutoBlog, dos 24 kWh de energia vindos do motor, somente 14 kWh seria devolvido de volta. Dessa forma, em poucos quilômetros o veículo deixaria de funcionar…

Esse é o mesmo problema enfrentado por aqueles que sonham em criar o moto perpétuo, um tipo de maquina que não gastaria energia e funcionasse sem parar. Como já explicamos aqui no E-farsas, é impossível gerar energia do nada!

Kit de hidrogênio

Quando a reportagem do brasileiro “inventor do carro a água” começou a fazer sucesso na web, vários leitores do E-farsas entraram em contato, nos questionando a respeito de kits de hidrogênio que estão sendo vendidos online. O produto seria um conjunto de componentes que realizariam a eletrólise da água (igual ao aparelho que foi supostamente inventado pelo homem da reportagem) e que o hidrogênio resultante ajudaria a diminuir o consumo de gasolina do automóvel.

O que podemos afirmar é que vários testes já foram feitos com esse tipo de produto e a sua eficácia beira ao zero por cento! Em janeiro de 2014, por exemplo, a revista automotiva Quatro Rodas testou o mais popular desses kits que estão à venda por aí e concluiu que o aparelho (vendido a R$2mil) não diminuiu em nada o consumo de combustível.

Comprar esse tipo de kit é jogar dinheiro fora!

"Kit de hidrogênio" não cumpre o que promete! (foto: reprodução/Quatro Rodas)

“Kit de hidrogênio” não cumpre o que promete! (foto: reprodução/Quatro Rodas)

Alternativas pouco viáveis

Em 2014, a montadora de veículos Toyota anunciou que lançará o primeiro veículo movido a hidrogênio no ano seguinte. A diferença do Mirai (nome do veículo, que – segundo o Portal Exame, significa “futuro” em japonês) para esses veículos que (não) funcionam a partir da eletrólise é que o carro da Toyota vem com tanques que armazenam o hidrogênio já pronto para ser usado. Aliás, o tanque de combustível é um dos equipamentos que mais preocuparam os engenheiros da montadora japonesa:

Tanques de hidrogênio do Mirai suportam grande pressão! (foto: Reprodução/Wikipédia)

Tanques de hidrogênio do Mirai suportam grande pressão! (foto: Reprodução/Wikipédia) 

O Portal Exame explica que o carro é, na verdade, elétrico:

“O Mirai possui uma célula de combustível onde o hidrogênio se combina com o oxigênio do ar, produzindo água e eletricidade. É como uma bateria. Mas, em vez de recarregá-la com eletricidade, coloca-se mais hidrogênio para que a reação química possa continuar.”

Vamos deixar de lado a explicação de como o hidrogênio será transformado em energia (não é explicado como essas “células de combustível” irão funcionar), e nos ater ao fato de que a montadora ainda terá outro desafio pela frente: Para garantir que o projeto do Mirai dê certo, a Toyota terá que investir em postos de combustível onde o hidrogênio deverá ser vendido. A que preço? Não se sabe, mas o hidrogênio não deve ser mais barato que da gasolina…

Em 2006, uma equipe de engenheiros mecânicos da Universidade de Minnesota (EUA) descobriu que a água reage com um elemento químico chamado boro, quebrando suas moléculas e liberando hidrogênio puro a partir da água mineral. O problema é que o boro se desgasta muito rápido! Para se ter uma ideia, na produção de hidrogênio, cada 45 litros de água consome 18 quilos do minério. Inviável, até agora… 

Atualização 12/03/2015

Rafael Souza, amigo leitor do E-farsas, no ajudou a complementar esse artigo, fazendo rápida pesquisa na web a respeito da empresa do inventor do “revolucionário” aparelho conversor de hidrogênio!

Buscando pelo proprietário do domínio Smartek.com.br (empresa citada na segunda reportagem feita pela TV Tribuna), nosso amigo verificou que o endereço eletrônico está registrado em nome de José Roberto de Souza Filho. Ou seja, o site está realmente em nome do inventor!

smartek_whois

O Google nos ajudou também a conseguir o CNPJ da referida empresa e com esse registro, nosso leitor fez o que os produtores da TV Tribuna deveriam ter feito: Verificado se o endereço da empresa existe ou não!

smartek

De fato, a empresa tem sede em Vitória (ES), mas o endereço registrado na Receita Federal é de um prédio residencial com algumas salas comerciais no térreo, indicando que o dono da Smartek provavelmente usou o seu endereço residencial, ou de algum amigo ou parente.

Além disso, o espaço comercial no térreo não possibilita espaço físico para desenvolver as atividades descritas no documento registrado no site da Receita Federal, como podemos ver nessa imagem do Google Street View:

smartek_street

Será que a empresa não está mais funcionando? Pode ser que as fotos do Google estejam desatualizadas e a empresa ainda não havia se instalado naquele local (apesar de afirmar isso em seu documento junto à Receita Federal).

LEMBRANDO QUE OS DADOS MOSTRADOS AQUI SÃO PÚBLICOS E PODEM SER CONSULTADOS POR QUALQUER UM!

O jeito encontrado foi recorrermos à Junta Comercial de Vitória, no Espírito Santo. No site da instituição descobrimos que a situação da Smartek está como “FALIDA”!

smartek_junta

Mesmo estando falida na Junta Comercial capixaba, a Smartek continua recebendo encomendas do seu aparelho que supostamente transforma água em combustível automotor. Ao enviarmos um e-mail para a empresa, recebemos uma mensagem automática avisando que o aparelho custará em algo em torno de R$1.300,00 e estará à venda a partir de julho:

smartek_email

Resumindo, fizemos essa importante atualização no artigo para que você não dê o seu dinheiro para qualquer um sem, antes, pesquisar um pouco mais sobre a empresa que te promete algum produto ou serviço!

Agradecimentos ao leitor Rafael Souza, que nos ajudou muito através da nossa fanpage no Facebook!

Mais sobre carros movidos a água (que não funcionam):

Conclusão

Não acredite em tudo o que você vê na televisão ou lê na internet! Esperamos que os jornalistas da TV Tribuna desfaçam esse “mal-entendido” e produzam outra matéria em breve, esclarecendo que a notícia do carro movido a água enganou a todos (até à equipe de reportagem). Ah! Sobre a questão das teorias conspiratórias afirmando que todo mundo que inventa carro movido a água é morto pela máfia dos magnatas do petróleo, falaremos em breve!

Share Button
Cinema / TV, Conspirações, Falso, Tecnologia, Veículos
, , , , , , , , , , ,

Comente pelo Facebook

299 comentários

      • Kastilho

        COM TODA A CERTEZA! REALMENTE, NÃO ACREDITE EM COISA NENHUMA QUE SE LÊ NA INTERNET: EXISTE DE TUDO, INCLUSIVE UM TOTAL INTERESSE EM QUE UM TAL INVENTO JAMAIS VENHA A SER UTILIZADO, ESPECIALMENTE PORQUE O INVENTOR TENCIONAVA COLOCAR A PATENTE EM DOMÍNIO PÚBLICO. IMAGINEM O QUE SERIA DA INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA EM GERAL E, PRINCIPALMENTE, DAS PETROQUÍMICAS! O LOBBY CONTRÁRIO É IMENSO. NÃO ADIANTA DIZER QUE A INDÚSTRIA SIMPLESMENTE ABSORVERIA O INVENTO E O IMPLEMENTARIA EM SEUS VEÍCULOS: E A REVENDA DE PEÇAS? E TODOS OS SETORES PARALELOS? SINCERAMENTE, EU GOSTARIA DE SABER O QUE ACONTECEU “DE VERDADE” COM O INVENTOR E COM OS RAPAZES (ENGENHEIROS) QUE APARECEM NA REPORTAGEM E QUE ME PARECERAM, SIM, MUITO SÉRIOS.

        • Gilmar Lopes
          Author

          Tão sérios que o site da empresa continua funcionando como se estivesse tudo bem, mas a empresa está como falida na Junta Comercial!
          O produto estaria à venda em poucos dias e até agora nada!

          • Anonymous

            Gilmar, certa vez um professor de física que tive pediu para que nós alunos imaginássemos a seguinte experiência mental: imagine que você tem um geladeira funcionando de portas abertas num recinto hermeticamente isolado. Pergunta: o recinto esfria, aquece ou a temperatura se mantêm constante (nada muda). Agora pasme, a maioria dos alunos, cerca de uns 90%, afirmou que o recinto esfria. Só então o professor revelou que o recinto na verdade ESQUENTA, pois há o fornecimento de energia elétrica externa e o recinto com a geladeira de portas abertas não é um SISTEMA Perfeitamente Isolado, embora seja hermeticamente isolado. Aos alunos que ainda duvidassem, ele sugeriu que realizem experiências utilizando o método científico. Desnecessário dizer que ninguém aceitou o desafio. KKKKKK

        • Charles Lyell

          Nenhuma das tecnologias de que dispomos hoje, em qualquer área, jamais quebrou qualquer lei fundamental da física. E esta “tecnologia” do carro movido à água quebra uma lei fundamental que é a conservação de energia, ou seja, não se pode criar energia do nada. É por isso que que dá para afirmar, mesmo sem examinar o carro adaptado, que isso é uma farsa. Podemos considerar este sistema fechado, já que entra água e sai água pelo escapamento. Esta água pode ser recolhida e reutilizada. Portanto o sistema é fechado. Pergunta: de onde vem a energia para movimentar o carro?

          • Fernando

            Não sou totalmente crédulo a tudo o que vejo na net, mas, com certeza a industria do petróleo é uma das maiores interesseiras de desmentir qualquer tipo de ação que quebre ou enfraqueça seu domino neste mercado rico.
            Quanto ao questionamento de sair água do escapamento é normal e ão fere a lei da física, pois o resultado final da combustão vai gerar também água, conf.: http://www.usp.br/qambiental/combustao_energia.html

          • Charles, pelo amor de Deus, né!!!
            A água não começa a liberar gases do nada.

            A eletrólise faz esse serviço de separar os gases.

            Uma vez separados, estariam prontos para uso, igual ao GNV, por exemplo.

            Seu argumento foi totalmente sem sentido!

            “de onde vem a energia?”
            Do gás hidrogênio, ora!!!

            “de onde ele surge?”

            Da água, ora!

            “Como?”

            Por meio da eletrólise…. precisa desenhar???

            Nada a ver a com a conversa a lei de conservação de energia.

            O motor não funciona “com nada ou do nada.”

            Ele funciona com a combustão do hidrogênio extraído da água.

            Ao ser queimado o gás se recombina com oxigênio atmosférico e via água outra vez.

            Não há nenhuma dificuldade de um sistema assim funcionar ad eterno.

            Porque???

            Porque, desde que o fornecimento de novas moléculas de oxigênio seja mantido, não vai deixar de existir água (se for decapitada).

            Só não da outra chamar isso de moto perpétuo pela necessidade de recombinação com oxigênio para que a água nunca acabe.

            Mas, se você não tiver planos de usar tal motor numa zona de vácuo ou algo assim…….é só manter um alternador funcionando e você conseguiu chegar o mais perto possível de um motor de movimento infinito. O constante reingresso de oxigênio, quebra esse blá, blá, blá de conservação de energia. Existe a renovação constante do elemento água.

          • Gilmar Lopes
            Author

            Mas e a energia que é gasta para gerar a eletrólise? De onde ela vem?
            Somente com o alternador não é possível gerar tanta energia para separar o hidrogênio da água. Na verdade, esse sistema funcionaria apenas como um complemento ao motor convencional. No entanto, o recipiente usado para a eletrólise teria que ser muito (mas muito mesmo) maior, além da bateria que tem que ser muito maior do que as atuais. A mesma coisa serve para a quantidade de água para a ser convertida em hidrogênio que também teria que ficar em um imenso barril várias vezes maior que o automóvel.
            Em resumo, o peso que o automóvel teria que carregar para que o hidrogênio gerado fizesse alguma diferença no motor a explosão seria tão grande que o carro não conseguiria sair do lugar e, se conseguisse andar, continuaria gastando muito mais energia para gerar o hidrogênio do que a quantidade de energia gerada pela combustão desse gás!

          • vitor maylon

            Charles, ele não está criando energia do nada, muito pelo contrario, ele está utilizando energia elétrica par quebrar “quebrar” as moléculas de água gerando dois gases, oxigênio e hidrogênio. Isto não contraria a lei a primeira lei da termodinâmica que descreve que é impossível ter energia infinita a partir do nada. O nome correto é eletrólise e é sim possível fazer isso. Gostaria de saber o que aconteceu com o inventor e os alunos entrevistados.

      • Filosofia… Nem vou ler o texto.

        Por que o pessoal que “estuda” inutilidades adora dar os seus pitacos a respeito de assuntos de verdade?

        O senhor já ouviu falar de eletrólise, senhor felózofo?

    • jocahá m

      Oi Predro, capital existe na mão de diversos donos. Se o Invento fosse economicamente viável no mercado sempre haveria um grande a investir nisso. Veja 30 para trás quem eram os maiores do mundo, empresas riquezas, etc. e quem são hoje. Houve uma mudança muito grande. A maioria dos milionários continua, mas há muitos novos bilionários na industria da tecnologia. Claro que há muitos bilionários de outras áreas que investiram nessas empresas também. Isso só prova que sempre que houver algo revolucionário haverá tanto os contrários, conspiradores no seu modo de entender, e apoiadores. Mas não de muito valor a conspiração, pois sempre haverá uma “conspirador” de olho em uma super oportunidade.

  1. Ricardo

    Acho engraçado esse E-farsas, pretende ser o juízo de tudo que passa pela internet. A reportagem não pode ser leviana, mas a análise dela pode, né?

    • Gilmar Lopes
      Author

      Como assim? Como quem fez a afirmação não provou nada (só vemos um carro andando por uma rua, na reportagem), estou tentando trabalhar com os dados que temos à disposição na web. Até hoje é impossível conseguir mais energia com a eletrólise do que a que é gasta para gerá-la!
      Não encontrei o projeto do sujeito registrado em nenhum órgão, nenhuma patente, nada!
      A matéria publicada na versão impressa do jornal também não explica de onde o carro tira energia para fazer a eletrólise. Da bateria do carro, com certeza, não é!

          • S. Rafael

            Olá,
            enviei uma mensagem pela página do facebook dando dicas pra acabar de vez com a farsa deste brasileiro.

            Quando puder peço que confira.

            Obrigado.

        • Victor

          é farsa também, é só aprestar atenção na mão esquerda do individuo, ele usa simplesmente a gasolina armazenada na cuba do caburador, e para ligar o motor ele aciona o afogador e quando ele tira a mangueira ele desliga o afogador, e faz o mesmo quando volta a por a mangueira no lugar. Tenho moto, faço isso pra guardar a moto em por periodos longos e funciona por muito tempo sem o tanque.

      • Luiz Carlos Rosas

        A energia para a separação do hidrogênio e do oxigênio sai da bateria do carro que por sua vez é alimentada pelo alternador.Em um polo sai duas moléculas de hidrogênio e no outro uma de oxigênio.Daí H2O. Fazia isto quando estudante ginasial. O processo é muito simples.Agora para adaptar o volume de gás necessário para funcionar o motor somente com pessoa(engenheiro-mecânico)habilitado.

