Conecte com a gente

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

E-farsas – Desvendando fake news desde 2002!

Melhorias em 10 dias do governo Bolsonaro! O que é verdade e o que é mentira?

Falso

Melhorias em 10 dias do governo Bolsonaro! O que é verdade e o que é mentira?

Melhorias em 10 dias do governo Bolsonaro! O que é verdade e o que é mentira?

Pesquisamos cada um dos tópicos de um texto espalhado nas redes sociais sobre as melhorias feitas no Brasil em apenas 10 dias do governo Bolsonaro! O que é verdade e o que é mentira? Descubra aqui!

Na segunda semana de janeiro de 2019, um texto foi bastante compartilhado no WhatsApp e também nas redes sociais mostrando as supostas melhorias que o presidente Jair Bolsonaro teria feito em apenas 10 dias de mandato. Conferimos uma por uma e te mostramos agora o que é verdade e o que é mentira! Confira:

Em apenas 10 dias de Governo, Jair Bolsonaro teria feito muitas melhorias para o Brasil, segundo texto espalhado no WhatsApp! O que é verdade e o que é mentira? (Foto: Reprodução/YouTube)

# Fim da vistoria.

Impreciso! Não há muita informação no texto compartilhado sobre o que seja o “fim da vistoria”. Se o autor estiver se referindo ao fim da vistoria presencial do Detran, o então  governador Rio de Janeiro Francisco Dornelles sancionou a lei que cancela a obrigatoriedade da vistoria feita pelo Detran em todo o estado (O Rio de Janeiro era o único estado a exigir a vistoria presencial). No entanto, a lei foi assinada em 28 de dezembro de 2018.  

# redução de até 70% do seguro obrigatório.

Errado! Houve, sim, uma redução de até 71% por cento no valor do seguro obrigatório de veículos para 2019. Só que quem espalhou esse texto não explicou que a resolução foi aprovada no dia 12 de dezembro de 2018. Ou seja, antes da posse de Bolsonaro como presidente!

# Fim da bolsa reclusão (bandido)

Falso! Como já desmentimos aqui no E-farsas, o auxílio-reclusão continua em vigor:

O ministro Paulo Guedes assinou o fim do auxílio-reclusão?

# Fim dos patrocínios time futebol.

Verdade! Por meio da propagação de uma notícia falsa em seu perfil do Twitter (que já desmentimos aqui no E-farsas), o presidente Bolsonaro já deixou bem claro que o Governo Federal não irá gastar com patrocínio da Caixa Econômica em times de futebol.

De acordo com levantamento feito pelo Globo Esporte, atualmente, apenas dois clubes têm contrato em vigor com o banco: Botafogo (até fevereiro) e Sport (maio).

# Mudança justa verba publicitária.

Falso! O presidente Jair Bolsonaro vem afirmando em entrevistas que irá “acabar com o monopólio publicitário da Globo” desde antes de ser eleito. De acordo com o presidente, o Grupo Globo possui a maior fatia do mercado publicitário e isso deve ser reformulado. Mas não houve nenhuma mudança na lei a respeito.

Após declarações de Bolsonaro sobre as alegadas novas regras de compra de publicidade, a Associação Brasileira de Agências de Publicidade) pediu “diálogo com o Governo para explicar essas novas regras”.

Por outro lado, o mesmo governo já mostrou um certo exagero em outros gastos, como os cerca de R$ 4,5 milhões com adesivos e mouse pads.

# Maior recorde da HISTÓRIA Ibovespa.

Verdade, mas… No dia 08 de janeiro de 2019, o Ibovespa fechou pela primeira vez acima dos 92 mil pontos! Só que economistas avaliaram que a alta foi favorecida pelo avanço das bolsas norte-americanas em meio a expectativas de desfecho benigno nas negociações comerciais entre EUA e China naquela semana.

O analista ouvido pelo Portal R7 Filipe Villegas explicou que:

“[…]a bolsa paulista seguiu o desempenho dos mercados globais, mas com fôlego menor, já que investidores esperam uma sinalização mais clara sobre os esforços do novo governo, principalmente o posicionamento em relação à reforma da Previdência.”

