Um casal gay foi flagrado ensinando o filho adotivo a fumar e a beber?

Share Button

Será verdade que um casal de homossexuais foi flagrado em vídeo ensinando o filho adotivo bebê como fumar e como beber?

O vídeo não é novo, mas voltou com força total através de inúmeros compartilhamentos nos grupos de WhatsApp na segunda quinzena de outubro de 2017. Nele podemos ver adultos incentivando um garotinho a beber e a fumar!!!

O homem que está com o menino no colo lhe dá uma bebida em um copo e, instantes depois, ainda oferece cigarro para o bebê.

O texto que acompanha as imagens afirma que o vídeo seria de um casal gay, que estaria ensinando essas coisas para o filho adotivo, e pede para que o vídeo seja compartilhado em todos os grupos até chegar nas autoridades!

Será que essa história é verdadeira ou falsa?

Casal gay ensinando o filho adotivo a beber e a fumar! Será verdade? (foto: Reprodução/WhatsApp)

Verdade ou farsa?

Como já dissemos no começo dessa postagem, o vídeo não é recente! Na verdade, ele já circula desde 2015 através das redes sociais e em diversos sites e blogs. Só que, apesar das imagens serem reais, o fato ocorreu na Espanha e – na ocasião – a Polícia já estava na procura dos autores do vídeo (que são romenos, a julgar pelo idioma falado no vídeo).

Nessa matéria, publicada em outubro de 2015, em inglês, o site Daily Mail (que é sensacionalista costumeiramente) não cogita a teoria de que os homens que aparecem no filminho seriam gays. Pelo contrário, um dos sujeitos ainda fala no vídeo (em romeno) para o menino: “Isso é que é um homem de verdade!”.

Para quem não sabe, tanto na Romênia quanto na Espanha é proibido um casal homossexual adotar uma criança.

Conclusão

As imagens são reais e foram filmadas na Espanha por romenos! O vídeo circula desde 2015 na web e não há nenhuma prova de que eles são gays e tampouco de que são pais (adotivos ou não) dessa criança!   

Share Button
Crimes, Falso
, , , , , , , , ,
  • Alexandre Pinto Coelho

    Gostei da abordagem. Se um cristão conservador cometer qualquer crime ou infração, vou espalhar a notícia pra todo grupo pra mostrar que todos cristãos não prestam. É a mesma lógica, em um conjunto de milhões de pessoas, os atos de 1 indivíduo representa todo o conjunto.
    Vou fazer isso só de birra. Tô curioso pra ver se o preconceito é seletivo.

    • Felipe Ferreira

      Se cometer não… Olha nos sites de notícias gospel pra ver como lá mesmo tem um monte de notícias de imoralidades feitas em nome da ideologia, da fé.

      A proporção é assustadora. É pra questionar se sua intenção é boa mesmo ou só tá usando a ideologia pra ser protegido como membro do grupo.