        • cecil

          Parabéns, você inventou o moto-perpétuo! Bateria que alimenta hidrólise que alimenta bateria.
          Acho que estou tendo uma ideia aqui: ligar o filtro de linha nele mesmo para gerar eletricidade infinita de graça!!

          • Roberto

            então, em um episódio de A vaca e o Frango eles também inventam um energia perpétua, e acho que não patentearam….hehehehe

      • Artur Godoy

        O pessoal não tem noção, brasileiro gosta de carro mas não sabe como funciona, conceitos como taxa de compressão passam longe da cabeça do “mexanico” de fundo de garagem, parece que é só injetar qualquer fluido inflamável que vai dar certo.
        Vamos abastecer esta porcaria com a água condensada pelo ar-condicionado e alimentar com a bateria do próprio veículo e pronto, só vai parar para manutenção , mas o capitalismo impede tudo isso, malditos capitalistas, por que foram inventar as leis da física, sempre fazendo leis em benefício próprio.

        • Raphael Andrade

          Um dos melhores documentários que li aqui. Parabéns. E para os que acreditam nisso existe vários vendedores do kit no mercado livre, é só ir la e comprar e da adeus a gasolina.

      • Robinson

        Levando-se em conta somente os dados da reportagem não é razoável você colocar “um motor à combustão moderno” movido a hidrogênio no mesmo nível do sonhos de “motor de energia infinita”.
        Pesquise mais um pouco amigo, e com os dados à disposição na web você vai chegar à conclusão que os motores modernos à combustão possuem uma fonte de energia (isso mesmo um gerador) popularmente conhecido como “alternador”, pois gera corrente alternada.
        A energia produzida pelo alternador alimenta os faróis e toda a parte elétrica do carro e , teoricamente, é suficiente para manter um fluxo contínuo de eletrólise da água enquanto o motor estiver funcionando.
        Não pense nisso como uma fonte de energia infinita, pois quando a água acabar (hidrogênio), o sistema pára. Também acho que fonte de energia infinita é sonho.
        Em resumo – embora a matéria seja fraca de evidências – a proposição do inventor é bastante razoável, pois enquanto o motor do carro estiver girando, o motor aciona o alternador, que por sua vez produz corrente elétrica para realizar a eletrólise da água, que por sua vez extrai da água o hidrogênio para ser utilizado no lugar da gasolina ou do álcool.
        Só me parece restar uma falha, vai ser necessário um combustível comum para inicializar o sistema.

      • MS EG

        Stan Meyer, o principal inventor do carro totalmente a agua, estimou que seriam necessários apenas 83 litros de água para cobrir a distância entre Los Angeles e Nova Iorque.

        E sua invenção, hoje totalmente publicada na internet pelo seu irmão, copiada por inúmeras empresas, utilizava o circuito ressonante, em que a energia vinha desse fenômeno mais a energia da descida das formas de ondas alternadas. Possibilitando separar HHO com baixíssimas correntes e sem uso de soda ou sal na agua.

        Mas a energia diferencial entre a dissociação e a oxidação vem dos átomos, chamada energia livre.
        O TERROR DAQUELES QUE NÃO DESEJAM A LIBERTAÇÃO ENERGÉTICA DA HUMANIDADE.

        Como você acha que funciona os átomos? A gasolina?????

        • Eu™

          Oh! disse o profeta:
          Meus filhos tudo é apenas
          uma merda morfosa e singela
          a flutuar na brisa leve de verão
          numa multicolorida bolha de sabão
          onde a largura do sorriso
          é o comprimento da loucura

          Somos alienígenas
          tentando dar gargalhadas
          enquanto o pau continua preso no zíper

        • Stan Meyer, aquele picareta que alegou ter inventado uma “célula de combustível”, porém a tal “célula de combustível” não passava de um grandíssimo embuste, ele foi processado por dois investidores e perdeu ambos os processos? Esse Stan Meyer?

          Tá serto.

    • Senhores(as), bom dia. Estou pesquisando sobre o assunto e pretendo instalar em meu carro… O que muitos estão achando é que o sistema substitui a gasolina, isto não é verdade… O sistema é híbrido e trabalho em conjunto com o combustível seja ele: GASOLINA, DIESEL, ALCOL, GAS, OU GLP… Com este sistema é possível reduzir o consumo de 20% a 60% do consumo… Isto é o que ocorre… Vi alguns fabricantes e inclusive fora do Brasil no Canadá por exemplo… Eu morei no Canadá e os taxis usam tecnologia com sistemas híbridos eletricidade, hidrogênio, e gasolina… Ao freiar o carro por exemplo a energia dissipada no freio é absorvida e armazenada em baterias… O veículo possui um controle muito inteligente de consumo de combustíveis hibridos… O que tem ocorrido aqui é a manipulação de informação pela mídia e a falta de conhecimento de muitos e assuntos de tecnologias… Sou engenheiro Mecatrônico e trabalho desenvolvendo projetos e manutenção… Não existem interesse das montadoras Brasileiras em desenvolver sistemas como este, pois não existe nenhum incentivo por parte do nosso governo… Pois se houver a mudança de combustivel o que farão com a Petrobrás que financia as campanhas e mantém os políticos no governo?

      • Regina

        Muito bom seu comentário, parabéns, mas não importa o que se diga vão continuar tentando derrubar o zé ninguém, assim como fizeram com os outros. Concluir que a experiencia não dá certo ou é uma fraude mesmo sabendo que se usa em foguetes, mesmo sabendo que outras experiencias já comprovaram, cumpre a regra de ouro dos gananciosos.

      • ELSON

        Daniel Marcos,

        Disse quase tudo. Mas já vi diversos carros ilegalmente movidos por misturas de Diesel/Gás, Gasolina/Álcool/Gás, com uma economia de 70% no valor KM rodado.

        Um deles, posso afirmar, está compreende um sistema antigo de Kit Gás por aspiração, que funciona simultaneamente com a injeção eletrônica, mas consome o gás diretamente no sistema de aspiração do veículo. A diferença é simples. Ao invés de liberar o consumo de gás, o “inventor” colocou um “giglê” (redutor de passagem) daqueles de lampião de gás no final do sistema para controlar a marcha lenta. Quando o motor funciona em alta rotação o próprio sistema consome mais ou menos gás, a potência do motor não diminui e o consumo de combustíveis fósseis é reduzido em 70%. Detalhe: O consumo de gás é muito reduzido também, chegando mesmo a rodar com um cilindro médio, mais de 6000 km.

        Testei um destes sistemas em uma S10 Diesel e o consumo de Diesel foi de 25 km lt. Em um Fusion hibrido o consumo de gasolina chegou a 40 km lt. Obs: O teste foi de 2000 km para cada modelo. O mais interessante é que o consumo de gás GNV é ínfimo.

        Mas alguém acha que o governo liberaria para uso feral? Claro que não! Seria um tiro no próprio Pré Sal. Não atenderia os interesses dos países produtores de petróleo. Não atenderia os interesses dos EEUU que na realidade controlam a produção mundial (por fora) com a venda de armas e equipamentos de produção.

        Você está absolutamente certo em um ponto, mas precisa aprofundar mais em seus inventos, porque uma hora haverá espaço para elas. Quem sabe como estão fazendo nos sertões do Mato Grosso, Pará e Amazonas, algumas regiões do Nordeste e em outros pontos em que os interesses políticos e econômicos “castrantes” não são muitos.

        Elson Nascimento Rocha

      • Sementes Estelares

        Parabéns o site e-farsas publicou uma matéria de desinformação porém pessoas como você que pesquisam e tiram a limpo consegue tirar vantagens até de uma publicação horrorosa como esta, (Total desinformação).
        Estou a algum tempo estudando o processo do HHO e também vou instalar em um dos meus carros, vou fazer todos os testes possíveis p/ saber o custo benefício.
        Em minhas pesquisas todos afirmam que esta mistura de HHO em combustíveis se consegue uma economia de no mínimo 30% e uma taxa de despoluição de 50%.
        Vou pagar p/ ver se realmente isto é verdade, se for verdade pode ter certeza que já sumiram c/ o “Inventor” de ES, ou pagaram bem p/ ele fechar a boca.
        Você já imaginou uma cidade como São Paulo vendendo 30% menos combustível, reduzindo os taxas de atendimento hospitalar por problemas respiratórios e outras doenças causadas pela poluição, você já imaginou quanto os laboratórios iriam deixar de vender c/ 50% de despoluição.
        Se alguém está pesquisando este assunto e quiser fazer contato favor me contactar pelo e-mail sementesestelares2014@gmail.com.
        Estão escondendo muita coisa da gente a milênios, porém estamos na Nova Era e o mundo vai se surpreender das novas que teremos.

        • Gilmar Lopes
          Author

          Opa! Legal você fazer o teste. Esperamos que dê bons resultados.
          Agora,uma coisa é economia de um terço de combustível e outra é um carro movido a água!
          O que o rapaz da reportagem está afirmando é que consegue andar 1000kms com um litro de água. Percebe que isso é diferente de economizar trinta por cento?

    • Renan

      Pessoal, é o seguinte, vocês não estão levando em consideração que não é tão simples assim criar um sistema desses, é preciso de testes e mais testes, vamos dizer uns 4 anos tentando criar alguma coisa pra chegar a um resultado convincente.
      Estou de acordo com o e-farsa, o autor colocou em pauta todas as dificuldades que teria um sistema como esse.

      Portanto, com a tecnologia de hoje não é possível criar um motor que funciona com água. E também acho muito difícil que se crie um híbrido que você coloca a água diretamente no tanque. O que existe, como o motor citado na matéria do e-farsa, um carro que tem um tanque que armazene hidrogênio, e sabendo que o Hidrogênio é mais explosivo que propano e outros combustíveis, é muito arriscado criar algo com 100% de funcionamento através do hidrogênio.

      Se não acreditem no que estou dizendo, sugiro que tentem criar um motor híbrido.

  2. 1. A água vai do tanque para um reservatório cheio de boro em pó. Esse elemento tem a capacidade natural de “sugar” o oxigênio da água, deixando a molécula de H2O sem o O.
    2. O hidrogênio puro (H2) vai para o motor, onde pode ser queimado como se fosse gasolina ou virar fonte de energia elétrica – depende do tipo de propulsor a hidrogênio que o carro tiver.
    3. Dentro do motor, o hidrogênio se combina com o oxigênio do ar – é assim que ele produz energia. E pronto: temos H2O de novo. Então a única coisa que sai do escapamento é vapor d’água.
    4. Mas o boro não faz seu trabalho de graça. Conforme vai tragando oxigênio da água, ele se transforma em outra coisa: o inútil óxido de boro. Na produção de hidrogênio, cada 45 litros de água consome 18 quilos do minério.
    5. Para manter seu carro a água andando, então, você precisaria trocar o óxido por uma carga de boro zerado de tempos em tempos. O bom é que dá para obter isso a partir do óxido mesmo. É só reciclar a sobra numa usina (veja abaixo).
    Reciclando e andando
    Um simples processo químico é suficiente para quebrar o óxido (feito de átomos de boro e oxigênio grudados). O oxigênio liberado vai para o ar. E o boro volta para o carro. As usinas precisariam de energia para fazer essa reciclagem – mas não de petróleo. Fontes limpas, como hidrelétricas ou painéis solares, dariam conta do recado.

    • Gilmar Lopes
      Author

      Vi que você retirou esse texto de uma reportagem de 2006 do site da Revista Superinteressante.
      A parte omitida do artigo (que você não colou aqui no seu comentário) é a que diz que para andar 45 quilômetros, o veículo gastaria 18 quilos de boro. Inviável, né?
      Também li esse artigo e, pelo que pude notar, não tem nada a ver com a suposta invenção do capixaba. A “invenção” brasileira afirma usar a eletrólise no processo.

      • Fellows

        O trecho que ele colou diz isso:
        Na produção de hidrogênio, cada 45 litros de água consome 18 quilos do minério.

        E não: Andar 45 Km com 18 kg de boro.

  3. Djansley

    Ótimo post.
    Esmiuçou muito bem a questão, mostrando os pontos frágeis na “reportagem”.
    E-farsas sempre com um ótimo timing, descobrindo as farsas enquanto elas ainda circulam nas internets… rsrsrsrs

      • Murilo

        Caro Sr. Gilmar , tenho um amigo que tem um Gol a mais de dez anos andando com água , ele faz de Goiânia a Brasília x Goiânia com 1/2 litro de água. Trouxe o motorzinho dos USA, e funciona até hoje. É Claro que nosso sistema nunca vai querer um tipo de energia infinitamente barato e viável , onde ficaria os investimentos de uma ELETROBRÁS , uma PETROBRÁS. Temos inventores de energia de primeiríssima aqui no Brasil , mas temos também uma politicagem do contra que não permitiria uma entrada de grande volume no mercado , é inviável pro sistema ,,onde o nosso sistema é só o ganha ganha (governo).

        • Marcelo Alves Ferreira

          Se alguém quisesse quebrar as petrolíferas, não mostraria inventos suspeitos em vídeos toscos. Simplesmente registraria o projeto completo em um cartório, faria um pdf dele e jogaria na rede, ele ficaria disponível pra qualquer laboratório do mundo testar. A Shell conseguiria invadir uns 20 milhões de casas e apagar 20 milhões de HDs em 24h??? Ah…e moto perpétuo NÃO EXISTE.

  4. Paulo Campos

    Parabéns, Gilmar! Sempre “matando a pau”. Seja nas pesquisas como também nos comentários. O problema é que quando querem acreditar em algo, não tem jeito. Até em elefantes que voam e fazem desenhos, eles acreditam….

    • Manuel

      Desconhecem as leis da Termodinâmica. Não querem estudar. Essas pessoas que acreditam são as mesmas que chamam Matemática, Física e Química de matérias chatas e que nunca irão usar na vida. Não aguentariam 1 semestre de Engenharia. Se querem saber o que existe na vanguarda em combustível procurem mais a respeito do Mirai da Toyota e dos carros da Tesla Motors. A Tesla Motors é um exemplo de sucesso e de pioneirismo e que não pertence a nenhuma grande montadora.

  5. Ronaldo

    Na minha opinião, o site deveria ter enviado um profissional da área ante de criticar a matéria. Seria uma boa oportunidade para eles tirarem isso a limpo.

    • Dhenyson

      Acho que você ler pouco. Já ouviu dizer que quem quer provar algo que mostre as provas e evidências? e-farsas, eu e ninguém precisa ir lá e querer saber como funciona ou se é verdade ou não, ninguém precisa provar que ele está mentindo, ele que tem que provar de forma técnica e se possível com artigo científico como um tema revolucionário desses de como esse carro move mil quilômetros com um litro de água.

  6. Edú Marin

    Tem uma “lenda urbana” de que na década de 80, o programa “Fantástico”, exibiu uma matéria de um brasileiro que havia desenvolvido um motor de carro “movido a água”, e que “desapareceu” misteriosamente após a exibição da materia…

    • Gilmar Lopes
      Author

      Na mesma ocasião, o Caceta e Planeta fez um teste com o invento e viu que o carro gastava o mesmo tanto de gasolina com água do que sem água.
      Vou ver se acho no YouTube!