Ou seja, a Ibovespa teve o melhor posicionamento da história, mas isso foi um reflexo de uma tendência mundial que só não foi melhor por causa do impasse do Governo em relação a questões econômicas!

# Dólar à 3,63, recorde do últimos anos.

Meia-verdade! Não encontramos esse valor de 3,63 no dólar comercial em janeiro de 2019, mas como já mostramos aqui no E-farsas em outra fake news, tivemos a menor queda no valor do dólar em outubro de 2018 (R$ 3,65). Em 2019, a menor queda da moeda americana aconteceu no dia 09 de janeiro, quando chegou a R$ 3,688. No dia da publicação desse nosso artigo, o dólar está custando R$ 3,72:

Reprodução/Google  

# Gasolina sendo reduzida.

Verdade! No dia 08 de janeiro de 2019, a Petrobras reduziu em 1,38% o preço da gasolina nas refinarias!

# Tropas federais defendidas pela adv. da união.

Ininteligível! Não conseguimos entender o que essa afirmação significa! Procuramos por algo parecido com isso no Google e encontramos notícias afirmando que o presidente da Comissão da OAB defendeu a presença de tropas federais no Ceará, mas as publicações são de janeiro de 2018.

# Lei do abate contra marginais de fuzil em vigor.

Falso! Apesar da Lei do Abate estar na pauta do Governo, principalmente do Governador do Rio de Janeiro, a lei ainda precisa ser votada. Ela já foi tema de ideia legislativa várias vezes (não alcançando a quantidade de votos do povo para prosseguir) além de Projetos de Lei, mas ainda não há nada em definitivo.

Em entrevista ao jornal O Globo, governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, disse que conversou com o presidente Jair Bolsonaro para que ele encaminhe ao Congresso um projeto de lei para tratar traficantes como terroristas, autorizando o abate pela polícia se estiverem portando armas de grosso calibre!

# 5 mil cargos cortados do governo federal.

Não comprovado! Não encontramos nenhum link que comprove esses dados. Quem achar, por favor, nos mande nos comentários!

# Anunciado investigação no BNDS.

Verdade! No dia 08 de novembro de 2018, o então presidente eleito Jair Bolsonaro publicou em sua conta no Twitter que irá “abrir a caixa preta do BNDES” e, com isso, mostrar para os brasileiros tudo o que foi feito com o dinheiro dos contribuintes nos últimos anos:

Entre em contato com o E-farsas via WhatsApp: (11) 96075-5663

Uma reportagem publicada pela BBC no dia 27 de novembro de 2018 mostra que a tal caixa preta insinuada pelo presidente eleito talvez nem exista. É que os dados do banco eram sigilosos até o ano de 2015 quando, após grande pressão da imprensa e de órgãos de controle, o BNDES se tornou mais transparente e passou a divulgar detalhes sobre seus empréstimos, não só os atuais, mas também os passados, englobando as operações feitas durante os governos do PT.

“Essa transparência permite uma maior investigação e avaliação pela sociedade. Por outro lado, quando se fala em “caixa-preta”, a interpretação do termo pode se referir também à revelação de informações não oficiais, como gravações de conversas, delações de funcionários.”, afirma a reportagem da BBC.

# BNDS devolve 100 bilhões ao tesouro nacional.

Verdade, mas… No dia 07 de janeiro de 2019, o diretor financeiro do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Carlos Thadeu de Freitas, confirmou ao Estadão/Broadcast que o banco tem capacidade de devolver neste ano R$ 100 bilhões ao Tesouro Nacional. Segundo apurado pelo jornal, a instituição tem ainda uma dívida de R$ 260 bilhões para pagar ao Tesouro e tinha acertado um cronograma de devolução que prevê uma parcela de R$ 26 bilhões em 2019.

Essa não foi a primeira vez que o banco devolve cifra parecida ao Tesouro. Em dezembro de 2016, o BNDES anunciou a antecipação de pagamento de R$ 100 bilhões ao Tesouro Nacional.

