E-farsas.com – Desvendando farsas da web desde 2002!

  • RSS
  • Delicious
  • Digg
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Plus
  • Youtube

Prefeito de Petrópolis cancela o carnaval e investe 1 milhão na saúde!

Postado por Gilmar Lopes no dia 10 de janeiro de 2014 2 Comentários
Share Button

Será verdade que o prefeito de Petrópolis investiu R$ 1 milhão destinados ao carnaval na saúde pública da cidade?

A notícia bombou no Facebook na segunda semana de janeiro de 2014. De acordo com o texto, o prefeito da cidade de Petrópolis (RJ) teria tomado uma medida drástica: Cancelou o carnaval e investiu a verba destinada para a festa (1 milhão de reais) na saúde pública da cidade.

O assunto teve dezenas de milhares de compartilhamento. Muita gente aplaudindo a atitude do governante em dar mais importância à saúde de seus eleitores do que a uma festa de poucos dias.

Por causa do sucesso da postagem no Facebook, muitos leitores entraram em contato para que tentássemos descobrir se isso é verdade ou mais uma farsa da web.

Prefeito de Petrópolis teria cancelado o carnaval em prol da saúde! Será? (foto: Reprodução/Facebook)

Prefeito de Petrópolis teria cancelado o carnaval em prol da saúde! Será? (foto: Reprodução/Facebook)

 

Verdadeiro ou falso?

A notícia é quase real, ou era real… em 2013!

O fato ocorreu em 2013, mas como a notícia que se espalhou no Facebook em 2014 não é datada, muita gente compartilhou (e aplaudiu) o político como se ele tivesse tomado essa decisão em 2014. Muito provavelmente, em 2015 voltaremos a ler essa mesma notícia como “fresca” nas redes sociais.

Em janeiro de 2013, O prefeito de Petrópolis, Rubens Bomtempo, decidiu suspender o carnaval daquele ano na cidade e repassar o dinheiro que iria para escolas de samba do município, R$ 1 milhão, para a área da saúde.

Claro que essa não foi uma decisão apenas dele, tudo foi decidido em um acordo feito juntamente com a Fundação de Cultura e Turismo e com representantes de escolas de samba e blocos.

Em entrevista ao POP, Juvenil dos Santos – Presidente da Fundação de Cultura e Turismo – explica:

Não estamos cancelando o carnaval da cidade, só não iremos repassar os recursos, que serão encaminhados para um setor que está em estado de calamidade e precisa de todo o empenho e recursos financeiros. Estamos pensando no bem-estar da população. Tivemos a adesão espontânea das agremiações”, disse Santos.

O presidente da Fundação esclareceu na ocasião que as estruturas para o carnaval não foram montadas, mas os blocos não foram impedidos de desfilar. Outros eventos tradicionais como o Baile de Fantasias e o Banho a Fantasia foram mantidos.

A decisão tomada pela prefeitura da cidade foi noticiada em vários veículos de comunicação, como o Jornal do SBT, no dia 17 de janeiro de 2013.

O outro lado

Apesar de mostrar que está preocupado com a saúde pública, o prefeito da cidade de Petrópolis apenas pingou uma gota da solução no enorme incêndio que é o caos da saúde publica. Na base de “é melhor isso do que nada”, investir R$ 1 milhão na saúde é louvável, mas é muito pouco e não resolve o problema. Claro que seria muito bom se todos os governantes tirassem uma pequena quantia como essa de festas consideradas banais para investir em algo útil (se não estivessem fazendo isso apenas pensando em votos futuros).

Além disso, as prefeituras recebem verbas do Governo Federal destinadas à saúde e o prefeito tem que saber se virar com essa grana (ou lutar para conseguir mais verbas junto ao Estado). Quando o candidato entra na corrida da eleição, já sabe que terá fortes problemas em administrar as verbas publicas.

Esse ano, a prefeitura de Petrópolis ainda não se pronunciou se a verba do carnaval será destinada à saúde novamente. A publicidade em 2013 foi tão positiva para o prefeito que é bem capaz que repitam isso novamente em 2014 (ano de eleições… sabem como é, né?). Estamos no aguardo.

Apesar de não ter cancelado o carnaval como as publicações no Facebook afirmam, é preciso medir os prós e os contras de uma cidade em cancelar um evento que atrai tantos turistas como essa. Uma pesquisa feita em 2013 pela Folha de Pernambuco revelou que o carnaval gerou R$ 773 milhões em 2012 com o turismo no estado em apenas 3 dias!

Conclusão

O prefeito de Petrópolis não cancelou o carnaval. Apenas reduziu a verba destinada ao evento em R$ 1 milhão e destinou essa “merreca” para a saúde da cidade e isso foi em 2013!

Share Button
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

2 respostas para “Prefeito de Petrópolis cancela o carnaval e investe 1 milhão na saúde!”

  1. Lucho disse:

    Quando eu li o título no RSS eu pensei: Ué, mas ele já não tinha feito isso… no ano passado?

    O pessoalzinho que habita as redes çossiaus é muito bem informado pelo visto. Agora deu de requentar notícia. Provavelmente vão publicá-la em 2015, 2016, 2017, 2018 e por aí vai.

    O ano de 2014 tem tudo para ser melhor que o ano de 2013 para o e-farsas. :)

  2. Marcos A. disse:

    Eu lembro dessa notícia. Por mais que o valor seja ínfimo e não resolva nada, a atitude em si é muito louvável, pois mostra o nível de prioridade e comprometimento do que realmente é necessário. Diferente do quem acontecendo no país com tantos gastos com a Copa, enquanto setores essenciais continuam desassistidos.

Deixe uma resposta

Mais Populares de 2014

Criança prevê tragédia durante a Copa no Brasil e morre em seguida!

Texto conta a triste história de uma criança que teria ...

Neymar fingiu lesão depois de vender a Copa para a Fifa?

Sites mostram que um sósia do jogador da seleção brasileira ...

6 Notícias falsas publicadas pela TV Revolta

A TV Revolta, uma das maiores fanpages do Facebook, publica ...

As urnas eletrônicas brasileiras são 100% seguras?

É verdade que as urnas eletrônicas são totalmente à prova de ...

É verdade que Jucelino da Luz previu a morte de Eduardo Campos?

Cópia de uma carta espalhada pela web mostra que vidente ...