    • Alberto

      Se uma mola comprimida (armazena energia) quando jogada em um ácido se decompõe toda. Para onde vai a energia armazenada nela?

      Para decompor a água é necessário energia e que vem do carro, certo, e será que existe uma máquina (eletrolise) capaz de ter uma eficiência maior que 100%.

      A ignorância é uma espécie de bênção. Se você não sabe, não existe dor.

      John Lennon

      • jose matsusato

        Betão,… até que enfim, encontrei alguém com a mesma opinião que a minha!!!! Mas vc. pensou se o H combinasse com gasolina na câmara de explosão com calor e faísca, não iria dar uma reação hiperexplosiva ? e daí a gigantesca performance? Outra coisa: veja que engenheiros da Audi conseguiram produzir combustível adicionando CO2 no H pela eletrólise em água superaquecida que requer mínima corrente elétrica!!!!! Poderia ser isso que o capixaba usou água quente e bateria do próprio carro? Misturando pouco de um e do outro não dá certo? ou tornar a reação da dissolução da mola mais rápida por ter comprimido antes? KKKK, meu professor de física jogou esta pergunta e foi embora, e nunca respondeu.

    • carlos

      É VERDADE SIM, EU VI E ME LEMBRO DA MATÉRIA, E O CARRO USADO ERA UM FUSCA BRANCO !!! ISSO ESTÁ GRAVADO EM MINHA MENTE !!! O CARA SUMIU E NUNCA MAIS NINGUÉM FALOU MAIS NADA ATÉ APARECER AGORA ESTE CAPIXABA… SERÁ Q O CARA DO FANTÁSTICO NÃO É PARENTE DELE ??? Rs,rs…

  7. Ou seja, vcs não sabem se o invento é verdadeiro ou não. O e-farsas não pode afirmar se a invenção é ou não verdadeira já que não tem dados concretos dela ou testado-a, baseou-se apenas em outros mal sucedidos para contradizer este. Em experimentos que não deram certo, ou seja, não tem provas que esta não seria um invenção real? Concordo com o e-farsas sobre a reportagem não ter explicado melhor, ou ter levado algum especialista (professor, cientista) para averiguar a invenção. O inventar não é obrigado a ter que provar para o e-farsas que seu aparelho funciona de verdade, assim como quem posta algum tipo de vídeo viral, tb não tem que provar nada. O intuito deste site não é este? Provar mentiras e falsidade.

    • Gilmar Lopes
      Author

      Se você ler o artigo do E-farsas vai perceber que em momento algum eu ataquei o suposto inventor e tampouco afirmei que ele está mentindo (no máximo, dou a entender que o inventor se equivocou e enganou – intencionalmente ou não – a equipe de reportagem). O que estou criticando é o fato dos jornalistas não terem feito uma melhor apuração da notícia. O que temos atualmente de estudos na área é que, por eletrólise, o invento não funcionará!
      O intuito do E-farsas é esse mesmo: Ajudar ao leitor a pensar e questionar tudo o que vê na web. Não encontrei provas de que o invento funcione mesmo. Caso você encontre provas irrefutáveis de que esse processo funciona de verdade, pode mandar o material para nós que publicaremos a errata imediatamente, sem problema algum!
      Obrigado!

      • Luciano

        Amigo, você deveria ter esperado mais, ter ido atrás de maiores elucidações (seja no jornal divulgador ou visita ao responsável pelo suposto equipamento) para então incluir isso aqui. O nome do site é bem claro, E-FARSAS, o que entra aqui já é automaticamente rotulado pelos leitores e já se torna desacreditado quase que completamente. Você deveria ter aguardado mais alguns dias para então publicar por aqui. Isso tá muito recente, coisa de DIAS, você foi sistematicamente irresponsável. Seu site tem um nome de impacto. Seja mais cuidadoso. Você nao tem nas mãos um blogzinho qualquer, você tem uma ferramenta formadora de opinião!!!!!!

        • Gilmar Lopes
          Author

          Entendo a sua preocupação, mas essa história de carro movido a água é um boato antigo (tem, pelo menos, uns 40 anos), que se repete a cada ano. Nesses 13 anos de pesquisas com o E-farsas, já me deparei com histórias semelhantes e posso afirmar que não vai funcionar.
          Vamos esperar, então! Se o invento dele funcionar mesmo, ficaremos felizes em fazer um artigo a respeito. Como não vai funcionar, ele vai sumir da mídia e muitos dirão que foi a máfia do petróleo que “deu um fim” no sujeito.
          IRRESPONSÁVEIS foram os repórteres da TV Tribuna, que veicularam uma matéria sem checar as fontes!

      • Óla, deveria dizer hidrólise e não eletrólise, são duas coisas diferentes, a hidrólise dá certo, cria bolhas de hidrogênio, e elas queimam, se queima é combustível, se é combustível faz motor ciclo Otto funcionar, esse carro apresentado é híbrido dois combustíveis associados.

        • Daniel Joe

          É eletrólise mesmo -> Eletro de eletricidade e lise -> quebra, ou seja, quebra por corrente elétrica, hidrólise e´quando a água causa a quebra das ligações.

      • Jailson Carneiro

        Em 1990 conheci em Brasília um mecânico, que não me lembro o nome, e me contou sua história que vou resumir aqui.
        Casado com Mônica, dona da Pousada da Mônica, onde me hospedava.
        Ele dizia ter desenvolvido um sistema com placas de bateria, que fazia o carro funcionar só com água. Não me lembro qual seria a autonomia desse motor.
        Alguns professores da UnB teria avaliado o protótipo e afirmado que o motor funcionava com o hidrogênio.
        O “invento” foi apresentado no programa do Sílvio Santos, comprovado por recortes de jornal que ele ostentava num mural na parede de Pousada.
        Disse ter abandonado o projeto por ter sido agredido por um grupo em seu local de trabalho e ameaçado de morte caso continuasse com o desenvolvimento.
        Isso foi o que de mais concreto eu vi sobre esse assunto.

  8. ELVIS A SILVA

    Quanto às teorias conspiratórias eu digo sempre que a ciência diferente da religião está disponível para contestação, ou seja, se algum cientista diz que a terra é redonda por isso e mais aquilo qualquer incrédulo pode provar o contrário se por algum motivo o dito cientista estiver mentindo (exclui-se a pseudociência). O caso que para nós leigos e mortais resta-nos apenas a razão para filtrar a maioria das coisas que nos aparecem, assim, no meu raciocínio concluo: se as multinacionais petrolíferas tem interesse em dar sumiço nesses inventores de energias perpétuas, carro a água, eletromagnetismo e o escambau até posso crer, o problema que temos vários países que sofrem com a crise energética que adorariam patrocinar tais inventos, Cuba, Coreia do Norte só para citar, mas…

  9. Esse E-Farsa é uma Farsa mesmo, pow a agua que sai pelo escape não pode ser reutilizada, se fosse assim carros a alcool nunca abasteceria , pois sempre sai liquido pelo escape e as vezes é o próprio alcool. não sou engenheiro, mais e possível fazer o carro andar sim, ate porque a voltagem pode ser diminuida para tal separação.

    Vamos estudar mais né antes de comentar o que não sabe, vc deve ser a favor de gasolina.

  10. Cesar Carvalho

    A data mais antiga que o E-Farsas citou na matéria, refere-se a um charlatão norte-americano de 1978. Bem, mais ou menos nessa época eu já ouvia aqui no Brasil pessoas crédulas repetindo o boato com os mesmos elementos que a gente continua ouvindo hoje: um inventor obscuro criou um carro a água mas foi morto por uma conspiração sinistra, orquestrada pelo malvado cartel do petróleo. Há quase 40 anos que a essência do boato continua a mesma. Meramente aparecem novos patifes, se aproveitando da mesma velha receita.

  11. Junta facebosta e rebostagem do sbesteira e pronto: Tem-se a merda feita.

    E curioso falar em eletrólise. De onde vem a energia para gerar a corrente elétrica que vai fazer a eletrólise? De mijo de leprechaun?

    Mas isso é só ciência. E, como o André sempre bem diz, brasileiro odeia ciência.

  12. William S D Borba

    “Na matéria, os jornalistas mostram a história de um inventor capixaba que, após instalar um equipamento no motor do seu automóvel, afirma que seu carro agora faz 1000 quilômetros com apenas um litro água!”

    Basta esta afirmação para invalidar completamente o “invento” desse farsante. Acho que nem o Mr. Fusion do filme “De Volta para o Futuro” consegue essa marca!

  13. Celso

    Ótima matéria como sempre. Só gostaria de dizer para o grande Gilmar não esquecer de depositar os 100 R$ da minha visita na conta do André do cet.net rsrsrs um abraço.

  14. Ezequiel Feliciano de Oliveira

    É possível separar o hidrogênio da água através da eletrólise?
    – Sim, é totalmente possível.

    Se o invento transforma água em hidrogênio, por que ainda sai água do escapamento?

    – não se transforma água em hidrogênio, apenas se separa as moléculas de um gás do outro; e queima do hidrogênio na presença de oxigênio no interior do motor produz H2O (o inverso da eletrólise)

    Essa água que sai do escapamento poderia ser usada novamente pelo motor? (Dessa forma, o carro nunca mais precisaria ser reabastecido!)

    – poderia sim, mas sempre haverá perdas no processo inviabilizando dessa forma o “motor perpétuo”.

    Embora as respostas a estas perguntas pareçam corroborar com a ideia de um motor movido a água, acho que na verdade, tal motor não seria possível (principalmente da maneira demonstrada).

    Entretanto, se o motor do carro estivesse adaptado para trabalhar com GNV, e a eletrólise fosse realizada a parte (na sua garagem) e armazenada em cilindros de GNV adaptados e abastecido da mesma forma como e feito o abastecimento do GNV nos postos atuais. Eu provavelmente acreditaria na reportagem…

    • Gilmar Lopes
      Author

      Só que não vemos nada disso na matéria apresentada pela TV Tribuna, né?
      O repórter começa dizendo que o carro funciona apenas com água, mas depois explica que o motor funciona com o hidrogênio gerado e, depois diz que sai água do escapamento. Além disso, o mesmo repórter ainda afirma que a ideia é reduzir o consumo de gasolina, dando a entender que o carro seria um híbrido de gasolina e hidrogênio.

  15. Fabio R

    É duro ler comentários em um site que um quer ser mais, ou pelo menos acha que é mais inteligente que o outro. Do mesmo jeito que você não precisa acreditar na matéria da Tv não é necessário que você acredite no que o pessoal do E-Farsas escreve aqui. Isso aqui é um site de entretenimento como qualquer outro, e a intenção deles é essa mesmo, que vocês fiquem se xingando nos comentarios hehehe.Eles falam tando do history channel mais esse site é exatamente igual, teorias das teorias.

  16. Fabio R

    É duro ler comentários em um site que um quer ser mais, ou pelo menos acha que é mais inteligente que o outro. Do mesmo jeito que você não precisa acreditar na matéria da Tv não é necessário que você acredite no que o pessoal do E-Farsas escreve aqui. Isso aqui é um site de entretenimento como qualquer outro, e a intenção deles é essa mesmo, que vocês fiquem se xingando nos comentarios hehehe.Eles falam tanto do history channel mais esse site é exatamente igual, com teorias das teorias.

  17. Mistura de hidrogênio à gasolina melhora consumo e desempenho

    a Universidade de Brasilia tem feito estudos a respeito, vamos pesquisar mais antes de falar que funciona ou que não funciona…
    acho que vindo de uma universidade conceituada podemos pensar melhor sobre o caso

    Abraços

  18. ADRIANO S SILVA

    estou verificando este site pela primeira vez, e vejo que a citações (digo bases cientificas) não tem relevância nenhuma, visto que vocês utilizam wikipedia, blogs, dentre outros sites sem respaldo cientifico. quando forem atras de bases como Scielo, pubmed, lilacs, Havard, bvs, bireme ou biblioteca cochrane me importarei com a informações de vocês..

    😉

    • Gilmar Lopes
      Author

      Como você está chegando agora no site (aliás, seja bem-vindo), não sabe que a ideia do E-farsas sempre foi nesses 13 anos de vida tentar usar a própria internet como ferramenta para desmentir (ou confirmar) as história que circulam por ela. Até mesmo para mostrar que qualquer um pode fazer isso.
      Vez ou outra recorro a artigos científicos, mas não é necessário na maioria das vezes.
      No caso, quem fez a afirmação é que deveria provar que aquilo é verdade, não acha? O rapaz mostrou apenas uma caixinha amarrada com presilhas plásticas no radiador do carro e quer que acreditamos que aquilo é um “reator de hidrogênio”? Ora, faça-me o favor…
      Como vou provar que algo não funciona se o próprio inventor não provou que funciona?
      O que posso fazer é citar “inventos” semelhantes e mostrar que TODOS que foram por essa linha não tiveram exito!

      • Adriano

        Vocês do e-farsas queriam que o rapaz que inventou esta Tecnologia, entregasse de mão beijada todas as informações técnicas por escrito, preferencialmente com desenhos etc… Para o mundo e de graça???
        O que tem a ver o espaco fisico da empresa do cara, que segundo informacoes de voces enconstra-se falida?
        E se o inventor esta falido, qual o problema? Isto o torna incapaz?
        O cara não pode ter descoberto uma brecha que nunca Ninguem pensou?

          • Marcos Roberto

            Olá.
            Prezado Gilmar,
            Já testou (pessoalmente) esses produtos do Mercado Livre, pra saber se dá a economia prometida? Ou será farsa mesmo?

        • Fabiano

          O mais interessante é que o “inventor” diz que quer “disseminar” esta tecnologia, tornando-a pública…
          Já que ele é “analista de sistemas” (conforme exibido na reportagem), por que ele não faz os esquemas de TUDO que ele fez no motor, e não publica em PDF pra TODO mundo baixar o arquivo e montar o seu?

          Lamento, mas um reator de hidrogênio não é tão simples de ser feito. E os processos mais eficientes aproveitam no máximo 70% da energia gerada.

          Outra citação “ridícula” da reportagem é que “uma molécula de água possui várias partículas de energia”… Pessoal, uma molécula de água possui dois átomos de hidrogênio e uma de oxigênio. Se fôssemos falar em partículas (múons, neutrinos, taus, etc), a força delas em eV (elétrons-Volts) seria minúscula, de tal forma que a quantidade de energia seria “indetectável” (a não ser por aceleradores de partículas).
          Enfim, poderíamos ficar aqui debatendo o sexo dos anjos, mas seguindo o conselho de um dos colegas que deixou um comentário aqui, estudar nunca é demais.

  19. Marcel

    Eu também faço 1000km com um litro de água… só preciso de uns 100 litros de gasolina!
    Piada a parte, acho que o carro do sujeito deve funcionar assim também.