# Banco do Brasil demite 1048 petistas com salários acimas de 50.000,00.

Falso! Essa afirmação se baseia em uma fake news surgida em novembro de 2018, antes mesmo da posse de Jair Bolsonaro. O site especializado em espalhar fake news Notícias Brasil Online inventou essa história e disse ainda que a “Equipe de Bolsonaro” teria encontrado os 1048 “petistas” na folha de pagamento do Banco do Brasil. Só que, logo de cara, a página cometeu dois erros:

1 – O próprio Jair Bolsonaro disse em seu Twitter que toda e qualquer notícia dada em nome da “equipe do Bolsonaro” é falsa e que apenas as publicações feitas por ele são verdadeiras:

2 – Mostramos aqui no E-farsas que o maior salário pagos aos funcionários do Banco do Brasil até 2018 (fora os salários de presidente, vice e diretor) foi de R$ 47 mil:

Reprodução/Banco do Brasil

# Sai Cuba e Venezuela, entra EUA e Israel.

Impreciso! Apesar de Bolsonaro já ter sinalizado uma “simpatia” em relações com os Estados Unidos e Israel, ele também já afirmou ter debatido sobre Venezuela e Cuba. A política externa pode ter grande impacto aqui no Brasil e não há provas de que – mesmo que seja verdadeira essa afirmação – a “entrada” dos EUA e de Israel no Brasil (seja lá o que isso signifique) seja bom ou ruim para o nosso país!   

# Exército reforma da Br116 no sul.

Verdade, mas… O anúncio da participação do Exército na finalização das obras de duplicação da BR-166 é verdadeiro, mas o compromisso foi firmado em agosto de 2018 e a obra (duplicação de 50 quilômetros da rodovia) foi orçada em R$ 190 milhões!

# Tropas federais no Ceará.

Verdade! O Governo brasileiro enviou tropas federais para conter a onda de violência desencadeada por facções criminosas no Ceará. O Ministro da Justiça e Segurança Publica Sérgio Moro enviou 300 homens para o estado no dia 04 de janeiro de 2019, disponibilizando o pessoal por um período de 30 dias.   

# acordo com Israel para amenizar os problemas da seca no nordeste.

Impreciso! Apesar do Governo Bolsonaro “namorar” algumas parcerias com Israel em relação a alternativas para amenizar a seca no nordeste do Brasil, isso não é coisa recente! Desde 2013, os governos vem tentando, em conjunto com Israel, melhorar o acesso à água potável para o nordeste!   

# Brasil fora do pacto da ONU de imigração.

Verdade, mas… No dia 08 de janeiro de 2019, o Governo brasileiro informou oficialmente à Organização das Nações Unidas que o país está se retirando do Pacto Mundial de Migração. Só que o pacto é para migração e foi assinado em dezembro ainda pelo governo de Michel Temer.

# auditoria no bolsa família, identifica 1,3 bilhão pago indevidamente.

Verdade, mas… É verdade que uma auditoria no Bolsa Família identificou R$ 1,3 bilhão pago indevidamente, mas é bom deixar claro que isso aconteceu em janeiro de 2018!

# Anunciado o fim de 7 impostos.

Não comprovado! Não encontramos nenhuma notícia que comprove essa informação. Caso alguém encontre algo, favor nos avisar nos comentários!

# auditoria nas lotéricas.

Não comprovado! Não encontramos nenhuma notícia que comprove essa informação. Caso alguém encontre algo, favor nos avisar nos comentários!

# bolsa família bate recorde desistência do programa após anúncio de auditoria.

Falso! Não houve “debandada” de beneficiados pelo Bolsa Família por medo de auditoria proposta por Jair Bolsonaro. O boato que se espalhou na segunda semana de janeiro de 2019 afirmava que meio milhão de pessoas teriam desistido do benefício por medo se serem pegos pela auditoria que não houve ainda na gestão Bolsonaro. O pente-fino mais recente nesse assunto foi feito em julho de 2018 pelo então presidente Michel Temer, que cortou 5,2 milhões de beneficiários irregulares do programa.