    • Colega…não vou dar opinião sobre o primeiro video, mas o segundo mostra suspeita no tempo 7:04… Ele liga a moto com as mangueirinhas na entrada de ar, e nesse marcador ele tira as mangueiras e o motor continua funcionando… Se fosse um motor só com gás inflamável, ao retirar o combustível o motor morreria na hora… Pegue um carro GNV e faça esse teste… Ligue o carro e desligue o solenóide… Morre na hora.

  20. elton

    “Humoristas” anônimos, depois de tomarem umas e outras, sobre o preço da gasolina:
    ‘(…) Os foguetes da NASA movidos a ÁGUA funcionam– Digo, H2! Isto não me entra!
    (…) Astronautas agora defecarão até chegarem ao destino. / Substituiremos os bancos de couro de nossos veículos por privadas então. Ainda bem que o Brasil vai se preparar rapidamente pra vender Mirais e disponibilizar nos postos o H2 antes que isso aconteça… Nem é preciso dizer que vai terminar tudo em cagada mesmo! (Risos)’

  21. Marcos A.

    Assistindo a série “Gigantes da Industria” dá para entender direitinho como funciona esse mundo cheio de trapaças. Quando a primeira rede elétrica foi criada por Westinghouse em parceria com Tomas Edson, uma forte campanha foi feita por Rockfeller, magnata da indústria petrolífera, para desmoralizar essa criação e continuar assim vendendo seu querosene, unica fonte de iluminação até então. Panfletos era distribuídos informando o perigo de se utilizar a eletricidade. Eu acredito que existe muita interferência dos poderosos para que novas fontes de energia deixem de ser criadas, inclusive com a compra de patentes que ficam mofando em algum cofre. Agora quanto a usar apenas água como combustível, isso ainda é tão improvável quanto uma máquina de motor perpétuo.

    • Alexandre César

      Francisco eu dei uma olhada na reportagem, ela contém mais detalhes do que o vídeo, o que da para entender melhor como foi desenvolvido o projeto dele, porém eu notei uma coisa, para rodar 1000Km, ele gastou 1 litro de água destilada(até tudo bem) e 140 Litros de gasolina, o que pelas minhas contas deu entorno de 7Km por litro, o que mostra neste resultado é que ouve nenhuma economia significativa, pois meu carro que é um Fox 1.0 consome o mesmo tanto, a não ser que o carro dele antes consumi-se mais gasolina do que isto, mas mesmo assim o consumo de gasolina continua elevado, o que não compensaria o investimento. Espero que ele consiga melhorar a invenção dele, para ser torna viável.

      • Auris Castro

        Eita povo ignorante nem pra ler direito presta, na reportagem está.
        com o equipamento ele gastou 1L de água destilada e com gasolina SERIA, leu direito SERIA GASTO COM GASOLINA

  22. max

    Dedico esse comentário a todas as pessoas sensatas q acreditam em fatos ao invés de crenças e ao Gilmar pelo exemplo de pensamento crítico.
    Vou deixar o início de algo q encontrei q pode ser útil pra acabar de vez com esse boato. Peço a qualquer um q revise e acrescente afim q encontrar falhas, pois não sou entendedor de termoquímica.

    Leitura do calor de combustão do hidrogênio: cada mol ou 12gramas de gás hidrogênio ao queimar libera 242kilojoules, montando a relação gramas e energia teremos:

    12gramas ……………… 242kilojoules
    1000 gramas ………… x

    x = 20.167kilojoules

    Dados: massa de um litro de gasolina: 7,3 . 102g (730g), calor da combustão da gasolina: 1197kcal/mol

    Comparando

    1000g—20164j>hidr.
    730 g—-x j>gaso.

    x= 14721,91j/l de gasolina, logo:

    20167j——100%
    14721,91j—-x%

    x= 73% logo, gasolina só tem 27% da eficiência calorífera do h2
    e isso vai de encontro com a proporção publicado por Hoffmann: “A energia contida em 1,0 kg de hidrogênio corresponde à energia de 2,75 kg de gasolina. Entretanto, devido à sua massa específica (0,0899 kgNm-3 a 0°C e 1 atm), a energia de um litro de hidrogênio equivale à energia de 0,27 litro de gasolina”

    Agora pense o quanto a engenhoca do vídeo é capaz de produzir? (penso q não seja suficiente e ainda tem o fato dos gases estarem juntos, h2 e o)
    Pense também nas PERDAS do motor, da transformação do alternado pra carregar a bateria, da própria eletrolise…etc. enfim é óbvio q é uma lorota, o funcionamento desse sistema.

    Referencias: http://goo.gl/nTEP7J http://goo.gl/q2Dh7V

  23. Guilherme Viana

    Os comentários nesta página só mostram o quão as pessoas não estão preparadas para aceitar o fato de que qualquer um está sujeito a ser enganado, mesmo as pessoas mais espertas e inteligentes. Não adianta esbravejar, xingar e resmungar contra os fatos para defender uma mentira afim de se sentir menos trouxa, é mais humilde e honesto aceitar e reconhecer que somos falhos.

    “Não importa o quão inteligente e bem educado você é, você pode ser enganado” – James Randi, BBC Storyville 2014, Exposed Magicians Psychics and Frauds.

  24. Parabéns pelo excelente trabalho Gilmar!
    Confesso que sou seu fã a partir de hoje, nem tanto pela matéria, mas muito mais pela resposta que deu ao Alex:

    Gilmar Lopes disse:
    11 de março de 2015 às 22:05
    Obrigado pela ajuda. Vou estudar mais. Valeu!

    Eu não teria essa paciência toda e no mínimo diria o seguinte para o “dito cujo”:
    Já que acredita no invento “mirabolante” e “revolucionário” então compra!

  25. Marcelo

    Parabéns pelo excelente trabalho Gilmar!
    Confesso que sou seu fã a partir de hoje, nem tanto pela matéria, mas muito mais pela resposta que deu ao Alex:

    Gilmar Lopes disse:
    11 de março de 2015 às 22:05
    Obrigado pela ajuda. Vou estudar mais. Valeu!

    Eu não teria essa paciência toda e no mínimo diria o seguinte para o “dito cujo”:

  26. Estevam

    prestem atenção no vídeo no tempo de 1:29 o marcador de combustível aponta meio tanque.
    se o carro é movido a água, pq tem combustível no carro?

  27. Beno

    O algumas pessoas não querem entender é que a obtenção do hidrogênio se torna inviável a partir das tecnologias que conhecemos até agora.Digamos que vc tenha dois carros, um elétrico e um adaptado pra hidrogênio, digamos que com uma carga de bateria vc rode dez km no seu carro elétrico. …Aí vc pega essa mesma bateria recarregada e a usa pra com eletrólise obter hidrogênio,aí quando ela descarregar vc vai rodar e seis km depois o carro vai apagar, vc deixará de rodar quatro km só pra andar dizendo erroneamente que seu carro roda a base de água?Isso é como comprar refrigerante pra depois vender a latinha objetivando ter lucro…O hidrogênio é bom combustível, é explosivo pacas, é abundante mas como precisa separar do oxigênio, por enquanto é infelizmente inviável.

  28. Joás

    Eu fiz um gerador de hidrogênio, a um mês atrás.E fiz um teste no carro ele gerou más não foi o suficiente para funcionar o carro! Más eu coloquei a mangueira que sai do gerador dentro de um uma vasilha com água e acendi um fósforo próximo a água realmente gerou hidrogênio.Más não o suficiente para func. o carro, como eu já disse.Na água destilada eu coloquei uma colher de soda cáustica para um litro e meio de água.Não sei se foi a soda que criou uma borra preta, e o gerador logo ficou sujo.Este que eu fiz foi só para saber se gerava mesmo.Provavelmente farei um com regulador de corrente elétrica, com voltímetro e amperímetro.Se funcionar eu publicarei.Lembro que um conterrâneo meu da paraíba fez um carro movido a água não sei ao certo como funcionava isto foi em 1976.Más eu lembro que ele desapareceu de João Pessoa.

  29. Ótimo artigo, eu tinha visto esta reportagem e como não entendo nada de carros fui correndo mostrar ao meu marido, mas ele ficou meio incrédulo a respeito também..

  30. Mauricio

    Com certeza não trabalha só com hidrogênio, pois ele mostra o carro funcionando e o hidrogênio sendo produzido sem alimentar o carro, que por sinal um volume mixuruca de hidrogênio não arrasta uma bicicleta….

    • Alberto

      Se uma mola comprimida (armazena energia) quando jogada em um ácido se decompõe toda. Para onde vai a energia armazenada nela?

      Para decompor a água é necessário energia e que vem do carro, certo, e será que existe uma máquina (eletrolise) capaz de ter uma eficiência maior que 100%.

      A ignorância é uma espécie de bênção. Se você não sabe, não existe dor.

      John Lennon

  31. Juarez Tiago Secco

    Esse dispositivo instalado é um pequeno reator, rustico, que separa o oxigênio do hidrogênio da água ligado a bateria do veículo de 12 volts, esse hidrogênio gerado e muito pequeno para movimentar o carro. Pode até reduzir o gasto de combustível numa quantidade insignificante, oque torna inviável sua instalação. Para funcionar o motor de um carro, a energia gasta com a eletrólise, é suficiente para movimentar dois carros totalmente elétricos. Esse cálculo, os físicos tentam quebrar a anos. Um mecânico de fundo de quintal vai ter essa fórmula!? Duvido.

  32. Caio Machado

    Bom dia. Vocês querem a opinião de um profissional? Então aqui vai: Atualmente, este método não é viável. Por que? Há muitas perdas de energia no sistema que diminui a sua eficiência, são elas: As bolhas geradas pela reação aumentam a resistência da solução. Para vencer essa resistência, há um consumo maior de energia. Há perda de energia no fenômeno chamado de transferência de massa, onde existe a transferência de íons entre os eletrodos e portanto ocorre gasto de energia. Tem a energia gasta para quebrar a água em oxigênio e hidrogênio(energia de ativação). E também tem a própria resistência elétrica do circuito, que demanda gasto de energia para ser vencido. Atualmente, a eficiência dos equipamentos mais modernos( não viáveis comercialmente) chegam a 90%. Para conseguir um sistema auto-sustentável, seria necessário o desenvolvimento de novos eletrocatalisadores e aditivos eletrolíticos mais eficientes. Também seria preciso achar um outro material para fazer os eletrodos e um modo de acabar com a resistência causada pelas bolhas. Até pode ser possível este cara ter conseguido isto por sorte, ou por tentativa e erro, mas acho que as chances são bem remotas.

    • Alberto

      Se uma mola comprimida (armazena energia) quando jogada em um ácido se decompõe toda. Para onde vai a energia armazenada nela?

      Para decompor a água é necessário energia e que vem do carro, certo, e será que existe uma máquina (eletrolise) capaz de ter uma eficiência maior que 100%.

      A ignorância é uma espécie de bênção. Se você não sabe, não existe dor.

      John Lennon

  33. Paulo

    Boa tarde. O autor não precisa revelar o seu invento. Entretanto, se o jornal ou qualquer pessoa isenta, utilizar um aparelho medidor de CO2 no escapamento do carro e verificar que não há nenhuma emissão de CO2, então podemos começar a dar alguma credibilidade ao invento. Na combustão do hidrogênio é liberado energia + água, conforme a fórmula retirado do Site
    2 H2(g) + O2(g) = 2 H2O(l) + 572 kJ (286 kJ/mol)

    http://www.profpc.com.br/Hidrog%C3%AAniob.htm

    • Legal esse seu broguinho criado recentemente e que você acabou de fazer spam dele aqui.

      Carro movida a água pura. Eu só queria saber como água pura conduz eletricidade, gênio da física.

  34. Mark Dutra

    O meu carro funciona com óleo feito da poupa do coco no lugar de óleo Diesel. Não mostro pra ninguém, pois tenho medo de ser morto pela industria do petróleo. Cada um que desenvolva seu próprio método de energia limpa, viável e barata. Abs.

  35. Alberto

    Se uma mola comprimida (armazena energia) quando jogada em um ácido se decompõe toda. Para onde vai a energia armazenada nela?

    Para decompor a água é necessário energia e que vem do carro, certo, e será que existe uma máquina (eletrolise) capaz de ter uma eficiência maior que 100%.

    A ignorância é uma espécie de bênção. Se você não sabe, não existe dor.
    John Lennon

  36. rodrigo

    O povo gosta de ser enganado ein, ele traz uma matéria super completa e com atualização de dados e o povo insiste em acreditar em fadas e gnomos.

  37. Joannes

    Sério mesmo, o e-farças não desmentiu em a nada a matéria sobre o carro movido a água. Estão em cima do muro como ainda estou! Para com isso e-farças, se teu site não tem dinheiro pra ir lá e verificar de verdade se é legítimo ou não, por favor, não adianta fazer pequenas pesquisas no Google. E o melhor é aguardar o resultado!

  38. claudnei

    Bom,irmãos na verdade eu como sou militar ao assistir a reportagem a primeira idéia que me veio á mente foi o de protejam esse homem. Não podemos descartar a ideia dele ter conseguido inventar algo surpreendente.
    Algo que em todos os setores seja, automobilístico, naval, aviação e digo mais a ida do homem a explorar a galáxia, afinal se conseguimos adaptar para um motor convencional, podemos e conseguimos aumentar e adaptar em turbinas e rotores e propulsores.
    Independente se é farsa ou verdade, cade as revistas, jornais,, mídia,,,para realmente mostrar a verdade. Deus sabe o potencial de cada um, e que no momento certo sendo um ou outro possa ajudar a humanidade

  39. William Fagundes

    Olá a todos! Não sou engenheiro, físico mecatrônico, eletrônico, nuclear e etc. Quero dizer apenas que quando surge alguém que inventou ou descobriu algo genial, a maioria das pessoas que se julgam “normais” são as primeiras a criticarem ou a dizerem que é mentira e que o inventor é maluco e tudo o mais. já pararam pra pensar que os grandes cientistas antes das comprovações científicas foram entitulados como malucos? Realmente não devemos acreditar em tudo, porém, tem pessoas que tem simples idéias geniais as quais as pessoas “normais” não acreditam. É mais fácil criticar do que criar não é mesmo?
    Quando eu era estudante do ensino médio, participei de uma feira de ciências no colégio cujo o tema da minha turma era água, dai conversando com o professor de química que também era professor de física perguntei a ele se tinha como fazer a separação do Hidrogênio do Oxigênio da molécula da água, já que a NAZA usa como combustível pra foguetes e ele me disse que sim através de um processo chamado de ELETRÓLISE, daí perguntei se tinha como me explicar essa tal de eletrólise e ele me pediu que na próxima aula levaria um recipiente para água um pedaço de zinco e outro de cobre e que ele ia trazer um tubo de ensaio de vidro, quando começou a explicação, já fazendo o experimento não me lembro qual era o terminal zinco ou cobre surgiu um gás dentro do tubo de ensaio em poucos segundos dai o professor enfiou duas agulhas quentes dentro de uma seringa de plástico para provocar uma centelha dentro dela com um auxilio de um isqueiro maçarico, a parte do gatílho eletronico que produz centelha então ele com a seringa sugou o Hidrogênio, quando apertou o gatílho a seringa explodiu na nossa frente! então a partir daí não critico nenhuma invenção, pois pode ser verdade! então pessoal,um carro movido a água na minha opinião é perfeitamente possível sim! e pra criticar alguma invenção, pesquise muito mas muito mesmo pra dar uma opinião pra tal.

    • Gilmar Lopes
      Author

      A eletrólise é um processo conhecido para separar o hidrogênio da água. No entanto, ele precisa de energia para isso e a energia gerada nunca é maior do que a usada para gera-la.
      Como você citou a NASA (um bom exemplo, por sinal), o combustível utilizado em foguetes movidos a hidrogênio já vem pronto, portanto, a energia para gerar esse combustível já foi gasta em uma fábrica antes. O que abastece o foguete é só hidrogênio e, não, água.
      Se isso fosse possível (retirar o hidrogênio da água durante o percurso), a NASA usaria água nos foguetes ao invés de outros combustíveis.

      • Affonso

        Nossa que bando de inúteis comentando isso aqui.
        E a maioria começa dizendo assim: Eu não sou engenheiro e ba ba ba,
        Por não serem engenheiros não sabem da parte de geração, inclusive o assunto destacado na reportagem.
        Vão por mim, a opinião e os argumentos do Gilmar estão certos.
        E fosse simples assim usar hidrogênio porque não temos usinas para geração de energia? Ja pensaram, luz de graça???? hauhauhaua Isso foi só uma idéia gingante do que seria possível fazer. SÓ UMA.
        Vamos acorda pessoas.

      • Givago Basilio

        Gilmar, qual seria a carga mínima para ser fazer o processo? A energia, ele poderia retirar da própria bateria do carro, não acha? A bateria do carro tendo carga, já é uma fonte de energia! O que faz o carro andar é justamente a explosão (combustão) dentro do motor do carro. Se o cara tiver como fazer o hidrogênio chegar até lá para as velas do carro fazerem a combustão, acho possível sim o carro se locomover, não é? E a carga da bateria é feita através do alternador que, só funciona com o carro em movimento. Se o cara que inventou é uma farsa, eu não sei! Nem o conheço mas, se ele conseguiu separar as moléculas para obter o hidrogênio, e conseguiu levar o mesmo para o motor do carro onde ocorre a combustão, eu acho bem possível sim o carro se locomover. Agora fazer o processo com água pura, eu tenho lá minhas dúvidas! Acho que a reação poderia ser lenta, sei lá!? Deveria ter algo a mais!

  40. Eu estou entendendo o que o farsa esta explicando sobre a matéria faltou elementos técnico com maiores detalhes
    olha se a perca eu não sei eu fiz uma célula de hidrogênio com sete placas que me deu uma produção de 1.8 litros por minuto hho estou usando um pwm para não força a bateria ja estou usando no meu fiat e estou sentindo uma diferença de economia, mais só vou ter certeza de quanto porcento, quando eu for fazer uma viagem longa para ter certeza de economia
    não sou nem um genio sou e muito curioso e gosto de fazer minhas pesquisas se der certo beleza vou continuar se não fico quitinho e desisto kkkkkkkkkkkkkk
    um abraço a todos

  41. Michael

    O motor se move a hidrogênio não a água e o reatorzinho (o tal gerador de hidrogênio) que faz a hidrolise através de uma corrente elétrica impulsionada nele pela própria bateria do carro 12v ou 24v gera sim hidrogênio que pode alimentar o motor, mas motores a gasolina ou alcool ou gnv têm que ser tratados para que isso funcione bem mesmo assim não sobe morros ou atinge grandes velocidades mas realmente economiza gasolina em retas e na estrada algo em torno de 60% isso é comum nos Estados Unidos há um bom tempo já somente em motores com injeção eletrônica, o que mostra que se de maneira caseira atingimos isso, se a industria quisesse e não houvesse a máfia petrolifera já teriamos toda a frota movia a “agua” na verdade hidrogênio, existem ainda outros detalhes na agua não é qualquer uma a da torneira por exemplo não serve sem um tratamento. Espero ter ajudado a elucidar um pouco a respeito.

    • Gilmar Lopes
      Author

      Como você bem disse, o tal equipamento ajudaria (pelo menos, em teoria) a economizar gasolina! Agora, dizer que um carro faz 1000 quilometros com 1 litro de água, aí já é mentira, né?

  42. Thiago Kabroski

    Tudo bem Gilmar? Então, povo tá falando que funciona e outros dizendo que não. Minha dúvida é, funciona esse reator ou não? Há uma economia de combustível? E se eu colocar um alternador maior, funcionaria? Abraço!

  43. Romulo Villela

    Tem muito mais, por ai aqui no ES tem um motor movido a ar numa empresa de mecanica na Rodovia Carlos Lindemberg, o motor esta la e funcionando mas não sai do papel por algum motivo, é so averiguar….

  44. Claudio

    Embora o experimento do capixaba não funcione nem os 50 % hidrogénio, mas estamos ai p estudar e pesquisar o melhor separador de hidrogênio, Baterias duráveis e mais barata, placa solares leves , motores mais eficientes, mas só faço pesquisa p mim, ainda não e hora p publicar. não é a toa que os árabes abaixaram os preços do petróleo com medo dos carros inteligentes( solares, elétricos, hidrogênio…), mas aqui no Brasil o Governo aumenta os preços do combustível p cobrir a despesa com a corrupção e o custo do pre-sal, fique esperto

  45. O site E-farsas se revela tão incompleto quanto a matéria jornalística. Não há santo na história. Para afirmar que é uma farsa o site deveria no mínimo adquirir um kit e testar, ou seja, também não foi conclusivo, e nem aberto a outras possibilidades. Logo o site E-farsa também se revela uma farsa, que inclusive, poderia está a serviço de interesses outros… É minha opinião.

    • Gilmar Lopes
      Author

      Não vou gastar dinheiro a toa! O artigo trata de explicar se o invento do sujeito funciona ou não e ele não funciona! Até agora ninguém entrou em contato para provar que invento é real. Estamos no aguardo, mas como já imaginávamos, ninguém vai entrar em contato.
      Já estamos em maio e nada do inventor se pronunciar.

      • Felipe

        Acabei de ver mais uma reportagem agora no SBT, sobre esse mesmo suposto criador do carro movido a água destilada, será mais um jornal televisivo enganado ou a suposta invenção pode ser real ? desta vez ele afirmou que 3 grandes empresas automotivas já estão interessadas e que em breve elas irão estar produzindo em larga escala esta suposta invenção. Ele também afirmou que não irá se deixar abalar por ameaças de empresas petrolíferas. Ao pessoal do e-farsas se conseguirem achar essa reportagem que foi ao ar no jornal da madrugada no sbt eu agradeço muito, pois gostaria de revela e analisa-la melhor.

  46. Felipe

    Acabei de ver mais uma reportagem agora no SBT, sobre esse mesmo suposto criador do carro movido a água destilada, será mais um jornal televisivo enganado ou a suposta invenção pode ser real ? desta vez ele afirmou que 3 grandes empresas automotivas já estão interessadas e que em breve elas irão estar produzindo em larga escala esta suposta invenção. Ele também afirmou que não irá se deixar abalar por ameaças de empresas petrolíferas. Ao pessoal do e-farsas se conseguirem achar essa reportagem que foi ao ar no jornal da madrugada no sbt eu agradeço muito, pois gostaria de revela e analisa-la melhor.

  47. Francis Wagner

    Olá, primeiramente a intenção não é criticar ninguém. Poxa tanta energia gasta para falar de um cara com uma boa ideia, sendo dele ou não ou dando certo ou não. O fato é tanto esforço para fazer críticas. Bem se tantos pesquisaram e verificaram que não dá certo, falta o que para vc ajudar a fazer esse projeto dá certo? Tantas pessoas inteligentes que usam o conhecimento para criticar e não para ajudar. Se gasta todo esse esforço com alguém que vem com uma ideia de tentar ajudar o povo, pq não fazer algo contra a Dilma por exemplo? Esse governo que nos mata. Já que não pode ajudar o camarada nesse projeto, então bora pesquisar sobre Dilma e melhorar o governo para nosso povo.

  48. Gostaria de parabenizar a vocês pela matéria e ao inventor pois esse cara mesmo se estiver mentindo do jeito dele ele está tentando fazer a diferença,mesmo que ele não saiba o que faz inspira outros que saibam a fazer, muito só quero ressaltar que o impossível é possível que ainda não foi feito.

  49. Daniel do Vale

    Já falou sobre “a questão das teorias conspiratórias afirmando que todo mundo que inventa carro movido a água é morto pela máfia dos magnatas do petróleo”?

  50. Jeremias Da Graça

    Hola, Queria desirles algo sobre el invento que hisieron con el auto a agua.
    Que tengan cuidado con ese proyecto porque una ves hubo una persna que invento algo parecido y lo “eliminaron” me entenderan creo, Mi recomendacion es que compartan como hacerlo a todo el mundo pues esta seria un graaan cambio en el mundo haciendo que no alla tanta explotacion de petroleo, pero noce los problemas que abra con el agua porque que es lo que pasa cuando se la utiliza en el auto?? Volvera a hacer su siclo?? Esa agua desaparecera??. Bueno noce yo soy de uruguay y bueno espero que les balla muy bien con ese invento ;))
    (espero que usted sea alguno de los que hiso este invento)

  51. Marcos

    Se um cara realmente tá a fim de ajudar o planeta, deverá liberar a patente e mostrar como é feito. Isto vai acabar com a poluição do planeta pois servirá até para usinas elétricas que não necessitarão de cachoeiras para mover suas turbinas, sem geradores a diesel, carvão ou nuclear. Petróleo só vai servir pra fazer plástico e solvente.

  52. Alberto pereira

    Boa matéria, mas o e-fasas pecou por cometer a mesma atrocidade feita na matéria do jornal criticado, ao deixar de investigar empiricamente e a fundo o suposto veículo movido a hidrogênio e o suposto inventor de um invento já existente. É sabido que um veículo normal não tem capacidade para circular com hidrogênio extraído por eletrolise, mas com um alternador de 24v, e 120A, ou duplo; e bateria de 190A a Eletrolise é facilmente realizada sem comprometer o funcionamento do veículo… Quando checarem o veículo e publicarem o resultado a matéria terá certamente mais credibilidade.

  53. Iuri Santos

    Gilmar, antes de tudo, gostaria de dar-lhe os meus parabéns por sua paciência. Me surpreendeu bastante como muito dos seus críticos o criticaram pela falta de dados técnicos no seu estudo, quando os mesmos assumiram que não são peritos em física, química ou engenharia.
    Além disso, baseado nos comentários de alguns dos participantes do fórum, que mostraram uma considerável falta das mínimas noções de química e física básicas (incluindo as leis da Termodinâmica, que têm origem em 1650), fiquei e fico chocado como as pessoas gostam e defendem suas opiniões sem se dedicarem ao mínimo de estudo. Mas, também, esperar o que de um país em que um ex-presidente tem orgulho de não gostar de ler!
    Como sou engenheiro mecânico, formado a quase 20 anos, fiquei chocado com esse exemplo de mau jornalismo. Pelo amor de Deus, se a imprensa quisesse pelo menos mostrar o mínimo da verdade de que essa coisa de motor a água é uma farsa, bastaria levar qualquer professor de engenharia mecânica (máquinas térmicas) que em dois minutos ele desmascararia a fraude. Eu mesmo expliquei essa matéria para o pessoal do meu trabalho nesse mesmo espaço de tempo.
    Agora, eu acredito mesmo é que a culpa de tanta falta de noção das pessoas nesses assuntos das ciências é culpa mesmo do nosso atual sistema educacional. As escolas têm incentivado as pessoas criarem e defenderem opiniões sem antes entenderem a natureza das coisas. Na minha época (ditadura militar e nova república), nas escolas públicas ou particulares, depois de decorarmos a tabuada e as capitais do mundo, a gente aprendia que ciência somente era aquilo que se provava matematicamente. Nessa época, o aprendizado empírico era somente algo para abrir as portas para os estudos científicos, criava a curiosidade para buscarmos o entender de como e porque as coisas funcionavam. Hoje em dia, seguindo a preguiça do sistema pregado por Paulo Freire, o Brasil está gerando um exército de pessoas que defendem opiniões sem entenderem as razões (é puro aprendizado empírico) e que quando confrontadas com as leis da físicas e química, tentam gritar mais alto que a lógica e logo se escondem no manto das teorias conspiratórias e na crença de que os mais ricos querem sempre escravizar os mais pobres.
    Ciência não é fé, time de futebol ou afiliação política.

    • Alex Giuliano Martins

      Caramba.. Cadê o “curtir” e o “compartilhar”?
      Um comentário desse não poderia ficar tão escondido e desconsiderado.
      Parabéns Iuri. Um dos poucos comentários sensatos e racionais que vi aqui.

    • Moacir Sachett

      Boa noite. Sábias palavras Iuri, além de td o que o sr falou sobre nossa educação, sobre o suposto inventor, concordo sem medo de errar, É UMA FARSA. Comecei fazer meu primeiro reator de hidro a cinco meses, fiz perto de cem modelos. Testei com motor a diesel e a gasolina com injeção, não deu nada de economia. Vou começar meus testes com carburados, isso que meu reator gera o triplo da quantidade de gás do reator mostrado na reportagem.

  54. Ede

    Acho que não é verdade e se for o governo não iria permitir, talvez seja para os acionistas da petrobrás venderem suas ações pro governo e depois ela subir de preço com o fim do boato,Acredito mais nisso do que em um sujeito desses ter conseguido simplificar tanto um motor movido a hidrogênio.

    • Afinal de contas a Petrobras é a única empresa no mundo que faz exploração de petróleo e xisto. Esso, Shell, Chevron, BP, Texaco, Mobil, Exxon Valdez, Elf, Agip, PDVSA, Pemex sobrevivem fazendo ordenha de unicórnio.

      E petróleo só serve para fazer gasolina. Plástico, isopor, espuma, borracha sintética, Diesel, piche, asfalto, querosene vem da fermentação de cocô de leprechau.

  55. Glauco

    Vão dar uma grana a ele pra ficar calado e ameaçá-lo, lógico, e logo logo vão sair reportagens dizendo que isso foi um equívoco, etc e tal.

  56. Bernardo

    O povo acha que a energia do alternador do carro sai de graça, sem exigir energia do motor. Saibam que todo gerador elétrico gera uma contra força em sua bobina, ou seja se você quiser gerar mais energia do alternador do seu carro, ele vai ficar mais “pesado” para o motor, que por sua vez irá consumir mais combustível. Resumindo para os leigos, a energia usada no “aparelho” gerador de hidrogênio vem do alternador que estará “sugando” uma energia do motor, e pode ter certeza, a energia roubada do motor é maior que a devolvida a ele através do hidrogênio da eletrólise.

  57. luis

    -Perfeitamente possível motor a hidrogeneo, mas…:

    A bateria ou fonte de energia não é esse motor logo o sistema não é auto suficiente (esse é o problema)

    Em resumo há mais perdas que ganhos , e tendo em conta que um deposito é muuuuuito perigoso , o sistema não funciona

    Esta ideia é muito antiga , não é com engenhocas que se vai resolver

  58. Gustavo

    Investigação do e-farsas tão mal feita quanto à reportagem. Todos que estão aqui duvidam do processo de alguma forma. Não esclareceu nada e foi tão irresponsável qto a matéria da tv.