# Anunciado o fim de patrocínios para manifestações e ongs.

Meia-verdade! Essa afirmação se apoia alguns boatos que circularam no começo de 2019 e que foram desmentidos aqui no E-farsas. O primeiro afirma que o próprio presidente teria dito que vai cancelar o carnaval e a parada gay e o segundo teria partido do ministro da Economia sobre cortes no financiamento do carnaval, marcha da maconha etc. Quanto às ONGS, o presidente criou – via medida provisória – monitoramento de ONGs e organizações internacionais.

# anunciado redução ou fim das verbas para carnaval e parada gay e outros eventos.

O mesmo que a afirmação anterior!

# Anunciado decreto para aquisição de armas.

Verdade! No dia 15 de janeiro de 2019, o presidente Jair Bolsonaro assinou um decreto que facilita a posse de armas. O texto da Lei anterior continua com poucas alterações e a mudança mais importante do decreto é o que estabelece critérios mais “leves” para justificar a necessidade de se ter uma arma. De acordo com o decreto, quem preencher os requisitos poderá ter uma arma em casa, mas continua sem poder andar com ela na rua, por exemplo!

Nem tudo são flores

Como você percebeu nas nossas análises acima, houve muita mistura de dados reais com notícias falsas, além de alguns fatos importantes que o autor simplesmente omitiu. Como foi apurado por diversos jornais, nos 10 primeiros dias na Presidência, Bolsonaro recuou dez anúncios, além de ter que exonerar um indicado para o Itamaraty e recebeu severas críticas por nomear amigo para gerenciar a Petrobras.

Conclusão

O texto que se espalhou através do WhatsApp e das redes sociais sobre as melhorias ocorridas no governo Bolsonaro só nos primeiros 10 dias de gestão mistura muita informação falsa com alguns dados reais! É preciso se verificar sempre antes de compartilhar!

Continue lendo
24 Comentários

24 Comments

  1. Edson

    15 de janeiro de 2019 em 23:21

    Pra te falar a verdade o principal desse inicio do governo foi ter voltado atrás, de resto, n diria que irá melhorar o Brasil em nada com isso, mas vamos ver…

  2. Moisés

    16 de janeiro de 2019 em 6:07

    Muito bom. Parabéns pelo trabalho!

  3. Goiano

    16 de janeiro de 2019 em 9:16

    Quanto à questão do faroeste caboclo, os aficcionados por Bolsonaro contavam como certo que haveria uma liberação geral, que todos poderiam, como ocorre em algum outro lugar do mundo, entrar em um “supermercado” de armas e encher o carrinho, depois pôr uma cartucheira na cintura, à moda velho oeste norte-americano, e sair às ruas pronto para ver quem é o mais rápido no gatilho. Consta que há muita decepção por aí, porque, dizem, ficou quase o mesmo da mesma coisa, quem tem tem, quem não tem tivesse. Para adquirir uma arma e tê-la em casa é verdade que as condições ficaram “flexibilizadas”, não mais que isso, e quem contava com o porte, que é poder andar armado, continuará sonhando.

    • Igor

      16 de janeiro de 2019 em 17:06

      Essa “decepçao” veio dos dois lados, pois esse era(é) o principal “argumento” de quem era contra e um desejo de quem era(é) a favor

  4. Guilherme

    16 de janeiro de 2019 em 15:07

    O e-farsas parece ter lado.
    A nota da Mônica Bergamo sobre gastos de 4,7 milhões com adesivos e mouse-pads é no mínima imprecisa, não?
    Se somarmos os valores desses dois itens, não chega nem a um décimo desse valor.
    Espalhando notícias imprecisas, e-farsas?
    estranho… 🙂