  59. Marcos

    Sim, ele afirma que seu carro agora faz 1000 quilômetros com apenas um litro água! VERDADE! Quando ele andar os 1000 km ele vai ter que completar o água do RADIADOR com mais um litro de água.

  60. Iderval

    Se todo o esforço para se produzir energia é igual ou maior que a energia gerada, os carros deixariam de existir.
    Porque a energia gerada pela alternador do veículo é superior a necessária para a utilização do veículo, fica energia armazenada na bateria e existe um componente no alternador q controla para q o alternador não produza ainda mais energia. Dizer que toda energia gerada consome o mesmo tanto de energia para ser produzido, o mesmo que dizer que, para um carro transportar trezentos quilos de carga, seria necessário o mesmo peso em combustível. Existe uma pequena bomba d água, q trabalha c uma pequena queda d água e consegue mandar água à vários metros de altura
    , isso é energia continua . Isso se chama tecnologia.
    A história do carro movido à água pode até ser uma farsa, mas quem acha que tudo que se conquista tem o mesmo custo para ser conquistado, esta atrasando o progresso.

    • Gilmar Lopes
      Author

      Apenas uma correção aí: A energia gerada pelo alternador do veículo é suficiente apenas para fazer funcionar a parte elétrica do automóvel (faróis, painel, setas etc)! Garanto que a energia gerada pelo alternador NUNCA conseguiria fazer um motor elétrico funcionar sem que a energia acabe rapidamente!
      A energia gerada nunca é maior do que a que foi necessária para gera-la. Imagine como se você tentasse levantar seu próprio corpo apenas puxando seus próprios cabelos!
      Se isso fosse possível, os carros não precisariam de gasolina.

  61. Ricardo

    Se fosse tão simples esse cara já tava na NASA kkk quanto a água no escapamento abasteça seu carro com etanol, e pelo que eu saiba tbm,
    o catalisador tbm gera água…

  62. Srs creio que o importante é saber que utilizando o sistema demonstrado, em conjunto com Gasolina ou Álcool, há uma melhora do consumo bem considerável, que pode adiar de 20 a 60 %, apesar da informação errada de utilização apenas do sistema, creio que realmente o interesse está aí, em diminuir o gasto nos postos de combustíveis e esqueçamos política, cartel e coisa e tal, o?

  63. Evandro

    alguém já calculou teórica ou experimentalmente a energia necessária para “quebrar” a água? essa energia pode ser obtida aumentando a bateria e o alternador? Quantos litros de H2 seriam gerados com X ampères? 1 litro de água deve gerar 1244 litros de gás, qual o poder de queima desse gás?

  64. Ronaldo

    E se for verdade???
    Acho que as grandes empresas petrolíferas é que estão preocupadas e tentam abafar o camarada.
    é o que é mais lógico, no mundo ganancioso em que vivemos.
    Duvido se já não ofereceram milhões pro camarada ficar calada.

  65. Fabrício Mathias

    Meu carro já rodou mais de 8mil km com 500m de água…
    Comprei uma garrafinha de água mineral, coloquei no porta-malas e me esqueci, já faz uns meses… pelas minhas contas, ainda tenho água pra uns 50mil km…

  66. Fabrício Mathias

    Meu carro andou mais de 8mil km com 500ml de água. Comprei uma garrafinha de água mineral, coloquei no porta-malas e esqueci. Pelas minhas contas, ainda tenho água pra uns 50mil km…

    • Gilmar Lopes
      Author

      São coisas diferentes!
      No artigo sobre a solda a água, podemos ver que o aparelho precisa ser ligado na tomada.
      No caso do motor movido a hidrogênio, ele realmente existe, mas como disse no artigo, o motor não gera hidrogênio. Ele apenas “queima” o hidrogênio que é abastecido no tanque. Ou seja, o hidrogênio é obtido fora do motor, em uma fábrica (igual ao álcool, que não é gerado pelo automóvel, mas é feito em uma fábrica de combustível).
      O mesmo ocorre com o carro da BMW. Se você ler o artigo do link que você mesmo enviou vai entender que o carro não transforma água em hidrogênio e que é preciso encher o tanque de hidrogênio para que ele possa andar.

  67. Roberto

    Com um kg de hidrogênio teríamos 11 mega calorias (um litro de água não gera isso). 11Mcal x 4,18 J / cal daria 50 MJ aproximadamente. Esta energia jamais rodaria 1000 km em motor de combustão interna. Só isso é suficiente para minhas desconfianças.

  68. ola eu tenho me interessado pelo assunto e tenho umas duvidas também quanto a tudo 1 tem essa questão da mistura de soda caustica,2 água saindo do escapamento pela queima do hidrogênio,isso n e bom pq quando sai água pelo escapamento tem que ser refeito o motor,a não ser que a água seja proveniente da queima da gasolina q n e pra acontecer e se realmente funciona como muitas coisas que se vende no brasil n funciona,e essa tecnologia realmente e atestada pelo órgão competente,3 e quais sao as garantias d que n teremos prejuízo no motor
    tipo tem que existir uma empresa que ateste que funciona e que se algo der errado iremos recorrer (a),eles prometem mais n se responsabilizam por nada n falei da reportagem mais sim dos fabricantes sei n viu se existir uma empresa seria no ramo me digam q eu irei tentar comprar um kit desses mais oq vejo e uma tentativa de promoçao de determinadas empresas.

  69. marcio

    pra mim esse pessoal que é do contra todos tem algum vinculo com o governo,pois falam um monte de balela mas não provam que o produto do rapas não funciona.Não é o cara que tem que provar nada pra ninguém ele simplesmente apresentou a ideia dele vocês que questionam é que tem que provar que é fraude e na pratica não enchendo a cabeça das pessoas com essas formulas que no Brasil a maioria dos brasileiros mal consegue terminar o ensino fundamental.Portanto até que provem o contrario vou comprar um kit desses para por em meu carro.provem que não funciona.Mas na pratica.Entenderam?

    • Concordo em gênero, número e grau contigo meu caro gênio plenamente alfabetizado e que sabe usar pontuação. Esse pessoal que usa de princípios científicos para explicar que essa maravilhosa maravilha tecnológica não funciona e nunca funcionará são um bando de chatos. E certamente esse bando de chatos que usam de princípios científicos para explicar que essa maravilhosa maravilha tecnológica não funciona e nunca funcionará estão mancomunados com o governo e com a Petrobras. Pois todos sabemos que a Petrobras é a única empresa no mundo que explora petróleo. Shell, Esso, Exxon, Chevron, OGX, Agip, BP, Elf, PDVSA e Pemex sobrevivem da ordenha de unicórnios. E também sabemos que petróleo só serve para fazer gasolina. Piche, asfalto, querosene, diesel, plástico, isopor, borracha sintética são feitos com fermentação de cocô de duende.

      Além de que, esses chatos são um bando de elitistas reacionários que vem com essas fórmulas matemáticas complicadíssimas e princípios científicos extremamente difíceis de compreender (saber que a água pura não conduz eletricidade, que a primeira lei da termodinâmica diz que energia não vem do nada e que a segunda lei da termodinâmica diz que nenhum processo é 100% eficiente e trabalha em ciclos e por isso jamais existirão motos perpétuos são conceitos complicadíssimos que sempre dão um nó na minha cabeça). Eles fazem isso para arrotar elitismo, pois sabem muito bem que a maioria da população brasileira (e isso inclui a maioria dos comentaristas de blogs) são um bando de bonobos iletrados, como V.Sa. tão sabiamente nos lembrou.

      E ele realmente não tem que provar nada mesmo. Não tem que provar que essa maravilhosa maravilha da tecnologia funciona. Quando Alan Turing, em 1936, escreveu um artigo concebendo o funcionamento de uma máquina computacional teórica, ele não teve que provar para ninguém que ela funcionava. E no entanto, todo mundo a aceita. Por que o pessoal se recusa a aceitar essa maravilhosa maravilha tecnológica criada por um inventor do Brasil-sil-sil? Só pode ser implicância com as coisas nacionais.

      Aliás, o fato de um inventor brasileiro ter criado maravilha maravilhosa da tecnologia mostra que a educação no Brasil é de primeiríssima. Cadê os inventores japoneses, coreanos, alemães, canadenses, americanos, franceses ou de outros países de primeiro mundo que não inventaram até hoje tal maravilha maravilhosa? Isso mostra que a nossa educação é muito melhor que a desses países. Chupa essa seus vira-latas.

      Mas isso tudo é ciência. E como o André sempre muito bem diz, brasileiros odeiam ciência. Aliás, odeiam qualquer coisa que ensine algo e lhes façam aprender e pensar. A ralé gosta, quer e faz questão de permanecer como um bando de bonobos iletrados.

      E você faz muito bem em comprar essa maravilhosa maravilha tecnológica para colocar em vosso carro. Pode comprar. Dou o maior apoio a ti quando fores fazer a compra desse maravilhosa maravilha tecnológica revolucionária vendida por uma empresa que se encontra falida. Afinal o dinheiro é seu mesmo.

      E tudo isso que eu disse e que você disse a Rede Globo não mostra. Nós só soubemos dessa maravilhosa maravilha da tecnologia graças ao SBT, um canal de televisão que sempre primou pela excelência de seu jornalismo e de sua programação.

      Abaixo a imprensa golpista comprada pelo governo e pela Petrobras!!

  70. andre

    Pelo que vi, tem dois tipos de comentaristas aqui defendendo essa porcaria de invento: Os orgulhosos que nem sabem escrever tampouco interpretar textos e os piores, aqueles que SABEM que troço não funciona, mas mentem por algum outro interesse. Daqui a pouco, jesus, ET e o curintcha entra nessa história.

  71. luiz

    meu carro já é movido a água a tempos só não divulgo o meu projeto por que tenho família só vou abrir suas mentes ignorantes e teóricas para como o motor de todos os que funcionam as escondidas e que deixaram de funcionar por que tomaram um chá de sumisso ou foram abduzidos por forças governamentais seilá eu tambem pouco me importo com ninguém ou alguém que quer acreditar em qualquer coisa ou teoria e pagar para Petrobras ou componias de força e energia fortunas em combustível ou energia. vivo minha vida ao estilo FF free e fodass.
    preste bem atenção só vou falar uma vez e não me procure que não vai achar não pergunte pois não vou responder
    não me xingue pois não voltarei aqui provavelmente.

    o sistema funciona mais precisa de algumas alterações eletrônicas no veicula para se tornar 100% movido a água
    e perde de mais a força e o segredo principal do sistema é que ainda usa gasolina ou álcool para dar partida e em alguns momentos dar em-pulsos no motor para manter do desempenho tipo assim tanque cheio dura um ano ou mais outro segredos são um multiplicador de voltagem na saída do alternador para para que a bateria retifique 12V com uma amperagem firme e constante para que a produção de hidrogênio seja instantânea e precisa. por que? para que a aceleração seja controlada através de variação elétrica mais energia mais produção menos energia nenos produção evitando aquecimentos agressivos e sendo assim preservando a integridade do gerador de hidrogênio.

    Entenderam?

    quem sou eu alguém que anda por ai de V6 com 3 geradores H implantados a algumas desadas.

    nunca deixem de sonhar fui paz

  72. Marcelo

    Gilmar…
    Não força!

    Seu site é mesmo E-FARSA.

    Se quer provar alguma coisa vai em loco, se não pode fazer isso, vai pra… ah! deixa pra lá né.

    E-FALÁCIA este seu site porqueira.

    • Gilmar Lopes
      Author

      Falácia por que?
      Quem faz a afirmação é quem tem que provar. Isso se chama Inversão do ônus da prova e, isso sim, é uma falácia!

      O inventor não provou nada. Apenas mostrou um carro andando, com o tanque de gasolina pela metade e uma caixinha que ele jura que faz funcionar o motor do carro.

      Quero ver funcionar com o tanque de gasolina vazio.

      • Otavio

        O infeliz ele não falou que o tanque esta vazio ou não consome um percentual de gasolina, você que esta ai querendo ibope desmentindo o cara. Porque você não compra um kit e testa, imagina assim se 1 economiza 40% em média, 3 é possível substituir a gasolina completamente.

        • Gilmar Lopes
          Author

          Ele disse claramente que faz 1000 quilômetros com um litro de água!
          Se você acredita tanto assim no cara, compra você e testa. Eu é que não vou gastar meu dinheiro com essas besteiras (até porque ele disse que começaria a vender o equipamento em julho de 2015 e até agora nada).
          Tem onde comprar o kit?

  73. q43r

    Mineral converte H2O em hidrogênio para o motor. Veja como

    1. A água vai do tanque para um reservatório cheio de boro em pó. Esse elemento tem a capacidade natural de “sugar” o oxigênio da água, deixando a molécula de H2O sem o O.
    2. O hidrogênio puro (H2) vai para o motor, onde pode ser queimado como se fosse gasolina ou virar fonte de energia elétrica – depende do tipo de propulsor a hidrogênio que o carro tiver.
    3. Dentro do motor, o hidrogênio se combina com o oxigênio do ar – é assim que ele produz energia. E pronto: temos H2O de novo. Então a única coisa que sai do escapamento é vapor d’água.
    4. Mas o boro não faz seu trabalho de graça. Conforme vai tragando oxigênio da água, ele se transforma em outra coisa: o inútil óxido de boro. Na produção de hidrogênio, cada 45 litros de água consome 18 quilos do minério.
    5. Para manter seu carro a água andando, então, você precisaria trocar o óxido por uma carga de boro zerado de tempos em tempos. O bom é que dá para obter isso a partir do óxido mesmo. É só reciclar a sobra numa usina (veja abaixo).
    Reciclando e andando
    Um simples processo químico é suficiente para quebrar o óxido (feito de átomos de boro e oxigênio grudados). O oxigênio liberado vai para o ar. E o boro volta para o carro. As usinas precisariam de energia para fazer essa reciclagem – mas não de petróleo. Fontes limpas, como hidrelétricas ou painéis solares, dariam conta do recado.

  74. ROBERTO

    Sr Gilmar Lopes voce e uma pessoa muito enteressante, gosta de dar lucro para Petrobras continue assim pois eu economizo o ano todo pois coloquei um aparelho em meu carro e funciona, agora aconselho voce, que fica tentando convencer as pessoas de que não funciona, coloque um em seu carro e faça o teste e pare de ser tão indelicado.

    • Gilmar Lopes
      Author

      Acredito que você não esteja falando de um carro movido a água, né? Você está falando daquele aparelhinho que uso “hidrogênio” pra ajudar no combustível do carro?
      Se for isso, O dinheiro que ganho das empresas petrolíferas não me permitem gastar dinheiro com essas besteiras. Isso é um gasto que não compensa financeiramente.