    • Xeroque Rolmes

      16 de janeiro de 2019 em 17:34

      O e-farsas parece ter lado.
      Sim. O lado da verdade.
      A nota da Mônica Bergamo sobre gastos de 4,7 milhões com adesivos e mouse-pads é no mínima imprecisa, não?
      Não.
      Se somarmos os valores desses dois itens, não chega nem a um décimo desse valor.
      Dentre outros itens, adesivos e mousepads. Por isso o link da matéria. Para vê-la na íntegra. E entender o que está lendo.
      Espalhando notícias imprecisas, e-farsas?
      Não.
      estranho… 🙂
      Estranho é não checar fontes:
      http://www.secretariageral.gov.br/acesso-a-informacao/licitacoes-e-contratos/secretaria-de-administracao/licitacoes/licitacoes-em-andamento/pregao-eletronico-2015/pregao-eletronico-no-37-2018-1/edital-pregao-no-0372018-impressos-diversos1.pdf

      • Gilmar Lopes

        16 de janeiro de 2019 em 17:57

        Galera cisma com uma coisa e nem vai atrás de saber mais, né?
        Mais uma vez, é bom deixar claro aqui: NÃO SOMOS DONOS DA VERDADE!
        A ideia do site é mostrar que qualquer um pode e deve questionar tudo o que lê na internet. Tá com dúvidas a respeito do que mostramos aqui? Procura em outras fontes!
        Se não confia em determinado jornalista, vai procurar reportagens de outros jornalistas, de outros jornais.

        • Lourdes

          16 de janeiro de 2019 em 19:44

          É que nenhuma fone tem tanta credibilidade quanto o zapzap,
          Talkey!!!

        • Mn dos burros

          22 de janeiro de 2019 em 9:41

          Não é dono da verdade mesmo, tentam mascara-la.

          • Encantado pelo Encantador de Burros

            30 de janeiro de 2019 em 10:40

            Não é dono da verdade mesmo, tentam mascara-la.
            E você é um idiota, e nem tenta esconder.

      • Paulo

        16 de janeiro de 2019 em 21:21

        Esse pregão é do governo Temer aindahttp://www.in.gov.br/materia/-/asset_publisher/Kujrw0TZC2Mb/content/id/56653444

    • Kris a

      16 de janeiro de 2019 em 23:45

      Claro que tem lado. Mesmo dando a fonte nao mudo de opniao. A informacao q da acima alegando q o governo gastou mais de 4 milhoes com mouses e adesivos esta no minimo incompleta. Quem ler logo pensa e so isso. Mas os gastos foi com toda comota grafica do governo. O que nao ha nada de anormal. clica no link e entendera pq o preço. Ate os valores unitarios estao dentro do mercado nada fora do padrao. Logo nem super faturamento. Mas o e-farsas faz questao de informar que o gasto foi somente com adesivos e mouses.

    • João Marcelo da Silva

      17 de janeiro de 2019 em 21:57

      E faz tempo que eles mostram o lado.

  5. Jonatas

    18 de janeiro de 2019 em 0:44

    Como o.pente fino sobre Bolsa Família foi em Agosto de 2018 Mas o.”pente fino” e a devolução de 1,3 Bi foi em Janeiro de 2018??

  6. Atila

    18 de janeiro de 2019 em 13:41

    E-Farsas começando a cambalear… Vai cair pro lado esquerdo ou direito? Descrédito à vista…

    • Gilmar Lopes

      24 de janeiro de 2019 em 17:21

      O que você tá querendo dizer com isso?

      • Ed Vogado

        25 de janeiro de 2019 em 15:36

        Vish, Gilmar… mais um na mira do Processinho?

        KKK

        • Gilmar Lopes

          25 de janeiro de 2019 em 15:48

          Já estamos acionando os meios legais!

  7. Cesar Crash

    23 de janeiro de 2019 em 10:26

    Gilmar, verifica a formatação da fonte nesta linha: # auditoria no bolsa família, identifica 1,3 bilhão pago indevidamente. A formatação do texto o deixou um pouco confuso.

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Populares

Ajude a Manter o E-farsas!

Categorias

Parceiros

Voltando a Circular

Publicidade

Topo