  75. Pingback: O mito do carro movido a água | Rafael Almeida

  76. André

    Com todas as discussões em torno do assunto da veracidade do processo eu tenho uma certeza, que convenhamos, muitos terão a mesma. Nenhum governo investirá em um tipo de produção de energia barata, limpa e fácil de se produzir.
    O fato é simples, como disse Arnaldo Jabor, “a miséria dá lucro”.
    Então se tivéssemos um sistema ou incentivo ou estudo para gerar energia barata os picaretas que governam os países pensariam bem diferente e todo o comércio e indústria internacional, assim também como a cultura e religião teriam outra mentalidade.
    Se existir e der certo é uma excelente ideia para se promover economia, se não der certo o ideal é nos incertivarmos a pesquisar e desenvolver um item desses para a sociedade.

  77. José Caetano

    A maior prova da existência de Deus é a impossibilidade de provar que Ele não existe. Assim e dessa maneira, não me cabe duvidar da possiblidade ou não da existência e eficácia de tal invento. Até aqui, temos a palavra do inventor, suas demonstrações “in locu”, testemunhadas por um grupo de jóvens engenheiros. Por outro lado, temos reportagens contestando e buscando desacreditar o seu inventor. Quanto à reportagem, não sabemos se se trata de uma reportagem séria, feita por pessoas desapegadas de qualquer outro interesse que não seja o de alertar as pessoas sobre uma possível freude ou, talvez, alguém manipulado pelo poder econômico, que não quer ver uma invenção desse tipo prosperar.

  78. wilson floriano

    pois acho que o rapaz foi equivocado quando diz fazer 1000km com um litro de agua, pois o hidrogenio é usado como um aditivo dando economia de 20 a 50% conforme a quantidade de litro instalado junto com o combustivel, e este sistema realmente funciona, eu sou eletronico industria e estou instalando em um gerador de energia a diesel de 750kw, tendo uma economia de combustivel de 30% e espero a chegar a 50% ate final do ano. mas não divulgo nada e nem vou divulgar. so estou esclarecendo que o hho funciona.

  79. Diones de melo

    eu confeço que fiquei curioso e ja fiz alguns testes, e no meu ponto de vista funcionou
    eu fiz o meu proprio gerador meio tabajara pra teste, mas eu tive um bom resultado com economia de mas os menos uns 60 km com um litro de gasolina.
    agora eu estou fazendo outro projeto mais complleto
    mas assim como eu penei e gastei pra fazer o meu acho que os amigos curioso que duvidan do projeto
    ou nao precisa dele porque o pai abastece o carro e ou o mesmo esta rasgando dinheiro ae fica facil criticar
    quero ve e ter ideia de fazer pra ve se funciona ou nao
    o meu funcionou e estou fazendo alguns reparos
    mas nem por isso somos obrigado a provar nosso esforço seria em vao depois todo mundo ia usa a ideia e depois fala
    .olha e o troxa inventou e eu peguei de graça a ideia kkkkkk
    e so o que eu penso…

  80. O History Channel disponibilizou a série “Power” (todos aqui deveriam assistir, inclusive vc, Gilmar) que conta desde Tesla e Edison até o caso destes “motores com água” como grandes conglomerados empresariais tentam destruir pequenos inventores. Nesse ponto, os teóricos da conspiração parecem estar certos em alguns casos.

    Mas isso não justifica a criação de um motor de “mexânico” como o da matéria!

    Agora, uma coisa ninguém se perguntou: se não é a 1ª matéria sobre carros à água e até agora nenhuma delas é verídica e o sistema não se tornou comercial, porque ainda fazem matérias desse tipo?

    Simples: porque dá ibope! E porque dá ibope?

    Há um grande anseio da população nos últimos tempos sobre formas de combustível que não venham do petróleo, desde Rudolph Diesel (o 1º combustível dele ERA BIODIESEL até o mesmo ser morto, não há novidade nenhuma nessa invenção). Não só porque o que vem do petróleo é caro, mas também porque é poluente e um dia não vai sobrar petróleo nem pra fazer plástico!

    O álcool brasileiro foi uma alternativa praticamente única no mundo até os últimos 15 anos.

    E mesmo assim, o trabalhador comum se vê gastando até 25% do seu salário apenas com combustível, qualquer que seja a origem. Lembro que, em 2007, o álcool custava 1,00 o litro contra 2,30 da gasolina. Para um Celta como o meu, que fazia 7 km/l com álcool e 10km/l com gasolina, temos:

    G: 2,30/10 = R$ 0,23/km
    A: 1,00/7 = R$ 0,14/km

    As distribuidoras de combustíveis e a máfia dos postos perceberam isso e foram subindo aos poucos o preço do álcool (mesmo sendo flutuante de acordo com a colheita) e hoje temos álcool a 1,90 e gasolina a 2,90, logo:

    G: 2,90/10 = R$ 0,29/km
    A: 1,90/7 = R$ 0,27/km

    Caraleo, as únicas diferenças agora são de potência e poluição, pq em valor gasto ó… E A GENTE AINDA TEM QUE AGRADECER POR PODER USAR CARRO FLEX (que foi criado pra resolver o problema dos postos que adicionavam álcool demais à gasolina, o chamado “batismo”, que acabava com os motores)

    Aí o calango que ganha 1500,00/mês e chega a gastar até 500,00 com combustível fica puto porque se vê sem saída e quando vê uma matéria charlatã dessas (pq o jornal foi pago pelo golpista pra que fosse feita a matéria) acaba indo atrás pra comprar…

    Tudo nego que ou faltava nas aulas de física e química ou teve professor chato/ruim que não ensinou nada!

    Mas pra quem já passa dos 5 dígitos no pró-labore, gastar R$ 500,00/mês com combustível não é lá um problemão né… assim como aceitam gastar R$ 110.000,00 numa Captiva que faz 5 km/l na gasolina ou compram um Golzinho feito aqui por R$ 33.000,00 sendo que no México o mesmo é vendido pelo equivalente a R$ 18.000,00 na moeda local.

    Na boa, pobres ou ricos, vocês merecem ser feitos de trouxas pelas pseudociências e manipulados pelas máfias!

    “Todo aquele que engana terá sempre a quem enganar” (Nicolau Maquiavel)

    Ainda bem que existem sites como o E-Farsas, o que não significa que eu aceite cegamente tudo o que é publicado nele!

    Abraços e acessem meu site! http://www.omanjjamanja.com

  81. E quanto aos que falam que fizerm motores a hidrogênio caseiros a ponto de rodar com eles: postem vídeos, demonstrem, e não fiquem só no blablabla. Do contrário, pensaremos que são apenas 2 ou 3 membros de uma empresa de fachada deste ramo de pilantragem enviando comentários com nomes aleatórios e e-mails tirados daqueles CD’s de dados da Santa Ifigênia!
    Falow!

  82. Panda

    Não existe milagre e nem almoço grátis.
    Energia não se cria, se transforma.
    Queiram ou não, é IMPOSSÍVEL criar energia do nada.
    A energia gasta para fazer a eletrólise é muito maior do que a energia devolvida na queima do Hidrogênio.
    Infelizmente, nós humanos, temos que conviver com a limitação do mundo físico.
    Suas leis são implacáveis…

  83. Gutemberg

    Mais, não podemos transformar a energia de movimento de um carro para ganhar a energia necessária para fazer essa conversão?
    Também podemos fazer um sistema multi-energético para carregar as baterias de um automóvel necessárias para fazer essa conversão e então apenas usar água no final das contas.

  84. kleber silva

    hidrogênio

    Hoje, praticamente a totalidade do hidrogênio é produzido a partir do gás natural, um combustível fóssil como o petróleo, o que anula seus benefícios ambientais, além de sair caro demais.

    Os pesquisadores das universidades Penn State e Virginia, nos Estados Unidos, descobriram como produzir hidrogênio mergulhando aglomerados de átomos de alumínio em água. Os aglomerados quebram as moléculas de água, produzindo hidrogênio e oxigênio.

    A quebra da molécula de água também pode ser feita por meio de eletrólise, mas o processo consome mais energia do que produz.

    Aglomerados de alumínio

    Os pesquisadores descobriram que, além das propriedades eletrônicas dos aglomerados de alumínio, o seu formato é essencial na reação com a água.

    “Nossas pesquisas anteriores sugeriam que eram as propriedades eletrônicas que governavam tudo sobre esses aglomerados de alumínio, mas este novo estudo mostrou que é o arranjo dos átomos no interior dos aglomerados que faz com que eles quebrem as moléculas de água,” explica o professor A. Welford Castleman Jr.

    Reação espontânea

    A molécula de água liga-se entre dois pontos do aglomerado de alumínio, com um dos pontos funcionando como um ácido de Lewis – um centro positivamente carregado que aceita um elétron – e o outro ponto funcionando como uma base de Lewis – um centro negativamente carregado pronto para ceder um elétron.

    O alumínio ácido de Lewis liga-se ao oxigênio da molécula de água e o alumínio base de Lewis dissocia o átomo de hidrogênio. Se o processo ocorrer uma segunda vez, envolvendo dois outros átomos de alumínio, restarão dois átomos de hidrogênio, que se ligarão para formar uma molécula de hidrogênio na forma de gás (H2).

    Produção de hidrogênio sem gasto de energia

    O hidrogênio é produzido a temperatura ambiente. “A capacidade para produzir hidrogênio a temperatura ambiente é importante porque significa que nós não usamos nenhum tipo de calor ou energia para disparar a reação,” afirmam os pesquisadores.

    A descoberta é importante não apenas para a produção de hidrogênio, mas também por abrir caminho para uma nova abordagem na produção de catalisadores, que poderão ser desenvolvidos para quebrar outras moléculas.

    Reciclagem dos aglomerados de alumínio

    Agora os pesquisadores querem descobrir como reciclar os aglomerados de alumínio para que eles possam ser reutilizados continuamente, abrindo a possibilidade de uso prático da nova tecnologia.

    A reciclagem consistirá em uma forma para retirar o grupo hidroxila (OH-) que fica ligado aos aglomerados de alumínio depois que a molécula de hidrogênio é liberada.

    Bibliografia:

  85. Reinaldo

    Tem uma maneira muito simples de resolver esse debate. Algumas pessoas que adaptaram seus carros com a tecnologia, poderiam se pronunciar aqui?

  86. Alfasilas

    É possivel sim um motor movido a agua, (não darei os detalhes porque não foi ainda patenteado.(se o e-farsas quiser me pagar o processo de patente dou exclusividade na primeira entrevista e funcionamento do prototipo. (não é motoperpetuo).
    No caso da materia sai sim agua pelo escapamento de um carro movido a hidrogenio, a agua se junta novamente ao oxigenio do ar e forma H²O.

  87. ANONIMO

    BURROS DO E-FARSA….. COMO A AGUA QUE SAI DO ESCAPAMENTO PODERIA SER REUTILIZADA INFINITAMENTE COMO VCS MESMO INDAGARAM NA QUESTAO QUE PROPUSERAM……. UMA VEZ QUE A AGUA SOFRERIA A QUEBRA DE MOLECULAS 2/3 SERIAM QUEIMADAS E ELIMINADAS NA FORMA DE FUMACA…. BURROS BURROS BURROS BURROS…. NO DESESPERO DE FERRAREM O CARA NAO VIGIARAM O QUE VCS MESMOS DIGITARAM

    • Gilmar Lopes
      Author

      O triste mesmo disso tudo é você entrar na casa dos outros (sim, o E-farsas é a nossa casa) ofendendo todo mundo e, ainda por cima, de forma anônima! Não me venha falar que quando se queima água o resultado é “uma fumaça”!
      Ao invés de ficar bravo com o E-farsas, tenta ver com quem está tentando ganhar dinheiro com esse aparelho que não funciona. Eu não estou tirando dinheiro de ninguém aqui no E-farsas, diferente de muitos charlatões por aí.
      Se quer brigar por uma causa, tente achar o tal inventor e invista uma grana no “projeto” dele. Esperemos que você fique rico rapidamente para parar de ficar perdendo tempo com sites de “burros” como o E-farsas.

  88. Eliel

    Parabenizo o site pela propositura da postagem, mas quero fazer algumas considerações.
    Por questão de lógica, como os senhores se propõem a expor as “farsas” apresentadas mídia à fora, seria sensato que vós outros também não entrassem no mesmo bomde que criticam (desculpe-me a sinceridade). Digo isso por que seus argumentos são válidos, plausíveis e até foram defendidos por pessoas que mostraram grande conhecimento técnico científico. Mas, vamos e convenhamos, o centro da questão é saber se de fato o sistema apresentado pelo “leigo” funciona ou não.
    Sendo assim, até por questão de justiça (e por um pouco de respeito ao seu público alvo também), os senhores deveriam tem ido direto ao ponto. Apresentar links e outras teorias, a meu ver, não convenceu de todo. Quando li a matéria até pensei: rapaz, eles têm argumento! E de fato têm, mas cade a prova dos nove?
    A história está repleta de fatos onde os “doutores” estavam errrados irmão.
    Como vosso cliente, eu queria ver o teste feito pelos senhores com o equipamento do capixaba, no local o de é produzido, acompanhando de um engenheiro mecânico, um físico e com tudo devidamente catalogado. Aí sim irmão, tapariamos (ou não) a boca de qualquer.
    Espero que entendam meu posicionamento. Entendo que vocês queriam mostrar que a matéria veiculado pela TV foi inconsistente, mas os senhores embarcaram na mesma situação. Mais uma vez, desculpe-me a franqueza.

    • Gilmar Lopes
      Author

      Entendo a sua frustração, mas lembre-se que o ônus da prova é de quem afirma. Eu não consigo provar que algo não existe ou que algo não funciona.
      Vamos supor que eu faça um motor semelhante a esse proposto. Se eu não conseguir fazer funcionar, quem inventou essa história poderá dizer que não montei o motor corretamente apenas para faze-lo falhar de porpósito.
      Acredito que quem afirma que o motor funciona é quem tem que mostrar ele funcionando. No entanto, seria preciso fazer o tal motor funcionar sem o tanque de gasolina.

  89. Este inventor poderia utilizar o mesmo princípio e criar geradores de energia elétrica. Deixaria de pagar a conta de luz e ainda venderia energia à concessionária. Com um único gerador poderia gerar 30Kwh. Num dia, geraria 720Kwh, num mês, 21600Kwh. Se vendesse a R$0.10 o Kwh, teria uma receita de R2160,00 ao mês. Poderia vender seus geradores, haveria fila de espera. Por que ele não faz isso? Acho que não preciso responder.

  90. Arlindo

    Concordo com os comentarios acima, seria um milagre ! seriam resolvidos todos os problemas da humanidade, poluição energia.
    A energia necessária para quebrar as moléculas de água HHO não pode ser inferior a gerada na combustão do hidrogênio com oxigenio H2O que novamente voltaria a ser agua,
    A Lei da Fisica com relação a energia diz tudo se transforma nada se cria. Até hoje ninguem conseguiu provar o contrario.

  91. BENEDITO DIAS DE OLIVEIRA

    No Brasil, infelizmente, pode inventar até uma engenharia que permita que uma casa seja construída no ar, sem base fixada no solo, rompendo definitivamente com a lei da gravidade, que não vai pra frente ninguém acredita. O interesse dos grupos controladores do petróleo no mundo, jamais vai aceitar um carro movido a água. Imagine esses carros todos do Brasil movido a água? Como fica a Petrobrás? Esse País é um problema.

  92. Flavio

    Realmente as multinacionais petroliferas estão investindo pesado em tentar esconder uma tecnologia que ja existe ha decadas tenho um gerador de hidrogenio em minha moto e não gasto nada com combustivel fóssil. quero saber quanto você esta ganhando para desmentir que motores não funcionam com hidrogênio; quanto tu ganha nos fala!

    não sei se tu sabe mas o inventor americano do motor a água após recusar uma quantia de $1000.000.000,00 de dolares na epoca por volta dos anos 70 oferecido por umas empresas de petróleo pela patente do motor foi encontrado em casa assassinado com vários tiros .

    francamente vc é por acaso algum engenheiro pra poder falar a respeito.

  93. Paulo Verdade

    Eu não sei aonde que essa pessoa tava com a cabeça na hora de construir esse site, o e-farsas é um lixo, só tem conteudo pobre, e fala só abobrinha sem sabar!

  94. Paulo Verdade

    O homem é tão inteligente que afirma saber quantas partículas tem no Universo, foi pra lua, vai pra marte, faz mentira virar verdade, chega no céu e visita o inferno, faz celular que é só toca na tela, tecnologia de décadas atrás, e ainda tem gente que desacredita, pode até não ser tão fácil pra um leigo, mas não é lá essas coisas, se 99,9% dessa água não se perder, e retornar ao processo, digo que ele roda muito mais que 1000km/h.

  95. Charles

    O segredo do carro a água são os catalizadores que fazem a eletrólise barata.
    O inventor foi apagado porque essa tecnologia inverteria o jogo de poder no mundo inteiro. A elite ficaria pobre e os pobres ficariam ricos. Uma imensa era de ouro para a humanidade.
    Não só carros, mas motores, usinas, indústria, tudo…
    Cada casa independente de distribuição de energia elétrica, gás e gasolina.
    Produtos fabricados e distribuídos de forma muito mais barata…
    Vitória total dos humanos contra a corja que aí esta instalada e querem a destruição de tudo.
    Pense bem nesse assunto antes de falar besteira e-farsas. O negócio de vocês é tornar tudo uma grande farsa. Assim vocês cumprem a sua missão de servir à praga parasita que vêm sugando nossos recursos e destruindo as nossas pátrias.

  96. Leo

    Galera, me perdoem já conheço essa pesquisa a tempos eposso afirmar que funciona sim, tanto que os EUA usam seus carros movidos a HHO através da eletrólise, tem um vídeo de um GRINGO explicando processo em sua moto e este é viável e verídico!, porém fazer tal mudança pode acarretar em problemas mecânicos futuramente no seu carro! Abc

  97. Jeferson

    Este capixaba é fraco! Quero ver é inventar um carro movido a mijo! kk
    Aí só seria necessário abastecer o condutor! 😛
    Ótima reportagem
    Mais legal ainda é ler o comentários! Morro de ri!

    • Gilmar Lopes
      Author

      Infelizmente, essa matéria é de 2006 e de lá pra cá não houve mais nenhum avanço nas pesquisas. Seria uma boa ideia (tirando o fato de que o carro teria que andar com uma caçamba para carregar o boro… Fora isso (e o preço do boro), talvez funcionaria!

  98. Pois é. Já vieram dar a solução simples: usar a energia do alternador. Então parece que o alternador é uma espécie de fonte mágica de onde brota energia, que não precisa do movimento do carro, que, por sua vez, não precisa ser acionado pela gasolina…

    Sério. Basta abrir um livro de Física, UM só, olhar para a Segunda Lei da Termodinâmica, e fim.

    Mas antes: a segunda reportagem diz que ele recebeu 1,5 milhão de emails em oito dias, desde a primeira reportagem. Eu me pergunto como o SBT conseguiu ter projeção em tantos países, perante tantos pesquisadores pelo mundo… Fico imaginando o cientista em seu laboratório. Um aluno irrompe portas adentro: “Professor! Acabou de dar na televisão! Um brasileiro criou o carro movido a água!” E o pesquisador: “Rápido! Precisamos procurá-lo agora! Vamos oferecer-lhe uma proposta!” E assim foram convencidos todos os cientistas sérios do mundo!

    Isso me lembra muito O Incrível Monstro Trapalhão, onde o personagem do Renato Aragão descobria uma fórmula que, com extrato de mamoeiro, multiplicava a autonomia e a velocidade do veículo. No meio do filme, inúmeros grupos econômicos árabes, americanos, alemães, vinham oferecer milhões de dólares, mas o patriota Didi não vendia a fórmula, eles sequestravam a namorada dele para chantageá-lo… Recomendo, é divertido.

  99. Claudio

    Fico pensando!
    Tantas colaborações interessantes que poderiam ajudar, se perde devido não haver um programa especifico, vivemos em um País onde temos riquezas abundantes e uma delas é o poder de invenção do povo brasileiro.
    Ouvir dizer que existe tambem um trabalho escondido onde se estuda o uso da energia da repulsa do imã, ou seja a energia dos polos inversos, como? Não sei! Mas que existe um energia agindo existe. Quem se habilita a escrever algo sobre.
    Paz e bem a todos!

  100. Elias

    Com medo dessa conspiração que eu hoje tenho minha casa toda independente. Ainda nao consegui comprar um carro eletrico.. Mas quando eu conseguir eu vou andar se carro sem gastara nada com combustivel. Tbm abasteço a casa de minha que inocentemente pensa que sua casa inteira com 2 freezers e ar condicionado é sutentada por uma simples hélice no telhado de sua casa.. Q eu instalei de H pra ludibriar os vizinhos.

  101. LLeal

    Soube que tem caminhões já rodando com o hidro retirado por hidrolise complementando em conjunto, só que não é o mesmo inventor!
    Ele só propõe grade redução do combustível usado!
    Conheci um Advogado que possui um carro rodando, mais não recomenda, motivos de manutenção.

    Acredito que se deve pesquisar os muitos que já estão em pleno uso, só que nenhum possui
    Laudo do Inmetro!
    LLeal

  102. Cypher

    O E-farsas é uma farsa kkkk q bosta, como a própria mensagem diz, não acredite em tudo o que vê na TV e na Internet, principalmente neste site.

  103. Vejo todos falando as mesmas coisas, independente de tudo isso, a mídia, todas, são manipuladoras.
    Ninguém tem uma opinião própria.
    Sou engenheiro civil, e digo, que por meios naturais é possível a criação de energia, um exemplo seriam as árvores e algas marinhas que pegam o CO2 com o processo todo transforma em oxigênio. Um gás feito de maneira natural.

    Não acho que o projeto seja uma farsa,
    acho que existem países no mundo que se o petróleo deixar de ser produzido nas escalas atuais eles seriam piores que o continente Africano.
    Imaginem o mundo da Petrobrás, os nossos amigos não teriam mais como roubar.

    O que deve ser feito é uma pesquisa e que seja feito um aperfeiçoamento desta técnica de separar o Nitrogênio.

    Os idiotas intelectuais fumadores de maconha, deixem de pesquisar se a empresa existe ou não. A melhor coisa é testar todas essas máquinas e façam o teste mesmo, peguem o carrinho da empresa e testem!
    Só acho que ninguém ainda não inventou o carro movido a água, porque os bilionários, os da “Forbes”, controlam até o que a gente come.

    O problema desta geração é que todos vivem dentro de uma caixa e com uma mente fechada, paras as novas ideias. Tanto que o último grande gênio foi o Einstein,

    • Edmundo Claudio Ribeiro Villa Real

      Ainda nao acredite em tudo que dizem aqui. Na historia nao é a primeira vez que a industria do combustivel fossil abafa fatos verdadeiros por interesses privados. Tem um documentario extraordinario no COSMOS 7o episodio 1a temporada sobre a GM e o chumbo na gasolina, graças ao esforços de um cientista Clair Patterson contra a GM senao teriamos milhoes de pessoas doentes hoje. A GM fazia enormes campanhas publicitarias defendendo o chumbo. Minha dica , se aparecer um projeto funcional genuinamente ecologico apresente a CARBONTAX.ORG (veja o documentario de 2016 “Seremos historia?”). É uma maneira de divulgar amplamente com apoio de quem nao vai deixar isso ser abafado e ja tem credenciamento da ONU.

  104. Leigo Curioso

    Parece que esqueceram que se fabricou bombas destruidoras com hidrogênio. Altamente explosivo e porisso muito perigoso para se ter no carro uma bomba H., pois antes teríamos que retirar o hidrogênio da água para usá-lo no motor.

    • Gilmar Lopes
      Author

      E como conseguir energia suficiente para retirar o hidrogênio da água? Esse processo tem que ser feito em uma “refinaria”, e o hidrogênio já vem pronto para ser colocado no tanque do carro.

  105. Gengis Khan

    Cara, se o corajoso que inventar o carro a água sair na televisão ou na internet falando de tal invento, os Rockefeller donos das maiores petrolíferas do mundo manda matar num piscar de olhos… Tantos outros já morreram por ter inventado outras coisas como Royal Raymond Rife ter inventado o microscópio que ampliava em + de 61.000 vezes e conseguia visualizar bactérias e vírus vivo(a)s (coisa que hoje o mundo ainda não conseguiu) e ter inventado a possível cura do câncer e do HIV com uso da frequência de ressonância (relatado na bíblia com a queda do muro de Jericó!!!!) destruindo apenas as bactérias, células cancerígenas ou o vírus e não afetando células ou tecidos vizinhos e os donos das maiores drogarias do mundo terem acabado com a vida dele, recentemente o espanhol que inventou a lâmpada que dura 100 anos e os donos das empresas fabricantes de lâmpadas terem o ameaçado de morte, Nikola Tesla ter morrido pobre e sem fama porque simplesmente queria tornar a eletricidade livre para todos (sem custo) e muitos outros que nem sequer ouvimos falar (Só Deus onisciente de todas as coisas sabe das atrocidades cometidas por seres humanos desprezíveis que só dão valor ao dinheiro)… É melhor não mexer com essas famílias ou vocês morrem rapidinho… heh heh heh… O que dita o mundo infelizmente é o poder e a ganância, ninguém tá preocupado com sustentabilidade ou ecologia não, isso é só fachada… Gostei de Donald Trump só em um quesito, pelo menos ele não é falso… Ele disse que não assinará protocolo de coisa nenhuma de controle de emissões de gases poluentes e o homem ganhou, ou seja, a maioria dos americanos (e do mundo) tão pouco se lixando para o planeta ou o que deixaremos para a nossa geração futura… #FicaADica rsrsrsrs…

    • Genghis Khan's Horse

      >Cara, se o corajoso que inventar o carro a água sair na televisão ou na internet falando de tal invento,

      Se alguém diz inventar o carro movido a água, ou é mágico ou é fraude. Você já viu alguém fazendo magia?

      >os Rockefeller donos das maiores petrolíferas do mundo manda matar num piscar de olhos…

      Não precisa mandar matar, não existem inventores de carro movido a água. Fique tranquilo. Tudo fraude.

      >Tantos outros já morreram por ter inventado outras coisas como Royal Raymond Rife ter inventado o microscópio que ampliava em + de 61.000 vezes e conseguia visualizar bactérias e vírus vivo(a)s (coisa que hoje o mundo ainda não conseguiu)

      Arrã. Tá sabendo direitinho, hein? Precisa voltar pra escola, camarada. Royal Raymond Rife era um salafrário golpista, nada além disso. Como o carro movido a água, os “inventos” do rapaz teriam que violar várias leis da física para funcionar.

      >e ter inventado a possível cura do câncer e do HIV com uso da frequência de ressonância (relatado na bíblia com a queda do muro de Jericó!!!!) destruindo apenas as bactérias, células cancerígenas ou o vírus e não afetando células ou tecidos vizinhos

      Sim, o “dispositivo mágico” que está associado à várias mortes, sem falar nos inúmeros processos por fraude na saúde e criação de pirâmide financeira. Basicamente uma mistura de Fosfoetanolamina e TelexFree! AHHAHAHA

      >e os donos das maiores drogarias do mundo terem acabado com a vida dele,

      Arrã. O cara morreu de velhice aos 83 anos, realmente foi culpa das maiores drogarias do mundo. CVS? Walgreens? Rite Aid?

      >recentemente o espanhol que inventou a lâmpada que dura 100 anos e os donos das empresas fabricantes de lâmpadas terem o ameaçado de morte

      Fonte, por favor?

      Nikola Tesla ter morrido pobre e sem fama porque simplesmente queria tornar a eletricidade livre para todos (sem custo)

      Mentira.

      >e muitos outros que nem sequer ouvimos falar (Só Deus onisciente de todas as coisas sabe das atrocidades cometidas por seres humanos desprezíveis que só dão valor ao dinheiro)…

      Arrã.

      >É melhor não mexer com essas famílias ou vocês morrem rapidinho… heh heh heh…

      É melhor não tentar aplicar golpes afirmando conseguir milagres, mas sem provar, como esses salafrários todos.

      >O que dita o mundo infelizmente é o poder e a ganância, ninguém tá preocupado com sustentabilidade ou ecologia não, isso é só fachada…

      E o que você tem feito pra mudar isso, além de propagar comentários com informações falsas? Likes no Facebunda?

      >Gostei de Donald Trump só em um quesito, pelo menos ele não é falso… Ele disse que não assinará protocolo de coisa nenhuma de controle de emissões de gases poluentes e o homem ganhou, ou seja, a maioria dos americanos (e do mundo) tão pouco se lixando para o planeta ou o que deixaremos para a nossa geração futura… #FicaADica rsrsrsrs…

      Ele não é autêntico, é burro. Acha que aquecimento global é invenção da China. Mas tomando pelo seu comentário, burrice não é um atributo exclusivo do Trump…

  106. Claudio Pereira

    KKKK, quanta baboseira. Infelizmente um carro a ‘água nunca vai funcionar, simplesmente pq a natureza (fisica) nao permite. Eh uma pena. Imagine que em um ambiente fechado vc tenha uma pista circular onde o veiculo se moveria. La dentro temos também aguá e boro e uma pequena usina de reciclagem de boro. Lembrando que eh um ambiente fechado. Abastecemos o carro com boro e água. Ele roda na pista ate usar todo o boro. Precisaremo reciclar o boro, beleza, temos uma recicladora no ambiente fechado. Colocamos a agua outra vez no carro, juntamente com o boro reciclado. Ok, o carro anda outra vez, gerando a mesma quantidade de boro a ser reciclado. Bem, pra quem conhece um pouquinho de física, uma pergunta fica no ar. Nesse ambiente fechado criou-se energia, pois se reciclarmos o boro novamente teremos a água e o boro do inicio e ainda gastamos a energia com o movimento do carro, infelizmente não se cria energia!!!!

  107. Rafael Silva

    Muito bom o artigo! Brasileiro sabe fazer cada coisa, somos um povo muito inteligente! Pena que o governo destrói o Brasil, e sofremos muito com isso também!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *